1. Spirit Fanfics >
  2. Confused Love- YAOI >
  3. Capítulo 4

História Confused Love- YAOI - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


Hellooo! Desculpa pelo capítulo ter tão poucos acontecimentos, juro que o próximo vai ser mais legal!

Compartilhem para me ajudar 💕

Capítulo 4 - Capítulo 4


Fanfic / Fanfiction Confused Love- YAOI - Capítulo 4 - Capítulo 4

Capítulo 4

Ah não... Será que eu conto a verdade pra ele?

- Yuri?

- S-Sim! Eu tenho namorada! - Falei por impulso. Agora já era tarde de mais...

- Ah tá... Entendi... Qual é o nome dela?

- C-Clarie!

- Clarie Miller?

Então ele a conhece?

- Exatamente! Como sabe?

- Somos amigos!

- Entendi...

Como essa garota teve a audácia de não me falar sobre ele antes? Estou profundamente chateado.

- Você deve gostar muito dela, né?

- N-Não! - Respondi sem pensar, pensando que isso melhoraria minha situação.

- Como não? - Ele franziu as sobrancelhas e me encarou esperando uma explicação, a qual eu não consegui dar por causa do nervosismo.

- E-Eu... N-não sei c-como explicar...

- Acho que te entendo...- Essa pequena frase fez com que várias coisas passassem em minha mente. Será que Haru, realmente, entende minha situação?

- Entende??? - Questiono sem conseguir esconder minha exaltação.

- Sim! Eu já estive em vários relacionamentos com garotas que eu não gostava... - Seu olhar deixou o meu e fixou-se no chão. Ele parecia triste.

- Então por que entrou neles?

- É uma história difícil de se contar...

Percebi que seu ânimo estava lá no chão, então tentei destrai-lo jogando conversa fora.

- Você é tão mistérioso! Queria saber mais sobre você.

Haru volta a olhar pra mim com brilho nos olhos. Acho que ele gosta mesmo quando alguém se interessa na vida dele.

- Mesmo?

- Sim! Tantas meninas da escola gostam de você. Por que nenhuma te agrada?

- E-Eu não costumo contar esse motivo pra todo mundo... - Um forte rubor apareceu em seu rosto. - Algum dia eu vou te contar.

- Tudo bem, eu entendo! - Haru olha pra mim com cara de reprovação.

- Você não gosta de insistir, né?

- Q-Que? G-Gosto sim, mas agora n-não me pareceu c-conveniente!

- Eu prefiro os insistentes...

- Então você não gostava daquelas garotas por que elas não são insistentes o suficiente?

- N-Não! V-Você entendeu errado! - Ele cora novamente e desvia o olhar. - Eu preciso assumir isso logo...

Que? O que ele quer dizer com "assumir"

- H-Haru?

- E-Então... E-Eu...

Antes que ele pudesse concluir sua fala, uma voz aparece estragando tudo! Que merda, agora eu vou morrer de curiosidade!

- Haru! Você por aqui! - Hannah aparece derrepente.

Ela estava jogando seu cabelo para o lado e sorrindo, derrepente deu uma piscada. Como eu a conheço muito bem (juro que não sou um stalker) esse é um dos métodos de sedução dela. Mas, por algum motivo, ele não está mais funcionando comigo... E parece que com o Haru também não.

- Hannah? Que surpresa. - Ele deu um sorrisinho de canto, não me parecia muito feliz.

- Vocês se conhecem? - Ela perguntou franzindo a testa.

- S-Sim! Faz pouco tempo...

Eu permanecia calado e em choque com tal situação.

- Interessante... Um cara como você andando com um fracassado como Yuri...

Fui pego de surpresa, aquelas palavras pesaram em mim e um nó começou a surgir na minha garganta. Depois da minha declaração, é como se ela me desprezasse ainda mais.

- H-Hannah??? Que atitudes são essas??? - Ele parecia incrédulo diante disso.

- Argh... Acho melhor sair daqui...

- É melhor mesmo!

Depois que ela se retirou daquele local, eu me senti livre para expor meus sentimentos da maneira mais pura.

- Y-Yuri? V-Você está chorando??? - Haru me olha nervoso e tremendo bastante.

Eu não conseguia nem pronúnciar a mais curta das palavras naquele momento, só deixei as lágrimas cairem. Fechei os olhos por um momento e fui surpreendido ao sentir os braços de haru me envolvendo.

- Não dê ouvidos a ela! Você não é um fracassado!

- E-Eu...- O calor dele sobre mim acabou me acalmando um pouco, e eu já podia falar, ainda que gagueijando. - E-Ela que me deu um fora...

Haru se afastou e segurou meus ombros me precionando contra a parede.

- Você gostava da Hannah?

- A-Acho que ainda sinto algo por ela...

- Ela é a pior pessoa do mundo!

- O-O que ela te fez?

- Ela é minha ex... - O maior largou meus ombros e sentou em uma cadeira próxima a nós.

- E-Ex????

- Sim... - Deu um longo suspiro. - Eu contei pra ela que não a amava de verdade e ela me julgou muito pelo motivo...

- O m-motivo?

- Até hoje ela acha que vai me conseguir de volta... Que menina insuportável! - Seu ar triste logo virou de fúria. - Depois de me tratar como um lixo, vem pedir pra voltar como se nada tivesse acontecido...

Entendi totalmente a sua situação. Ao ver sua carinha de raiva, tentei acalma-lo com um abraço, assim como ele faz comigo.

- Fica calmo. Devemos ignorar pessoas assim.

- Y-Yuri...

- Sei que nos conhecemos a pouquíssimo tempo, mas... Te ver assim me deixou mais triste ainda. - Essas palavras escaparam. Sem querer expus de mais os meus sentimentos. Percebi isso quando vi que o rosto de Haru tinha ganhado vários tons de vermelho.

Me afastei rapidamente e me desculpei por isso.

- D-Desculpa... N-Não era minha intenção te deixar assim...

- Não precisa! Estou feliz que se importe comigo... Obrigado!

- D-De nada! - acho que devo ter corado também, pois meu rosto estava bem quente. - Está ficando tarde... Você vai pra casa com o seu pai, certo?

- Sim. Você vai sozinho?

- Vou, por que a Clarie foi na frente...

- Você mora perto da casa dela?

- Sim, por que?

- Então eu vou com você!

Começei a soar frio de novo. Por que fiquei tão nervoso assim derrepente?

- N-Não vai ser nenhum incômodo?

- Não mesmo! Minha casa fica próximo a dela. Sem falar que não é tão longe.

Yuri P.O.V off 

Haru P.O.V on


Foi só falar essa simples frase que aquele baixinho pareceu mais sorridente.

- Muito obrigado por isso, Haru!

- Por nada! Vai ser um prazer te acompanhar. - Tento não demonstrar que estava derrentendo de fofura com aquele sorrisinho bobo dele.

Essa felicidade que esse menino exala é, com certeza, umas das coisas que eu mais amo nele.

Haru P.O.V off 

Yuri P.O.V on 


****

Nós andávamos um ao lado do outro. Não cosegui trocar muitas palavras com ele pois estava ocupado admirando a luz do por do sol refletindo em seu rosto.

Não que isso fosse atraente! Eu só gosto da cor do cabelo dele... Estava tudo normal até que meus olhares foram notados.

- Por que você está olhando tanto pra mim? Tem alguma coisa no meu rosto?

- N-Não! - Corei imediatamente. - Que embaraçoso...

- Então o que foi?

- N-Nada! Eu só acho seu cabelo bonito...

- Ah, muito obrigado! - um sorriso surgiu em seu rosto, e com aquela luz... Isso daria uma ótima foto!

Sem pensar, peguei o celular e registrei esse momento.

"CLICK"

- O que foi isso? - Ele riu baixinho.

- É que essa luz te valoriza muito, olha! - Viro o celular para que o mesmo veja a foto.

- Mas ficou bom mesmo! Você tem talento pra isso! - Colocou a mão no meu ombro e deu um doce sorriso.

- O-Obrigado... - agradeci um pouco nervoso.

- É apenas a verdade!

- Cheguei ao meu destino! - Falei parando na calçada da minha casa.

- Então essa é sua casa?

- Sim!

Em tom sarcástico, Haru falou:

- Cuidado. Qualquer dia desses eu vou invadir aí!

- Duvido muito pois eu vou estar a protegendo! - Brinquei de volta.

- É o que vamos ver. - Ele cruzou os braços me encarando com um olhar desafiador. - Então até mais!

- Até! - Me despeço e entro correndo em casa.

Meu corpo estava em puro êxtase, e eu nem sequer consigo explicar o motivo. E lá, sentado do chão da sala, eu surtei de felicidade até minha mãe chegar e acabar com meu clima.


Notas Finais


Obrigada por ler 💕

Se possível deixe um comentário ou uma crítica construtiva, vai me ajudar muito


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...