História Conhecendo O Alfa - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jimin, Mark, Personagens Originais, V
Tags Amo, Got7, Jackson, Jikook, Mark, Markson, Shippo
Visualizações 52
Palavras 1.572
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Bishoujo, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


EU VOLTEI AEEEEE, com muita dificuldade consegui fazer esse capítulo e pelo menos boa parte do outro ;-; mas deu bloqueio denovo sa merda ahushaushau, so queria dizer que estou entrando de férias a partir de 5 feira então eu vou ter mais tempo e cabeça para fazer a fic avançar :3

Bom já falei demais, boa leitura e desculpa os erros ♡

Capítulo 12 - Pai? E você?


Abro a porta para ele entrar, sorrio para ele que não liga e entra em casa, sigo o mesmo, e vejo ele ir até a cozinha beber algo, me sento no sofá da sala e fixo meu olhar no chão, estava apreensivo, não sabia como agir perto de meu pai e com isso vinha o medo do que ele podia fazer comigo, ele... Ele mudou comigo depois que eu fiz meus 9 anos.

- Mark... Eu tô falando com você filho

Olho para cima ao ver que ele estava na minha frente, suspiro e o sigo com o olhar, vendo que ele estava indo se sentar ao meu lado.

- sim ?...

- Como estão as coisas aqui ?

- Estão indo... bem melhores... e com o senhor ?

- eu vim mais cedo da reunião que tive lá na China... como deu pra perceber...

- sim mamãe teve que ir em uma também...

- e como você está se cuidando ?

- normal pai... da mesma forma...

- hmmm... já conseguiu agir como um ômega? ...

- ... n..não sei... Eu.. acho que não..

- mark Tuan... Eu acho que você não é meu filho

Olho assustado para ele que me olhava com raiva e rancor no olhar, estremeci ao receber o olhar dele dessa forma, meus olhos arderam denunciando que eu estava querendo chorar..

- a culpa não é minha pai !!!

- MAS É CLARO QUE É  QUE TIPO DE CIDADÃO NÃO SABE O QUE É? ... VOCÊ É UMA ABERRAÇÃO NÃO É MESMO ?

- n...não sou... Eu sou normal..

- VOCÊ NÃO E MEU FILHO TUAN... NÃO TENHO FILHOS ABERRAÇÕES NA FAMÍLIA...

- EU SOU NORMAL, POR QUE VOCÊ NÃO ENTENDE QUE EU SOU ASSIM ?

- POR QUE EU NÃO QUERO VOCÊ ASSIM... EU CUIDEI DE VOCÊ PRA VIRAR ISSO ?

- CUIDAR? !! QUANDO VOCÊ CUIDOU DE MIM ? VOCÊ APENAS ME DEIXOU EM CASA... VOCÊ... VOCÊ NUNCA ESTEVE AO MEU LADO !!!

sinto o tapa quando recebo ele em meu rosto, fazendo eu cambalear, já que havíamos levantado do sofá, coloco a mão no lugar do tapa e sinto meus olhos se encherem de lágrimas, meu pai estava vermelho de raiva; me ajeitando eu encaro ele sentindo as lágrimas descerem pelo meu rosto.

- você não é meu pai... nunca foi..

Viro as costas para ele saindo correndo de casa,passo direto pela casa do Jackson e apenas sigo correndo pela rua,acabo indo para o centro de seoul; as pessoas que me viam correr ficavam olhando, eu olhava para baixo ao correr, o que ocasionou eu bater em algumas pessoas, que me mandavam prestar atenção e continuaram a andar; com as pernas pedindo rendição eu paro em certo momento, em um parque pequeno que havia ali, entro no mesmo devagar, me sentia exausto, não só fisicamente mas mentalmente também, estava exausto de ter que suportar um ser daqueles em minha vida; me sento no balanço e fico a olhar o movimento da rua alheio ao que acontecia a minha volta.

- por que o oppa me ama ?

- por que sim Bam...

- mas eu gosto do oppa Mark

- você é muito pequeno BamBam... um dia vai entender o por que do Mark te amar...

- nunca vou deixar o Oppa... vamos ficar sempre juntos.


Andando de volta para a rua de minha casa, estava com o uniforme da escola ainda é meu celular mostrava que já era 3 e pouca da tarde, minha barriga roncava, mas nada disso me destruía mais do que ter um pai que falava aquelas coisas, no caminho ia relembrando a infância ao lado do irmão, eram momentos tão alegres, seu appa e Omma sempre juntos brincando com nois dois, o que aconteceu com tudo aquilo ? Por que tudo tem que mudar ?

- Mark ?... Mark!!

Olho para cima e vejo Jackson e BamBam virem correrem até mim, me levam até a casa de Jackson e quando entro vejo todos meus amigos ali sentados com cara de preocupados, vendo o quanto eles se importavam comigo só me fez chorar, me agarro ao corpo de Wang enterrando o rosto no pescoço dele, começo a chorar realmente, soluçava alto e não queria sair do meio dos braços dele; sinto Wang sentar no sofá e me colocar em seu colo, acariciando minhas costas, estava um silêncio na sala, todos me passando conforto e esperando eu me recuperar, se estivesse em ocasiões normais estaria com vergonha Por todos estarem me vendo no colo do Jackson.

- Mark oppa o que...

- Appa...

- ele ?...

- pior.... por que Bam ?... por que ele não aceita ?

-.... Eu vou lá conversar com ele

- NÃO!!... não..

seguro o pulso dele com força, o olhando nos olhos seriamente por longos segundos, ficamos nos encarando até terminarmos nossa conversa visual e eu ver ele assentir levemente com a cabeça;suspirando aprovando a decisão dele, me recomponho um pouco e finalmente olho as pessoas que estavam ali na casa.

- desculpa ter preocupado todos vocês...

Faço um bico e sinto quando Jackson beija meu pescoço, o que me faz lembrar que estava em seu colo na frente de todo mundo; pensando em sair de cima do maior, iria me levantar quando, escuto um barulho alto vindo da rua e alguns gritos; assustados nos levantamos e formos para a janela ver o que acontecia; olhando aquela cena todos arfamos, sentindo minha pressão cair ao ver o sangue no chão e os dois corpos jogado no meio da rua com a moto a alguns metros de distância; a última coisa que lembro de ter visto era o chão se aproximando de meu rosto.

[...]

Acordo e olho em volta desnorteado por ter acordado em meio ao escuro, passo os olhos pelo cômodo e percebo que é o quarto de Jackson; quase grito ao  ver dois olhos me olhando no meio da escuridão - nem tão escuridão assim - de meu quarto; colocando uma de minhas mãos no peito suspiro aliviado sentindo meu coração desacelerar um pouco.

- quer me matar do coração? !!- sussurro meio bravo olhando pra ele me apoio na cama e sinto minha barriga roncar.

- desculpa...

- pelo ?

- por... tudo..

Observando o maior atentamente sorrio de maneira meiga - o que era algo novo até para mim - sinto a cama afundar e o corpo quente do Alfa contra o meu me abraçando, retribuo o abraço e deito a cabeça no ombro dele.

- quer conversa sobre hoje mais cedo ?

Nego com a cabeça e digo "agora não", agradecia por Wang ter cuidado de mim, mas mesmo assim sentia um receio do maior apenas querer me usar, sabia que iria sofrer de certa forma se o Alfa o abandonasse, passou seu cio com o loiro e isso era algo importante; Mark era puro, assim como a sociedade ditava, Mark era de respeito e se o Alfa o deixasse acabariam o olhando atravessado, com esses pensamentos apertei o aperto do abraço no Alfa olhando para o nada em meio ao escuro, sinto ele acariciar minhas costas e suspiro.

- Desculpa pelo meu irmão hoje... isso sempre aconteceu Wang....

- Mas por que ômega? ...

Me sentando no colo dele, surpreendendo a nois dois com minha ação, faço carinho nos cabelos dele e encosto a cabeça no peito dele novamente.

- quando, eu e BamBam éramos crianças, ele me chamava de Mark Oppa, por que ele ainda não sabia o que era, e todo mundo achava que ele era um Ômega também, por eu ser o mais velho deveria ter nascido Alfa e essas coisas, por que meus pais planejavam isso é foram ao médico, sim eu deveria ter nascido realmente Alfa, por que colocaram alguma coisa em minha mãe que eu não sei o que... mas aconteceu alguma coisa, e eu nasci assim...

- Mark você é normal bebê.. 

Ignoro o maior por pura manha e frescura, sabia que ele tentaria me contráriar mas não estava com cabeça para discutir se eu era normal ou não.


- então quando eu tive meu primeiro cio meu irmão estava lá, calma...

Rio do aperto que ele deu em mim, provavelmente tirando conclusões erradas.

- ele estava lá, eu tinha 12 anos e ele 11, todos sabem que quando dois ômegas ficam muito perto um do outro o cio do ômega que está perto se adianta e ele entra no cio também... foi quase isso o que aconteceu com o BamBam... mas ele é um Alfa então...

Dou de ombros, não sabia como explicar isso para o loiro, era algo estranho da família e íntimo para se dizer, mas Eu gosto só Wang não é ?, acho que estava meio óbvio que havia me apegado ao maior mais do que devia.

- então?....

- então ele entrou no cio com 11 anos, estava quase perto do nosso aniversário então ele logo faria 12 também, mas mesmo assim foi estranho...

Fazendo desenhos invisíveis na camiseta do outro fico alguns segundos pensando sobre como tudo começou e solto uma risada baixa, provavelmente estava deixando o outro confuso.

- Então ele teve o cio dele e eu o meu, minha omma cuidou de nois dois meus pais super animados pensando que tinham ganhado um ômega e um Alfa que no caso o Alfa seria eu e o ômega BamBam, mas não foi isso que aconteceu...

  


Notas Finais


ALTAS REVELAÇÕES, EITA QUE O BAGUIO TÁ BULTOURENE, TÁ PEGANDO FOGO BICHO AHUAHSUAHSUAHSU aí desculpa eu tar gritando, estou realmente muito animada em fazer essa fanfic agradeço aos fantasmas e aos ativos ( se quiserem se ativos comigo, eu não vou reclamar, vou agradecer você pra sempre) parei até o próximo capítulo gente, mandem palavras de sorte para eu conseguir escrever...

ALIÁS QUEM ESTÁ LENDO A FANFIC DA MINHA UNNIE, LINDA, MOZONA, QUE ME DA TIRO COM AQUELES CAPÍTULOS IMCRAZY? Aí vai lá eu erro o user dela :') VÃO LER SURVIVING E DÊEM AMOR POR QUE TÁ FODA, TAEHYUNG VAMPIROOOOO AHHHHHHHH PRODUÇÃO TACA ÁGUA QUE EU TÔ PEGANDO FOGO BICHO aí deixa eu sair antes que fale mais bosta... Beijos ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...