1. Spirit Fanfics >
  2. Consequences Of One Night - KAI (EXO) >
  3. Chapter One...

História Consequences Of One Night - KAI (EXO) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem meninas, essa fic já havia sido postada em meu antigo perfil @/excusesuga! e agora trago ela pra vocês novamente.

Capítulo 1 - Chapter One...


Isso é tudo culpa sua seu idiota. Digo sentada na cama do hotel onde eu e Kai estamos hospedados por estarmos em lua de mel...

Chega disso boneca, a culpa não foi só minha tá legal? Responde emburrado encostado no criado mudo que havia em frente da cama.

Você não sabia o que era uma camisinha seu imbecil? Irritada o respondo com uma pergunta.

E você não sabia o que era um anticoncepcional? Não foi você quem disse que tomava anticoncepcionais? Pergunta sorrindo irônico. 

Eu me esqueci seu idiota. Ridículo, eu não queria ter um filho agora. Ele me olha cínico e diz:

Eu também não queria, agora terei que parar de frequentar as baladas, não poderei me divertir com várias mulheres... O interrompo. 

Eu já entendi já seu cachorro. Imbecil! Faço uma careta engraçada. 

Agora já chega desse assunto boneca, deveríamos estar aproveitando nossa lua de mel e não estar falando nesse assunto. E em lua de mel os recém casados têm que transar. Diz se deitado por cima de mim. 

Mas eu não quero Kai, não quero transar com você. Digo ofegante. 

Terei que comunicar seu pai então que você não quer cumprir suas obrigações de esposa? Sorri para mim. 

Só irei cumprir minhas obrigações se você cumprir as suas, se lembra que nenhum de nós podemos nos relacionar com outra pessoa? Pergunto pois sei que ele quase ficou com uma stripper na despedida de solteiro. 

Eu sei disso minha boneca gostosa, e iremos cumprir todas nossas obrigações e necessidades. Disse selando nossos lábios. 

•~•~•~ Momentos depois ~•~•~•

Acordo e fico olhando Kai que dorme tranquilamente ao meu lado, nú. Até que ele não é de se jogar fora. 

Está admirando o homem lindo com quem você se casou? Pergunta me tirando de meus desvaneios. 

Estou vendo o homem feio com quem terei que passar o resto da minha vida. Zombo dele. 

Acho que eu não entendi direito. Eu feio? Pergunta indignado. 

Além de feio é surdo. Digo rindo e ele gargalha. 

Eu sou maravilhoso, o pecado em pessoa. Responde risonho. 

A feiúra em pessoa você quis dizer né? Gargalho ao ver a careta que o mais velho faz.

Vamos nos banhar boneca, quero ir andar um pouco pela praia. Me olha sorrindo e eu o digo: 

Estou ansiosa demais, fiquei sabendo que aqui nas praias de miami há vários homens bonitos. O provoco e ele me olha bravo. 

Você experimenta ficar de gracinha com algum homem, para você ver se eu não quebro a cara do desgraçado. Termina de dizer e eu gargalho. 

Deixa disso Kai, eu não vou ficar de gracinha com nenhum homem. A não ser que seja muito lindo, aí é outra história! Respondo segurando o riso e ele me olha indignado. 

Acho melhor ficarmos por aqui mesmo. . Disse e eu rio, entrando no banheiro. 

Não demorou muito para que eu e ele nos banhássemos e depois seguíssemos até a praia.

Senti alguns enjoos porém preferi não dizer nada para Kai, pois ele é muito preocupado e qualquer coisinha quer me levar para o hospital. 

Havia alguns homens jogando voleibol de praia perto de onde eu estava sentada, porém um deles rebateu a bola com muita força apenas fiquei estática pois sabia que a bola iria acertar em mim, pra ser mais exata em minha barriga. Quando fecho os olhos esperando a bola me acerta, ouço um barulho de bola se chocando contra alguma coisa, quando abro os olhos percebo ser Kai, que diz para o homem: 

Se essa bola acertasse em minha esposa que está grávida, eu iria estourar sua cara. Kai disse segurando a bola com força. 

Foi mal cara... mas nem acertou nela. Um dos caras disse. 

Não acertou ela pois eu entrei na frente a tempo. Disse meu marido entredentes. Vamos embora dessa merda S/n! Disse e jogou a bola para o homem em sua frente.

Kai está furioso, saímos da praia e fomos andando para o hotel porém meu marido estava andando rápido demais e eu já estava ficando sem ar, quando ele parou e perguntou: 

Você está bem? Não se machucou não é? Pergunta me analisando. 

Kai eu estou bem. Só vamos andar um pouco mais devagar, pois estou ficando sem ar. Tento recuperar o ar e ele sorri. 

Tudo bem, vamos. Agora andando devagar me chamou e segurou em minha mão. 

Meu Deus como Kai é dramático... 

•~•~•~ Uma semana depois ~•~•~•

Já havíamos voltado de lua de mel, estava em meu quarto esperando Kai que havia ido nas empresas de seus pais, resolver alguns assuntos. 

Se não fosse por alguns barulhos de objetos caindo eu não teria saído do quarto, vou cuidadosamente até às escadas e quando olho daqui de cima vejo Jongin se pegando com a filha da empregada, não acredito que ele está ficando com essa pirralha. Creio que o cabeça de vento não saiba que a criança tem apenas 15 anos, mas olhando bem nem parece que ela tem pouca idade! 

Desço as escadas devagar, e nervosa... a essa altura eu já estou vermelha de tanta raiva! 

Quando termino de descer as escadas, começo a aplaudir a atitude de Kai e por incrível que pareça eu fiquei chateada com aquilo. Desceu uma lágrima teimosa por meu rosto, aish... droga de hormônios. 

Que bonito em Jongin? Agora curti ficar com pirralhas de quinze anos? Isso é crime viu? Termino de dizer secando as lágrimas. 

Ela tem quinze anos? Não é oque você tá pensando boneca! Me deixa explicar. Disse vindo até mim porém me afasto dele. 

É oque a senhora está pensando sim senhora Kim! Seu marido me agarrou quando eu abri a porta para ele quando ele havia chegado. Se fez de santa porém já conheço a peça. 

Isso é mentira boneca! Eu não agarrei essa maluca! Tenta segurar meu braço mas eu desvio. 

HARA... Grito a mãe da pirralha e a mesma vem correndo até a sala de estar. QUERO VOCÊ E SUA FILHA FORA DA MINHA CASA, DOU TRINTA MINUTOS PARA VOCÊS DUAS SAÍREM DAQUI! Grito com ela também, pois tanto ela como a filha dão em cima de Kai, sem contar quando trabalhavam pros meus pais, e as duas viviam se insinuando para meu pai. 

S/n não precisa fazer isso também! Jongin me olha chocado. 

APROVEITA E FAZ SUAS MALAS E VAI COM ELAS TAMBÉM, SEU IDIOTA IMBECIL! EU NÃO VOU FICAR ME PASSANDO POR CORNA NÃO SEU DESGRAÇADO, INFELIZ. Grito com ele, e olho para Hara. Passe no escritório do meu pai para receber o tempo que você trabalhou! Digo seca, e ela apenas assente sem nada oque dizer, e sai da sala arrastando a pirralha pelo braço. O que será que a mídia irá dizer quando souberem que Kim Jongin agora fica com meninas menores de idade? ISSO É CRIME SEU CABEÇA DE VENTO, DESGRAÇADO, VOCÊ SÓ PENSA EM SI MESMO! NEM SE IMPORTOU SE EU FOSSE TAXADA DE CORNA SEU INFELIZ. Grito e lágrimas começam a descer por minha face. Ok, esses hormônios estão me deixando mais sensível. Já que você pode ter amantes, então também vou arrumar um! Vou aproveitar que Mark está solteiro e vou ir vê-lo, acho que ele irá adorar ser meu amante. Sorrio secando as lágrimas. 

EU MATO ELE E VOCÊ! VOCÊ NÃO É LOUCA DE TER UM AMANTE, EU NÃO VOU SER TAXADO DE CORNO. Gritou me deixando sentida. 

N-NÃO GRITA COMIGO SEU IDIOTA! VOCÊ NÃO QUER SER CORNO MAS QUER QUE EU SEJA NÉ? SEU CRETINO DESGRAÇADO. Grito dando tapas nele, e o acertei um tapa no rosto dele, que me olhou mortalmente. 

Corri subindo as escadas e indo para o quarto, mas quando eu ia fechar a porta Jongin impediu, assim fazendo-me correr para o closet o qual eu também não consegui fechar a porta também e eu passei a correr em volta dos móveis que há no enorme closet. 

Eu vou te pegar boneca, você não deveria ter me dado uma bofetada no rosto. Diz correndo atrás de mim e eu gargalho. 

Foi sem querer seu cachorro... Me deixa em paz Jongin. Corro do mais velho que insiste em correr atrás de mim. 

Eu vou te pegar boneca, não adianta correr! Eu vou te pegar. Sorriu ainda correndo atrás de mim. 

Mas por um descuido tropeço no carpete que há no closet e caio, Jongin fica por cima de mim e diz: 

Agora você vai ser punida, não deveria ter me dado aquela bofetada boneca! Vou te ensinar a respeitar seu marido. Disse deixando selares em meu pescoço. 

Kai você tem que pegar leve, não se esqueça que estou grávida. Digo já sabendo qual vai ser a punição do mais velho. 

Acho que Kai e eu podemos nos dar bem... mas isso só o tempo irá confirmar! 


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Se tiverem gostado não se esqueçam de deixar o Fav e comentar, isso ajuda muito!

@excusesuga2 - meu perfil caso queiram me seguir!


https://chat.whatsapp.com/FcFWuJ0eK5MHcf7ZMDokTX - grupo no whats!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...