1. Spirit Fanfics >
  2. Consequências de um amor >
  3. Capítulo 5

História Consequências de um amor - Capítulo 5


Escrita por: naoseinao2

Capítulo 5 - Capítulo 5


Bakugou deixou Kirishima ficar em sua casa em um pequeno quarto perto de seu  quarto para ele ficar de olho.

Kirishima tentava ao máximo de aproximar de novo de seu ex-noivo e de seu filho que tbm queria se aproximar de seu pai, ele acordava cedo todos os dias arrumava o filho pra escola fazia o café da manhã, mas Bakugou não cedia, nem dava bom dia, sempre tratando Kirishima como um lixo.

Depois de algumas semanas da estadia de Kirishima Bakugou sai misteriosamente de casa não avisando para onde ia.

Alguns minutos depois alguém bate na porta da casa do Todoroki e do Midoriya, era Bakugou que parecia um pouco agitado.

Ele entra na casa sem ao menos pedir permissão mas como eles eram amigos de longa data, ficou tudo bem, Todoroki preocupado diz:

Todoroki- Bakugou, você tá bem, o que houve?

Bakugou- Então como eu posso dizer isso, é o Kirishima voltou!

Todoroki e Midoriya- como assim ele voltou você tá bem, fez alguma coisa?

Bakugou- Na verdade não, ele a algumas semanas apareceu lá em casa e agora ele tá meio que morando la, ele até agora não machucou ninguém mas ele tá com o meu filho e eu tô com medo não sei o que fazer!

Todoroki- Calma, vamos começar por parte, você tá com um criminoso procurado a mais de 12 anos na sua casa sendo que você e o capitão da associação de heróis, e ele tá com o seu filho é isso?

Bakugou- É isso mesmo, o que eu faço eu não gosto disso também mas meu filho quer ele lá em casa e o Kirishima desertou da liga ou seja ele não tem pra onde ir, o que eu faço?

Midoriya- Bom se ele não é mais perigoso, deixa ele lá mas tenho que lembrar que se alguém souber e falar pra polícia você vai ser preso por ser cúmplice e o Kirishima por ser o traidor ou seja seu filho vai ficar sem os pais, você acha que vale o risco?

Bakugou- Eu não sei eu tô confuso ( nesse momento Bakugou começa a chorar não conseguindo nem se equilibrar, caindo no chão) por favor me ajuda!

Ambos- Calma nós vamos trás seu filho pra cá e aí você vai ter um tempo pra decidir o que vai fazer de fato, mas acho que você deveria falar pra sua mãe!

Bakugou- Muito obrigado pela ajuda, então eu posso trazer o Toshinori? E eu nao posso falar com a minha mãe ela vai levar pelo lado pessoal.

Todoroki- Claro que pode, vamos adorar recebelo, né amor?

Midoriya- Claro!

Bakugou agradece e se despedi indo pra casa as presas buscar seu filho.
__________________________________________

Quando chega em casa vai até o quarto do filho e manda ele se arrumar afirmando que ele ia passar um dia na casa de seus padrinhos, Toshinori questiona mas não recebe uma resposta, Kirishima apenas olha pois não queria arrumar problema com o Bakugou.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...