História Consequências do Passado! - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Jiraiya, Naruto Uzumaki, Rock Lee, Sasuke Uchiha, Tsunade Senju
Tags Boys Love, Desafio10k, Lemon, Manuxavier, Narusasu, Naruto, Sasuke, Sasunaru, Submissão, Yaoi
Visualizações 747
Palavras 1.592
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Policial, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá!!
Me desculpem a demora!!!
Entre hoje e amanhã responderei os comentários dos capítulos anteriores!
Espero feedback do lemon!!
Espero que gostem do capítulo!
Desculpe qualquer erro!
Boa leitura!

Capítulo 9 - Lua de Mel, o começo!


Uma coisa que eu percebi ao reencontrar o Naruto foi que eu ainda me sentia muito atraído por ele, mas ao contrário de quando estávamos juntos eu não preciso me conter, eu não preciso ter vergonha. Desde que eu descobri seu fetiche por pés, pesquisei muito pois queria dar uma sessão de podolatria para ele de presente, mas no fim acabamos nos separando. Ver o Naruto quase gozando nos meus pés foi a visão mais erótica que eu já tive em toda a minha vida! E me faz querer mais dele, quero mostrar que não há problema em ser o passivo, em ser submisso em sentir prazer em dar prazer. 

- Calma minha raposa, só estamos começando! Agora fica de joelho e me chupa!  - Falo para ele que prontamente coloca meu pau em sua boca chupando com maestria! Puta merda que boquete maravilhoso, tinha me esquecido de como era bom ser chupado por ele! - Olhe para mim! - Falo autoritário e quando as pálpebras abriram revelando seu olhar escuro, cheio de luxúria quase gozei, mas consegui me segurar e assim ficamos nos olhando enquanto ele aumentava o ritmo e eu tentava segurar o gemido, já que não quero demonstrar a ele o quanto ele me afeta. Ele aumenta a velocidade das chupadas sem tirar os olhos do meu, perdi a conta de quantas vezes senti que ia gozar, mas ele ainda se lembra e sabe como me levar ao paraíso apenas com a boca, ficamos assim por um bom tempo até que eu gozo em sua boca e ele tenta engolir tudo, porém escorre um pouco pelos cantos dos seus lábios o deixando mais erótico. 

  - Agora suba na cama e se ofereça a mim! - Falo e vejo ele ficar escarlate – O que foi? 

  - Não sei como fazer isso mestre! - Ele fala e olha para o chão. 

  - Sabe o que você é? 

  - Não mestre! 

  - Um incompetente, mas como um bom dono, vou te ensinar. 

  - Obrigado mestre! 

  - Vá para a cama de quatro, quando subir na cama coloque seu rosto no colchão, empine bem a sua bunda e se abra se oferecendo par mim como a puta que você realmente é! Falo e ouço um gemido baixo, ele está gostando e isso me surpreende, ele faz o que eu mandei e eu quase infarto ao ver sua entrada piscando para mim. Não consigo me conter, me aproximo, faço um carinho em um lado de sua bunda e acabo dando um tapa que deixou sua pele rosada e o loiro ofegante. Não resisto e acabo caindo de boca na sua entrada que está piscando para mim, como se estivesse me convidando para entrar, ouço Naruto choramingar. Não me surpreendo ao tocar seu pau e ver que o mesmo estava pingando o pré gozo e isso me deixou ainda mais excitado – Como você consegue ser tão gostoso assim? - Pergunto, mas só recebo um gemido baixo em resposta. 

  - Mestre, por favor! - Naruto sussurra e acaba dando um grito de surpresa quando eu o puxo e o faço ficar de barriga para cima, faço com que ele fique segurando suas pernas abertas enquanto eu o preparo para me receber, estranho o fato de que ele está receoso, mas nada comento – Mestre por favor, seja gentil – Ele fala trêmulo e eu paro pois estou completamente surpreso, pois eu tenho certeza que ele foi o passivo com aquele cachorro e lembrar disso me trouxe alguns sentimentos desagradáveis, mas mesmo assim resolvo esclarecer as coisas : 

  - Por acaso é virgem? - Ao ver seu roto ficar escarlate eu tenho a confirmação sem que ele precise falar algo – Quem diria que o cachorro é passivo! - Percebo um leve desconforto por parte dele, mas resolvo ignorar - Não se preocupe, cuidarei muito bem de você! 

Ao terminar de falar me posiciono entre suas pernas e começo a penetrá-lo devagar, olho em seus olhos e me surpreendo com o brilho de luxúria que o mesmo possui, desço o olhar para seus lábios vermelhos, brilhantes, inchados e não consigo me segurar, acabo colando nossos lábios e o que eu mais temia aconteceu. 

Eu sabia que ao sentir os seus lábios eu perderia a sanidade, por isso evitei o contato até o momento, eu sabia que não há como evitar me sentir em casa com seus lábios nos meus. E foi assim que eu percebi que eu ainda amo esse dobe, que não importa se ele me traiu, pois, o meu sentimento é maior, mas claro que eu não vou admitir isso! Ao me sentir completamente dentro dele eu aguardo ele se acostumar o que ocorre mais rápido do que eu imaginei e ao sentir o seu rebolado não me contenho e começo a estocar sentindo ele tremer de excitação em meus braços: 

  - Ah dobe se eu soubesse o quanto você é gostoso eu teria te fodido há muito tempo! - Falo e com uma estocada firme acabo atingindo seu ponto sensível e com isso Naruto soltou um grito que me arrepiou todo: 

  - Sasukeeee – Ele grita perdido em desejo e começa a sussurrar palavras desconexas, sinto sua entrada começar a me apertar avisando que ele ia gozar, não resisto e dou um tapa em sua bunda e falo: 

  - Goza para mim como a puta que você é! - E sinto ele estremecer todo enquanto chega ao orgasmo gritando meu nome e com mais algumas estocadas eu me derramo dentro dele o beijando apaixonadamente! 

Nos deitamos de barriga para cima tentando normalizar a respiração, enquanto isso Naruto para a minha surpresa se aproxima e me abraça deitando por cima do meu tórax e fala: 

  - Obrigado, mestre! - E antes que eu possa responder, percebo que ele já está dormindo pela profundidade da sua respiração. 

Não resisto e acabo acariciando seus cabelos loiros enquanto penso em tudo o que aconteceu hoje. Eu realmente achei que não sentia mais nada por ele, se alguém me dissesse que eu ia casar com ele depois que ele me traiu eu ia rir na cara da pessoa. Mas aqui estamos, eu não só casei com ele como eu percebi que ainda o amo muito, mas como sou um Uchiha nunca assumirei isso, pois tenho meu orgulho. 

Pensando bem essa traição, me deu a oportunidade de ser quem eu realmente sou! Por mais que eu fosse o passivo da relação no passado eu sempre gostei de dominar no sexo, mas eu nunca consegui fazer isso com o Naruto, já que eu me deixava levar pelo amor e carinho que eu sentia por ele. Mas depois do que aconteceu como eu não queria me relacionar com ninguém acabei deixando essa parte dominadora aflorar e deixei de ser o passivo. Isso me deu a oportunidade de ter sexo em compromisso ao possuir submissos, pois eu tinha relações sem a parte sentimental da coisa. Ao me separar do Naruto jurei a mim mesmo que só seria passivo com alguém que curasse meu coração, não que as vezes eu não sinta falta de estar por baixo, por assim dizer.  

Ao dizer para ele que eu possuía mais submissos eu meio que menti! Não nego que eu tenha alguns ex submissos que venham correndo caso eu os chame, mas ao saber que teria o dobe em minha vida novamente eu resolvi acabar com qualquer relacionamento de submisso e dominador, mas claro que eu quero infernizar o dobe e por isso eu acabei dizendo que eu possuía, sem realmente possuir. E com esses pensamentos eu acabo adormecendo. 

******************************************************************************** 

Acordo com um barulho seco e um "porra", abro meus olhos me lembrando de tudo o que aconteceu a noite e não consigo segurar um sorriso, me viro em direção ao movimento no quarto e vejo Naruto nú, de quatro, provavelmente tentando se levantar pois seu corpo está dolorido por causa da noite que tivemos: 

  - Está tentando me seduzir essa hora da madrugada dobe? - Digo e ele se vira corado, coisa que eu acho particularmente acho fofo – Ficando corado assim eu vou acabar levantando e te comendo! 

  - Vai se foder Sasuke, eu só quero ir no banheiro! - Naruto fala, se levanta e vai o mais rápido possível para o banheiro, me deixando rindo baixo. 

Quando ele volta está andando de um jeito engraçado e ao se deparar com meu olhar divertido ele solta: 

  - Mais uma gracinha e eu não respondo por mim teme! 

  - Nossa! Nem parece a putinha submissa que me fez gozar gostoso agora pouco! - Falo e vejo seu queixo cair em surpresa e não resisto, fecho a minha expressão - Não me provoque Uzumaki, não se esqueça o nosso acordo! - Falo e me levanto andando em sua direção e ele me olha desconfiado – Mas vou deixar passar por hoje, pois você conseguiu me satisfazer! E como eu sou um bom dono vou dar a você um presente. 

Me dirijo ao closet que tinha no quarto e pego uma caixa preta e estendo a ele que a pega com receio. Percebo que seu rubor aumenta ao ver o que tem dentro da caixa e ele me olha com os olhos brilhando em desafio: 

  - Que brincadeira é essa Sasuke? 

  - O que te faz pensar que eu estou brincando Naruto? Sabe quantas pessoas desejam isso que você possui nas mãos? - Falo e percebo sua indignação - Temos um acordo e você vai cumpri-lo por bem ou por mal, fui claro? - Ele engole o orgulho com muita dificuldade:  

  - Sim mestre! 


Notas Finais


Bom pessoal é isso!!
O que acharam??
Bjs e até mais!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...