História Contos Brasileiros da Noite Escura - 2018 - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Aventura, Ficção, Romance, Serie, Terror
Visualizações 2
Palavras 470
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Mutilação, Nudez, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 17 - Sangue Limpo IV: Renascimento.


Fanfic / Fanfiction Contos Brasileiros da Noite Escura - 2018 - Capítulo 17 - Sangue Limpo IV: Renascimento.

       De repente os dois ouviram burburinhos e depois passos fortes correndo na direção de onde os dois estavam. Ao longe puderam ver tratar-se do grupo de alunos que Roberto desacordara com um golpe, mais alguns policiais e funcionários da faculdade. Eles correram para a capela e seus perseguidores gritavam ao longe:

 

- Vamos queimar a aberração, não deixem que ele escape, estamos todos em perigo, ele não pode sair do campus!

- Matem o monstro sanguessuga!

- Ele sequestrou uma das alunas, acho que até já a matou também!

       

      Alberto e Lauren atravessaram o pequeno cemitério e chegaram às pressas à capela trancando as portas logo atrás de si e indo direto para o altar central. Próximo ao altar os dois se sentaram e então o jovem explicou o ritual:

 

- Você terá que se acalmar e depois me mostrar o seu pulso. Eu o morderei e então sugarei um pouco de seu sangue secundário até que o sangue primário possa chegar aos meus lábios. Você terá um momento de dormência e depois desmaiará. E pode ser que quando acorde eu não esteja mais aqui se meu corpo envelhecer rapidamente até virar pó e se perder no vento. Você não está com medo, não quer desistir? Ainda há tempo para isso e eu entenderei!

 

- Não, Roberto, eu só estou nervosa, mas quero continuar até o fim! Tome meu pulso, faça o que tem de fazer e liberte-se desse mal, mas faça rápido! – A jovem estende o pulso direito na direção de Roberto enquanto a porta é espancada pelo lado de fora por aqueles que perseguem o jovem. Roberto então toma o pulso de Lauren e o perfura com seus caninos afiados. A jovem tem um princípio e dor, mas assim que ele começa a sugar-lhe o sangue ela vai desfalecendo até desmaiar e uma total escuridão a lhe consumir. Momentos depois a porta é arrombada e a jovem é encontrada desmaiada e sozinha abaixo do altar, mas sem nenhum sinal de ataque ou mesmo lesão em seu corpo. Eles a levam às pressas para um hospital no centro da cidade.

 

       No dia seguinte ao acordar em um leito na ala de recuperação daquele hospital, a primeira imagem que ela vê é a de um jovem a ser tocado pela luz radiante do sol da manhã bem à frente de uma grande janela. O jovem é Roberto que agora já não é mais um imortal, pois o sangue limpo não o matou, pelo contrário, devolveu-lhe a humanidade e a chance de viver uma nova e um novo amor. Ele se aproxima do leito, pega na mão de sua amada, os dois se olham por um pequeno instante em que ele sorri depois de séculos e então se beijam à luz do sol da nova vida mortal de Robert Smith!

 

 

Fim!

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...