História Contos Eróticos (CNCO) - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias CNCO
Personagens Christopher Vélez, Erick Brian Colón, Joel Pimentel, Richard Camacho, Zabdiel De Jesús
Tags Christophervélez, Cnco, Erickbriancolon, Joelpimentel, Richardcamacho, Zabdieldejesús
Visualizações 147
Palavras 811
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 18 - Christopher 4


Fanfic / Fanfiction Contos Eróticos (CNCO) - Capítulo 18 - Christopher 4

Christopher um garoto muito safado todas as tardes ele sentava num parque de lazer para cuidar Vitória uma garota que levava todo fim de tarde seu cachorrinho para passear.

Chris desejava essa garotinha e seus pensamentos eram bem safados.

Vitória mais uma vez desceu de seu apartamento usando um shortinho curto preto e uma blusa de alça preta. Chris olhou aquela bundinha redonda e aquelas coxas.

Vitória brincava um pouco com sua cachorrinha jogando sua bolinha. Chris se aproximou por trás da garota e levou as mãos em sua cintura encostando seu pau em sua bunda. Vitória estava de 4 mas logo se virou para ver quem era.

Vitória:  olá

Chris: eu pensei que você fosse cair

Vitória : estou brincando com minha cachorrinha

Chris: fim de tarde bonito né . Costuma vir à noite aqui?

Vitória:  às vezes

Chris: essa noite se quiser . Eu vou vir após às 22:00 horas

Chris foi andando para sua casa. Vitória olhou e foi para sua casa.


A noite chegou. …


Vitória estava em seu quarto pensando em Chris.  Ele morava no apartamento ao lado do seu e ela sempre o olhou mas ele nunca havia falado com ela.

As vezes ela apenas notava mulheres saindo de seu apartamento ou com ele mas hoje pela primeira vez ele falou com ela.

Vitória entrou em seu banheiro e tomou um banho rápido colocando sua lingerie branca de renda e um vestido preto de alças. A garota foi até a cozinha

Vitória:  vou tomar um ar mãe

Mãe:  se cuida filha

Vitória desceu do apartamento e caminhou até aquele parque. Ele estava vazio somente as luzes acesas. Ela caminhou um pouco e logo sentiu umas mãos em sua cintura.

Chris: Boa Noite gatinha

Ela olhou para trás e chris estava com um belo sorriso em seu rosto.

Ele pegou em sua mão e andou até um banco que ficava embaixo de uma árvore enorme, onde ficava com muito pouca luz . o escuro tomava conta.

Chris a puxou pela cintura lhe beijando um beijo calmo mas que em segundos era quente. Ele desceu a mão de sua cintura para sua bunda e apertou com força. Chris subiu seu vestido apertando com as duas mãos sua bunda. Ele colou o corpo dos dois e esfregou seu pau em sua bucetinha.

Vitória:  chris

Chris mordeu sua orelha e desceu beijando seu pescoço.  Ele apertou sua cintura e sentou no banco colocando a garota em.seu colo de frente para ele.

Chris a beijava e puxava seus cabelos.  Ela sentia seu pau crescer esfregando em sua bucetinha. Vitória rebolou e chris gemeu.

Ele puxou seu vestido para cima apertando com força sua bunda e a movimentando contra seu pau. Vitória gemia sentindo bo pano fino de sua calcinha aquilo enorme e duro esfregar.

Chris beijava seu pescoço e desceu para seus ombros. Ele levou as mãos e desceu as alças de seu vestido. O garoto foi beijando entre seus seios e suas mãos abriram o sutiã.  Chris levou as mãos naqueles seios os apertando com força. Vitória mordia o lábio. Chris levou a boca os chupando um por vez e acariciando. A garota gemia e puxava seus cabelos. Chris era um bebê ele chupava com força e passava a língua em seus peitos durinhos.

Ela levou as unhas em sua barriga por baixo da camiseta e chris sorriu pegando sua mão e colocando em cima de seu pau. Ela apertou e o garoto soltou um gemido.

Vitória abriu a calça de chris e ele ajudou descendo um pouco. Ela se levantou e ele tirou sua calcinha numa rapidez.

Vitória voltou a sentar e Chris levou dois dedos dentro de sua bucetinha e a beijou.  Ele movia os dedos e a garota se movia junto.

Ela tirou seu pau para fora de sua cueca e começou o masturbar. Chris mordeu seu lábio. Ela o masturbava com força e chris colocava mais fundo os dedos

Chris: deixa eu colocar nessa bucetinha gostosa

Vitória olhou chris e puxou seus cabelos e levou as mãos em sua cintura a puxando com força contra seu corpo.

Ele pegou em seu pau e esfregou em.sua bucetinha.  Vitória gemia olhando.

Chris: tão apertadinha estou morrendo de tesão

Vitória:  coloca chris

Ele a beijou e foi colocando devagarzinho seu pau. Ela suspirou e chris sorriu.  Ele colocou todinho e começou a mover de leve.

Chris segurava sua cintura.

Ela gemia baixo e rebolava. Vitória levou as mãos nos ombros de Chris se segurando.  Chris começou a mover com força . Ela segurava os gemidos altos.

O garoto estava indo fundo e bem forte. Vitória mordeu seu ombro e chris segurou um grito ele mordeu o lábio.

Mais alguns segundos e ambos se derramaram. Ela o abraçou e ele colocou as mãos em.suas coxas.

Chris:  vou esperar você aqui amanhã

Vitória sorriu e arrumou seu vestido colocando sua calcinha.  Chris se ajeitou e sorriu

Vitória:  e se chover?

Chris sorriu a olhando

Chris: sexto andar apartamento 3

Vitória sorriu e saiu andando para sua casa.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...