História Copy-cat - Capítulo 11


Escrita por: e Ahxyy

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 2
Palavras 1.259
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 11 - Capítulo 10 - Temos que conversar


Fanfic / Fanfiction Copy-cat - Capítulo 11 - Capítulo 10 - Temos que conversar

- Venha comigo... - disse Dhara pegando a mão pequena de Ana. 

E elas saíram da sala sem falar nada e Dhara fechou a porta e lá estavam elas em um corredor escuro. 

- o que você quer conversar...? - disse Ana séria 

- Sobre o que aconteceu... A respeito da briga sabe... - disse Dhara séria 

- Oh...certo...eu entendo... - disse Ana 

- olha... Essa menina literalmente ela quer me destruir! E acho que tenho uma teoria aqui... - disse Ana 

- pode me dizer essa teoria? - disse Dhara 

- Tem uma menina chamada Lana Hamilton sabe quem é ela? Pronto... Ela tinha uma amiga imaginaria, Só que ela tinha feito uma amizade com a sua amiga verdadeira e ao decorrer dos anos ela esqueceu a sua própria amiga imaginaria, e depois ela criou um tipo de criação, que aquela menina que é a amiga imaginaria ela quer vigança contra a mim mesma, Que loucura!!! - continuo Ana 

- certo... A sua teoria pode estar certa... Mas se aquela coisa de vigança não era a primeira ideia dela? - falou Dhara 

- Oh! Faz sentido... Eu lembro que a Lilian a minha irmã literalmente ela falou que tinha alguém igual a mim... Só que ela era muito calma... E ela como uma amiga feliz... Só que Lilian estava achando muito estranho isso... Espera! - falou Ana 

- você teve uma ideia? - disse Dhara 

- Não! Mas você está certa... Ela só queria ser a minha amiga! Só que quando percebeu que Lana Hamilton tinha esquecido ela, ela acabou perdendo a sua mente! - disse Ana calculando 

Dhara apenas sorriu com um sorriso no rosto 

- então qual é o seu signo? - disse Ana 

- ah! O meu é capricórnio, nasci em 30 de dezembro... - Disse Dhara 

- Dá pra perceber que você parece muito trabalhadora - disse Ana 

- E eu sou uma mulher trabalhadora! Sempre eu dou um jeito... - riu Dhara com a esperteza de Ana 

- bom... Porque não vamos entrar na sala novamente? - disse Dhara 

- bora! - disse Ana determinada 

Quando abriram a porta daquela sala ouviram uma gritaria enorme 

- VOCÊS MENTIRAM PRA MIM!!! AQUELA HISTÓRIA DAQUELE TERUNIY ERA UMA FARÇA MENTIRA!!!!! - gritava Lilian enquanto a Zris e Nahair seguravam ela pelos braços 

- CALMA AÍ! ISSO ERA APENAS UMA HISTÓRIA PARA VOCÊ NÃO DESCOBRIR COMO VOCÊ FOI NASCIDA!!! - disse Connor 

- COMO É QUE É????? VOCÊS INVENTARAM ESSA HISTÓRIA E EU ACREDITEI NESSA MERDA!!!! - gritou Lilian 

Ana apenas reagiu e foi lá separar a briga passando bem na frente de Lilian. 

- Calma! Não precisa ser assim! - falou Ana com calma 

Lilian apenas parou olhando pra Ana percebendo a situação. 

- eu odeio isso, briga não vai ajudar em nada! É como você estivesse em uma batalha contra um vilão, e é como  não existe nenhum vencedor ou perdedor... Vocês acabam machucando um aos outros! - Lamentava Ana

- tá bom... Desculpa mãe... - disse Lilian 

- está tudo bem... Quando você estiver maior você vai aprender como as coisas funcionam... - diz Ahxyy abraçando Lilian 

- wow! Você foi muito forte! - disse Flávio impressionado 

- oh! Obrigada... Eu separei essa briga por que eu odeio isso... Nós podemos brigar por alguma coisa... Mas podemos acabar com coração partido... - disse Ana 

- dá pra perceber... - falou Flávio 

- Gente! Depois disso eu estou esfomeada já, haha! - riu Iracema

- Que tal a gente fazer um piquenique... Assim nós não vamos passar fome e esperar que alguém nos salve... Isso é questão de sobrevivência... - disse Stuart  Pensando 

- Bob concorda com a ideia! - disse William animado 

- É uma boa ideia Stuart! - disse Faith 

Nahair não falou nada apenas tinha pegado um saco de salgadinhos na sua mochila. 

- Parece que Nahair gostou da ideia... - disse Astriell 

- Ninguém sabe... Algumas vezes ele é tão calado que é muito difícil de sentir o que ele está sentindo... - disse Flávio explicando 

- Você sabe que ele nunca dorme a noite, ele vaga pela floresta inteira usando uma máscara de kitsune... - disse Dhara 

- como você sabe....Esquece! Você é tipo um Sandman, um ser mitológico que tira todos os pesadelos das crianças e transforma em sonhos....Genial sua parte... - disse Flávio 

- Não se esqueça que ela literalmente é uma mãe para as crianças! Eu tive um pesadelo e ela transformou em sonhos! - disse Lilian 

- É! e eu tive um pesadelo e acordei gritando... - disse Ana 

- E depois eu apareci com um vassoura na mão para matar o monstro e arrastar ele para o... - continuo Ahxyy só que Faith a interrompeu 

- SHHH! não fala essa palavra! - disse Faith botando a mão na boca de Ahxyy 

- Esqueci que você é um anjo... - disse Ahxyy envergonhada 

- GENTE!!! BORA O PIQUENIQUE ESTÁ PRONTO! NÃO REPARA NA BAGUNÇA PORQUE A GENTE É POBRE!!! - gritou Zris 

- eu sou uma piada para você? - disse Any Luize vendo que ela tinha arrumado faz uma hora. 

- yes - disse Zris quase rindo 

- Vamos!!! - gritou Iracema puxando a manga de Faith 

Ana apenas riu e deu alguns passos e sentou entre a sua irmã, Any Luize e entre Flávio. Mas alguma coisa estava lhe encomodando, a conversa que teve com Dhara começou a se relembrar... " Ela queria ser minha amiga..." Dita com suas próprias palavras.... 

- ei está tudo bem...? - disse Flávio interrompendo 

- oh! Sim, estou bem... Estava lembrando de alguma coisa... - disse Ana 

- Ei Aninha! Pode me dizer o que aconteceu quando você saiu da sala com Dhara? Bob me contou... - disse William só que Ana interrompeu. 

- primeiro... Quem é Bob? - disse Ana 

- oh! Ele é meu irmão gêmeo... Ele é um espírito mas, só eu posso ver - disse William 

- maneiro! - disse Zris  

- Voltando... Nós fomos bater um papo com o que aconteceu quando teve essa briga... - continuo Ana 

E Ana começou a falar sobre toda a história, não de uma forma resumida, mas sim longa, muito longa até que ela chegou no final da história... 

- E ela apenas queria ser minha amiga... Só que.... A Lana Hamilton abandonou Anny licy e ela tinha perdido a mente...ela estava com ódio e vingança dentro dela e até que aí ela tentou ser uma versão "Copy-cat" de mim e ela queria apenas me destruir para que ela seja lembrada de novo... - Lamentava Ana

Enquanto isso que Astriell estava chorando nas pernas da Any Luize, Ela começou a falar... 

- Bom... Ela precisa saber que vingança não é tudo... - falou Any Luize 

- Concordo! Ela precisa de um abraço! - disse Faith com sua inocência. 

- Bom... Melhor vocês dormirem... Já está na hora... - disse Dhara 

- como você sabe? Tem um Eclipse lá fora! - Zris apontou para a janela. 

- Não sei ao certo... Mas você tem que dormir... É importante para a saúde... - disse Dhara se levantando. 

E todos foram dormir... Mas Ana tinha relembrando tantas vezes que aquela menina só queria ser amiga, uma amiga que fazia brincadeiras divertidas... Só que o final não era o mesmo... Ela estava com um coração partido... 

- porque você escolheu uma escolha tão Ruim... Eu entendo você agora... Me desculpa se você sente sozinha... - pensava Ana 

E assim Ana fechou os olhos e dormiu...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...