História Coração frio Kaisoo ABO - Capítulo 23


Escrita por: e Kdjs

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Visualizações 354
Palavras 565
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi amores, eu tinha postado errado, sorry^

@Kdjs aqui, boa leitura 🙌🏻❤️

Capítulo 23 - Capítulo 23


Kyungsoo P.O.V

 

Pegamos as crianças e seguimos para casa , já estava tarde e as crianças dormiam na cadeirinha no carro.

Chegamos em casa e tiramos as crianças com cuidado do carro para não acorda-las.

 

Colocamos eles no berço e saímos do quarto, fomos para o nosso quarto e eu fui direto para o banheiro .

Me deu um vontade de usar a banheira então a pia para encher .

 

Depois de ela estar devidamente cheia coloquei um pouco de sabonete líquido para fazer espuma , entrei na mesma e fechei os olhos.

 

Estava tão destraido que nem escutei a porta sendo aberta , levei um susto quando abri o olho e vi Jongin me fitando.

 

- Que susto - pus a mão no coração.

 

- Desculpe - ele sorriu - Será que eu posso entrar também?

 

Acenti com a cabeça e observei-o se despir, depois dele estar sem nenhuma peça de roupa ele entrou na banheira.

 

[...]

 

POV. Narrador 

Ofegos  e arfares podiam ser ouvidos por todo o cômodo. A água morna continuava a banhar ambos os corpos e o vapor quentinho já começava a embaçar levemente o vidro do box.

 

- Você é tão gostoso Soo...- o ômega deixou um sorriso bobo escapar ao que inclinou o pescoço mais para o lado, dando espaço a Jongin que distribuía por toda a clavícula antes imaculada e agora cheia de marcas avermelhadas que em breve ficariam roxas.

 

As crianças estavam exaustas depois de um dia cheio então eram bem provável que essa noite elas não fosse acordar tão cedo. 

 

Contando com isso o maior fez com que Kyungsoo se apoiasse na banheira de porcelana branca e prontamente o ômega pôs as mãos ali e ergueu os quadril bonito deixando o bumbum bem empinado.

 

Incrivelmente o menor havia se recuperado bem da cesárea e Jongin poderia até dizer que a gravidez tinha feito muito bem a ele. Seu ômega estava mais delicioso e perfeito do que antes.

 

As mãos grandes e morenas foram espalmadas contra as nádegas fartas de Soo fazendo com que o menor soltasse um gemido baixinho. Tornando a chupar e morder o pescoço branquinho afim de vê-lo se contorcer necessitado, com cuidado o penetrando lentamente.

 

O interior do ômega o acomodando com perfeição e mais do que nunca quente. Se encaixavam com perfeição.

 

Kyungsoo sentia o membro de Jongin o tocar com precisão e profundidade a medida que as estocadas aumentavam. Seu alfa era experiente e sabia exatamente onde o tocar para fazer com que tivesse um ótimo orgasmo. Os beijos quentes em trilha por suas costas nuas o faziam arfar e gemer cada vez mais arrastado e perto do ápice.

 

- Nini...mais...mais rápido. - o menor praticamente implorava e logo pode ouvir uma risadinha maliciosa no pé do seu ouvido quando o Kim, atendendo seu pedido começou a investir mais forte. Era tão bom fazer sexo com o alfa que se pudesse ficaria por um dia inteiro junto com ele, pena que logo não pode se segurar mais e teve um orgasmo maravilhoso e intenso. 

 

O moreno ao percebe que o menor chegou ao seu fim, tratou de retirar-se do aperto e passou a massagear com agilidade o pênis cheio de veias, o estimulando até que jorrasse o líquido branco e viscoso contra as nádegas ainda empinada do pequeno.   

 

Mesmo cansados e ofegantes, os dois ainda estavam dispostos a um segundo round. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...