História Correntes do Passado - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Afrodite de Peixes, Aiolia de Leão, Aioros de Sagitário, Aldebaran de Touro, Asmita de Virgem, Atena (Sasha), Camus de Aquário, Dégel de Aquário, Dohko de Libra, Hades, Hyoga de Cisne, Hypnos, Ikki de Fênix, Kagaho de Benu, Kanon de Gêmeos, Kardia de Escorpião, Kiki de Appendix, Manigold de Câncer, Mascára da Morte de Câncer, Mu de Áries, Pandora, Personagens Originais, Saga de Gêmeos, Saori Kido (Athena), Shaka de Virgem, Shion de Áries, Shiryu de Dragão (Shiryu de Libra), Shun de Andrômeda, Shura de Capricórnio, Tenma de Pégaso, Thanatos
Tags Alone, Cdz, Hades X Shun, Ikki X Shaka, Saint Seiya, Shun X Hades
Visualizações 268
Palavras 1.726
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Lemon, Mistério, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mais um capítulo.
Não me mata...
Não tive nenhuma ideia interessante...
Mais eu...
Espero que vocês gostem.
Boa leitura.
^_^

Capítulo 11 - Vingança.


Fanfic / Fanfiction Correntes do Passado - Capítulo 11 - Vingança.

Era uma tarde bem quente. Todos com a esceção de Seiya estavam na sala, fazendo uma maratona de filmes na Netflix. 

— Cadê o Seiya?  — Pergunta Saori um pouco curiosa.

— Num sei. — Diz Saga dando os ombros.

— Também não. — Fala Afrodite só persebendo agora a falta do santo de Pégaso.

— Acho que ele está no banheiro. — Falava Aldebaran não tirando os olhos da televisão.

— Mais já faz meia hora. — Falava Saori preocupada.

— Você esperava oque?  — Perguntava Shura como se fosse a coisa mais ovil do mundo. — Que depois de comer 6 pratadas de feijoada, que ele iria fazer trilha?

— Bem... Acho que não. — Diz a deusa finalmente derrotada.

Todos voltaram suas atenções para a TV. Quando dona Lolinha entrou na sala toda feliz e disse.

— Acorda Shunzinho, que tá na hora de levantar, não se esqueça de colocar a carne para descongelar. — Cantava no ritmo da música dorme nenê para cavaleiro de Andrômeda, que estava deitado no sofá tirando um cochilo e depois foi embora.

Todo mundo sabia que Shun ajudava a Dona Lolinha na cozinha quando ela precisava e agora era um momento.

— Shun... — Dizia Hyoga acordando o amigo. 

— Hum...?

— Você escutou oque ela disse?  — Perguntou o Aquáriano.

— Escutei... — Disse ainda sonolento.

— Então oque foi que ela disse?  — Perguntou chamando a atenção de todo mundo que estava na sala.

— Ela disse...  — Falava ainda com os olhos fechados. — Dorme Shunzinho, que tá na hora de nanã, papai foi pra roça e mamãe foi trabalhar...

—  -_- ...

— Deixa que eu coloco a carne pra descongelar. — Suspiraram Hyoga derrotado e indo em direção a cozinha.

— Camus...  — Milo estava chamando seu amigo.

— Qui é Milo?  — Perguntava o santo de aquário.

— Você não acha isso estranho? — Perguntou assustado.

— Estranho oque?  — Perguntava dando um pouco de atenção para o amigo.

— Olha. — Esplicava. — Se o papai foi pra roça, e a mamãe foi trabalhar, e a Cuca ainda vai pegar, então, quem está cantando?.

— ...  — Pela primeira vez Camus não sabia responder uma pergunta do amigo, e isso o deixou desconfortável. — Eu não sei...

Todos ficaram em silêncio por muito tempo. Não era por causa da Pergunta de Milo, é sim por que essa música dava medo quando alguém a entendia.

Ninguém quis comentar o resto da tarde. Até que no 12° filme Carlo gritou.

— Eu não tô aguentando mais ver filmes. — Falava todo suado. — Aqui dentro está um calor infernal.

— Ele que nunca sentiu o calor da ilha da rainha da morte que pode se aproximar dos 50°c. — Disse Ikki sem perceber que Shaka avia escutado e disse.

— Ou da ilha de Andrômeda que ultrapassa os 50°c.

— Também estou morrendo de calor. — Dizia Hyoga com a camisa toda suada. (Gente, não me pergunta por que está fazendo tanto calor no Japão)

— Então bora pra piscina. — Sugeriu Saori bem animada.

— Só se Camus e Hyoga prometer que não vai deixar a água tão gelada.  — Dizia Afrodite aos dois aquárianos que concordaram enquanto cruzavam os dedos.

— Então bora. — Diz todo mundo em couro e rapidamente subindo as escadas deixando apenas Shun que ainda dormia no sofá.

Enquanto isso perto da piscina. Seiya estava montando oque seria sua próxima pegadinha, após colocar a câmera numa superfície plana ele a ligou e disse.

"Câmera on"

— Olá pessoal. Bem vindos ao meu canal Pegasus Saint. — Dizia animadamente. 

"Câmera off"

Muda de senário.

"Câmera on"

— No último vídeo muitos de vocês deixaram perguntas. E é por isso que hoje responderei algumas delas — Falava Seiya

A primeira pergunta aparece na tela.

~Camila gomes

Seiya, você é virgem?

— Mais é claro que não. — Mentia Seiya por não querer que ninguém soubesse que ele era virgem. — Eu já peguei a Saori, a Miho, Shina, já comi o Misty e também a Pandora.

~André Sousa

Seiya, você raspa o c*?

— Mais é claro que não. — Disse mostrando um estojo cheio de pelos brancos (não é dele, e sim o Tatsume :3 )

~Anita Pereira

Seiya, casa comigo, você é muito másculo =_=

— Não posso minha linda, a Saori é muito ciumenta. — Mentiu novamente pra ninguém saber que além de virgem ele também era encalhado.(lembrando que ele é a Saori não estão mais namorando)

~Hades

O Shun é meu, fica longe.

— Olha, depois da guerra galática nós ficamos muito famosos, Hein?  — Tomara que não seja o Hades de verdade. Pensava Seiya. — Não se preocupe, ele é seu.

— Essa será a última pergunta desse vídeo, ela vem do canal...I LOVE YAOI

~ Seiya, trola um de seus amigos.

— Bem, como prometido eu vou trolar um de meus amigos. 

"Câmera off"

Outro senário

"Câmera on"

— Oi pessoal. Eu estou aqui na piscina da mansão Kido e até onde eu sei logo eles vão sair para tomar banho. 

— Meu plano é o seguinte. Tá vendo aqui o chão?  — Disse apontando para a beira da piscina. — Eu coloquei melado aqui. Eu vou ficar bem ali e vou gritar, quando alguém escutar ele virá correndo e escorregara e cairá dentro da piscina, Vamos lá?

"Câmera off"

Estava tudo perfeito. Só faltava agora colocar a câmera num ângulo bom para filmar a sena, após tudo estár pronto ele vai até uma moita no canto e liga uma mini câmera que sempre carrega consigo.

"Câmera on"

— Está tudo pronto. A trolagem vai começar em 3...  2...  — Contava animadamente o Sargitariano. — 1... e SOCORRO SOCORRO!!! OS ESPECTROS DE HADES ESTÃO ME ATAQUANDO... AAAAAAHHHHH!!!!??

Seiya apenas ficou gritando. Depois de alguns minutos foi escutado um som de uma pessoa caindo.

— Pessoal eu acho que funcionou. — Disse feliz.

Por algum momento Seiya achou que ia escutar seu nome dito bem alto. Mas nada aconteceu, foi quando ele percebeu que o som do impacto não foi de água, é sim de chão.

Quando Seiya pois a cabeça um pouco pra fora da moita ele teve o maior susto ao ver que Shun tinha caído e parecia ter batido a cabeça no chão.

— Shun? SHUN!!!  — Seiya morto de preocupação que larga a câmera e por impulso ele corre em direção ao amigo.

— Por favor esteja bem. — Pensava Seiya sentindo lágrimas nos olhos.

Quando ele chegou mais perto de seu amigo ele pode ver claramente uma poça de sangue ao redor da cabeça do menor. Quase que automaticamente ele se ajoelhou perto da figura caída de Shun.

— Shun... Acorda... Vamos... você está me assustando. — Disse Seiya chorando — Essa pegadinha foi longe demais!!!

— SAOOORRIII, IKKIIII SOCORRO, O SHUN SE MACHUCOU, ALGUÉM ME AJUDA!!!? —  Gritava o mais velho vendo que Shun não estava respirando.

"POV Shun"

Me sinto muito mal por fazer isso com Seiya. Mas é preciso...

— Credo, ele está me chacoalhando muito. — Pensava ao sentir que estava balançando demais. — Como alguém pode fingir desmaiar em paz com ele gritando no meu olvido?

"POV Shun off"

— Ikki vai me matar  — Pensava Seiya que cada vez mais se culpava pelo Estado do amigo.

Quando Seiya levantava a cabeça pra chamar alguém. Shun aproveitava essa oportunidade pra respirar sem que o outro percebesse. 

— Por que ninguém vem.?  — Pentavalente Seiya já quase querendo levar ele mesmo Shun pro hospital quando.

— Hihihihehehehahaha!!!  — Vários risos foram escutados no fundo.

— POR QUE CARAIO VOCÊS ESTÃO RINDO ???  — Gritou irritado ao ver que  Shun também dia em seu colo. — Eu fui trolando?

— Foi... — Shun se levantava achando que ia levar uma bronca quando na verdade foi abraçado ferozmente por Seiya.

— Você está bem mesmo?  — Perguntava Seiya ainda chorando e aliviado por Shun estar bem.

— Estou cara.

— Ótimo.

— ... — Shun apenas estranhou até levar um cascudo na cabeça. — AII... Por que fez isso?

— Isso é pra você não me assustar mais assim... — Diz Seiya quando os dourados acompanhados de Saori se aproximaram.

— Essa foi muito boa, cara. — Dizia Saga colocando a mão na barriga de tanto rir.

— Kkkk como eu queria ver isso de novo. — Falava Shaka.

— Shaka, chega aí. — Ikki chamava o loiro mostrando pra ele uma coisa.

— Você filmou?  — Perguntou quando o leonino acenou. — Manda lá no grupo.

— Vocês sabiam de tudo isso?  — Perguntou Seiya.

— Quase o tempo todo... — Dizia Saori com um pouco de dó de Seiya.

— Isso não vai ficar assim...

— Oque?  — Perguntou Camus e Milo ao mesmo tempo.

— SHUN DE ANDRÔMEDA EU IREI ME VINGAR DE VOCÊ. — Gritava enquanto apontava o dedo para o menor que suspirou desanimado.

Por mais que Seiya quisesse abraçar Shun por estar bem era demais pro seu orgulho. Ele tinha que vingar, e então ele saiu correndo para seu quarto.

— De novo não. — Suspirou todo mundo derrotado.

E o resto daquela tarde foi uma festa na piscina com direito a morango com chocolate e cerveja avontade. Já de noite todos foram pra sala para uma maratona de episódios da série Sobrenatural até de tarde sem o Seiya que ficou o tempo todo trancado no quarto.

Já passava da meia-noite mansão Kido. Todos estavam dormindo em seus quartos, bem, quase todos. No quarto número 9 podia se escutar o discurso diabólico de Seiya.

— Você vai ver Shun de Andrômeda. — Dizia Seiya enquanto pesquisa na internet por vinganças engraçadas. — Você riu de mim essa tarde. mas será eu que rirei por último, a cada segundo que passa eu fico mais forte e mais zueiro. Minha vingança será tão vingativa que até mesmo o próprio Hades vai ter dó de você e-

— Cala Baca Seiya!!!!  — Gritava Shun com seu travesseiro na cabeça. — É vingança pra cá, é vingança pra lá, eu já tou cheio.

— Eu achava que você gostava do meu descurso. — Falava triste.

— Eu gostava Seiya. — Diz irritado. — Eu gostava nas primeiras 232 vezes.

— Foi mal. — Se desculpou. — Tentarei mais baixo.

E assim Seiya continua seu discurso maligno mais baixo desta vez. Saori que estava no quarto ao lado escutava tudo é não deixava de ficar triste, quando os ddourados entraram.

— Saori, você precisa dar um fim nisso logo. — Dizia Aiolos preocupado.

— Se Seiya continuar assim vai acabar perdendo sua amizade com Shun. — Fala Shiryu preocupado com o amigo.

— Eu tenho medo que essa história de vingança acabe dando errado. — Sussurrava kki também preocupado com os menores.

— Eu sei...  — Disse Saori calma. — Acho que tenho uma maneira de impedir que Seiya arrume confusão.


Continua...


Notas Finais


Terminei mais um capítulo.
Não me matem por isso...
Pois até eu fiquei um pouco com dó do Seiya.
Espero que tenham gostado.
Não se desanimem por achar que a história está acabando, pois não é verdade.
Ainda tem muita coisa no meio.
Até o próximo capítulo.
Beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...