1. Spirit Fanfics >
  2. Country of first trip -(Kim Taehyung) >
  3. Chapter four

História Country of first trip -(Kim Taehyung) - Capítulo 4


Escrita por:


Notas do Autor


OIÊ!! De novo não esquece de deixar nos comentários alguma ideia de história ou algum personagem que vocês querem que eu faça uma história.

Boa Leitura pra vocês ☕📖

Capítulo 4 - Chapter four


Fanfic / Fanfiction Country of first trip -(Kim Taehyung) - Capítulo 4 - Chapter four

                       [Tae on]

Vocês já sabem meu nome mais vamos lá né. Sou Taehyung mais minha namorada e todo mundo me chama de Tae,tenho 19 anos e eu vou ser pai. Isso não é uma surpresa prós brasileiros que ouvem que um garoto de 19 anos vai ser pai mais proa coreanos é uma surpresa, principalmente se você não for casado. Quando S/n estava desconfiando estar grávida eu estava feliz começando a ficar feliz e animado com essa ideia,essa coisa da gente não ser casado vai ser só questão de tempo até porque ela engravidou com 15 mais seu aniversário está chegando então...como ela vai fazer 16 anos daqui a um mês é provável que Quando o bebê estiver aqui com a gente ela já tenha 17 anos, depois que ela fizer 18 vamos esperar só mais alguns meses e vamos finalmente casar e quem sabe não ter outro bebê,porque fazer um com certeza a gente vai. 

Nós estávamos deitados e ela ainda estava dormindo, até porque era 07:48 da manhã. Eu já acordava cedo pra trabalhar e como a gente dormiu cedo ontem eu acordei cedo hoje, de qualquer forma agora vou esperar ela acordar e enquanto isso não acontece vou apenas apreciar a beleza dela enquanto ela dorme.

Uma coisa que eu e ela com certeza também deve estar pensando e o que a gente vai fazer depois que o bebê nascer, isso parece idiota mas nós somos de países diferentes e muito longe um dos outros, isso me preocupar porque a mãe dela vai querer que ela fique aqui com o bebê e minha mãe que eu vá pra lá com a s/n e o bebê. Eu gosto de ficar aqui e também gosto de lá, s/n já comentou que tem vontade de ir pra lá e tenho certeza que ela moraria lá sem problema nenhum, MAAAS como nossas mães vão querer se meter no meio disso com certeza vai render brigas e mais brigas.

                 [Tae off]


Acordei com um vento no meu rosto e quando abri o olho vi a cara do Taehyung colada na minha. Eu não reclamaria se ele estivesse dormindo mais como ele tá com os dois olhos bem abertos....


-Você é doido por acaso? -me sentei na cama coçando os olhos- fica me encarando com essa cara feia uma hora dessa! Você sabe que eu não gosto disso e você faz! 

Eu estava me referindo ao fato dele ficar me encarando até eu acordar e eu sei que ele estava me encarando porque ele disse uma vez que fazia isso quando ele acordava primeiro e eu ainda estava dormindo.

Tae:Assim você me ofende! -botei a mão no peito fingindo indignação- e fique sabendo que você não é nenhuma princesa acordando.- falei emburrado vendo a mesma gritar do banheiro um "Caguei,vai arrumar uma princesa então." - sorte a sua é que eu te amo e a gente vai ter uma bebê se não eu ia mesmo. - é claro que como um bom namorado que sou ia rebater isso.

-Vai caçar quem te quer! Tá achando que tá na Disney? A última coisa que vai ver aqui e princesa. -Falei nervosa trocando de roupa, eu sabia que ele tava brincando com minha cara mais eu estou nervosa.

Tae:De qualquer forma eu me contento com a Fiona que eu Tenho! -Ri vendo a mesma mandar a blusa do pijama em mim revirando os olhos- eu vou trocar de roupa me espera ok! Eu não demoro.


Murmurei um "Uhum" e parei na frente do espelho levantando a blusa e vendo um pequeno volume se formando em baixo do umbigo, Soltei um sorrisinho feliz e me joguei na cama. Eu realmente estava feliz por ser mãe,quero muito ver o rostinho dele ou dela. Não vejo a hora de descobrir o sexo do nosso filho e pode comprar as roupinhas.


-O que a gente vai fazer hoje? -Gritei do quarto ouvindo um "não sei,quer fazer o que?" Abafado do banheiro- Comer 


Assim que respondi ouvi uma risada gostosa vindo do mesmo e logo vi a porta do banheiro sendo aberta. O mesmo saiu de lá com a toalha na cintura e seus cabelos úmidos. Provavelmente ele havia secado o cabelo antes de sair do banheiro.


Tae:Vamos no shopping? E bom que a gente olha algumas coisas pro bebê -Falei vestindo minha cueca e o restante da roupa


-Vamos!


Antes da gente ir nos avisamos minha mãe que falou para o Taehyung não me deixar comer doce e nem nenhuma besteira e esse traíra disse que não ia deixar. Seguimos o caminho e fomos pro shopping,(claro que fomos de táxi),assim que entramos fomos direto pra área da comida e fizemos nosso pedido,pegamos uma mesa qualquer e ficamos esperando.

-Porque a gente não compra shampoos e cremes? E a única coisa que a gente pode comprar agora junto com  a fralda.

Tae: Depois que a gente comer a gente da uma volta e Procura uma loja de bebês.

-ok.- falei vendo o garçom colocar nosso pedido na mesa- Foi rápido né? -vi o mesmo fazer que sim com a cabeça enquanto comia seu pão de queijo.

Tae: Rápido e gostoso!

Quando nós pagamos,fomos para loja de bebês e compramos alguns shampoos,perfumes pra bebê e creme. Eu e Taehyung olhamos algumas roupinhas que a gente achou bonitas mais como a gente não ia comprar  resolvemos andar pelo shopping

Tae:Qual língua que o nosso filho vai falar? -Perguntei curioso.

-Coreano e português! Nós temos famílias em dois países então ele não pode aprender só uma língua -Falei vendo ele concordar.

Tae: Verdade! -concordei- Vamos embora? -fiz que sim e nós saímos do shopping.

-Eu tô cansada...esses dias pra cá eu tô ficando mais cansada que o normal.

Tae:com certeza é por causa da gravidez!

Nós fizemos o mesmo trajeto de antes ,no caminho a gente até bateu um papo com o motorista super simpático enquanto íamos pra casa. Minha mãe e meu pai estavam na sala e eu e o Tae subimos para o meu quarto. Tinha uma gaveta vaga no meu guarda roupa e foi lá que eu coloquei os shampoos, perfumes e cremes do bebê. Tae trocou de roupa colocando um moletom e eu vesti uma blusa do mesmo que era confortável.

Tae:Aish eu não queria ter que ir ambora! -resmunguei me jogando na cama.

-Então não vai! Fica aqui é você vai daqui pro seu trabalho, aqui e muito mais perto do que lá do apartamento.

Tae: Verdade... então eu fico! Mais amanhã eu vou ter que ir pra lá se não sua mãe vai chingar! - concordei com a cabeça vendo o mesmo coloca sua cabeça em meu colo, comecei a  mexer em alguns fios do seu cabelo enquanto o mesmo fechava os olhos e cantarolava uma música qualquer.

A nossa noite foi uma uma coisa monótona, mesma coisa de sempre, jantamos,tomamos banho e agora estamos deitado na cama,um olhando pra cara do outro. A avó do Tae mandou uma mensagem falando que era para mim comer comidas de aparência bonita porque isso iria fazer meu filho nascer muito bonito,mas,eu acho que com comida bonita ou não ele vai nascer lindo,até porque o pai do meu filhote tem uma genética maravilhosa e com certeza ele vai puxa o pai em quisito beleza. Se Deus quiser! Amém!

Tae: Quando a gente se casar nós vamos ter outros filhos né?

-Claro, por que não?! Mais eu queria ter outro filho só quando esse aqui já estivesse grandinho.

Tae:Entendi. Eu queria ter mais quatro filhos! -Falei animado me sentando na cama recebendo um olhar mortal da mais nova- Mais só mais 2 tá bom! -sorri quadrado vendo ela rir e revirar os olhos.

-Quem sabe mais pra frente!

Tae: É...quem sabe. -falei puxando a pro meu colo.- Eu queria fazer mais um filho agora mais a médica falou que não pode, então vamos só com beijinho -falei emburrada.

-Você é muito Bobo! -sorri puxando o mais velho pra um beijo,que até então estava calmo mais começou a esquentar com o Tae apertando minha cintura com sua mão forte me fazendo rebolar em seu colo.O tecido do moletom que ele usava era um tanto fino,dava pra sentir e ver perfeitamente seu membro duro em baixo da minha intimidade e isso estava deixando minha intimidade mais molhada do que já estava. Em nenhum momento paramos o beijo e isso já estava causando uma maldita falta de ar, Quando Nós nos separamos ainda ofegantes,e eu vi os lábios do mesmo vermelhos e inchados.- Você sabe que a gente não pode né? - vi ele acentir meio leso. -Eu posso...

Tae: NÃO! Eu resolvo do banheiro.-Falei rápido me levantando,vendo meu membro nem um pouco minúsculo dando Seta- Se você me chupar eu vou ficar mais duro que já estou, e ele só vai sossegar quando estiver metendo fundo e forte em você! Mais não pode então minha mão companheira me ajuda. -falei indo pro banheiro resolver meu problema.

-Que merda! Agora eu fiquei na vontade -resmunguei ligando a TV, Tae não ia gemer alto enquanto batia uma já que meus pais estão aqui.



Notas Finais


⚠️Não revisado//Plágio é crime⚠️

Eitaaaaaa senhor da glória

Espero que vocês estejam gostando...👉👈🥺

Me desculpem pelo Capítulo pequeno😔

안녕!💗


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...