História Crawling in Their Skins - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber, Shawn Mendes
Personagens Justin Bieber, Personagens Originais, Shawn Mendes
Tags Bieber, Hospital, Hot, Justin Bieber, Romance, Shawn Mendes, Triângulo Amoroso
Visualizações 90
Palavras 1.126
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Festa, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Que desânimo de continuar a fic, 34 visualizações no último capítulo e 1 só comentário, parece que vcs não estão gostando :(

Capítulo 11 - 11


Fanfic / Fanfiction Crawling in Their Skins - Capítulo 11 - 11

Jane P.O.V.

   Ainda de olhos fechados aproveitando a sensação, eu senti quando Shawn abriu o zíper da minha calça e colocou a mão dentro da minha calcinha, continuando os movimentos circulares, sendo que agora a mão dele direto na minha intimidade, eu acabei soltando um gemido mais alto que deveria por causa daquela sensação, e a mão que estava me segurando foi direto pra tampar minha boca.

"Tenho certeza que você não quer que a gente seja demitido por isso..." - Ele disse olhando dentro dos meus olhos e sem desviar, ele aumentou a velocidade dos seus dedos e em seguida puxou minha calça mais pra baixo e enfiou dois dedos direto em mim, e fundo, eu só conseguia suspirar e morder meu lábio inferior com força. Shawn sorria feito diabo, quem diria que aquele doutor com carinha de bebê me deixaria aqui chorando em seu consultório, não disse por onde rs.

 "Você só quer que eu foda com você não é Jane?" - Ele disse e quando eu ia responder ele parou os movimentos de seus dedos e os tirou de dentro mim.

"O quê?" 

"Responda." Ele cruzou os braços na frente do seu peitoral musculoso e os dedos que estavam dentro de mim, brilhavam, molhados.

   Parei 5 segundos para pensar, e lembrei  que tinha uma garota saindo do consultório dele mais cedo, levantei as calças na mesma hora.

"Espera... O que você tá fazendo?" - ele franziu o cenho e me segurou pela cintura.

"Me larga Mendes, você tava fudendo com outra á 2 minutos atrás, eu sou lerda mas não sou otária, tchau." - Fiz menção de sair pela porta e ele começou a rir, rir MUITO e alto.

"Jane, Jane, aquela era minha irmã mais nova, ela veio me visitar e trouxe meu almoço, não acredito que você achou que eu realmente estava transando com alguém no meu consultório." - respondeu.

   E dessa vez fui eu que cruzei os braços e o encarei, tentando fazê-lo lembrar do que a gente mesmo estava fazendo há 5 minutos atrás.

"A não ser com você, é claro." - Shawn disse, revirei os olhos e ele sorriu.

"Ah me poupe Shawn Mendes, me poupe." - dessa vez ele não disse nada, apenas me beijou e me segurou firme pela nuca, eu não tive escolha a não ser beijá-lo de volta, o gosto de menta da sua boca era difícil de resistir e eu não sei como ele conseguia ficar daquele jeito o tempo todo.

"Eu quero você Jane, só você." - Ele disse me olhando nos olhos, ainda me segurando pela nuca, a boca avermelhada e inchada por causa do nosso beijo, corei na mesma hora, eu sinceramente não sabia o que responder nessas horas, eu nunca sabia. Apesar de eu querer muito estar com Dr. Shawn e quem sabe até ter um relacionamento com ele, Julie era minha prioridade e eu não sei se Mendes ia aceitar ter Justin por perto o tempo todo ou mesmo querer criar uma crianças de só 2 anos, era muita responsabilidade e ele não merecia isso.  

   Apenas fiquei em silêncio, e admirando seu rosto, sorri boba e ele me abraçou, depositou um beijo no topo da minha cabeça e eu respirei fundo pra sentir seu perfume, deixei vários beijinhos em seu pescoço e o sentir arrepiar. Depois de mais ou menos 5 minutos assim, eu avisei que tinha que voltar pro meu plantão, e ele disse que me ligaria mais tarde, quando estava saindo pela porta ele puxou meu braço como da primeira vez mas dessa vez pra me dar um selinho, me senti com 15 anos de novo. Depois de Justin ninguém nunca tinha feito eu me sentir assim de novo.

(...)

   Gwen fez questão que eu contasse tudo que aconteceu, de sexta até hoje, detalhe  por detalhe, mas meio que escondi a parte do meu momento romântico com Shawn, queria guardá-lo só pra mim por enquanto.

  Ouvi o celular apitar, antes de olhar a mensagem vi que eram 18 horas, faltavam apenas 1 hora pro meu plantão acabar.

*Com saudades de você e Julie, quero sua resposta sobre o fim de semana.* Justin

   Fechei os olhos e joguei a cabeça pra trás, talvez aceitar esse convite seria estragar tudo ccom Shawn mas minha bebê precisava de um tempo com a avó paterna que sempre foi incrível.

(...)

   Já em casa, Julie pediu por pizza e eu atendi seu pedido, brincamos na cozinha com a farinha de trigo, e quando a pizza estava no forno eu e ela estávamos brancas por causa da farinha, tirei uma fotos de nós duas e postei no meu facebook recebendo comentários comentando o como estávamos engraçadas.

   Dei banho na minha khaleesi, e ela foi dormir por volta das 21 horas da noite.

   Escutei a campainha tocar e achei estranho, quando olhei no olho mágico lá estava um Shawn descontraído, esperando eu abrir pra ele, não disse o quê.

[   Deixando os pensamentos eróticos a parte, eu abri a porta pra ele, e ele me olhou embasbacado de cima a baixo mas não de tesão de surpresa por eu estar inteiramente suja]

   Deixando os pensamentos eróticos a parte, eu abri a porta pra ele, e ele me olhou embasbacado de cima a baixo mas não de tesão de surpresa por eu estar inteiramente suja. Como de costume lá estava Dr. Shawn Mendes, cardiologista do hospital rindo da minha cara.

"Ou, parou" Eu comecei a rir junto com ele dessa vez. "O que você tá fazendo aqui?"

"Vim comprar um pouco do pó pra cheirar, antes que você acabe com ele." - Mendes disse zoando com a minha cara.

"AHAHA." fiz um riso forçado e fiz um sinal pra ele entrar.

"Julie tá dormindo?" Ele fez a pesquisa completa mesmo, minha casa, o nome da minha filha, não lembro de ter dito essas coisas pra ele, será que Shawn era um psicopata ou um assassino em série? Porque esses eram os únicos motivos dele ter se interessado em mim.

"Tá sim" falei limpado as mãos na roupa, o que não adiantou muito.

"Quer ajuda pra tomar um banho?" - falou tentando ficar sério, segurando o riso. 

"Eu sou bem grandinha, acho que posso tomar um banho sozinha."

"Eu acho que não." Ele disse colocando a mão no queixo e me olhando de cima a baixo.

  Eu ri com a palhaçada dele.

"Deixa eu te ajudar, eu sou médico, sou ótimo com banhos." quando ele falou me puxou pra mais perto e acabou sujando ele também.

"Você não ia ligar Mendes?" - falei brincalhona.

"Não aguentei ficar longe por muito tempo." - falou baixinho no meu ouvido e eu me arrepiei já me acostumando com aquilo, e com a sensação de estar nos seus braços.


Notas Finais


Se estão gostando e querem que continue comentem por favor, se não eu n vou ter animação pra escrever o próximo :(


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...