História Crazy - Capítulo 11


Escrita por:

Visualizações 8
Palavras 1.845
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


SÓ LEIAM

B
O
I
A

L
E
I
T
U
I
R
A

Capítulo 11 - Aproximação


Fanfic / Fanfiction Crazy - Capítulo 11 - Aproximação

P.O.V Cellbit

Acordo com carinhos na cabeça e percebo que era o Felps, ele estava conversando com o Mike, Pac e o Batista que não sei de onde surgiu

-bom dia bela adormecida!-Batista me cumprimenta e levando de mal grado o carinho dele estava tão bom

-bom dia! Que dia é hoje!?

-hoje é o dia de iniciação de competições!-Mike

-estou nervoso imagina ter que me apresentar para todos!-Batista-sei que vou estar ao lado do Jv mais são três colégios que vão participar

-vocês são os melhores entre eles!-Pac o anima

-talvez!-ele me olha-não quer ficar no meu lugar Rafa!?

-não! Estou no judô lembra!?

-aff, Pac!?

-obrigado mais estou em natação! Além do mais eu sou péssimo em qualquer matéria!

-e vocês dois!?

-futebol! Sou o capitão ainda não posso abandonar o time!-Mike diz pegando sua farda indo direto para o banheiro

-estou ferrado!-batem na porta freneticamente e atendo

-olá Clebinho!-Luba entra com T3ddy e Jv

-olá!

-o Jv está maluco, ele só está falando em cálculos!-T3ddy vai ao ponto de uma vez

-é... só estou nervoso-ele diz

-ele também!-Felps diz e o Batista acena com a cabeça-nosso colégio vai perder!

-obrigado, ajudou muito!-digo dando um tapa em sua cabeça e ele ri-vocês vão consegui! Nós acreditamos em vocês!

-valeu!-Mike sai do banheiro vestido e por um segundo achei que o Pac ia babar

-FECHA BOCA TARIK!-Luba faz questão de gritar

-não sou surdo não

 

Atenção colégio, quero todos na quadra aos meio dia, as competições vão ser abertas com as líderes de torcida, logo depois o show de talentos, e depois os exemplares vão responder perguntas e respostas!  

 

O som corre pelo colégio todo e um pequeno pânico corre pelo meu corpo, se eu esquecer a letra no meio da apresentação!? Vou prejudicar meus amigos, eles vão me odiar pelo resto da vida!

-não Rafa, não vamos te odiar se esquecer a letra!-Pac diz e eu olho confuso

-como sabia!?

-crescemos juntos, sei quando está dando seus surtos internos, besta!

-ok...vou me arrumar-levanto pegando minha farda, hoje eu usaria minha farda com a jaqueta e não suéter. Vou ao banheiro me trocando rapidamente, saio vendo Pac mostrar um álbum de fotos

-não acredito que você está fazendo isso, mostrando as maluquices que fazíamos quando crianças!?

-yep e você não pode me impedir!

-aww até que o rafa era fofinho!-Felps provoca e reviro os olhos-agora é uma peste!

-vai se foder Felipe!-digo

-só se você for comigo!-fica na minha frente

-idiota!

-chato!

-retardado mental!

-mais é você que mexe com meu psicológico!-coro e ele ri me dando um selinho em seguida, PUTA MERDA FELIPE!

-eu acho que estou chego!-Luba diz coçando os olhos-é isso mesmo!? O Felps deu um selinho no Cell por conta própria assim do nada!

-ops!-faz cara de inocente-não era para ninguém ver!

-ata e eu sou unicórnio azul!-Batista-mas confesso que eu amei de mais!

-somos todos shippers Cellps!-Pac começa

-vamos tomar café logo!?-digo eles concordam rindo

Fomos para o refeitório pegando nosso café e indo para nossa mesa no canto de tudo e todos, estava tudo calmo e tranquilo quando Rezende chego com seu grupinho e mais três integrantes neles, o que só pode dá merda já que são os mesmos que bateram no Batista, o mesmo se encolhe no seu canto e Jv passa o braço por seus ombros puxando ele para seu peito em forma de proteção, e Felps ficou mais perto de mim

-olá

-novos recrutas Rezende, novos os amiguinhos para te ajudarem a bater em mim já que não consegue sozinho-Felps provoca

-calado Serial Killer! Por que quem vai sofrer é seu namoradinho aí!-um dos garotos diz e Rezende concorda!

-tenta!-continua ele ia levantar para ir pra cima do garoto mais seguro sua mão e ele desiste

-as vezes eu acho você muito desafiador Felipe, mais está mais para um garotinho assustado, que perdeu o querido papai num acidente de carro, que você e o Pk sobreviveram não é mesmo!? Será que esse acidente não foi provocado por alguém!? Qual é Fê, e aquele que foi seu padrasto não podia ter provocado o acidente, por que ficou caladinho!? Se machucou foi!? Tadinho!

-não liga para ele Fê!-digo baixo ele me olha

-olha que romântico, um namorado consolando o outro! Pena que ele não vai tirar sua virgindade, não é!? Aé você também não perdeu com o Rezende! Quantos anos você tinha mesmo!? 12, 13, 14 anos, 14 não é muito novo para perder não!? Aé você não perdeu por quere, foi estuprado, não tem vergonha de ainda está vivo não!? Pense pelo lado positivo! Tarik e Rafael estavam com você, não sei como vocês não se livraram dele, se não fosse ele chamando vocês para brincar estavam inteirinhos! Ainda tem aquela história do Rezende não é, que vergonha, qual a parte do amor não existe você não intendeu!? Sabe como eu sei disso tudo!? Nós éramos os garotinhos que brincaram com vocês! Não mudaram muita coisa não é mesmo!? Mais agora tanto faz, foi a quatro anos atrás!-eu chorava, Pac e Guaxinim choravam junto comigo, não vi direito quando Felps deu um soco no mesmo e começaram a brigar, não brigaram demais pois a diretora apareceu e levou a gente para a diretoria, eu realmente não estava me importando de receber castigo ou detenção, eu só queria morrer! Meu passado voltou com tudo e doí tanto. Estamos sentados na sala de detenção a diretora disse que a gente só poderia sair quando fosse meio dia para as apresentações, mais eu não quero mais apresentar, Guaxinim está sendo consolado por Pk e Calango, Pac por Mike, Luba, T3ddy, Jv e Batista estão planejando uma maneiro de matar Rezende e sua turminha que ficaram separados da gente e o Felps estava olhando para mim a mais de 15 minutos, eu pedi para ele não tentar me consolar e foi o que ele fez, sentou de frente para mim do outro lado da sala

-vocês não podem ficar assim!-T3ddy começa e o olhamos-sei que machuca, mais vocês são mais fortes do que isso! Vocês tem que levantar e mostra quem manda, não abaixar a cabeça e deixar ele vencer! Caralho se vocês passaram por isso, podem passar por qualquer coisa não acha!?

-o T3ddy está certo!-Batista-Sei como vocês sofreram e como foi cada dia de tentar fazer vocês levantarem da cama, porque não queriam viver, mais passou não foi, vamos fazer passar de novo como sempre quando vem uma tempestade, nós afogamos mais nadamos até a costa, caímos mais levantamos, choramos em uma noite mais pode ter certeza que os outros dias sorrimos, nós perdemos mais pode ter certeza que o destino nos encontra, o destino pode tentar fazer a gente sofrer mais pode ter a certeza que algo bom ele prepara, só precisamos esperar, viver cada dia como se fosse o último, sorrir para o seu pior inimigo, encontrar seu verdadeiro amor!-olho para Felps e ele olha para mim, uma batida falha, até três, o que está acontecendo comigo!?-viver ao lado de quem te ama é a melhor coisa do mundo, por que você sabe que essa pessoa vai estar contigo até quando não puder, o Rafa disse que nunca mais ia amar, mais ele mesmo concordou que, do que adianta morrer sozinho sem ninguém do lado para compartilhar seus momentos!? Então ame-um monitor abriu a porta

-podem sair!

-então vocês vem!?

-eu vou!-Guaxinim diz

-eu também-Pac

-e você Rafa vem também!?

-eu vou, mais só porque eu quero mostrar que posso viver feliz!-digo e eles comemoram, saímos e demos de cara com o grupinho do Rezende

-curtiram o castigo!?-ele pergunta

-sim, aprendi a ser feliz com pequenas coisas, aprendi a amar principalmente!-olha para Felipe que está olhando para o chão, entrelaço nossas mãos e ele sorrir-e para você que sabe nada de felicidade! O amor existe sim é só saber procurar! Se nos dão licença temos um show de talentos para participar!-digo e fomos para a sala de música pegar os instrumentos, e corremos para a quadra ficando atrás do palco esperamos nossa vez

-estou nervoso!-T3ddy diz

-lembra gente quem está controlando o som sou eu então sem preocupações-Pac diz

-esse é o problema!-Mike diz e recebe um tapa do mesmo-mentira, pra que agredir!? Eu estou de boa serio!

-claro você só vai tocar gaita!

-ok é só lembrar do ensaio!

-estaremos na plateia tchau!-Pk, Guaxinim e Calango dizem indo embora

-agora recebam os próximos competidores!-diz e subimos para o palco, Rezende sua turminha estavam na plateia olhando tudo

Batista começou solo com o violino e logo todos estavam tocando em harmonia

-What if, what if we run away?

What if, what if we left today?

What if we said goodbye to safe and sound?

And what if, what if we're hard to find?

What if, what if we lost our minds?

What if we let them fall behind and they're never found?

 

And when the lights start flashing like a photo booth

And the stars exploding, we’ll be fireproof

 

My youth, my youth is yours

Tripping on skies, sipping waterfalls

My youth, my youth is yours

Run away now and forevermore

My youth, my youth is yours

A truth so loud you can't ignore

My youth, my youth, my youth

My youth is yours

 

What if, what if we start to drive?

What if, what if we close our eyes?

What if we're speeding through red lights into paradise?

Cause we've no time for getting old

Mortal body; timeless souls

Cross your fingers, here we go

 

And when the lights start flashing like a photo booth

And the stars exploding, we’ll be fireproof

 

My youth, my youth is yours

Tripping on skies, sipping waterfalls

My youth, my youth is yours

Runaway now and forevermore

My youth, my youth is yours

A truth so loud you can't ignore

My youth, my youth, my youth

My youth is yours

 

My youth, my youth is yours

Tripping on skies, sipping waterfalls

My youth, my youth is yours

Runaway now and forevermore

My youth, my youth is yours

A truth so loud you can't ignore

My youth, my youth, my youth

My youth is yours

My youth is yours

My youth is yours

 

A plateia vai a loucura e juro que vi o Rezende babar mais quem disse que mi importo!? Agora meus olhos estão em Felipe, descemos do palco e Felps me puxa para o jardim do Colégio onde estava incrivelmente vazio

-por que me trouxe aq...-me interrompe selando nossos lábios em beijo lento e calmo, acabo sendo prensado na arvore que tinha ali perto, instantaneamente minha mão vai para debaixo de sua camisa e fico alisando seus gomos não tão definidos, abro minha boca dando passagem para sua língua que agora comando o beijo, acabo gemendo com o sensação do choque elétrico no meu corpo, sua mão vai para minha bochecha e aprecio o toque carinhoso ali O ar fez falta e nos separamos

-desculpa precisava fazer isso!

-eu gostei! Vamos perder a competição dos meninos!

-não vamos não, mais antes!-me beija novamente e recebo de bom grado


Notas Finais


eu estou muito orgulhosa de mim mesmo pela pegação Cellps

TRADUÇÃO:

Juventude
E se, e se nós fugíssemos?
E se, e se fôssemos embora hoje?
E se, déssemos adeus para nos salvar?
E se, e se fôssemos difíceis de encontrar?
E se, e se nós perdêssemos a cabeça?
E se nós os deixarmos ficar para trás e eles nunca forem encontrados?

E quando as luzes piscarem como uma cabine fotográfica
E as estrelas explodindo, seremos à prova de fogo

Minha juventude, minha juventude é sua
Viajando pelos céus, bebendo cachoeiras
Minha juventude, minha juventude é sua
Vamos fugir agora e para sempre
Minha juventude, minha juventude é sua
A verdade grita alto, não dá para ignorar
Minha juventude, minha juventude é sua
Minha juventude é sua

E se, e se a gente começasse a dirigir?
E se, e se a gente fechasse os olhos?
E se cruzássemos o farol vermelho rumo ao paraíso?
Porque não temos tempo para envelhecer
Corpo mortal; almas eternas
Cruze os dedos, aqui vamos nós

E quando as luzes piscarem como uma cabine fotográfica
E as estrelas explodindo, seremos à prova de fogo

Minha juventude, minha juventude é sua
Viajando pelos céus, bebendo cachoeiras
Minha juventude, minha juventude é sua
Vamos fugir agora e para sempre
Minha juventude, minha juventude é sua
A verdade grita alto, não dá para ignorar
Minha juventude, minha juventude é sua
Minha juventude é sua

Minha juventude, minha juventude é sua
Viajando pelos céus, bebendo cachoeiras
Minha juventude, minha juventude é sua
Vamos fugir agora e para sempre
Minha juventude, minha juventude é sua
A verdade grita alto, não dá para ignorar
Minha juventude, minha juventude é sua
Minha juventude é sua
Minha juventude é sua
Minha juventude é sua


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...