História Crazy in Love - Emison - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Emily Fields, Hanna Marin, Spencer Hastings
Tags Alison, Dilaurentis, Emily, Emison, Fields, Pll
Visualizações 144
Palavras 2.200
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa tarde pessoas.... Sei que estou muito boazinha então está ai mais um capitulo por hoje!!!

Capítulo 9 - Capitulo 9


Fanfic / Fanfiction Crazy in Love - Emison - Capítulo 9 - Capitulo 9

POV EMILY:

Depois do dia totalmente sem graça que tive resolvi ir para minha cama e dormir, quando eu estava subindo as escadas vi Caleb chegar com um sorriso enorme no rosto, me fazendo deduzir que o dia com a Dilaurentis havia sido ótimo.

Cal – Oi maninha... – Se aproximou e beijou minha bochecha

Em – Nossa e essa alegria toda? – Lhe abracei –O dia com a Dilaurentis rendeu hem... – Sorri fraco

Cal – Que nada mana... Deixei ela na casa dela bem cedo, acredita que fomos assaltados? – Falou assustado

Em – Sério? – Arregalei os olhos – E como foi isso?

Caleb me contou toda a situação e fiquei espantada com a forma que Alison agiu, não imaginava que ela era tão corajosa assim e muito menos que sabia lutar.

Em – E depois você ficou aonde? – Arqueei a sobrancelha

Cal – Qual é Em... Já basta a Dona Pam me controlar e agora você também? – Sorriu – Estava por ai! Agora vou me deitar, boa noite maninha... – Beijou minha testa e subiu

Fui para meu quarto e me deitei, coloquei um fone de ouvido e pouco tempo depois adormeci.

POV ALISON:

Eu acordei disposta a ter um dia maravilhoso hoje e nada nem ninguém iria atrapalhar meus planos, fui em meu guarda-roupa, peguei uma bela roupa e logo depois fui tomar um banho para ficar cheirosa e magnífica.

Enquanto tomava meu banho me lembrei do dia anterior e em como fui imprudente de enfrentar aquele idiota como eu fiz, eu não podia deixar ele se aproveitar de mim, não depois de tudo que passei em minha infância rapidamente tratei de afastar esse pensamento e me lembrei do beijo que eu e Caleb havíamos trocado, era incrível como eu não tinha sentido nada com os seus toques, ao contrário do que aconteceu com Emily... Como aquela morena conseguiu me fazer sentir todas aquelas coisas e toda aquela emoção que senti? Neguei com a cabeça e terminei meu banho, afinal hoje meu dia seria espetacular e eu não podia deixar que ninguém atrapalhasse isso.

Desci para tomar meu café e todos já esperavam por mim, depositei um beijo na bochecha de todos e me sentei, servindo-me de uma torrada e um copo de suco.

Kenn – E então como está sendo com o Caleb? – Me olhou animado

Ali – Ele é um bom rapaz papai, mas você sabe que eu não quero me casar agora. – O encarei

Jess – Você não tem que querer nada Alison! Quem decide somos nós. – Passou o guardanapo levemente em sua boca.

Han – Sinto nojo de vocês às vezes... – Revirou os olhos.

Kenn – Isso são modos de falar com seus pais Hanna? – Arqueou a sobrancelha

Han – Desculpa se não sou tão prendada como a Dilaurentis modelo ai... – Apontou para mim

Ali – Hanna não tente me atingir... – Revirei os olhos

Kenn – Jéssica sua filha tem que aprender a ter bons modos... – Falou calmamente – Devíamos pensar seriamente em levá-la para um colégio interno na Inglaterra.

Jess – Tem razão Kennett, pensarei na hipótese.

Han – Nem pensem que eu sou tão fácil de controlar como a Alison! Eu não saio dessa casa para ir para um colégio interno nem morta... – Bufou e se retirou da mesa          

Ali – Vocês não deviam ter falado assim com ela. – Suspirei fundo

Kenn – Sua irmã tem que entender quem manda Alison... Logo vou arrumar um casamento para ela também! – Falou confiante

Senti ânsia só de ver como meus pais conseguiam ser insuportáveis, me levantei e sai indo em direção á escola. Em poucos minutos cheguei e rapidamente fui ao encontro da Aria, tínhamos muitas coisas para conversar e eu teria que atualizá-la sobre como minha vida mudou de uma hora para a outra.

Aria – Que bom te ver Alison! – Se aproximou e beijou meu rosto

Ali – Digo o mesmo Aria... E ai como passou depois de ontem? – Me virei para guardar uns livros, pois agora seria aula de educação física

Aria – Foi um tédio amiga... – Revirou os olhos – Mas eu preciso te contar sobre o babado que está correndo por todo o colégio! – Deu um pulinho de empolgação

Ali – Qual? – Arqueei a sobrancelha e a encarei

Aria – Parece que a Fields é lésbica... Está de agarramento com a St.Germain por todo o colégio. – Fez uma cara de nojo

Era incrível a capacidade que a pele de porco tinha de espalhar informações, revirei meus olhos e bati a porta do meu armário com força, sem nem me dar conta da força que eu tinha usado para fechá-lo.

Aria – Por que não esta animada ou pelo menos espantada com essa noticia? –Me olhou confusa

Porque eu já sabia disso e além do mais eu e Emily nos beijamos ontem? Pensei enquanto analisava a expressão confusa da baixinha em minha frente.

Ali – Sei La Aria – Dei de ombros – Só acho que a Fields é do estilo ‘’pegadora’’ – Fiz aspas com os dedos- Então não seria nenhuma novidade que ela também ficasse com garotas...

Aria – É nisso você tem razão.

Ali – E quando eu não tenho razão Aria? – Soltei uma risada baixa

Aria revirou os olhos e me abraçou, logo depois nos despedimos e fui em direção ao ginásio. No caminho vi a morena um pouco a minha frente,caminhando com passos lentos enquanto conversava no telefone, resolvi diminuir o ritmo que estava andando para escutar o que ela falava.

Em – Não sei se vou poder ir hoje... – Bufou –Eu também estou com muitas saudades pequena...– Deu uma gargalhada – Eu farei de tudo para ir hoje depois da aula ai... Também te amo! – Soltou vários sons de beijo no telefone e em seguida desligou.

Senti uma raiva consumir todo meu corpo, como assim ela tinha me beijado e agora estava falando que amava outra pelo telefone? Sem dúvidas a fama de pegadora da Fields não era apenas boatos. Me apressei e lhe dei um esbarrão, batendo com força em seu ombro, em seguida segui como se nada tivesse acontecido.

Em – NÃO OLHA POR ONDE ANDA NÃO DILAURENTIS? – Gritou

Ali – Ah... Desculpe Fields, eu não enxergo muito bem quando encontro insetos pelo caminho! – Sorri cinicamente e cruzei os braços

Em – O que deu em você? – Se aproximou de mim me encarando

Ali – Nada... – Dei de ombros e me virei para continuar andando em direção ao ginásio.

Em – Olha aqui garota... –Segurou meu braço e me puxou fazendo que eu me virasse e ficássemos praticamente coladas.

Ali – O que foi Fields? – Não consegui desviar minha atenção de seus lábios, eu queria beijá-los novamente, Deus como queria.

Em – Quer um babador Dilaurentis? – Sorriu maliciosamente

Ali – O QUE? – tirei minha atenção de sua boca e olhei em seus olhos

Em – Nada Alison... – Sorriu novamente e me soltou – Melhor irmos para a aula ou vamos nos atrasar. – Falou firmemente

Ali – Pode ir na frente! Eu não quero ser obrigada a andar ao lado de insetos como você... – Cruzei os braços

Emily deu de ombros e se virou voltando a andar, dessa vez de forma mais rápida. Com quem será que ela estava falando ao telefone? Bom pelo que entendi, ela iria depois da aula encontrar com essa pessoa, não seria má idéia segui-la e descobrir quem era... Afinal conhecer seus inimigos sempre era útil! Estava decidido depois da aula eu iria segui-la.

Entrei no ginásio recebendo os olhares de reprovação da professora Harvey, pois com certeza eu estava bem atrasada, apenas dei de ombros e fiquei ao lado da Mona que como sempre ficava super animada a me ver.

Prof – Bom o jogo hoje vai ser queimada formem equipe de cinco e vamos começar a jogar logo! – bateu as mãos para que nos mexêssemos.

O time ficou dividido da seguinte maneira: Eu, Mona, Lucas, Noah e Mindy contra Emily, Spencer, Laura, Cindy e Toby. Seria fácil demais vencê-los e eu faria questão de queimar a morena para acabar de vez com toda aquela marra que ela estava.

Como eu imaginava foi tranqüilo, Spencer, Laura e Cindy já haviam sido queimadas faltando apenas os dois para acabar a partida, todos tentavam queimar a morena, mas a forma como ela se movia tão rápido e ao mesmo tempo calma, fazia ser quase impossível queimá-la.

O jogo acabou virando e em uma reviravolta Toby e Emily conseguiram queimar quase todos deixando somente eu e Mona no nosso campo, Toby jogou uma bola forte em minha direção e consegui segura-la e logo depois revidei conseguindo queimar o mesmo.

Toby queimou Mona deixando somente eu e Emily no campo, todos nos olharam com um olhar de ‘’isso vai dar merda’’ e talvez realmente daria, pois nossa rivalidade e a raiva acumulada que eu estava sentindo dela me dariam o fôlego necessário para vencê-la.

Em – Vamos lá Dilaurentis... – Sorriu me provocando – Jogue com força!

Ali – Digo o mesmo para você Fields!

Começamos uma disputa intensa, eu jogava ela desviava, ela jogava eu segurava e foi assim sucessivamente até que quando joguei a bola e por um descuido dela, acabou batendo em seu rosto fazendo que ela caísse no chão com a mão no nariz, onde vi perfeitamente sair sangue do mesmo.

Ali- DROGA FIELDS! – Bufei e em seguida me aproximei para ajudá-la

Em – ALISON SE AFASTA! – Me encarou com raiva e eu a olhei preocupada

Ali – Eu não fiz de propósito e você sabe disso! – Cruzei os braços e a olhei indignada

Prof – Vocês duas parecem ter um imã que atrai confusão... – Bufou

Spen – Tinha que ser essa largatixa branca que não sabe perder! – Me fuzilou com o olhar

Ali – Quem o poste ambulante pensa que é para falar assim comigo? – Me aproximei a encarando

Spen – Sou a pessoa que qualquer dia vai te dar uma surra! – Bufou

Em – SPENCER! – A repreendeu

Spen – Qual é Emily?Vai defender ela agora... – Revirou os olhos

Ali – Eu não preciso que ninguém me defenda Hastings! – Falei firmemente

Mona – É melhor você deixar minha amiga em paz poste ambulante! A Alison não fez por mal... – Segurou em meu ombro – Aposto que foi sua amiguinha que provocou!

Em – SÉRIO ISSO? VOCÊ É UMA GÊNIA MONA... – Bufou – Descobriu meu plano de sair daqui sangrando só para brigar com a Dilaurentis... – Revirou os olhos

Não contive e comecei a rir, realmente Mona tinha sido muito idiota de falar o que falou.

Prof – Emily o sangramento cessou, mas quero que vá na enfermaria verificar se está tudo bem e Alison vá com ela!

Ali – Sério professora? – Fingi revirar os olhos, pois eu realmente queria acompanhá-la para ter certeza que ela ficaria bem, mas eu não deixaria que ninguém percebesse isso

Prof – Isso ou uma advertência...

Ajudei Emily se levantar e fomos para a enfermaria.

Em – Parece que sempre terminamos unidas Dilaurentis. – Suspirou fundo

Ali – Não se acostume Fields! – Revirei os olhos e segurei meu riso – Aquela sua amiguinha é realmente insuportável, como você mesmo. – Bufei

Em – Não fala assim dela Alison! Eu não admito – Esbravejou

Chegamos na enfermaria e analisaram o estado da Emily e constataram que nada tinha acontecido, soltei um suspiro de alivio por saber que ela estava bem, mas tratei de disfarçar novamente

Ali – Pronto? – A encarei

Em – Você realmente tem uma mão muito pesada Dilaurentis...

Ali – Não tenho culpa que você tenha se distraído com minha beleza e deixou a bola bater bem na sua cara. – Sorri

Em – Aff... – Revirou os olhos e em seguida colocou a mochila nas costas indo para a saída do colégio.

Essa era a hora... Peguei minhas coisas e rapidamente fui para meu carro e observei a morena entrar no seu, quando eu estava ligando a chave para sair, a porta se abriu e Hanna entrou suspirando forte, dando a entender que seu dia estava sendo péssimo.

Han – O que esta fazendo? – Me olhou confusa

Ali – Preciso ver onde a Fields está indo... – Continuei prestando atenção nos movimentos da Emily

Han – E por que nós estamos fazendo isso mesmo?

Ali – Eu quero ver o que ela esta escondendo... Mas espera ai, não existe ‘’NÓS’’ nisso! – A encarei por um momento

Han – Eu estou entediada e não quero voltar para casa agora.Então vou te ajudar a espioná-la! – Sorriu animada

Ali – Hanna... Não estou espionando ninguém, apenas indo para o mesmo lugar que a Fields vai. – Falei firmemente

Han – Então ta! ‘’Vamos juntas para onde a Fields vai ‘’- Fez aspas com a mão

Emily ligou o carro e saiu e em seguida fiz o mesmo eu iria ver quem era a piranha com quem ela estava saindo, ela estava muito enganada se achava que podia me beijar e depois falar que amava outras pessoas assim...

Han – Alison não precisa dirigir igual uma louca! – Bufou

Ali – Você veio porque quis Hanna... Agora agüente – Revirei os olhos

Han – AI MEU DEUS O CARRO ALISON! – gritou

Rapidamente desviei e enfim o carro da Emily parou, estacionei há uma distância segura e logo depois ela desceu do carro, começando a caminhar a pé.

Ali – Fica aqui Hanna... Eu vou atrás dela – Disse tirando o cinto e abrindo aporta do carro.

Han – Só toma cuidado Alison, aqui não é uma área muito bem freqüentada! – Me olhou preocupada

Assenti com a cabeça e comecei a andar, não sei o que a Emily estava pensando por se envolver com alguém desse nível, esse local era considerado a parte baixa de Rosewood e sem dúvidas pessoas de bem não moravam aqui.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...