História Creatures in Salém - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hidan, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakuzu, Kiba Inuzuka, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Rin Nohara, Rock Lee, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Shino Aburame, Temari, TenTen Mitsashi
Tags Gaaino, Naruhina, Nejiten, Sasusaku, Shikatema
Visualizações 81
Palavras 3.104
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 13 - Lee conhece Obito


Tenten'Pov's:

 

Quando sentir aquelas mãos em mim, era como se uma descarga elétrica passasse pele meu corpo. Ele despertava em mim um sentimento única:

 

_ Vamos andar nessa velocidade mais um quilômetro aí nós paramos para comer tá bom - disse Neji com um sorriso de canto

 

_ Aii que bom, tô morrendo de fome - disse com o rostinho tristinho

 

Quando ele me viu com o rostinho triste ele me puxou pela nuca e me deu um beijo forte:

 

_ Neji! A estrada - disse incrédula, ele riu… seu sorriso me contagiou a sorrir também

 

Shikamaru'Pov's:

 

Eu e Temari paramos em um restaurante afinal já era praticamente a hora do almoço:

 

_ Hmm… meu peixe tá ótimo, prova? - Temari desde que a gente se conheceu tinha uma mania de me fazer provar o'que ela estava comendo

 

Dei um sorriso de canto e tomei o garfo de sua mão:

 

_ É… tá bom mesmo - disse sorrindo e olhando para ela - isso me trás lembranças - disse sem olhar para ela

 

_ah sim… - disse Temari vermelha

 

_ Sente saudade do que a gente tinha Temari? - perguntei ainda sem olhar para ela

 

_ Sinto, mas… - ela disse com uma voz triste mas interrompi

 

_ Por favor, sem "mas" - disse tocando a sua mão - não vou mentir, eu sinto tanta falta - disse olhando para sua boca, sentindo uma vontade imensa de tomar esses lábios

 

_ Shika… - a interrompi novamente

 

_ Temari, não deixe essa situação mais problemática do que já está - disse me aproximando dela

 

Me aproximei o bastante para sentir a sua respiração, quando os nossos lábios quase se tocaram, o celular de Temari toca:

 

_ Não vai atender? - perguntei sem me afastar de seu rosto

 

_ Não sei… - disse Temari - não, não Shika a gente não pode… - interrompi ela. Pois sabia que não iria conseguir ouvir o resto da frase

 

_ Vou pagar a conta - disse me levantando

 

Não quero desistir de Temari, e não vou desistir. Conheci outras mulheres depois que Temari foi embora, mas nenhuma era como ela, porque Temari é única. Forte, linda, inteligente… Não consigo me imaginar sem ela.

 

Gaara'Pov's:

 

Eu e Ino paramos em um restaurante. Tinha algo de estranho com a Ino, ela estava fraca e isso não é uma característica que ela carrega:

 

_ Ino, vocês tá péssima - fui sincero

 

_ Ah não?! Jura?! Achava que não dava pra perceber - Ino foi sarcástica

 

_ Se quiser no próximo hotel que passar a gente para lá e descansa… - Ino me interrompeu

 

_ Não podemos, temos que estar em Arkansas nas próximas 23h, não temos tempo pra parar - disse Ino - saímos pelo menos de Massachusetts?

 

_ Sim, estamos em Hartford - disse comendo um sanduíche - e já é 12h, vamos parar em um hotel às 18h e voltaremos para a estrada às 6h. Ta bom assim?

 

_ Tá bom, então vamos logo Gaara… quanto mais rápido chegarmos, mais tranquila eu fico - disse ino

 

Ino estava mal, triste. Ninguém está tão mal quanto ela por ter que abandonar Salém, ela sempre dizia "eu não vou fugir", ela sempre quis mostrar para suas ancestrais que ela era forte, e de repente ela fugiu, porque não houve escolha.

 

Naruto'Pov's:

 

Já era 16h da tarde quando passamos por um hotel, como já estava entardecendo resolvi que ficariamos lá:

 

_ Achei que parariamos só às 18h - disse Hinata descendo da moto

 

_ Acho que vai demorar muito para encontrarmos outro hotel - disse estacionando a moto - e confesso que estou um pouco cansado - disse com um sorriso e coçando a nuca

 

_ Ah Claro - disse Hinata

 

Pegamos as mochilas e entramos no hotel, fomos direto a recepção:

 

_ Boa tarde - disse uma idosa

 

_ Boa tarde é… tem dois quartos de solteiro? - perguntei

 

_ Infelizmente senhor estamos lotados e existem pessoas que fizeram reservas então… - aí droga

 

_ Vamos ver se encontramos um mais pra frente Naruto… - a idosa interrompeu Hinata

 

_ Ah, espere um minuto…Vocês se importam em dormir em um quarto de casal? - Perguntou a idosa

 

Olhei para Hinata que ficou vermelha, pedi para que a senhora segurasse a vaga e puxei a Hinata para um canto:

 

_ Hina, se você vê problema nós podemos… - Hinata me interrompeu

 

_ Não Naruto, você precisa dormir…Vamos ficar - disse Hinata

 

_ Tem certeza? Não quero te deixar desconfortável… - Disse percebendo que ela ainda estava vermelha

 

_ Tenho Naruto - disse pegando minha mão e me puxando para a recepção - Senhora, nós queremos o quarto

 

_ A que bom, então… - foi até a parede e pegou a chave do quarto - ele é no terceiro andar a direita, o número da porta é o número que está na chave. Eu acompanharia os senhores mas eu não aguento andar muito…

 

_ Imagina, não precisa obrigado - disse Hinata - vamos? - disse olhando pra mim

 

Peguei as mochilas e fomos para os nossos quartos. Hinata abriu a porta, assim que vi a cama joguei as mochilas no chão e me joguei na cama:

 

_ Naruto, se importa de eu tomar banho primeiro? - disse se sentando do meu lado

 

_ Não - disse me aconchegando na cama

 

Rin'Pov's:

 

Eu havia acordado com o dom da buzina de um caminhão, acordei assustada:

 

_ Aí que droga… estou tentando achar um hotel na estrada… - disse Kakashi

 

_ A gente pode parar em um restaurante? - perguntei sonolenta, como eu dormi a tarde toda não toquei em comida

 

_ Prometo que encontrando um hotel eu vou providenciar isso Rin - disse Kakashi

 

Kakashi estava se esforçando para cuidar de mim. Sempre foi assim.

 

Sasuke'Pov's:

 

Eu finalmente encontrei um hotel, mas Sakura estava dormindo. Tranquei a porta e a deixei no carro dormindo, fui até a recepção verificar se havia quartos:

 

_ Com licença… tem quarto vago de casal? - perguntei ao homem na recepção

 

_ Sim senhor - disse o homem da recepção

 

_ Vou querer, e um serviço de quarto também… - disse indo em direção ao carro, Sakura ainda estava dormindo, então peguei ela no colo e a carreguei até o quarto, deixei ela na cama e fui buscar as malas.

 

Já que Sakura estava dormindo, pedi o jantar e fui tomar um banho.

 

Um banho bem gelado e relaxante, passei o dia inteiro sentado em um carro, dirigindo sem fechar os olhos um minuto.

 

Saí do banheiro, com uma toalha enrolada na cintura e secando o meu cabelo, ainda molhado. Quando me deparo com Sakura sentada na cama:

 

_ Tava na hora - disse me aproximando dela - melhor você tomar um banho, o nosso jantar já vai chegar

 

Ela se levantou bem sonolenta e foi até o banheiro, me vesti e peguei o mapa para ver quanto chão a gente tinha ainda.

 

Estava percebendo que minha veia estava ressecando então peguei o meu estoque de bolsa de sangue. Estava procurando consumir pouco porque eu não sabia quanto tempo iríamos ficar já estrada.

 

Em poucos minutos Sakura sai do banheiro, de toalha, molhadinha, essa imagem era perfeita. Me levantei e a abracei por trás e percorri vários beijos pela sua fazendo ela se arrepiar.

 

Ela se vira para mim com um sorriso, aquele doce sorriso que me conquista sempre. Me abraça forte e me puxa para um beijo. O beijo de Sakura faz com que eu fiquei muito excitado, na hora eu a conduzir até a cama, me sentei e a coloquei no meu colo.

 

Retiro a toalha que cobria aquele corpo lindo e abocanho um dos seus seios, fazendo movimentos circulares com a língua, Sakura me abraça e arranha minhas costas. Até que a batida na porta estraga tudo.

 

TOC TOC:

 

_ Serviço de quarto - disse o empregado do hotel

 

Sakura sai de cima de mim em um pulo e corre para o banheiro:

 

_ Sasuke, atende ele - Sakura gritou do banheiro, suspirei profundamente e fui até a porta, com sangue nos olhos

 

_ Obrigado - disse pegando o carrinho de comida e fechando a porta na cara dele

 

Assim que Sakura escuta a porta bater saí do banheiro de toalha novamente, e vai atrás das suas malas para se vestir.

 

Assim que ela volta eu já havia arrumado a mesa:

 

_ Que horas vamos voltar para a estrada? - Perguntou Sakura

 

_ 6h da manhã - respondi

 

_ Nossa, então temos que dormir cedo - disse Sakura

 

_ Mas antes vamos terminar o'que começamos - olhei para ela com um sorriso e um olhar malicioso. Embora ela tenha ficado vermelha, ela deu um sorrisinho como se corcordasse

 

Hinata'Pov's:

 

Eu havia ido ao banheiro para tomar um longo e demorado banho, precisava relaxar um pouco. Quando finalmente termino de tomar banho, me seco e me enrolo na toalha:

 

_ Naruto, já terminei - disse saindo do banheiro

 

_ Tava na hora em Hina - disse Naruto, ri sem graça

 

Assim que Naruto entrou no banheiro eu tratei de vestir uma camisola, e vi que poderia haver um probleminha. Ela era um vestidinho branco, porém bem decotado e isso era o problema, meus seios são um pouco grandes demais:

 

_ Hina eu esqueci a toalha pode pegar… - disse Naruto saindo do banheiro, até que ele olhou para mim

 

Ele ficou vermelho na hora que viu, só passou pelo quarto e pegou a toalha e não disse nada. Meu Deus, nunca me senti tão envergonhada em toda a minha vida.

 

Só me deitei e esperei o sono chegar, logo Naruto chegou, acho que ele pensou que eu já está a dormindo. Eu via ele pelo reflexo do espelho, ele estava completamente nu, e o corpo dele era lindo, eu sequer piscava.

 

Fecho os olhos e finjo que estou dormindo quando percebi que ele estava vindo se deitar também:

 

_ Boa noite Hina - sussurrou Naruto em meu ouvido. Ele sabia que eu não estava dormindo

 

_ Bo-boa noite Naruto - disse vermelha

 

Eu me levanto e pego o celular e vou até o banheiro, eu preciso de uma ajuda das meninas.

 

Sasuke'Pov's:

 

Assim que terminamos o jantar e o garçom levou os pratos, eu e Sakura fomos para cama, abracei ela e comecei a lhe beijar delicadamente mas conforme o tempo passava o clima ia ficando mais quente, então eu coloco a minha mão na intimidade de Sakura, e fui acariciando-a em movimentos circulares:

 

_ Eu não paro até sentir você gozar - sussurrei em seu ouvido

 

Sakura não se rendeu a minha provocação e começou a massagear o meu membro com movimentos de vai e vem com as mãos, aquelas macias mãos.

 

Era possível tanto ouvir os meus gemidos como os dela também. Quando senti a Sakura mais molhada percebi que ela havia chegado ao ápice. Feito ela na cama e em um movimento rápido retiro a minha roupa e seu calcinha e entro devagar dentro dela.

 

Sakura ao mesmo tempo que era apertada era aconchegante estar dentro dela, seguro suas mãos contra a parede e começo com movimentos um pouco mais rápido e mais forte. Depois de alguns minutos, percebo que vou chegar no meu máximo e abraço-a fazendo com que eu entre mais fundo, Sakura assim que sentiu eu ejacular dentro dela soltou vários gemidos.

 

Quando acabamos fomos tomar mais um banho, e como de costume juntos, foi um banho rápido, me deitei e esperei por ela, até o celular dela tocar. Era Hinata:

 

_ Quem é Sasuke? - perguntou Sakura se vestindo

 

_ É a Hinata - disse me levantando e lhe entregando o celular - te espero na cama - ela confirmou com a cabeça e foi até o banheiro

 

Sakura'Pov's:

 

Telefonema On:

 

Hinata: Sakura me ajuda

Sakura: Você tá bem Hina?

Hinata: Sim mas… você sabe que eu gosto do Naruto né?!

Sakura: Sim

Hinata: Eu queria arranjar um jeito de… me aproximar dele

Sakura: ah, faz  charminho Hina

Hinata: Vou tentar

 

Telefonema Off

 

Desliguei o celular e fui para a cama, me deitei e não disse nada, achava que Sasuke estava dormindo, mas não estava:

 

_ Aconteceu algo? - Perguntou Sasuke se virando pra mim

 

_ Hina queria alguma dica pra se "aproximar do Naruto" - disse me virando para ele

 

_ Naruto ainda não… aff - disse Sasuke sem paciência

 

_ Você sabe de alguma coisa? - perguntei

 

_ Sim, ele falou que iria tentar ficar com ela, mas… os dois não fazem nada - disse Sasuke - a tímida e o sem atitude, combinação perfeita - disse Sasuke se levantando da cama

 

_ Aonde você vai? - perguntei

 

_ Mandar uma mensagem para o Naruto - disse pegando o celular

 

Logo depois de enviar a mensagem para o Naruto cujo eu não vou nem perguntar o'que ele mandou, ele se deitou do meu lado. Ele me abraçou, dei um selinho nele. E adormecemos de conchinha.

 

Neji'Pov's:

 

Eu e Tenten finalmente chegamos em um hotel, e já havíamos jantado:

 

_ Tenten, você toma banho primeiro? - perguntei mexendo na minha mala

 

_ Sim - disse Tenten pegando a toalha

 

Estava com esperança de ter trago um preservativo, porque de hoje não passa.

 

Eu procurei não ter relações sexuais com Tenten tão cedo por conta do abuso que ela sofreu daqueles caçadores, mas a Tenten começou a achar que eu não tinha atração nela, mas não, procurei ser o mais respeitoso com ela, mas já que tanto eu quanto ela queríamos, não vejo momento melhor que agora para Isso.

 

Estava tão concentrado nos meus pensamentos que nem percebi que Tenten havia saído do banheiro:

 

_ Neji? - disse Tenten

 

_ Hum?...Ah sim - me levantei e fui até ao banheiro. Tomei um banho para relaxar o máximo possível

 

Fui para o quarto, e me vesti. Tenten estava com uma camisa minha para dormir e percebeu o meu olhar sobre ela:

 

_ Ah, desculpa… eu gosto das suas blusas, é mais confortável… - disse se sentando na cama, dando uma ênfase nas suas coxas.

 

_ Tudo bem… - disse me sentando em sua frente - fica bem melhor em você - disse olhando para o seu corpo, peguei uma mecha do seu cabelo e coloquei atrás da sua orelha

 

Coloquei as minhas mãos na sua nuca e a puxei para um beijo, Tenten me abraçou e me fez deitar na cama com ela em cima de mim, depois de alguns segundos eu inverto as posições ficando por cima dela.

 

Conforme nos beijamos, eu passava a mão por todo o seu corpo, das coxas até a bunda, da bunda até a cintura, apertando levemente e sem cortar a conexão entre os nossos lábios. E da cintura finalmente aos seios, comecei a chupar um enquanto massageava o outro, arrancando vários gemidos de Tenten.

 

Peguei a sua mão e a coloquei dentro da minha cueca enquanto olhava nos seus olhos, ela entendeu oque eu queria que ela fizesse, e começou a massageá-lo em movimentos de vai e vem. Enquanto isso eu massageava a intimidade dela também.

 

De repente ela me empurra me fazendo ficar deitado na cama, ela me olha com um olhar safado e começa a beijar o meu membro por dentro da cueca e vai abaixando a vestimenta. Quando ela tirou a cueca de mim ela começou a passar a língua de leve me fazendo arfar de prazer, em um piscar de olhos ela o coloca na boca isso foi demais pra mim e me fez gemer bem alto. Ela o chupava com muita vontade, até aí eu estava de olhos fechados, mas eu olhei pra ela e ela olhou pra mim, com um olhar de luxúria que fez eu me levantar e fazê-la deitar:

 

_ Minha vez de se divertir - disse entre as pernas dela, abaixando a sua calcinha retribuindo o mesmo olhar

 

Me encaixei entre as suas pernas e comecei a lambe-la devagar, provocando nela vários gemidos, ela arqueava as costas para trás mas eu a segurava pelas coxas para que eu continuasse no ato:

 

_ Ahhh Neji - gemeu Tenten enquanto segurava o meu cabelo fazendo com que minha língua fosse ainda mais fundo. Até que eu parei - hm? - disse com um rostinho confuso

 

_ Você vai gozar… ainda não acabei - sussurrei no seu ouvido a deixando bem vermelha

 

A coloquei de lado e coloquei a camisinha, e a penetrei bem devagar, os segundos foram passando e eu percebi que Tenten estava se acostumando comigo dentro dela, levantei uma das suas pernas e enquanto a penetrava rápido e forte eu a masturbava também.

 

Em alguns minutos finalmente Tenten chega ao ápice mas eu não parei de masturba-la, só aumentei a velocidade das estocadas chegando ao ápice também. Me joguei do outro lado da cama ofegante, e Tenten me abraçou e deitou em meu peito:

 

_ Aiiiii… eu tô morto - disse a abraçando ela também

 

Ela deu um largo sorriso e me abraçou ainda mais forte. Não acredito que Tenten seja assim tão safada.

 

Lee'Pov's:

 

Depois que a tropa foi enganada, todos me olham de forma estranha, como se soubessem o'que eu fiz, mas eu não podia deixar que machucassem a Tenten, ela era minha amiga desde criança, iria protegê-la:

 

_ Lee… Pain quer falar com você - disse um dos guardas

 

Assim que ouvi isso senti todo o meu corpo se arrepiar. Me levantei e fui até a sala do Pain:

 

_ Licença senhor - disse entrando na sala

 

_ Lee, sente-se, tenho uma pessoa para lhe apresentar - disse Pain, obedeci a sua ordem

 

Mal me sentei e senti uma mão no meu ombro:

 

_ Então, você é o Lee - olhei para trás e o vi, um homem de cabelos negros, confirmei com a cabeça - Você foi o responsável para atrair as criaturas para nossa emboscada e foi os enganados…

 

_ Eu não tenho culpa se… - eu o interrompi

 

_ Você tem culpa, e eles levaram a Rin para longe de mim… e você é o responsável… - disse ele

 

_ O'que vamos fazer com ele? - perguntou Pain

 

_ Ele vai ficar preso até capturamos a Tenten e recuperarmos a Rin - disse ele - Vamos separar os melhores caçadores e procurar por eles, nem que tenhamos que todas todo os Estados Unidos

 

Quem é ele para dar ordens ao Pain, achava que Pain era o chefe.

 

_ Sim senhor Obito - quando eu ouvi esse nome não acreditei, era ele Obito, um dos que estavam a frente da Akatsuki. Ele só estava abaixo que um homem, o Madara.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...