História Creek- Please Love Me - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias South Park
Personagens Bebe Stevens, Butters Stotch, Clyde Donovan, Craig Tucker, Damien Thorn, Dougie, Eric Cartman, Firkle, Gerald Broflovski, Henrietta Biggle, Ike Broflovski, Jimmy Valmer, Karen McCormick, Kenny McCormick, Kevin McCormick, Kyle Broflovski, Liane Cartman, Linda Stotch, Michael (Gótico), PC Principal, Personagens Originais, Pete (Gótico), Phillip "Pip" Pirrup, Randy Marsh, Sharon Marsh, Sheila Broflovski, Shelly Marsh, Sr. Garrison, Sr. Mackey, Sra. McCormick, Stan Marsh, Stephen Willis Stotch, Stuart McCormick, Thomas, Timmy Burch, Token Black, Trent Boyett, Tweek Tweak, Vice Principal Strong Woman, Wendy Testaburger
Tags Bunny, Butters, Clyde, Craig, Creek, Damien, Dip, Kenny, Kyle, Pip, Stan, Style, Token, Tweek, Tyde
Visualizações 32
Palavras 1.886
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - "Tudo bem"



On Pov Tweek

Parei de mexer no computador, e resolvi desbloquear o tal "Daddy" e voltar a ler as mensagens.

Daddy: Baby?

Eu lhe assustei?

Baby, ainda tá aí?

Tweek, você me bloqueou?!

Tweekeeeeeeee-


— Fala-


Daddy: você deveria ser punido por me assustar desse jeito.-


— Desculpa- 


Daddy: Tudo bem, hoje não terá punições

Mas eu adoraria punir sua bundinha gostosa e sexy- 


— ... Daddy: Tudo bem, hoje não terá punições

Mas eu adoraria punir sua bundinha gostosa e sexy- 

Coro ao extremo lendo isso.

—... 

Daddy isso me deixa envergonhado (>/////<)-



Daddy: E imaginar você coradinho enquanto eu te fodo me deixa duro-



— Paraaa, isso é embaraçoso

(⁄ ⁄•⁄~⁄•⁄ ⁄)-


Merda estou imaginando ele me fodendo... E estou ficando duro com isso.

— GAHH ISSO É M-MUITA PRESSÃO!- gritei.

Daddy: Embaraçoso será quando eu te comer de quatro

Oh baby 

Eu quero te comer com força-



—  Pare de fala essas coisas seu pervertido! -



Daddy: Não estou afim disso baby

Queria poder ver seu rosto corado agora

Você quer ver como eu estou agora?-



— Como assim?

Você vai me mostrar seu rosto?-



Daddy: Não baby, ainda não está pronto pra ver -



— Eu estou pronto!-



Daddy: Mas eu não estou pronto

Para ser rejeitado-



— Eu disse que te daria uma chance.

Não há motivos pra você pensar que vou te rejeitar. Só se você for um velho, sequestrador, assasino, ou alguém que não conheço

E se você for o Cartman 

Aí eu vou te rejeitar-



Daddy: Não se preocupe baby, eu não sou aquele gordo babaca. E você me conhece faz muito tempo-



— Então isso já é um bom começo

O que gosta de fazer nas horas livres daddy?-



Daddy: Bem eu, normalmente brinco com meu animal de estimação, ou fico tocando violão, mas normalmente eu ando sempre fazendo Algo 

Meus amigos não me deixam em paz-



— Oh entendo 

Que tipo de animal de estimação é o seu?-



Daddy: Do tipo roedor KKkek-



— Um hamister?-



Daddy: Não, mas se eu dissesse ficaria muito na cara quem eu sou-



— Fala daddy!

 Por favor Ó╭╮Ò-



Daddy: Baby, eu não posso, mas me diga o que você gosta de fazer?-



— Eu gosto de desenhar, tocar piano, cozinhar, e também gosto muito de café, essas coisas me acalmam, não muito, mas me acalmam por um tempo -



Daddy: Nossa baby, você é bom em praticamente tudo 

Mas eu quero ver

Como você é gostoso na cama (◠‿◕)-



—  dá pra parar de falar essas coisas?! -



Daddy: Vou tentar segurar meus dedos (◠‿◕)-



— >:T

Quantos anos você tem, daddy?-


Daddy: Sou um ano mais velho que você, tenho 17 e falta alguns meses pra eu fazer 18-



— Oh que incrível, parabéns pra você

Agora que lembrei

Meu aniversário é daqui a um mês-



Daddy: Verdade baby, eu já tenho até uma surpresa pra te dar quando chegar o dia-



— Fala o que é daddy

Please (´;ω;`)

Tô curioso-



Daddy: Vai continuar curioso, baby

Espere até seu aniversário pra saber-



—Ta ;-;-



Daddy: Não fique triste Baby, você logo logo saberá o que é-



— Okay-



Daddy: Baby, você me mandaria uma foto sua?-



— Claro, por que não?-


Mando uma foto minha pra o tal "daddy".

Daddy: Oh baby

Você é perfeitamente lindo-


— Ah.. obrigado? (>\\\\<) -


— Tweek! Querido venha comer, o jantar está pronto!- minha mãe me chama dando batidas na porta.


— Daddy vou ter que ir jantar, e depois fazer o dever de casa do Sr.Garrison-


Daddy: Tudo bem baby

Vou ter que sair daqui a pouco do mesmo jeito, aliás já que você me mandou uma foto sua, vou te mandar uma minha também-

Ele vai me mandar uma foto do rosto dele também?! EU FINALMENTE VOU DESCOBRIR QUEM ELE É.

Vejo a foto que ele me mandou.

...

....

Puta merda, isso com certeza não é o rosto dele...

Meu deus.. e-ele me mandou foto do pau?! 

Que vergonha.

...

— GAHH!- soltei um grito.

— Tweek? Você esta bem?- minha mãe perguntou do outro lado da porta.


—S-Sim mãe! F-Foram só os gnomos de novo- menti.

Minha mãe apenas disse um: "Desça logo querido" ela já está acostumada a me ouvir dizer que é culpa dos gnomos.

... O pau do Daddy parece ser tão grande, queria ele pra mim, só de imaginar o Daddy me fodendo fico duro.

Nunca que isso ia caber em mim.

QuE pOrRa Eu To PeNsAnDo?!?!

— GAAAH M-MUITA PRESSÃO!- 



Enfim resolvo descer para a cozinha, lá vejo meu pai jantando e minha mãe distante do meu pai, apenas ignoro e como minha comida pensando:


Eu preciso descobrir quem é o Daddy.


Off Pov Tweek

On Pov Pip


Me despedir de Damien e fui pra minha casa, não é grande coisa mas ainda assim é meu lar.

Por sorte, meu tio estava dormindo na sala. Várias latas de bebida alcoólicas ao seu lado, vou pra cozinha pego minha janta rápido e vou para o meu quarto sem fazer barulho, como minha refeição e saio novamente para deixar o prato na pia.

Normalmente eu lavaria o prato, mas não quero arriscar acordar meu tio.

Volto para meu quarto de fininho para não fazer nenhum barulho, me deito na cama, então recebo uma ligação e atendo.

— Oi Pip, sou eu Damien, você esta bem?- ele perguntou.

— Estou sim, não se preocupe- 

— Merda. Eu não tenho nenhum assunto, mas eu queria muito ouvir sua voz-

— Oh..- corei imediatamente e logo tive uma ideia — Okay.. Bem, meu nome é Phillip Pirrup, sou britânico, tenho 15 anos, moro com meus tios, e estudo em uma escola de South Park- falei como se estivesse me apresentando.

— Oh meu nome é Damien Thorn, sou filho do Satã, tenho 17 anos, sei dirigir, moro com meu pai, e eu não estudo em South Park- ele falou.

Espera..filho do diabo?

Damien Thorn o garoto que me usou como fogos de artifício para festa de Eric Cartman? O garoto por quem eu me apaixonei? E que foi meu único amigo no passado? Eu bem que desconfiava, mas pensei que tinham o mesmo nome porque deveria ser um nome comum.

 D-Damien Thorn? O-o filho do d-diabo?- perguntei.

— Desculpa, eu te assustei?-

— Não, não é isso, foi que eu lembrei que te conheço, Aliás você tem 17 anos e sabe dirigir?!- 

— Sim, meu pai me ensinou, e como filho do diabo se a polícia me parar é só eu mostrar minha indentidade falsa, e  se eles não acreditarem eu posso mexer na mente deles e controla-los, ser o filho do diabo tem suas vantagens e só falta um ano para eu ter 18- falou.

— Oh entendi-

— O que você gosta de fazer Pip?-

— Gosto de tomar chá, ler e brincar com meus amigos Butters e Tweek, sempre que eles são chamados pra brincar eles me chamam também - falo, e escuto um barulho na sala, vou até a porta e vejo meu tio tinha acordado, então tranquei a porta — D-Damien, meu tio acordou-

— Ele não vai te fazer nada com você, ou pelo contrário eu irei mata-lo e tortura-lo no inferno- ele falou rouco e com voz de raiva o que me fez estremecer.

— PIP! SAI DESSE QUARTO, SEU MERDINHA, EU SEI QUE ESTA AI! - meu tio gritou batendo na porta com força, vou para meu banheiro levando meu celular e fico chorando lá.

— Pip, você esta bem?- Damien me pergunta.

Merda esqueci que ainda estava em ligação.

— E-Estou.. v-vai f-ficar tudo bem- falo a última parte meio que foi pra mim mesmo. Tentei enchugar minhas lágrimas e logo elas pararam de cair.

— Pip você tem certeza que está bem?-

— Estou Dami- falei usando um apelido para o despreocupar.

— Dami? Gostei. Mas acho que ia preferir algo como: "meu amor"- Falou, não preciso ver ser rosto para saber que ele está sorrindo.

 D-Damien- falei seu nome meio manhoso e corado, o escuto soltar uma risada.

 Você é tão adorável Phillip, você cheira a hirbrido- ele fala e eu fico paralisado, só hirbridos sabem de outros hirbridos, acho que ele soube por ser um demônio — Você é um híbrido não é mesmo?-

 Você já sabe qual é a resposta não é?- perguntei.

— Sei sim, eu sou o filho do príncipe das trevas, lógico que eu iria descobrir, notei que senti falta do seu cheiro quando você saiu, e é fácil decifrar o cheiro de um híbrido- 

Ainda conseguia ouvir meu tio gritando,  logo ouvi minha tia tentando o acalmar, e em seguida ela gritando, as lágrimas voltaram a cair. 

— PIP APARECA SEU MERDINHA! OU SUA TIA QUE VAI APANHAR POR VOCÊ!- meu tio gritou, e minhas lágrimas estavam caindo muito mais que antes, ele sempre faz isso, tenta usar minha tia como refém. Se eu não apareço lá, ele iria bater nela, e quebrar a porta do meu quarto para me bater também. No fim ia terminar eu e minha tia com dores, e ela já é doente, não quero que ela tenha que apanhar.

— Pip? O que está havendo?- Damien perguntou preucupado.

E eu não respondi, apenas deixei o celular lá, e fui para sala, onde vi meu tio segurando o braço da minha tia com força, e ao me ver ele a larga e ela cai no chão.

— Finalmete apareceu seu lixo, nem pra morrer serve!- meu tio diz pegando um cinto.

(...)

Voltei para o quarto duido, minhas costas doem, tive muita sorte por ele não está tão irritado hoje, peguei meu celular, Damien estava dissiperado. Então digo a ele que estava tudo bem, e ficamos conversando até nós dois pegarmos no sono.

De manhã na escola

Estou sentado no pátio da escola com Butters, Tweek ainda não chegou, mas já estamos acostumados com ele chegando uns 15 minutos antes do sinal tocar. Minhas costas ainda doem, mas vai ficar tudo bem.

Butters não para de dizer que eu e Damien estamos namorando.

— Butt! J-Ja falei que não estamos namorando! E-ele apenas me ligou!- me defendi muito corado.

— MAS VOCÊS CONVERSARAM A NOITE TODA E DORMIRAM NA MESMA HORA ENTÃO PRATICAMENTE VOCÊS DORMIRAM JUNTOS E SO NAMORADOS E CASADOS FAZEM ISSO!- ele falou jogando os fatos.

— M-Mas nós não somos na-nada disso!- felei.

— Sei - disse desconfiado o híbrido coelho, logo vimos Tweek correndo.

— GAAAH! GENTE VOCÊS NÃO VAO ACREDITAR NO QUE ACONTECEU ONTEM AAAGR MUITA PRESSÃO- ele grita puxando o cabelo e nos dando aberto em uma conversa dele e de um tal "daddy" lemos tudo e no final tinha uma foto, a qual não vimos o que era, e sinceramente eu prefiro não ver.

— Você também não vai acreditar no que rolou com o Pip!- Butters falou animado.

— Gah! O-oque houve?- Tweek perguntou.

— O PIP ARRUMOU UM NAMORADO!- ele grita e todos ao redor olham para nós três, o que faz eu e tweek corarmos por estamos chamando atenção, mas Butters nem notou.

— E-Eu já disse que não estou namorando! D-Dami é meu amigo- falei  mais corado que antes, desviando o olhar.

— Hummm "Dami"?- Butters faz uma carinha de" eu shippo".

— Cavalheiro, você está parecendo as asiáticas fanáticas por yaoi- falei.

— NOS SOMOS FUJONSHIS- Gritou uma das asiáticas que ouviam nossa conversa. Nós assustamos e saímos correndo

O sinal tocou e fomos para a aula, no fim da aula como sempre eu apanhei de algumas pessoas, mas tudo bem.

Vai ficar tudo bem..

Amanhã é um novo dia.

Vai ficar tudo bem..

É o isso que eu repito pra mim mesmo todos os dias em 5 anos...


Continua?





Notas Finais


Perdão pelos erros de ortografia
Até o próximo capítulo ;3
(Estou refazendo)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...