História Cretinos Irresistíveis-Kim Namjoon - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Kim Namjoon, Violencia
Visualizações 22
Palavras 1.089
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa Leitura^^

Capítulo 11 - Que horas ela vai acordar?


Fanfic / Fanfiction Cretinos Irresistíveis-Kim Namjoon - Capítulo 11 - Que horas ela vai acordar?

*Namjoon On*

Rimos com nossas próprias palavras,tanto que já havíamos enchido os copos até o topo, aliás,somos alcoólatras,bom,eu pelo menos sou.

Larissa:Então,senhor Kim Namjoon...-Sorriu enquanto falou meu nome completo,mordi o lábio com aquilo e minha visão foi aos seus seios.

Sim,tenho uma certa tara por seios,ainda mais os dela,eram médios e durinhos,caberiam perfeitamente na minha boca.

Eu:Descobriu todo o meu nome no Google?-Brinquei e ela riu,fez bico,terminando todo o seu copo cheio,pegou a garrafa e passou a consumir antes de me responder.

Larissa:Vc deixa muitas marcas,e também,todos te conhecem! Só eu que não tive esse prazer ainda...-Encheu meu copo se levantando,não tirei os olhos dos seus seios,são umas maravilha.

Eu:Vc pode me conhecer de outra forma primeiro,não temos pressa...-Tomei toda a bebida do meu copo,pedi para que trouxessem mais bebidas e voltei a atenção a garota.

Larissa:Adoraria...mesmo! Mas...tenho uma regra a seguir,sabe? Sexo apenas quando me apaixonar...-Contou fixando seu olhar no meu.

Eu:Bom,poderia ceder a mim? Faço o que quiser...-Abri a bebida que acabara de chegar e lhe dei uma das garrafas-Não irá se arrepender...-Pisquei para a mesma.

Larissa:Com vc? Claro que não me arrependeria! Mas regra é regra...-Dei de ombros-Mas também não posso negar que ser chupada por esses belos lábios seria algo único e de outro mundo...-Sussurrou.

Eu:Pode se tornar realidade,basta dizer que sim...-Acariciei seu rosto,seus olhos olhava cada detalhe do meu rosto,especialmente minha boca.

Larissa:Posso pensar?-Fez biquinho,sorrimos e assenti-Otimo...

Eu:Mas não demore muito,para eu conseguir alguém é assim...-Estalei os dedos,a mesma riu após terminar mais uma garrafa.

Larissa:Vc não entendeu,não é?-Sorriu negando,dei de ombros,mas ainda a esperar sua explicação-Bom,vc entrou na minha vida...és belo, milionário,embora dinheiro é o de menos,vc é alto e isso me excita, é sexy e provocativo...-Falou enquanto rodeava o dedo na boca do copo,seu olhar castanho brilhava ao falar tudo aquilo,me senti honrado.

Eu:Ninguém nunca me descreveu assim...-Falei sincero,com ela as palavras saem com naturalidade.

Larissa:Sou realista! Vc é tudo isso e muito mais,mas,lembra que falei que vc entrou em minha vida?-Assenti curioso,seus lábios moviam em câmera lenta aos meus olhos-Isso quer dizer que vc é meu apenas,minha propriedade,meu homem,meu dono,meu escravo e tudo o que vc quiser...

Eu:Isso é alguma piada?-Negou-Não sou de ninguém,mas gostei muito da parte em que sou seu dono...-Abriu um sorriso malicioso,mordeu e em seguida umedeceu os lábios,adoraria chupar aquela boquinha pequena e sexy.

Larissa:Tenta pegar alguma cadela...ele morre e vc...bom,vc vai ficar louco,vou te deixar louco alucinado de tanto que vou te deixar na vontade...-Estavamos com os rostos bem próximos,apertou minha bochecha e não pude deixar de sorrir-Experimenta...-Piscou e voltou a beber.

Eu:Acho que somos um só...-Falei com o olhar nas garotas semi-nuas,coisa que já havia me deixado duro.

Larissa:Como assim,meu bem?-Sentou em minha frente,provavelmente para não ver as garotas.

Eu:Penso igual vc! Vc é apenas minha,não posso nem pensar que alguém te toque,apenas eu farei isto,e quando fizer,vou te deixar com vontade de fazer mais...-Sorrimos,seus olhinhos fechavam ao sorrir-Tambem quero marcar sua pele macia como um veludo...-Acrescentei próximo ao seu ouvido,em seguida,mordi seu lóbulo.

Larissa:Estamos quites então,pertencemos um ao outro agora...-Segurou meu rosto,sua boca estava próxima da minha e seu hálito de bebida forte era droga em minhas narinas-Não penso em perde-lo para qualquer uma e isso não vai acontecer...-Nos separamos,a mesma já estava bastante bêbada,mas eu não ficava atrás,porém preciso dirigir.Paguei ao barman,peguei Larissa pelo braço e saímos do local,as coisas estavam ficando sérias,todos estavam a usar droga,e isso é algo que não suporto.

Eu:Onde fica sua casa,linda?-Perguntei já próximo ao meu carro,passamos tantas horas conversando e bebendo que já era noite.

Larissa:Não quero ir para casa...-Respondeu manhosa,sua voz embargada era fofa-Me leva para qualquer lugar...-Sentei a mesma no carro da frente e coloquei o sinto,rodeei o carro e entrei também-Vc está bêbado! Como vai dirigir assim? Olha,se vc me matar eu te mato!-Sorri assentindo para a mesma,parecia um ninja com os olhos apertados.

Eu:Vou te levar para minha casa,depois vc vai para a sua...-Sua cabeça deitou no meu ombro e eu liguei o carro.

Nunca levei alguém em minha casa,fora SoJin que mora comigo,mas nenhuma outra mulher teve o luxo de entrar em minha mansão.Pra tudo há uma primeira vez,ela não é qualquer mulher mesmo.

Larissa:Vc é forte Joonie!-Falou quando a peguei no colo assim que estacionei,beijou meu pescoço várias vezes,pedi para a mesma parar mas foi em vão-Estou cansada...-Disse quando entrei com a mesma em casa.

Eu:Line,deixe um jantar pronto e muita água gelada na mesa,tudo bem?-Pedi a minha empregada particular,claro que o sexo também serve como pagamento,até mais do que imaginei.

Line:Quem é ela,senhor?-Perguntou tentando ver o rosto de Larissa.

Eu: Ninguém,agora faça o que mandei...-Respondi ríspido e subi a grande escadaria,a sorte é meu quarto ser o primeiro de todos-Vamos,garotinha! Precisa de um banho frio...-A coloquei na cama e procurei a maior blusa que tinha,achei uma cinza com desejo roxo-É...vai servir!-Minha favorita,mas o que posso fazer?

Larissa:Ninguém é digno de transar comigo,sou muito nova e meu signo é escorpião...-Apesar de termos bebido a mesma quantidade,ela não falou coisa com coisa,deve ser por causa do tamanho,a garota era tão minúscula-Ei! Essa blusa é minha!-Revirei os olhos e ri,tirei suas roupas de cima e deixei sua lingerie,seu corpo,suas curvas,aquelas coxas...

Eu:Okay,vc está mexendo com a minha cabeça...-A levantei e a deixei no banheiro,dormia em pé a pobre-Tome um banho frio,estarei aqui no quarto...-Assentiu.

Tive alívio ao deitar em minha cama confortável e ouvir o barulho do chuveiro,é difícil ser homem e tentar se controlar com um mulherão como ela.Fui ao banheiro que ficava fora do meu quarto e lavei ao menos o rosto,precisava ficar acordado para cuidar dela,ou faria alguma merda.Voltei para o quarto e deitei novamente,o barulho da porta me fez acordar e esperar a mulher sair de lá,seus cabelos estavam molhado e ela estava enrolada na minha enorme toalha,eu ri da cena.

Minha risada cessou quando vi a garota em cima de mim,era tão bonita naquele ângulo que esqueci do mundo por um tempo,ela tremia por conta do frio,mas não deixava de ser sexy.Seus lábios avermelhados e entre abertos me chamaram mais atenção,que vontade de beija-la até ficar sem os lábios.Aproximou devagar,sua intimidade batia na minha com descrição,mas aquilo era o de menos por incrível que pareça,seus lábios eram o meu ponto.

Eu:Lisa?-A chamei logo a mesma bater sua cabeça no meu peito,ela havia dormido concerteza-Vc queria me beijar,né danada?-Inverti nossas posições,neguei e enrolei uma toalha em sua cabeça para que os cabelos não a deixasse com mais dores de cabeça.

Vesti minha blusa na mesma e depois tirei a toalha,apesar de amar mulheres e seus corpos,também tenho respeito e caráter.Liguei o ar condicionado para esquentar a garota,a cobri e fui tomar meu banho dessa vez,merecia bater uma já que quem poderia me aliviar estava no sono da morte.

Aí me pergunto:Que horas ela vai acordar?


Notas Finais


Até o próximo ❤😍❤😍❤😍❤😍


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...