História Criminal - Jikook - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Gangster, Jikook, Jimin!bottom, Jungkook!top, Kookmin, Romance, Violencia
Visualizações 229
Palavras 1.846
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


...

Capítulo 5 - Capítulo 05


Fazia uma semana que Jimin ignorava Jungkook ele fugia dele como o diabo foge da cruz. Tudo isso porque ele acreditava que aquilo era errado Jungkook era mal e iria destruí-lo se ficasse perto demais.

Claro que ele não podia o evitar para sempre principalmente quando sabia que todo o resto estava sofrendo com o humor instável do loiro. Ele virará outra pessoa quando estava com a raiva. Não era aí que morava o perigo? 

Ele ouvia Jungkook chegar de madrugada, batendo portas e quebrando vidros. Ele nesses momentos até preferia pensar que ele estava fazendo algo errado a pensar na mera possibilidade de Jungkook estar com outras pessoas.

Embora ele soubesse a verdade. 

I torture you

Take my hand through the flames

I torture you

I'm a slave to your games

I'm just a sucker for pain

I wanna chain you up

I wanna tie you down

I'm just a sucker for pain

Jungkook fazia um esforço para o entender, para o dar espaço. Mas Jimin já estava o deixando no limite. Ele não podia fugir disso para sempre. Eles moravam na mesma casa. Isso era ridículo!

Era apenas isso que Jungkook pensava enquanto havia uma morena deitada em sua cama, vestida apenas com sua camisa e sorrindo para si enquanto passava a mão por seu peito.

Era isso que ele fazia quando precisava esfriar.

Sexo.

Ele transava muito.

Transava pensando nele.

Projetava seus cabelos negros e seus olhos azuis.

Mas nada nunca era satisfatório, nada nunca supria sua necessidade.

- Eu vou beber água. - A voz da garota, Yezi, anunciou. 

Ele não se deu o trabalho de responder, ela teria que ir embora logo de qualquer forma. Jungkook nunca deixava que as pessoas com quem transava dormissem em sua cama.

Isso colocaria em risco de que Jimin os visse. E isso só aumentaria o ódio que ele sentia por si.

Jungkook só não sabia o que acontecia no andar de baixo.

I'm a sucker for pain

I got the squad tatted on me from my neck to my ankles

Pressure from the man got us all in rebellion

We gon' go to war, yeah, without failure

Do it for the fam, dog, ten toes down, dog

Love and the loyalty that's what we stand for

Alienated by society, all this pressure give me anxiety

Walk slow through the fire

Like, who gon' try us?

Feeling the world go against us

So we put the world on our shoulders

O relógio já marcava três da matina quando Jimin deixou o escritório. Quando chegou a porta da cozinha deixou os livros cair com o que viu. Não era nem surpresa era apenas raiva e um sentimento desconhecido por si.

Ele sabia que seja lá quem for a cadela que estava quase pelada em sua cozinha não estava ali por Hoseok ou Yoongi.

- Oh! Eu não te vi aí. Você deve ser Jimin, eu sou Yezi!  - Ela sorriu tão falsa quanto uma própria nota de três.

- O que faz aqui?

- Eu estava apenas bebendo água. E você, estudando? - A cadela apontou para os livros.

- Não na minha cozinha, estou perguntando o que faz aqui, em minha casa. 

- Oh, claro. Eu estava com Jungkook. Já vou voltar para o quarto.

Ele não queria e também não devia se sentir afetado por isso, mas sentiu o seu peito doeu quando percebeu que enquanto ele estava sofrendo e totalmente confuso com seus pensamentos e sentimentos pela mais desprezível que ele conhecia, ele tinha companhia em sua cama. 

- Entendo! Pensei que seria Jennie de novo ou Nancy! Sim, Nancy foi realmente muito boa. Jungkook até diz que ela é de longe sua melhor foda.

- Não depois de mim, aposto que isso fazem semanas, Jungkook ficou comigo a semana inteira. 

Seu peito apertou novamente.

- Bom, de qualquer jeito você é apenas mais uma vadia em sua cama. Logo logo teremos outra! Enfim, vou subir, boa noite.

I torture you

Take my hand through the flames

I torture you

I'm a slave to your games

I'm just a sucker for pain

I wanna chain you up

I wanna tie you down

I'm just a sucker for pain

-Sabe, eu ouvi sobre você, ouvi muito. - Ela disse da sala quando Jimin chegou a escada.

- E eu deveria me importar com o que você ouve sobre mim?

- Eu também não me importava muito. Sabe, eu entendo que você esteja apaixonado por ele. Todos nós estamos.

- Oh, meu Deus! Eu não estou ouvindo isso. Eu me recuso a acreditar nisso. 

- Oh, não. Tudo bem, eu realmente entendo. E eu também sentiria inveja de mim.

- Você não passa de uma vadia safada, que vai estar fora daqui quando eu bem quiser.

- Eu e Jungkook estamos praticamente juntos! Não será assim tão fácil.

- A patente é alta então?

- Nós estamos o que? - A voz de Jungkook se fez presente no alta da escada, assustando os dois.

- Juntos estamos juntos. Você não vai me defender, meu bem?

Então Jungkook riu alto, permitindo curvar seu corpo para frente e segurar no corrimão.

- Sabe, eu acho que já está tarde e você está alucinando, é melhor ir para casa. 

- Como? - Ela perguntou dando alguns passos na direção do loiro.

- É o que você ouviu e não volte mais. Procure sua dignidade.

- Você precisa de alguma ajuda, Jungkook? - Hoseok apareceu na porta de repente, sinal de que nem estava em casa.

- Mais alguém para aparecer aqui e atrapalhar nosso grande e cordial momento? - Jimin perguntou irônico.

- Eu? - Yoongi saiu do quarto.

- Oh, estamos toda a família aqui e Yezi, porque mesmo Yezi ainda está aqui? - Jungkook disse lançando um olhar duro a garota. Que correu até o quarto para pegar suas roupas.

I been at it with my homies

It don't matter, you don't know me

I been rollin' with my team, we the illest on the scene

I been riding 'round the city with my squad

I been riding 'round the city with my squad

Quando a garota saiu pela porta da frente, Jimin correu para o quarto, sendo parado na metade do caminho por Jungkook. 

- Nós vamos conversar, chega! Nós precisamos conversar.

- Sim, vocês precisam. - Hobi e Yoon disseram juntos.

- De que lado vocês estão?

- Do lado Jikook.

- O que?

- Do lado dos dois, é isso que quer dizer.

- Subam. Eu quero conversar com Jimin.

E eles subiram deixando o cordeiro com o lobo.

We just posted, getting crazy, living like this is so amazing

Hold up take a step back, when we roll up, cause I know what

We been loyal, we been fam, we the ones you trust in

Won't hesitate to go straight to your head like a concussion

I know I been bustin', no discussion for my family

No hesitation, through my scope I see my enemy

Like what's up? Hold up, we finna re-load up

Yes I re-load up, I know what up, I know what up

- Jimin, ela não é…

- Eu não me importo, você fode quem você quiser e tem mais, eu faço o mesmo?

Ele foi empurrado contra o sofá e Jungkook estava sobre ele.

Perto.

Perto demais.

E o fazendo lembrar porque ele queira ficar longe.

Porque ele não resistiria a isso.

- Você faz o que Jimin?

- Eu fodo com quem eu quiser também se isso te consola, eu serei fodido.

O aperto em sua cintura foi mais forte e ele realmente gemeu, mas dessa vez de dor.

- Jimin, você não brinca assim comigo. E sabe porque? Porque ninguém vai encostar em você! Porque é meu.

- Nos seus sonhos, Jeon

I torture you

Take my hand through the flames

I torture you

I'm a slave to your games

I'm just a sucker for pain

I wanna chain you up

I wanna tie you down

I'm just a sucker for pain

- Quer saber mais sobre os meus sonhos, Chim? - Ele subiu os beijos para o pescoço. 

- Quero.

- Você quer?

- Eu quero. Me diga quais são seus sonhos, Jungkook. E quão bom eu sou neles? 

- Você não quer saber, está só tirando uma com a minha cara. 

I'm devoted to destruction

A full dosage of detrimental dysfunction

I'm dying slow but the devil tryna rush me

See I'm a fool for pain, I'm a dummy

Might cut my head off right after I slit my throat

Tongue kiss a shark, got jealous bitches up in the boat

Eating peanut butter and jelly fishes on toast

And if I get stung I get stoked, might choke

Like I chewed a chunk of charcoal

Naked in the North Pole

That's why my heart cold, full of sorrow, the lost soul

And only Lord knows when I'm coming to the crossroads

So I don't fear shit but tomorrow

And I'm a sucker for pain, it ain't nothing but pain

You just fuckin' complain, you ain't tough as you claim

Just stay up in your lane, just don't fuck with Lil Wayne

I'mma jump from a plane or stand in front of a train

Cause I'm a sucker for pain

- Você realmente se importa, Jungkook? Não, você não se importa! Você não liga para além de você, e sabe o pior? Eu também não deveria ligar! Mas às vezes, apenas às vezes, eu não me odeio você tanto assim.

- Eu realmente não me importo. - Ele mentiu e viu Jimin dar dois passos para trás. - Eu tanto não me importo como faço questão de garantir se você jantou, se você está bem ou me sentar na poltrona do seu quarto e só dormir quando tiver a certeza de que você não vai ter uma noite de pesadelos! Quer saber Jimin, eu estou pouco me fodendo. E você deveria ir dormir.

Jimin realmente foi dormir e Jungkook abriu uma garrafa de whisky, subindo para o quarto do moreno e sentando na poltrona ao lado da cama. 

Used to doing bad, now we feel like we just now getting it

Ain't got no other way so we started and finished it

No pain, no gain

Never stand down, made our own way

Never going slow, we pick up the pace

This is what we wanted from a young age

No emotion, that's what business is

Lord have mercy on the witnesses

Pois eu acho que o contrário do amor não é ódio e sim a indiferença. Jimin tentava ao máximo ser indiferente a Jungkook. E o ódio que cultivava por todas as suas ações e má conduta eram um escudo forte para algo que ele não não poderia conter para sempre.

I torture you

Take my hand through the flames

I torture you

I'm just a sucker for pain.

Jungkook dormiu na cadeira por estar levemente alterado e quando Jimin acordou pela manhã não conseguiu evitar o cobrir com seu próprio cobertor e descer com a garrafa na mão para fazer o seu café e o dele.

Todas as vezes em fazia o café adoçava apenas o seu, deixando o de Jungkook forte, sabendo que ele gostava assim.

Ele odiava Jeon Jungkook, e fazer seu café do jeito que ele gostava todas as manhãs não mudaria isso, certo Jimin? Continue pensando assim, babe.

More pain

Got me begging, begging, begging, begging, begging

For more pain

Got me begging, begging, begging, begging, begging

For more pain

Got me begging, begging, begging, begging, begging

For more pain

Got me begging






Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...