História Criminal - Jungkook and SN - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Amor, Bangtan Boys (BTS), Crime, Criminal, Criminalidade, Drama, Forte, Hot, Hot Bts, Hotzão, Jeon, Jeon Jungkook, Jungkook, Pesado, Querido, Romance, Sadomasoquismo, Traição, Violencia
Visualizações 64
Palavras 1.822
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei, mas cá estou eu! ♥️

Boa leitura ♥️

[ Capa- pijama da S/n e do Kookie ]

Aproveitem o cap por que está muuuito fofo! 💗

Capítulo 14 - Namoro de Alugel - Cap. 12


Fanfic / Fanfiction Criminal - Jungkook and SN - Capítulo 14 - Namoro de Alugel - Cap. 12

JK On. 


Eu não estava me aproveitando disso, em bora quisesse.

O Jimin iria parar de me encher o saco e eu estaria com quem sinto sentimentos, por mas que sejam consideravelmente pequenos, me sai bem, ou não.. tinha muita sorte ou muita falta dela.


— Vamos voltar, precisamos fazer algo bem legal para a namorada do Jungkook.- Indaga Jimin


— Sim mas.. ele namora com ela, logo com a menina do sequestro? E se ela te entregar?-  Diz Taehyung


— Ela não vai, não estou sendo hipócrita mas.. ela me ama demais para isso.-  Digo e me levanto


— Sei não, viu..- Indaga Jin


— Olha.. vamos pra casa?- Diz Namjoon


— Espero que esteja fazendo a coisa certa, e não nos coloque em uma furada Jungkook- Diz Suga


— Tá, tá.. chega de perguntas e de descascar o mamão em mim, eu já tô cheio disso.- Me levanto


[...]


— Devemos pedir uma pizza?


Sim Jimin, pede aí- Coloco o dinheiro em cima da mesa e jogo o celular que é pegado no ar pelo o mesmo.


— Onde vai?


— Vou me aprontar, pra minha dama- Digo e ouço um "Uuuh" que me faz rir, vou para meu quarto e começo a tomar banho e me aprontar. Passo um bom perfume e assim que arrumado, pego meu celular


Mensagem-  Minha Dama 👑


📲 Onde você tá S/n? Pode vir já


📲 Não vai vir me buscar?


📲 Melhor assim. Aproveito e já conversamos sobre algumas coisas.


Saio do quarto e vejo a melhor vista da minha vida..

S/n de costa, com um vestido que realcava sua cintura mais escorrida até os tornozelos, tom vermelho sangue, minha cor favorita. Seus saltos brilhantes e reluzentes preto e sua bolsa cinza chumbo. Seus cabelos com pontas enduladas e castanhos, até que ela se vira para mim, eu abaixo a cabeça pra desfaçar que estava a vendo.


— Olá... Amor..


Diz a mais nova sorrindo e se aproxima olhando em meus olhos.


— Não precisa me chamar de amor agora-  Falo por um fio de voz


— Derrepente ficou tímido?! Não vai dar um selinho na sua dama?!


S/n


Não que eu estava espionando o Jungkook, mas as paredes, no caso Jimin.. tem ouvidos, o Jimin que disse que Jungkook ficava fofo me chamando de "Dama" 


— Você sabe disso?!- Diz Jungkook, referindo-se a mim saber de que me chamou de dama


— Um passarinho me contou..- Dou de ombros e ando em sua frente


— Está tão bonito.. aliás, não vai retrucar?! O gato comeu sua língua ou você que está me comendo com os olhos?- Digo ainda sim rindo


— Aish S/n.. vamos em bora logo?- Vejo seus olhos revirar


— Claro.- Eu e Jungkook entramos em casa e ouvimos a voz de outro cômodo do Jimin e me surpreendi por Jungkook puxando-me forte para um beijo inesperado, mas inexplicávelmente quente.


— Nossa.. desculpa atrapalhar, mas a comida irá esfriar..- Diz Jimin malicioso e ri, após ele sair eu me solto de Jungkook e apenas saio andando.


— Orgulhosa...- Diz Jungkook de longe e sorri, logo nos sentamos na mesa e comemos.


Nada de incomum, foi apenas uma janta. Eu levanto e retiro meu prato, mas antes, peço licença a todos. Volto até lá


— Obrigado a quem fez a comida..


Digo e sorrio indo por trás de Jungkook e dando uma prévia massagem em seus ombros


— S/n, já que disse que iria dormir aqui.. que tal dormir com Jungkook?! Já que são namorados não irão se importar.- Indaga Jimin, tornando minha noite incomum.


— Ah não..o Chung.. - Digo tímida


— Falando nisso, cadê ele?- Diz Jungkook, pensando. Ah não.. seria um impretexto pra ele lembrar de que Chung me chamou de "Omma"-  E por falar nisso, S/n.. precisamos conversar. Te espero no quarto.-  Diz Jungkook com seu olhar sério passando a língua nos dentes molares e se retira dali. 


— Vou ir pegar a roupa e tomar um banho, avise a ele pra mim Jimin.. obrigado!- Saio dali.


— Nossa que climão- Indaga Hobi antes mesmo de mim sair. 


Não, eu não queria ter mentido pra minha mãe, para Jungkook, para meu irmãozinho e para mim mesma. Com quem eu quero enganar mais?! Já enganei até a mim mesma. Eu menti.. estou ajudando um cara que me sequestrou e um cara ameaça garotas e guardou sua ex em sua casa, em cativeiro. Os amigos deles, matam sem dó. 


Agora cá estou eu, em um lindo vestido vermelho uma bolsa Prada, toda revestida na beleza e sendo uma mentirosa fácil e barata..


Com quem iria contar?! Minha mãe me julgaria, meu irmão é uma criança e Jungkook.. ele só quer um Ibope.


Afundo os dedos no cabelo pensando desnorteada até que paro, me escoro na parede daquele corredor iluminado e desço até o chão, me sentando e me pondo a chorar baixo juntando a os braços nas pernas e apoiando a cabeça. Está desabando, mas ainda sim baixo, derramando todos os meus problemas.. sozinha, até que ouço uma voz de longe..


— S/n?!


Aquela voz que de longe era decifrada, mas.. ainda sim era um momento tímido meu, apreensivo!


Eu limpo minhas lágrimas e levanto, ainda apreensiva não tendo mais esperanças nenhuma


— O que houve?! Por quê está chorando?!

Diz Jungkook, passando suas mãos suaves em meu rosto, isto seria fofo para mim, se não estivesse tão apreensiva e inquieta.

Eu a levo para casa..

Diz Jungkook e sem eu questionar, me leva pra casa e depois para o banheiro, retira todas as minhas roupas com cuidado e me coloca em baixo do box, liga a água quentinha que faz cair sob o meu corpo e depois sobre o chão.

— Você.. não precisava fazer isso.- Me pronuncio pela primeira vez, com voz de choro recente, com vergonha daquele momento, por ele ver meu corpo pouco malhado e magro, mas ainda desnorteada pela tristeza não liguei muito.

Ele ainda não responde, só suspira. Passa o sabão suavemente pelo seu corpo, ainda de fora do box para não molhar a roupa.


JK On.


Eu vi que S/n estava demorando, pela a primeira vez me importei de verdade, como se fosse preciso, como se fosse necessário e meus instintos não falharam, a vi chorando e me aproximo rapidamente. O que aconteceu?! Ela estava com certeza sobrecarregada. E aquilo me despertou um sentimento.. preocupação! Sentimento, tristeza... Podia sentir sua dor, e , quis ajudar ela, aliás, eu amava ela, iria enganar quem?! Eu me apaixonei pelo seu jeito difícil e fofo ao mesmo  tempo.


A primeira vez que eu toco o corpo de uma mulher sem sentimento de malícia e tiro sua roupa sem pretender fazer devassas malícias.


Eu queria cuidar dela, e, não precisava motivo para isso, porém continha, seu choro. Depois descobria o motivo, o importante e a prioridade era cessar aquilo. Ela estava tão desnorteada que nem precisou mandar eu me retirar de vergonha e nem sentiu medo que fizesse aquilo com outras intenções..

Seu corpo era lindo, mas não reparava tanto para não deixar ela triste ou com vergonha.


Pego o litro de shampoo e despejo na mão, acaricio levemente seus fios de cabelo vendo a mesma soltar tua tensão. Após enxugar repito o processo para relaxar mais ainda a moça. Após, passo condicionador e enxaguo também. 


Lavo suas coxas fazendo uma prévia de massagem, dando apertadinhas, S/n passa seu braço esquerdo por cima de meu ombro em quanto eu lavava sua barriga, suas pernas e por fim seu rosto. 

Eu olho para seu rosto delicado e macio e começo passar delicadamente o sabão que forma espuma, sua pele é tão bem cuidada.. eu fico olhando apaixonadamente seu rosto em quanto meu braço está envolto de sua cintura, logo termino e completo:


— Vou te deixar sozinha, para lavar suas... Partes-  coro ao dizer aquilo, aliás, não era sempre que dizia isso, mas queria deixar ela confortável, então, teria que tomar uma atitude. Penduro a toalha no box e separo sua roupa colocando em cima da cama, era um lindo pijama fofo (foto na capa ^^ por que sim aa)

Eu vou até o quarto me certificar que Chung dormia tranquilamente, ele a chamou de "Omma" naquele dia, mas não ia questionar a apreensiva garota. Eu me sento na sua cama pensativo até vê-la sair do banheiro, com seus cabelos molhados e a toalha envolta de seu corpo.


— Ahh.. já terminou


Sorrio e me aproximo tirando a toalha de seu corpo e secando seus braços com cuidado, depois que a mesma se veste, eu seco seus cabelos no secador, vejo a mesma corar.


— Pronto! Cheirosinha.- Sorrio e acaricio seu rosto, eu confesso que estava me esforçando para ser fofo, vejo ela abraçar minha cintura


— Esse seria o bônus do acordo?- Ela diz com seus olhos ainda quebrados por causa do choro, estava tão desanimada


Veio de mim, eu que quis fazer isto por você.- Eu digo e a olho, depois suspiro


— Sabe S/n.. eu posso ser tudo menos covarde.. eu precisaria tratar você bem de qualquer forma pois você me ajudou, deu suas mãos depois de tudo que ainda fiz com você, e, você merece. Mas esse não é o único motivo...-    Me ajeito na cama vendo a mesma olhar para mim, eu suspiro tentando tomar atitude-    Talvez, eu realmente goste de você e esse relacionamento de aluguel seja a chance de mim provar que eu posso mais que isso.


Vejo a mesma morder seus lábios apreensiva como se tivesse que dizer algo.


Vejo uma voz doce e fina ecoar no quarto


— Omma.. posso dormir com você?! E o.. titio Jeon?! Estou com pesadelos


Chung se aproxima e eu acaricio seus cabelos


— S/n.. depois conversamos. Vou tomar um banho, se cuida, ok?!


Digo e dou um beijo em sua testa


— Cuida dela para mim, ok.. pequenino


Eu sorrio e saio do quarto, vou para a casa e vejo que todos já haviam dormido, pelo visto. Vou para o banheiro e tomo um banho calmo, visto meu pijama que por coincidência era parecido com o de S/n, me sento no sofá refletindo e logo ouço meu celular vibrar, meu coração acelera e solto um sorriso bobo ao ver que era S/n.


Mensagem/ Minha Dama 👑

📲 Jungkook... se não for pedir demais.. posso te pedir um favor?


📲 Claro, o que quiser..


📲  Chung não é o único com problemas de insônia. Eu também fiquei.. mas ele conseguiu dormir, pode vir dormir comigo?! Apenas essa noite?! Por favor.. não ache que estou me aproveitando, eu só.. gostaria


Eu apenas visualizo, me sinto feliz, extremamente e me levanto, saio de casa indo até o seu, que era no mesmo corredor só que na virada. Eu adentro a casa pois a porta estava aberta e me aproximo de seu quarto a olhando


Você pediu ajuda.. cá estou eu


Eu sorrio animado e me aproximo dela, ela da espaço na cama e eu me deito, apoio a cabeça no cotovelo e a olho.


Seria a hora de me declarar?!












Continua..



Notas Finais


Obrigada ♥️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...