História Criminal - Taegi - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Tags Jikook, Taegi, Taehyung!tops, Yoongi!bottom
Visualizações 398
Palavras 1.160
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Ficção, Lemon, Policial, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 6 - Desconfiança, cinema e carinho.


Taehyung me deixou sozinho e com uma puta dor lá em baixo. Eu só queria ficar dormindo, sinceramente ir assistir filme com aqueles malucos nunca é uma boa ideia.

Pelo menos vou jantar com o Tae.

Com muita dificuldade andei até o banheiro. Eu sou muito idiota, transar duas vezes seguidas depois de tanto tempo não faz bem.

Tomei um banho quentinho para relaxar o corpo. Saí enrolado na toalha pra escolher uma roupa.

Algo bem mais comum. Calça jeans com rasgos, um blusão grosso - por causa do frio - e um tênis all star vermelho. Passei gloss de cereja, porque eu posso. E saí do quarto.

Taehyung estava mexendo no celular com um copo de água das mãos, parecia sério.

Fui me aproximando com cautela, sou curioso e investigador, queria saber o que estava acontecendo.

Ele estava conversando por mensagem.

-Tae?... - chamei baixinho. Taehyung se virou assustado e quase derrubou o copo

-Ai! - pôs a mão no peito - Assombração. - sorriu fraquinho

-O que estava fazendo, que estava tão concentrado? - ele ficou sério

-Nada,está pronto? Vamos. - pegou as chaves do carro e guardou o celular

-Taehyung! - o chamei, segurando seu pulso - O que foi?

-Coisas minhas. - respondeu me olhando muito sério, larguei seu pulso por sentir uma pitada de medo

-Por que não pode me contar?... - perguntei abaixando a cabeça, quem sabe se eu apelar pra manha ele conte

-Você também tem coisas que não me conta, vamos. - primeiro fui tomar água.

Estava indo tudo tão bem... DROGA!

Entramos no elevador, estava vazio, só nós dois então consegui manter certa distância.

-Não faça essa carinha meu bebê. - se aproximou - Não fique com raiva, estávamos indo tão bem. - me deu um beijinho rápido na testa - Não quero te preocupar com meus problemas, não era nada sério.

O encarei, ele tinha um sorriso. Gosto desse sorriso, não daquele olhar.

-Não era nada sério mesmo? - perguntei com um biquinho, quero ver ele resistir.

-Não. - sorriu me dando vários selinhos - Vamos focar na nossa diversão! - me abraçou por trás.

-Ei! Nem pense que vamos transar de novo, estou todo doído. - cruzo os braços.

-Mas-

-Cala boca!

Ele bufou e choramingou.

Chegamos no estacionamento, entrei no carona e Taehyung logo depois.

Ajustou o rádio, estava tocando músicas aleatórias do estilo que ele gosta, nesse exato momento era a voz da Adele.

Sorri ao ouvi-lo cantar baixinho. Taehyung tem uma voz tão bonita, eu amo quando ele canta para mim, quando vamos dormir.

-Acho que vai chover. - comentou quando paramos no sinal - Espero que não.

-Chuva pela madrugada, eu aprovo, vou estar dormindo.

-Impressionante é que você está acordado. - brincou e o dei um tapa no braço - Foi brincadeira! - riu

Logo estávamos perto do cinema, ele parou quase em frente. Consegui até mesmo ver meus amigos.

Jimin estava "dentro" do casaco grande de Jungkook. Jennie e Jisoo estavam abraçadas de lado, Lisa e Chaeyoung dividiam um cachecol.

Saí do carro, sendo acompanhado por meu namorado.

Meu!

Só que essas vadias aqui da rua não percebem isso!

Agarrei o braço do meu namorado.

-Ciúmes, anjinho?

-Quieto. - mandei sentindo a vergonha tomar conta de mim

-Finalmente! - Jisoo reclamou - Agora só faltam o Jin e o Nam.

-Não falta mais. - o casal apareceu de mãos dadas.

Corri para abraçar o Jin.

-Não te via faz tempo. - reclamei

-Tipo um dia?

-Dois!- ele riu - E você faz pouco caso.

-Ownnn! - apertou minha bochecha - Vamos comprar os ingressos!

-E comida! - Jungkook lembrou

-E comida! - Jin reforçou, dois comilões.

-Eu, Jungkook e Taehyung vamos comprar os ingressos, vocês se resolvem com os lanches. - Namjoon avisou

Esses três juntos e sozinhos... Boa coisa não é.

Namjoon trabalha com uma empresa de modas, só que é também o Monster, um dos maiores traficantes de droga de nosso país. Descobri isso pelo próprio Namjoon, o Jin sabia a pouco tempo também, ele é muito bom em esconder sua identidade.

-Vamos... - Jin chamou menos animado, ele devia ter pensado como eu.

Jimin estava com um biquinho entristecido.

-Certeza que pode sair nesse frio? - Jin perguntou ajeitando o cachecol do nosso amigo pequeno.

-S-sim... - fungou - Estou melhor! - sorriu fraquinho.

Pegamos bastante comida. Pipoca e doces, além das bebidas.

1 balde grande para cada dupla.

-Hobi não veio... - comentei - Sabem por que?

-Ele foi viajar a negócios, foi de última hora. - Jennie respondeu

-Qual o filme? - perguntei

-Aquele em cartaz. - Lisa apontou sorrindo

-O-o de t-terror?... - Jimin perguntou apavorado.

Minnie é um gato assustado.

E bom... Eu estou com certo receio de filmes de terror...

-Vamos pra fila? - Namjoon perguntou balançando os ingressos.

O filme estava meio, nem muito cheio e nem vazio.

Sentei ao lado do meu namorado, Jimin ao meu lado e depois o Kook. Jin e Namjoon estavam do lado do Tae. As meninas do lado de Jikook.

Namjoon, Jin, Taehyung,eu, Jimin, Jungkook, Lalisa, Chaeyoung, Jennie, Jisoo.

-Espero que esse filme seja diferente daquele outro. - murmuro para Taehyung, ele apenas riu.

-Jimin... O filme nem começou. - Jungkook zombou, Jimin já estava agarrado ao seu braço escondendo a cabeça ali.

-Pabo! - choramingou - Eu quero outro filme!

-Que pena, tinha dito antes.- falei

-E-eu não sabia que era de terror... - retrucou choroso - Kookie...

-Não faz assim, eu tô aqui. - abraçou o menor de lado.

Estávamos em poltronas de casais. Duas cadeiras sem o apoio no meio.

A fila era quase toda assim. Só a partir da Lisa ficavam normais.

-Se precisar você vem pro meu colo.

Fico feliz pelo Jimin. Jungkook é completamente atencioso com ele.

O filme começou, depois de muita enrolação, eu não deixei Taehyung comer a pipoca, ela acaba antes do filme começar.

Já disse que eu odeio palhaços? Estou começando a odiar ainda mais depois desse filme!

Esse palhaço tá possuído só pode!

Jimin ao meu lado já estava todo encolhido e chorando no peito do Kook, que dava todo o carinho e atenção necessário.

-Calma meu anjinho... - pedia baixinho. - Deita.

Jungkook realmente  o fez deitar, de rosto em sua barriga. Enquanto continuava fazendo carinho no pequeno.

Invejinha...

Encostei a cabeça no ombro de Taehyung e fechei os olhos, não queria assistir aquele filme.

-Já está com sono de novo? - ouvi sua voz grave cheia de graça.

-Um pouco. - menti. 

Queria carinho. Fiz bico, que sumiu assim que senti a mão grande e quentinha de Taehyung em meus cabelos.

Taehyung não é perfeito, mas sabe como me fazer sentir todas as emoções possíveis.

E eu o amo demais.

-Gosta disso? - perguntou me enchendo de beijinho.

-Sim. - respondi manhoso deitando em seu peito.- Te amo. - beijei seu pescoço.

-Te amo. - respondeu me puxando para um selinho rápido. - Meu pequeno.


Notas Finais


Quem é vivo sempre aparece né ^^'
Desculpa pela demora e espero que estejam gostando.
Spoiler: Próximo capítulo é JIKOOK, focado mais nele.
E... VAI TER MUITA TRETA LOKA!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...