1. Spirit Fanfics >
  2. Criminal. >
  3. .único

História Criminal. - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


vadia foda-se o que dizem, britney spears songs merece aclamação sim

vi q muita fanfic q eu tava lendo tava recebendo ban e eu fico até com medo das pessoas me denunciarem pelas coisas q posto, #pas galerinha, aprendam a diferenciar as personalidades dos personagens da personalidade do autor, lembrem q é ficção, e às vezes a ficção aborda a realidade, se não sabem lidar com a realidade não leiam

(e é agora que eu levo ban também)

é isso, #pas

eu fodi com o que era pra ser uma one shot boazinha mas eu tava com pressa pra liberar coisas do notas

e por falar em personagem, só eu q gosto de ler uma coisa com a fany badass? só eu? tá bom.

Capítulo 1 - .único



" Mamãe, é a Taeyeon.

Sim, sua Kim Taeyeon.

Aquela menininha que você criou com muito amor e zelo.

Se lembra quando eu disse que estava apaixonada?

E era por alguém que você não aprovaria?

Se lembra daquela mulher que você disse que não prestava? Que se ficasse perto eu me contaminaria? Que qualquer um que se envolvesse seria manipulado.

É ela, Mamãe.

E você estava completamente certa.

Ela não é boa.


Não trabalha do jeito que a sociedade acha correto.

Vive com uma Browning 1903 no cós da calça e uma carteira de Winston no bolso da frente.

Ela mente e trapaceia, Mamãe. Todas as noites apostando, fumando, roubando.

Ela não liga para a lei
.

Tem o coração mais sujo e podre que alguém poderia ter.

Ela mata por diversão, Mamãe. E age como se não tivesse nada a perder.

Tiffany Hwang é seu nome
.

Eu devia ter te escutado. Devia ter me afastado quando eu pude. E é loucura admitir isso, falando em voz alta e escrevendo.

Mamãe, estou apaixonada por uma criminosa.

É algo fora da razão, foi o meu desejo falando mais alto.

E apesar de tudo de ruim que ela faz, eu sinto que ela gosta de mim, sabe?!

Ela me protege dos perigos que o mundo pode oferecer.

Ela fez uma tatuagem com meu nome, sabia? Disse que eu sou seu amuleto...

Peço que compreenda minha situação.

Eu não pedi por isso.

Se lembra de Baekhyun? Eu sei que você gostava dele, e pedia para Deus que o tornasse seu genro, mas ele era agressivo e controlador, Mamãe. E Tiffany, apesar de tudo isso, me trata como uma princesa.

Ela pode ter causado problemas para nossa família; como a delação dela para o Tio Ryan, dizendo que o papai estava metido com propina, resultando no irmão prendendo o próprio irmão, e causando conflitos na família coreana do bairro nobre.

Sim, eu sei disso, Mamãe. As pessoas falam que a ruiva alta destruiu a pacata família Kim.

Eu não vejo por esse ângulo. 

E talvez eu esteja pagando por meus erros escutando as pessoas falarem maldades e tentarem nos afastar.

Gangsters, vizinhas safadas, os tiras, o irmão dela. Todos eles
tentam mas não conseguem.

E não vai ser você que conseguirá colocar juízo em minha cabeça, porque sei que se eu voltar me colocará em um psiquiatra.

Não é racional, Mamãe. É físico. E possivelmente emocional.

O amor nunca foi racional, não é?!

Sei que está chorando por ler isso.

Mamãe, por favor, não chore!

Eu estou bem! Sei me virar e se eu precisar ela me ajuda.

Estamos saindo da cidade depois de uma denúncia que fizeram.

Provavelmente, há essa hora, eu e ela estamos mortas, ou então pelos pastos de alguma cidadezinha.

Tiffany está me chamando. Acho que agora é a hora da nossa despedida, se não tivermos sorte.

Eu te amo, Mamãe. Não fique com raiva e nem triste. Eu fiz minha escolha e não me arrependo.

Estou com quem amo.

Mesmo que isso signifique levar balas na cabeça. "






Notas Finais


"o tempo fecha quando os pilantra vê nós passando no bonde várias gostosas na garupa da cb caindo pro funk...respeita carai!"


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...