História Criminal Love (Borusara) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Boruto Uzumaki, Chouchou Akimichi, Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Inojin Yamanaka, Itachi Uchiha, Izumi Uchiha, Kagura, Kaguya Ootsutsuki, Kakashi Hatake, Karin, Kawaki, Konohamaru, Mitsuki, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Orochimaru, Personagens Originais, Rin Nohara, Rock Lee, Sai, Sakura Haruno, Sari, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikadai Nara, Shikamaru Nara, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Visualizações 39
Palavras 1.197
Terminada Não
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - Boruto Uzumaki


Bolt on

10 anos antes...

-papai como o senhor conseguiu tanto dinheiro? -sorrindo.

-no trabalho Bolt. -sorir.

Me lembro bem daquele dia em que fui verdadeiramente feliz... mais agora não sou tão feliz assim.

Eu estava sentado na mesa de jantar ao lado do meu pai o mesmo tinha uma cara de  preocupado ele olhava a maleta cheia de dinheiro a sua frente.

-pai vamos pro parque.-eu dei um sorriso pra ele.

-Certo.-ele retribui o ato- vamos chamar sua mãe e sua irmã.-ele se levantou e foi até a sala.

O sigo e vejo minha mãe e minha irmã assistindo um filme de princesas.

-mamãe Hima vamos pro parque com o papai.-as duas se levantam.

Minha mãe desliga a TV e assim nós saímos de casa me lembro que nossa casa não era muito grande, meu pai disse que não era bom chamar atenção indesejada.

Entramos no carro, papai dirigia e  mamãe ia a seu lado enquanto eu e Hima íamos atrás.

Depois acho que uns cinco a seis minutos chegamos e o lugar estava cheio de crianças com seus pais se divertindo. 

-papai quero ir no balanço.-hima saiu puxando meu pai pela mão.

-vem Bolt vamos ali comprar um sorvete.-minha mãe sorriu docemente pra mim segurei firme sua mão.

Depois de uns 20 minutos de diversão fomos pra casa, quando chegamos era 15:44 minha mãe mandou eu e Hima pro banheiro pra tomarmos banho.

Quando descemos pra jantar escuto meu pai e minha mãe discutindo sobre algo.

-eles nos acharam.-essa era a voz do meu pai.

-o que faremos agora naruto?-essa era a voz da minha mãe.

-vamos embora amanhã de manhã.-estranho o que meu pai disse ,mais naquela época, pensei que fosse uma viagem em família. 

-Certo depois do jantar irei arrumar as malas.-minha mãe estava com a voz triste.

Assim que eu e Hima aparecemos eles voltam ao normal, desconfiei, mais qual é só tinha sete anos na época e a Himawari cinco.

E no dia seguinte minha vida iria mudar por completo.

Dia seguinte 

Eu e minha família estávamos saindo de casa, e quando percebi já estávamos na rua se me lembro bem do amigo do papai um tal de Orochimaro.

Sim! Me lembrei assim que vi a casa em tom de marrom claro e três  pessoas na frente.

Essas eram Orochimaru, mitsuki e Yasu mãe do mitsuki.

Chegamos pra os cumprimentamos.

-obrigado por aceitar.-meu pai falou tranquilo. 

-claro sem problemas.-Yasu falou eu vi em seu rosto uma expressão de tristeza.

Eles falaram pra nós entrarmos e quando íamos fazendo isso... escutamos um barulho de carro me viro e vejo dois carros pretos.

-Droga eles nos seguiram!-a pessoa que gritou foi minha mãe.

-rápido crianças por aqui.-Yasu nos chama até os fundo da casa onde tinha um carro cinza ela entra e nois três também, eu, mitsuki e Hima.

-damos cobertura vão!-meu pai falou e logo depois sacou  uma arma e começaram as trocas de tiro no lugar.

Minha mãe e Orochimaru faziam o mesmo,  fico espantado com aquela cena, Himawari chorava sem parar e mitsuki falou um "tome cuidado papai" e um último grito é ouvido "amamos vocês" Escuto mais tiros cortando a voz de meus pais.

Yasu falou que explicava depois e assim foi todo o trajeto um completo silêncio Hima dormia e eu e mitsuki estávamos brincando de adivinhar qual cor tá pensando.

E foi assim até chegarmos em uma fazenda.

Eu e mitsuki descemos do carro a Yasu pegou hima no colo e foi direto pra dentro da casa e daquele dia em diante... aquele lugar virou nosso novo lar.

Os dias iam se passando e nenhuma notícia dos meus pais e do pai do mitsuki.

Yasu me explicou a razão do ataque e essa era...



Meu pai era um ladrão o mais reconhecido, e no dia em que fomos pro parque esse dia ele avia abandonado a vida do crime mais os seus chefes protestaram e quiseram se vingar pois ele havia pego algo deles mais Yasu falou que não sabia o que era, daquele dia em diante era só isso que ficava em minha mente eu admirava meu pai, e o mesmo era um ladrão. 

Dias e mais dias se passaram e esses dias viraram meses que se transformaram em anos e assim o nosso luto por eles chegou.

Só sei que durante esses anos eu treinei duro eu mitsuki e Hima e Yasu é quem nos treinava.

Com apenas 11 anos começou os roubos que era a razão por termos dinheiro pra viver e banca a fazenda que nos escondia dos assassinos.

10 anos depois 

Dias atuais 

Bom esqueça o que eu disse sobre a morte dos meus pais e de Orochimaro, a verdade está oculta e só quem sabe o motivo por eles terem sido assassinados é Yasu anos atrás ela mentiu pra mim pra hima e pro próprio filho.

E como podemos saber, simples ela mesmo disse que só saberemos a verdade no momento certo.

Mais chega disso eu sei que tudo isso é pro nosso bem mais eu só me enporto mesmo é com minha irmã.


Segunda de manhã 06:37

Quarto do Boruto 

*Trim trim trim*

Me acordei com o barulho do despertador, me levantei porque acorda tão cedo? Pra fazer um assalto? Não, é acertou quem disse ir pro colégio. 

-A droga eu odeio isso.-digo pra mim mesmo.

Vou até o banheiro e faço minhas higienes matinal, depois vou trocar de roupa visto uma calça jeans azul escuro e uma blusa branca meio colada ao meu peitoral agora definido "obrigado anos de treinamento impiedoso".

Desço as escadas e vou direto pra mesa onde tem panquecas e suco de laranja, me sirvo e começo a comer.

-estão ótimas não é verdade?-pergunta Yasu que pra vocês saberem tem cabelos um pouco abaixo do ombro da cor azul claro e olhos castanhos escuros e pele branca mais nada exagerado.

-na verdade podia melhorar tá meio ruim.-digo brincando e ela tá um tapa atrás da minha cabeça.-aí essa doeu.-passo a mão ande ela acertou.

-isso é pra você agradecer a boa comida que eu faço.-ela se senta na cadeira a minha frente.

-bom dia-mitsuki se senta na cadeira ao meu lado esquerdo.

-bom dia.-falamos juntos.

-bom dia a todos.-hima se senta do lado direito.

-bom dia- respondemos.

Depois de terminarmos o café da manhã fomos direto pro colégio, e depois de alguns minutos chegamos.

Quero dizer depois de vários minutos chegamos pois é esqueci de dizer deixamos a fazenda e fomos morar em uma das mansões do bairro nobre de konoha.

Motivo? Bem é que a fazenda virou esconderijo do dinheiro que roubamos.

Bom assim que chegamos no colégio Konohagakure nome grande, ou como chamamos 'gakure'. Voltando, assim que chegamos as pessoas logo ficam nos observado.

Talvez porque chegamos em um carro bem chamativo ou porque nós somos chamativos.

Estacionei o carro e fui pra dentro do colégio onde se via os alunos em seus grupinhos falando bobagens.

Todos sem exceção, estavam com roupas normais, aqui no colégio  os alunos so  precisão vim de uniforme em ocasiões especiais, e nos dias normais podemos vim com a roupa de nossa preferência com tanto que não seja uma roupa vulgar.

Resolvo me separar de Hima e mitsuki pra ir beber água quando derrepente alguém esbarra em mim me sujando de café, ótimo! logo na minha blusa branca.

Quando levanto minha cabeça pra ver quem é o responsável pelo desastre meus olhos se arregalaram.

E penso somente uma coisa "os anjos realmente existem e são mais belos do que a própria beleza".



Continua...

 









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...