História Cruzando Os Dedos - Capítulo 58


Escrita por:

Postado
Categorias Luan Santana
Personagens Luan Santana, Personagens Originais
Visualizações 104
Palavras 276
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 58 - Foi você quem quis assim


Entrei no nosso quarto e resolvi tomar um banho, estava morta, mas eu precisava daquilo.

Depois de sair do banho ja vestida em um pijama encontrei Luan sentado em uma poltrona me encarando, passei por ele e peguei meu creme de pele e começei a passar.

Luan: O que você quis dizer quando falou tudo aquilo la embaixo?

Júlia: Para um bom entendedor meia palavra basta, mas como você se faz de burro vou explicar. Eu quis dizer que quem não da assistência perde pra concorrência Luan.

Luan: Júlia você está dizendo que me traiu? -perguntou nervoso-

Júlia: Olha, oportunidades não faltaram mas eu ainda te respeito muito -falei debochada-

Luan: Eu vou descobrir quem é e ele vai se arrepender de ter tentado algo com você.

Júlia: Você não vai não Luan. Sabe porquê? Porque foi você quem quis assim. Você quem me deixou de lado pra ir ficar com a tal M que eu ainda vou descobrir quem é, você quem jogou quatro anos de união fora, você quem magoou meu coração. E sabe porque você não vai fazer? Porque no fundo você sabe que o único culpado disso tudo estar acontecendo é você Luan. Agora se me der licença eu preciso dormir. -falei e vi ele se virar- Ah e mais uma coisa, toma cuidado porque um dia eu vou cansar, e quando eu cansar não vai ter amor no mundo que faça voltar pra você -vi lágrimas em seus olhos mas me segurei, eu precisava parecer forte-

Ele saiu do quarto e eu desabei, doeu tanto falar aquilo pra ele, mas ele mereceu, ele esta sendo um canalha comigo então nada mais justo



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...