História Cuidado cupido - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga
Visualizações 13
Palavras 1.401
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 16 - O Jantar.


Fanfic / Fanfiction Cuidado cupido - Capítulo 16 - O Jantar.

Assim que chegaram em frente ao condomínio Hyuuga deram seus nomes ao porteiro e ele liberou a entrada, a governanta da casa Hami Hyuuga os acompanhou desde a portaria até a casa principal.

-Kushina: Muito obrigada!

-Hami: Por nada senhora Uzumaki.

Assim que o mordomo abriu as portas da mansão Hiashi, Hialli, Hinata, Hanabi e Neji os esperavam, com seus trajes variando entre o leve rosado para as mulheres e os marrons e preto para os homens. Neji e Hiashi trajavam calça social preta, sapato social preto, Hiashi usava camiseta social azul e Neji uma marrom pastel, os cintos estavam impecáveis em suas calças, Hialli usava um vestido longo rosa bebê, sapato de salto fino prata e alguns acessórios de ouro branco, Hanabi usava um vestido rosa curto com alguns brilhos, sandália de salto largo rosa também e uma teara dourada, Hinata optou pelo vestido branco com detalhes rosas até a altura dos joelhos, uma sandália de salto fino 12cm dourada e acessórios dourados como o brinco e o bracelete, o cabelo permanecia solto assim como o de sua mãe e irmã.

Kushina sabia sobre a família Hyuuga, que eram tradicionais, mas não imaginava que combinavam até nas roupas. Ela usava um vestido longo vermelho com um decote nas costas e os longos cabelos deixavam um volumoso e bonito coque na cabeça, usava brincos dourados compridos e uma bolsa dourada de mão combinando com a sandália de salto fino nos pés. Minato usava social também, mas a calça era azul marinho, o sapato e a blusa era um tom areia deixando os cabelos loiros reluzentes. Menma foi obrigado pela mãe a usar social também, usava calça e sapatos pretos, e uma social vermelha combinando com a roupa da mãe e com seus próprios cabelos.

-Hialli: Sejam bem-vindos a casa Hyuuga!

-Kushina: Obrigada pelo convite, estamos muito felizes de poder conhecer vocês.

-Hiashi: Queiram entrar por favor.

Logo que entraram Minato cumprimentou Hiashi com um aperto de mão assim como a Neji, e um beijo da mão de Hialli, Hinata e Hanabi que com seus 15 anos estava encantada com o homem. Kushina recebeu um beijo na mão de Neji e Hiashi, e abraçou as três Hyuugas, demorando um pouco mais em Hinata.

Logo era a vez de Menma, que cumprimentou Hialli primeiro, e logo depois a Hiashi, a primeira com um beijo na mão e o segundo com um aperto de mão, depois cumprimentou Neji com um aperto de mão e um abraço amigo, Hanabi com um beijo na mão, e Hinata com um beijo na mão e um na testa.

-Hiashi: Vamos nos sentar na sala enquanto a janta termina de ser posta.

-Minato: Vamos sim.

Assim que sentaram na sala uma empregada veio oferecer chá a eles, e Hialli, Hinata e Kushina aceitaram, Hanabi pediu um suco e os homens ficaram na água mesmo.

-Hanabi: Eu achei Menma-kun muito bonito papai, ele faz um bonito par com a Hina.

Hanabi nunca fora muito de ter papas na língua, Hiashi mantinha uma postura séria, mas mesmo assim a filha se divertia com ele.

-Hiashi: Hanabi, beleza não o critério que um pai avalia no pretendente de sua filha.

-Hanabi: Mas nós irmãs avaliamos isso sim papai.

-Hialli: Hanabi você vai constranger o moço.

-Menma: Tudo bem senhora Hyuuga, Hanabi me parece ser bem apegada a irmã, não vai deixar nada passar batido.

-Hanabi: Nunca vou deixar qualquer pessoa tirar minha irmã de mim.

Dizia sorrindo desafiadora para Menma, que levantou os braços em um sinal de rendição a menor, e logo as mulheres sorriam com a cena.

-Hiashi: Tudo bem mocinha, você já fez sua avaliação, agora gostaria de saber de você Menma quais suas intenções com a minha filha?

Menma que até então estava relaxado, ficou um pouco tenso até na fala o senhor Hyuuga era bem severo.

-Menma: Eu fiquei horas no espelho ensaiando a resposta dessa pergunta, mas agora não me lembro de absolutamente nada do que ensaiei. – Dizia Menma passando uma mão no cabelo como tique nervoso – Mas posso garantir que eu gosto de verdade da Hinata senhor, ela é uma pessoa incrível, é inteligente, bonita, divertida e muito gentil, ela sempre ajuda todo mundo e sempre tá por perto quando alguém precisa. Eu quero namorar a Hina, ficar com ela pelo resto da minha vida e poder fazer ela feliz, quero que ela tenha no rosto todos os dias esse sorriso perfeito. – Dizia olhando para uma Hinata corada que sorria.

Hanabi batia palmas discretamente e Hialli sorria para a filha, Kushina apertava a mão de Minato e o mesmo sorria para o filho, estavam orgulhosos, haviam criado um bom rapaz, Neji em contrapartida sorria internamente do nervosismo do amigo.

-Hiashi: Bom, me parece uma boa resposta garoto, agora me diga é um bom aluno assim como minha filha?

-Menma: Sim senhor, estou sempre estudando e mantendo minhas notas acima da média, participo de atividades extracurriculares e faço parte do time de esporte da escola.

-Hiashi: Isso também é muito bom, grandes alunos serão grandes líderes futuramente. Me diga agora o que pretende fazer depois que acabar o ensino médio, que faculdade quer seguir?

-Menma: Eu quero muito cursar medicina, quero ser um cirurgião.

-Hiashi: Fico feliz que escolheu uma área que pode ajudar muitas pessoas, é uma profissão muito bonita, Hinata tem inclinações para essa área, mas ela precisa assumir a empresa e precisa cursar administração ou gestão para isso.

-Menma: Eu acredito que a Hina é capaz de fazer o que ela quer e o que ela precisa, e eu vou estar do lado dela pra ajudar.

-Hiashi: Isso é uma verdade, então me responda uma última coisa garoto.... Você pretende casar com minha filha ou viver um romance de algum tempo e depois terminar tudo, como se fosse nada?

-Menma: Isso eu não preciso ensaiar pra responder, eu desejo do fundo do meu coração viver pra sempre com a Hina, namorar, casar e viver uma vida com ela.

-Hiashi: Tudo bem, acredito que pela expressão de minha esposa ela já tenha te aprovado e Hanabi e Neji também, seus pais parecem gostar muito da minha filha, então a única coisa que posso dizer é que você respeite e cuide da minha filha como a pessoa mais preciosa desse mundo, o que ela é pra nossa família.

-Menma: Senhor Hyuuga, o senhor me permite namorar sua filha?

-Hiashi: Claro garoto, seja bem-vindo em nossa casa e nas nossas vidas, cuide e faça Hinata feliz e terá tudo comigo, erre com ela e eu não o deixarei fugir de mim.

Menma engoliu em seco, mas apertou a mão do senhor Hyuuga, Hinata se levantou e abraçou Menma que beijou rapidamente seu rosto.

-Hialli: Meu bip apitou, a janta está pronta, vamos?

-Kushina: Vamos sim, estou feliz por aceitarem nosso filho, ele fará Hinata feliz e creio que ela também o fará feliz.

Não demorou muito e todos estavam na mesa, Minato e Hiashi conversavam sobre a economia do país, Kushina e Hialli falavam da comida e de flores, um gosto em comum entre elas, Hanabi tagarelava com o primo sobre tudo, e Hinata e Menma conversavam sobre eles.

A sobremesa logo foi servida, um manjar de cocô, e também uma torta de nozes. Depois de umas três horas de conversa, comida e bebida já havia chegada a hora de se despedirem.

Todos se despediram com a promessa de marcarem um outro encontro qualquer dia.

Neji subiu com Hanabi cada um para seu quarto, Hiashi e Hialli entraram, e Minato e Kushina iam para o carro, deixando o casal a sós.

-Menma: Seu pai não era tão bravo como disse.

-Hinata: Hoje ele estava de bom humor, e além do mais ele gostou de você.

-Menma: Que bom né? Porque eu adoro a filha dele.

-Hinata: Tudo o que disse para o meu pai foi muito bonito.

-Menma: E é a mais pura verdade.

Menma abraçou a Hyuuga que selou seus lábios aos deles.

-Hinata: Obrigada por vir.

-Menma: Por nada, boa noite princesa.

-Hinata: Boa noite Menma-kun.

Se beijaram uma última vez por uns minutos e logo Menma foi até o carro e foi embora com os pais.

Hinata tomou um banho, trocou de roupa e deitou em sua cama sentindo pela primeira vez, depois de muito tempo, borboletas no estômago, e dessa vez a pessoa que as causará não era Naruto, era Uzumaki Menma.


Notas Finais


Kissus!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...