História Cuidar-te - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha
Tags Banheira, Cuidar, Fluffy, Milq, Narusasu, Pride
Visualizações 211
Palavras 612
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Shonen-Ai, Slash, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Incesto
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


To conseguindo voltar a escrever kyaaaa

Tava treinando e saiu isso, awn ><

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Cuidar-te - Capítulo 1 - Capítulo Único

O cômodo estava claro, claro até demais para os olhos negros e preguiçosos que se abriam conforme sentia o calor lhe cercar. Um suspiro relaxado saiu de seus lábios e logo voltou a fechar os olhos, encostando o rosto na porcelana morna da banheira. Não tardou aos seus ouvidos captaram um movimento no local, e abriu um dos olhos, pegando em flagrante aquele sorriso lindo que tanto amava. O viu se aproximar, e um rubor tomou conta das bochechas do rapaz, logo sentindo seu rosto ser tocado com carinho.

 

— Está melhor da febre Sasu?

 

O jovem de cabelos negros apenas assentiu lentamente, deitando a face sobre a mão do maior que agora acariciava os fios, se atentando as expressões do menor. Não era a primeira vez que o garoto ficava doente, e o loiro sempre o alertava para não ficar muito tempo no lago durante o outono, mas a teimosia era tamanha.

 

— Você ainda vai me matar de susto um dia desses, você não tem mais 11 anos para me desobedecer.

 

— Não briga comigo Naru._ pediu manhoso enquanto se encolhia na água quentinha da banheira, apesar de já ter dezesseis anos, Sasuke não mudava nada.

 

O Uzumaki apenas negou com a cabeça soltando um suspiro pesaroso, não importava o quanto o garoto passava dos limites, ele não conseguia ficar brigado com ele. A realidade é que Naruto adotou Sasuke, quando o mesmo tinha onze anos, havia acabado de perder os pais, e o loiro, sozinho como era, resolveu cuidar do menino. Na época tinha seus vinte e três anos, e trabalhava no abrigo para onde o menor havia sido levado.

 

Sasuke por sua vez, amava o loiro com todas as suas forças, e adorava quando a atenção do mesmo era depositada em si. E seus amigos se o vissem fazendo manha dessa forma, jamais acreditariam que era o mesmo adolescente frio que viam na escola.

 

— Você já está grandinho para eu ficar te dando banho.

 

Disse Naruto ao pegar a esponja e umedecer a mesma na água, logo passando-a sobre as costas pálidas em movimentos cuidadosos. Sasuke mantinha as bochechas coradas e olhos fechados, apenas apreciando a sensação boa que era. O loiro riu baixinho ao molhar novamente a esponja e torcer acima dos cabelos negros do rapaz, logo recebendo um biquinho muito mordível na percepção do maior. Afastou a franja do mesmo, logo dando um breve selar em sua testa.

 

— Para de ser manhoso assim._ repreendeu em tom de brincadeira, fazendo o outro rir e o puxar para dentro da banheira. Não protestou em entrar, sentou na mesma, deixando as costas do menor se encostarem em seu corpo._ Estou falando sério quando digo para não ficar até tarde no lago, se quiser que eu tome banho contigo, é só me pedir, não precisa disso tudo.

 

Sasuke apenas virou-se de lado e abraçou o tronco do maior, fechando os olhos e apreciando o calor que o corpo bronzeado emanava. Fazia pouco tempo que Sasuke se encontrava perdidamente apaixonado pelo homem que tanto cuidou de si. Mas como sabia que nada podia fazer por esse amor proibido, apenas inventaria qualquer coisa para ficar o mais próximo possível dele.

 

Naruto por sua vez, não sabia quanto tempo mais iria aguentar olhar aqueles lábios tão convidativos e não poder tomá-los para si. Sabia que o máximo que poderia fazer era zelar por seu amado e o acolher em seus braços sempre que pudesse.

 

Com essa conclusão, o loiro selou novamente a testa do menor e o apertou em seus braços ouvindo o ressonar do mesmo. Repetia o mantra para si enquanto fechava os olhos, queria tanto que Sasuke o desobedece-se outra vez apenas para cuidar-te.

 


Notas Finais


Estou derretida


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...