1. Spirit Fanfics >
  2. Cuidarei de você para sempre. >
  3. A reunião dos amigos e o começo do romance de Melizabeth

História Cuidarei de você para sempre. - Capítulo 8


Escrita por:


Notas do Autor


Tenham uma boa leitura e se cuidem do coronavírus.

Capítulo 8 - A reunião dos amigos e o começo do romance de Melizabeth


Cerca de dez minutos , o casal tinha chegado no apartamento da família de Elizabeth, que pediu para que o namorado abrisse a porta do apartamento , indicando que a chave se encontrasse na sua bolsa.


 

Meliodas entendeu o pedido da namorada , pegou a sua bolsa do seu ombro, abriu com o zíper com delicadeza, enfiou a mão no interior da bolsa, pegou a chave de dentro, colocando na fechadura, começando a destrancar a porta, deu um empurrão de leve, assistindo a porta se abrindo.


 

Sem perder tempo, o casal entrou no apartamento, Meliodas colocou a bolsa no sofá, junto com a sua bagagem, fechando a porta depois, entretanto a prateada se sentou no sofá, visualmente cansada .


 

Meliodas trancou bem a porta, depositou a chave no chaveiro ao lado da porta, começando a explorar o apartamento .



 

(..)


 

Elizabeth : Se sinta a vontade. O meu apartamento não é tão chique, quanto a sua mansão. Pelos menos, é muito bem arrumada. - Ela fala ao namorado que estava olhando para tudo.



 

Meliodas : Imagina. É bem melhor do que a minha casa. Tem academia aqui?! - Ele olha para a direção perto da cozinha.


 

Elizabeth : É da minha irmã Verônica. Ela sempre usa para treinar as artes marciais. Imagino que ela vai te emprestar.- Ela fala ao namorado com uma cara calma.


 

Meliodas : Ah, que bom. Porém, peço depois. Não sou do tipo que entra sem permissão. E como se sente? - Ele muda o rumo para o sofá onde a sua namorada está descansando.


 

Elizabeth : Sinto uma leve coceira no meu pulso. Deve ser por causa do curativo. E ainda tenho que tomar o remédio que a médica me recomendou.- Ela fala ao namorado ao sentir uma coceira no punho enfaixado 



 

Meliodas : O tratamento está dando certo . E ainda tenho que comprar o seu remédio . Vou ter que ficar longe de você. Vai ficar bem sozinha ? - Ele olha com doçura para a namorada que corou que nem uma rosa delicada .


 

Elizabeth : Acho que sim. Se trancar tudo aqui na minha casa. Imagino que vou ficar muito bem . - Ela olha de volta para o loiro e sentindo o seu coração batendo muito forte.


 

Meliodas : Sei que é muito cuidadosa, minha Ellie . Acho que vou ligar para a Diane e a Elaine . Elas vão fazer um pouco de companhia para você. Entretanto, eu , Ban e King vamos para a farmácia para comprar o remédio que a médica te receitou – Ele coloca a mão no seu bolso para pegar o seu celular .


 

Elizabeth : Tudo bem. Estava pensando em assistir um bom filme aqui mesmo. Acho que não vou para o meu quarto ainda . - Ela decide que ia ficar no lugar que estava .


 

Meliodas : Acho uma boa ideia . Vou ficar com você um pouco . E assim que o pessoal chegar . Vamos até a farmácia . - Ele disca o número de Ban no seu celular .


 

Elizabeth : Meliodas . - Ela o chama com uma voz melodiosa e doce .


 


 

Meliodas : Sim, o que foi ? - Ele coloca o celular no ouvido e começando a esperar pelo amigo.


 

Elizabeth : Ah, pode me passar o seu número de celular ?! Eu ainda não o tenho . - Ela pede gentilmente para o namorado e olhando ele com o aparelho no ouvido.


 

Meliodas : Depois pego o seu celular e digito . E agora , tenho que falar com o Ban - Ele olha gentil para a namorada e ouvindo o melhor amigo atendendo a sua ligação.


 

Elizabeth : Tudo bem . - Ela encosta a cabeça do ombro do namorado e fechando os seus olhos .


 

(..)


 

Ban : Alô ?! Quem fala ?


 

Meliodas : Sou eu , Ban. Me desculpe por não ir para a sede .


 

Ban : Capitão, ficamos muito preocupados, seu idiota . Demorou algum tempo para nos atender .


 

Meliodas : Estou ciente disto. Por favor, não fale muito alto , nem me xingue . Elizabeth está dormindo .


 

Ban : Ah, até que enfim , decidiu ir atrás dela. Fico muito feliz com isso. E então, onde você está com ela ?


 

Meliodas : No apartamento da família dela. O meu irmão Estarossa fez algo terrível com ela. Não tive escolha , desci uma boa porrada nele . Ninguém machuca , minha Ellie .


 


 

Ban : Imagino a porrada que deu nele . Imagino que o seu pai não ficou muito feliz com isso.


 


 

Meliodas : Sim, depois que levei a Elizabeth para o hospital. Recebi uma bela bronca dele , como sempre ignorei -a . Logo após, tive um breve encontro com o Zeldris . E decidi passar um tempo com a minha Ellie . Ela vai precisa muito do meu apoio .


 

Ban : Muito bem, Capitão. E então, o que pretende ?


 

Meliodas : Ainda tenho que comprar o remédio da Elizabeth na farmácia. Elaine pode ficar um pouco com ela ?! E a Diane também ?!


 

Ban : Pode sim. Elaine sente muito a falta dela . Assim, como a Diane . Vou ligar para o King . Quer também que a Merlin fique com ela ?


 

Meliodas : Sim, acho que seria muito bom . E então, eu , você, King e Gowther vamos para a farmácia .


 

Ban : Então, o Escanor vai ficar na base ?


 


 

Meliodas : Não , ele pode ir para casa . Imagino que os dez Mandamentos não fazer nada com as pessoas . Imagino que o Zeldris já tenha contando sobre a minha aparição na cidade .


 

Ban : Não duvido , Capitão. Vou fazer tudo com calma. Se preocupe em ficar com a Elizabeth . Afinal de contas, estão a um bom tempo sem ver ela , desde que fomos ao Tibet para treinar .


 

Meliodas : Sim, muito obrigada , Ban.


 

Ban : E você me deve uma boa rodada de cerveja .


 

Meliodas : Tudo bem .


 

Ban : Tchau , Capitão .


 


 

(..)


 

Assim que o Ban desligou a ligação , Meliodas respirou fundo para se acalmar , voltando-se para a prateada dormindo ao seu lado , descansando em paz , sorrindo apaixonado para a namorada , que deu um beijo na testa dela , depois se aninhou com ela, fechou os seus olhos e começando a curtir o momento de paz .


 

(..)


 

Cerca de uma hora e meia depois , a campanha tocou bem alto, fazendo o casal acordar de imediato , se separando com calma .


 

Elizabeth se deitou do lado direito do sofá , esticando as pernas , Meliodas levantou do sofá e foi na direção da porta , escutando a campanha tocando ainda .


 

Alguns segundos depois , o loiro abriu a porta, deixando Ban, Elaine , Diane , King , Gowther e Merlin entrando no apartamento , procurando por seu lugar na casa .


 


 

Diane , decidiu se sentar ao lado de Elizabeth , que sorriu convidativa para a amiga , que a olhou compaixão .


 

(..)


 

Diane : Olá , Elizabeth. Me desculpe por não te contar sobre a nossa gangue. Aposto que está super chateada comigo. Me sinto uma péssima amiga . - Ela sorri tímida de volta para a prateada.


 


 

Elizabeth : Ah, tudo bem. Fico feliz que todos estão bem . - Ela fala com doçura para a amiga .


 


 

Elaine : Olá, Elizabeth . Está bem , depois que tudo aconteceu ? - Ela olha do sofá para a prateada .


 


 

Elizabeth : Olá, Elaine . Estou me recuperando aos poucos . E estou feliz em ter o Meliodas de volta e vocês também - Ela cumprimenta a fadinha que sorriu para ela.


 

Ban : Bem, Capitão . Podemos ir agora ? - Ele pergunta ao olhar para o seu capitão.


 

King : Ainda nem cumprimentei a Elizabeth. Tenha calma , Ban - Ele olha espantado para o amigo ao seu lado.


 

Gowther : Nem eu . Estou gostando de fazer parte da interação entre todos. É um ótimo objeto de estudo .- Ele olha tranquilo para o Ban .


 

Merlin : Bem, vou a cozinha. Imagino que todos estão com fome. E também , estou louca para estudar o que tenho em mente. Pelo o que sei, este bairro aqui é muito calmo. - Ela olha para janela .


 


 

Elaine : Não, Merlin. Deixa comigo . Quero colocar em prática o que aprendi com o meu namorado . Onde fica a cozinha, Elizabeth ? - Ela levanta do local e ficando animada em cozinhar.


 

Elizabeth : Fica ali, Elaine. Pode usar o que quiser - Ela indica a direção da cozinha


 

Elaine : Obrigada . - Ela vai na cozinha .


 


 

Merlin : E então, vou pegar o meu livro. E estudar mais um pouco .- Ela sai da janela para pegar a sua bolsa .


 


 

Elizabeth : King , Gowther . Que bom estão bem. E como vai o seu namoro com a Diane , King ? - Ela pergunta aos amigos .


 


 

King : Bem , é , é , é… - Ele começa a gaguejar com a pergunta da namorada do Capitão .


 

Diane : King cuida muito bem de mim. O nosso namoro é ótimo . - Ela responde no lugar do namorado .


 


 

Gowther : É verdade. O namoro do King com a Diane está em 100 por cento de perfeição. Imagino que em breve, vai sair casamento no futuro deles. - Ele fala ao ajeitar os seus óculos .no rosto.


 


 

King : Não acredito que disse isso , Gowther . - Ele esconde o rosto com as mãos .


 


 

Meliodas : Muito bem. Ban, King , Gowther , vocês vão comigo. Diane, Merlin e Elaine cuidem bem da Elizabeth. Não deixem ninguém de fora entrar aqui . São as ordens do seu capitão . - Ele ordena para todos .


 

King : Bem, gente depois a gente conversa . - Ele retira as mãos do rosto .


 


 

Gowther : Que pena . Queria ficar mais por um tempo - Ele se levanta .


 

Ban : Toma cuidado para não queimar nada, Elaine - Ele fala com a namorada na cozinha .


 

Elaine : Ah, vou ter cuidado. Tenho a ajuda da Diane . Imagino que a Merlin vai ficar estudando para a faculdade dela . - Ela fala ao começar a cozinhar para todas .


 

Meliodas : Pronto , minha Ellie . Agora, estou mais seguro que tem companhia . Depois vamos ter algumas noites somente para nós dois .- Ele fala a namorada , deu um selinho nos lábios dela .


 


 

Elizabeth : Obrigada por tudo , Meliodas - Ela devolve o selinho do namorado.


 

Meliodas : Faço de tudo para que fique bem. Não vamos demorar por muito tempo . - Ele encosta a sua testa com a da prateada .


 


 


Notas Finais


me desculpe por algum erro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...