História Cupido do meu inimigo?! - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Castiel, Nathaniel, Personagens Originais
Visualizações 19
Palavras 984
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


kkkkkkkkkk Serio só de ler o titulo eu quero rir! Vamos ver onde esta fic vai parar XD

80% comedia
10% drama
10% momentos cute

Capítulo 2 - Episódio 1 - "Nasce um novo cupido"


Fanfic / Fanfiction Cupido do meu inimigo?! - Capítulo 2 - Episódio 1 - "Nasce um novo cupido"

Na Terra, Nathaniel estava descansado a ler um livro. Apesar da sua drástica mudança, o rapaz não abandonou o seu hábito de leitura. Deitada aos seus pés estava Branca que dormia pacificamente. Essa paz não durou muito, pois vindo do teto caiu Castiel. A pobre gata assustou-se tanto que saltou para a cabeça de Nathaniel que também tinha caido por o susto.

- Mas que mer... - ao ver Castiel no chão perto dele levantou-se num salto com a gata nos seus braços - Castiel?!

- Não daqui é a rainha de Inglaterra... Não vês que sou eu idiota?! - o ruivo levantou-se zangado.

- ........ Que porra fazes tu aqui?! Espera! Tu estás em coma... E... - o loiro olhou para o teto enquanto pegava na gata - Vieste do teto.... EU MORRI?! Não! Não! Não posso morrer agora! Pior! Não vou morrer contigo!

- SEU IDIOTA COMO ESTÁS MORTO SE TENS A TUA BICHANA NOS BRAÇOS?! - o loiro olhou para a gata que só soltou um miado enquanto tentava escapar dos braços do dono

- Então como explicas tu estares aqui? - ele perguntou mais calmo - Fiquei doido?

Castiel fechou os olhos nervoso. O seu inferno começava agora. Só viver com Debrah toda uma vida era algo pior do que lhe ia passar esse ano. Com um ar sério contou-lhe a sua historia. 

- Tu... Meu anjo da guarda?! - Castiel confirmou com a cabeça fazendo Nathaniel soltar uma gargalhada. O ruivo só olhava para o Nath todo emburrado - Deus existe e gosta de ironias!

- Se não te calas vou-te quebrar essa cara de parvo que tens oh experimento de bad boy! 

- Pfff! Que medoooo! És um espirito! Que me podes fazer?! - antes que pudesse dizer mais alguma coisa Castiel o soca com força no rosto fazendo-o cair - Mas que porra?! Como isto é possivel?! 

- Foi uma autorização especial do Deus Lysandre! O teu castigo por seres mulherengo... Pfff representante de turma que virou um aprendiz de Debrah! 

- Hey! Tudo menos aprendiz de Debrah! Isso é demais até para mim! Mas diz lá qual é a tua missão?

Castiel ficou serio de repente, o loiro só o olhava com curiosidade. Ele se sentou no sofá algo aborrecido. Nathaniel percebeu logo o porque de ele estar assim. Só podia ser por ela: Por aquela garota que foi um dos muitos motivos de briga entre ele, Kentin e Castiel na secundária. No final e muito inesperadamente, Kentin venceu o coração dela.

- Tem algo que ver com a Liliana não é? 

- Tenhoqueajuntaratisenãovouparaoinferno.... - Nathaniel o olhou confuso - [email protected]£§€%& que és surdo! TENHO QUE A JUNTAR A TI PORQUE SE NÃO VOU PARA AQUELA MERDA DE INFERNO JUNTO DA DEBRAH E DA TUA IRMANZINHA QUERIDA!

Nathaniel ficou com uma poker face, para dar lugar a um pequeno vermelhidão no seu rosto. 

- ... Juntar juntar? De casamento e familia? - Castiel só cruzou os braços furioso - Ai ai! Parece que no final de contas ganhei hum!

- Se continuas com essa personalidade de bosta vais ganhar uma rejeição e eu uma ida para o inferno... - nesse momento Branca se aproximou do Castiel  - Sai bichana! 

A gata não lhe deu importância e adormeceu aos pés dele. Castiel lhe deu um pontapé, mas como ele era um espirito e só tinha poder para bater em Nathaniel nada aconteceu. Nathaniel riu enquanto apontava para ele.

- Criancinha! 

- Mais vale infantil que morto não? - o provocou. Castiel rangeu os dentes furioso - Quando começa a tua missão? 

- Quando calares a boca e me deixares pensar! - lhe gritou enquanto se controlava para não lhe bater. Nathaniel decidiu calar-se - Seria mais fácil se fosse alguém decente... Quem quer um traste mulherengo como tu? 

Nathaniel o olhou enraivecido. 

- Qual foi a ultima vez que tu lhe falaste? 

- Há 2 dias... Ela me viu agarrado a uma garota e eu lhe perguntei: Também queres? - Castiel abriu os olhos surpreso - Ela me ignorou e foi-se embora.

- ............ SEU MERDA! - ele olhou para cima enraivecido - Estou [email protected]£§€$! Ela não te vai perdoar nem daqui a 100 anos! Não a critico! 

- Ah! Já sei que errei! Tentei lhe pedir desculpa, mas ela gritou para a policia que eu a estava a stalkear! Terminei preso! Sai de lá graças à minha mãe! Depois tentei falar com ela hoje, mas ela se trancou no apartamento dela e não abriu a porta! Ligou outra vez para a policia... Menina vingativa essa! Esse Kentin não foi boa influência não! 

- Tu não és melhor seu merda! 

- Não sou eu que estou às portas do inferno! - lhe atirou logo Nathaniel.

- Não foste tu que foste passado a ferro por um carro!

A discussão deles foi interrompida por  um pequeno barulho. Ambos olharam para a janela e viram Kim à janela com uma expressão surpresa. Nathaniel foi abrir a janela.

- Kim! Olha só quem está aqui! É o Castiel! Não vais acreditar! Ele é o meu anjo da guarda! - Kim só olhava o rapaz com uma expressão surpresa e assustada - Que foi?

- Seu merda ela não me vê! - lhe gritou o Castiel - És burro agora?! 

- Como assim não me vê?! E deixa de me insultar é suposto seres um anjo agora! - Nathaniel o olhou e depois olhou para a Kim - Mesmo morto nunca vai mudar! 

- Nathaniel... - Kim colocou a mão dela na testa dele - Tu não estás bem hoje... A enemizone da guria estrangeira (Lili) não te deixou bem!  

Nathaniel afastou a mão dela algo ofendido.

- Eu estou bem! E ela não me rejeitou! Só se está a fazer de dificil... com a policia no meio... - Castiel suspirou desesperado.

Missão cupido? Não!  Isto é mais missão impossivel! 

 

Continua


Notas Finais


Amanhã há mais capitulos desta fic XD


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...