1. Spirit Fanfics >
  2. Curativos - tododeku >
  3. Beijinhos de cura

História Curativos - tododeku - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Já que fiz um one-shot de kiribaku porque não um tododeku não é mesmo?
Se prepare por um fluffy

Capítulo 1 - Beijinhos de cura


Fanfic / Fanfiction Curativos - tododeku - Capítulo 1 - Beijinhos de cura

Lá estava eu todo machucado é com rosto cheio de feridas com a última briga certeza que Izuku vai ficar bravo comigo mas não era minha culpa era culpa daquele filho da puta do mineta é seu grupinho de merda.

Eu briguei (novamente) não que eu seja uma pessoa violenta eu só não suporto "piadinhas" sobre o meu relacionamento com Izuku ou sobre eu ser gay.

Deste que eu comecei a namora a pessoa mais incrível dessa merda de escola foi classificado com "o viadinho violento" eu não me importaria com isso mas não suporto ver gente xingando ou até fazendo bullying com Izuku ele não merece isso.

Minha reputação não era boa por causa de eu ser sério é grosso mas o Izuku era uns dos melhores alunos daquela merda. É sabe que uns dos melhores alunos mais inteligentes e bonitos era gay foi um motivo de zombação pro midoriya.

Claro muitos amigos do Izuku até professores pediram pro Midoriya termina comigo já que eles acham que sou uma "má influência" pra ele.

Mas ele ignorou ele sabia que não sou nada disso. que por algum motivo desconhecido ele se apaixonou por mim e eu por ele.

Logo eu ouço um grito alto atrás de mim..

- SHOCCHAN!!! - era a voz do Izuku em seguida eu sinto alguém me abraçando por trás - finalmente conseguir sair cedo da escola!.

- que bom que saiu cedo daquela merda... - eu me viro é retribuir o abraço logo eu lembro que meu rosto estava todo machucado e sujo pela briga.

- Shocchan você brigou denovo?.. - vejo toda a felicidade dele mudar para uma preocupada eu odiava isso - eu já te falei para não arranjar encrenca!

- Zuzu não se preocupe - eu tento menti mas era impossível para midoriya - eu estou bem.. - eu forço um sorriso.

- tu não tá nada bem! - Izuku faz um bico irritado e logo pega sua mochila é tira uma caixinha pequena - shocchan tu devia para de briga por minha causa..

- impossível! aqueles merdas sempre conseguem me irritar, além do mais acha que vou deixa eles xingarem meu namorado? Mas nem fudendo! - eu reclamo vejo o Izuku tira um curativo na caixinha.

- shocchan o que eu falei sobre palavrões? - eu mostro língua irritado eu vejo retribuir o ato - Deus que namorado mais infantil eu tenho!

- tu namora comigo agora aguenta! - logo o izuku se aproxima do meu rosto e bota o curativo na minha bochecha é em seguida beija o curativo me fazendo cora.

- beijinho de cura! - vejo ele sorri aquele maldito sorriso. Logo eu puxo ele mais para perto no meu rosto e aperto um pouco a sua cintura.

- quero um pouco mais desses beijinhos de cura.. - faço cara de cachorro abandonado logo vejo ele dá uma risada logo se aproxima mais do meu rosto é bota seus braços envolta do meu pescoço.

Logo o Izuku me beija calmo é com amor eu retribuir logo nós a gente separa e a gente rir baixo da multidão que estaja nós olhando nem percebi que ainda estava frente da escola.

- que foi? Nunca viram um casal se beijando? Vão a merda! - eu falo alto é bom som vejo olhares de raiva é nojo eu apenas dei dedo no meio para eles logo o Izuku me reeprende.

- SHOCCHAN! - vejo ele me olhar com falsa irritação mas eu dou um selinho rapidamente - seu idiota, Aqui na frente não!

Eu ignoro as reclamações dele e distribuir vários beijinhos no rosto dele fazendo rir adoro ouvir as risadas dele.

- CASAL LINDO DA PORRA! - eu é Izuku ficamos assustados com um grito feminino. 

- MINA OLHAR COMO FALAR! - era a doida da mina e o Lida reeprendedo ela.

 Logo eu e izuku nós separamos ficamos apenas de mãos dadas vejo a tal da Mina ter um sangramento nasal? Que porra era aquela?.

- Zuzu vamos embora não quero ficar aqui.. - logo o izuku concorda é saimos  (finalmente) daquela merda de escola.

[...]

Eu estava deitado é abraçando o Izuku enquanto o mesmo fazia cafuné no meu cabelo.

Estávamos na casa Izuku enquanto assistimos um filme de drama na Tv eu não tava prestando tanta atenção do filme só quero as carícias do Izuku. Querendo mais eu pulo em cima do Izuku fazendo ele cair na cama enquanto ria eu fiquei abraçando mais ainda Izuku.

- Deus que namorado mais carente eu tenho! - Izuku estava rindo enquanto continuava o cafuné.

- se reclama fico mais ainda - eu fechava os olhos para aproveita mais o carinho.

- eu não odeio isso na verdade eu amo dá carinho ou amor pra você Shocchan! - logo o Izuku distribuir vários beijinhos no meu rosto eu gosto daquilo..

- isso não é suficiente.. - eu faço cara de cachorro abandonado vejo ele rir com minha cara.

- então o que você quer? - logo o Izuku me abraça continuando o cafuné no meu cabelo.

- quero mais amor é mais carinho.. - 

- shocchan eu já dou muito amor pra você todos os dias! - Izuku me olhou indignado.

- hmm... então casar comigo à e nem pense separa de mim viu? - eu falo vejo o mesmo sorri de volta.

- como se eu quisesse me separa de você - em seguida o Izuku me beija novamente eu retribuir o beijo.

- promete? Que nunca vai separa de mim mesmo de toda essa merda? - perguntei receoso não quero que Izuku pare de gosta de mim por ser assim..

- prometo, Nunca vou me separa de você! Eu te amor demais para isso! - eu sorri feliz pela reposta izuku ficou fazendo carinho no meu rosto com sua mão esquerda.

- eu te amo tanto.. - eu falo sorrindo bobo apaixonado em seguida fico com sono.

- eu te amo mais ainda - izuku falar sorrindo doce logo ele se aproxima de mim é me abraça eu retribuir fazendo cafuné no cabelo é beijando o cabelo verde.

Ficamos dando carícias é carinho pelo resto da noite esquecendo dos problemas da escola de merda, bem pelo menos em um futuro próximo eu poderei me casar com Izuku.



Notas Finais


Eeeeee acabar por aqui cambada
Foi mal é que fiquei sem criatividade pro resto
Espero que tenham gostado da one-shot:D
\(•u•)\ tchauzin


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...