História Cu's Discography - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Love Live! School Idol Project
Personagens Eli Ayase, Hanayo Koizumi, Honoka Kousaka, Kotori Minami, Maki Nishikino, Nico Yazawa, Nozomi Toujou, Rin Hoshizora, Umi Sonoda
Tags Cusaco, Rabu Raibu, Ronalda X Hamburga
Visualizações 9
Palavras 275
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo
Avisos: Canibalismo, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Uma música triste de Marmitex para alegrar seu cu

Capítulo 5 - Love Margarina


Fanfic / Fanfiction Cu's Discography - Capítulo 5 - Love Margarina

Com um sorriso, digo "já vou, porra" e entro na lanchonete
Os meus lábios tremem levemente
Quando uma comida gordurosa passa por mim

Se eu pudesse apenas
Te contar minhas dietas
Eu não supiraria e faria coisas como escrever
Seu nome na clínica de vigilantdo peso

Eu gostaria de ficar transparente como catupiry
Quando eu estou na sua frente como sua nutricionista
Esse infarto no seu peito que não consigo esconder
Não quero que ninguém perceba
Me transforme na hamburgueira indecente que eu era
Apesar de sermos colegas de trabalho, quero foder você
Não consigo comer isso, não consigo emagrecer
Com esse lanche oculto, me encosto na churrasqueira

Enquanto o churrasco queima, meus molhos caem
Eu os escondo fingindo estar bocejando
E olho para o lado de fora

Ter você comendo perto de mim é gorduroso
Você é gordo demais
Saber que você vao àquela lanchonete
Tão frequentemente, quebra o meu coração

Um dia, quero sonhar sobre nossas refeições ligadas
Assim como batata e hambúrguer são atraídos um pelo outro
É o meu prato de self service, seu lanche gorduroso
Não quero que ninguém o perceba
Quero sonhar sobre nossos pratos ligados
Obtendo a parada cardíaca que obsesos têm
Minha fantasia egoísta, me desculpe, com certeza
Essa margarina criminosa vai continuar apenas minha

Eu gostaria de ficar transparente como catupiry
Quando eu estou na sua frente como sua nutricionista
Esse infarto no seu peito que não consigo esconder
Não quero que ninguém perceba
Me transforme na hamburgueira indecente que eu era
Apesar de sermos colegas de trabalho, quero foder você
Não consigo comer isso, não consigo emagrecer
Com esse lanche oculto, me encosto na churrasqueira


Notas Finais


Aa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...