História Cute and Sadistic - Capítulo 22


Escrita por:

Postado
Categorias Agust D / Suga, Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Visualizações 99
Palavras 368
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 22 - Racionalidade.


— Me larga!

Yoongi continuava apertando Jimin contra si e tentando o beijar. Irracional.

Jimin estava assustado.

Havia sonhado com esse momento tantas vezes, mas ele não acarretava tamanha brutalidade do maior.

Jimin estava com medo.

Yoongi só acordou para a realidade quando viu as lágrimas cairem dos olhos de Jimin, que chorava e tremia.

Sua garganta secou. Sua culpa o corroeu. 

— Ah, droga... Jimin, me desculpe. Me desculpe. Eu... Droga. Vem cá.

Yoongi puxou o corpo no menor para si, o abraçando e o abrigando em seus braços.

Jimin se sentia aliviado, mas os lábios do seu senpai continuavam muito convidativos.

Afundou o rosto no pescoço do maior, que o ssgurava carinhosamente contra si. Como senti falta desse abraço, pensou Jimin. 

— Vem cá, vamos sentar. Eu tenho coisas para te dizer.

[...]

— Eu... Eu não sei o que deu em mim, Jimin. Só sei que eu fiquei com tanta raiva, minha mente só processava o quanto eu sou um monstro por ter feito você chorar, e agora querendo exigir alguma fidelidade incompreensível. Droga! Eu... Eu sempre fui hétero, mas aí você chegou e acabou com tudo com esse teu sorriso e eu não sabia mais o que fazer e eu fiquei muito confuso e eu...

Yoongi falava aquilo tudo de uma vez só.

— Taehyung é meu irmão. Jungkook tem namorado. Eu não estou com ninguém. 

Jimin interrompeu a fala descompassada de Yoongi e fez o mesmo o olhar incrédulo.

— Nossa... Eu sou um idiota...

Logo as risadas foram preenchendo o cômodo frio e Yoongi voltou a sentir aquela paz que a presença do menor o dava.

Jimin limpou as lágrimas que caíram do canto de seus olhinhos pelo riso excessivo.

— Mas agora falando sério — disse Yoongi, ao parar de gargalhar. — Você... Você ainda sente algo por mim?

Jimin corou e olhou para baixo, brincando com seus dedos. — Você sabe que sim.

Sentiu os dedos gelados do fotógrafo levantarem seu rosto, e se sentiu esquentar pelo olhar intenso que o outro o dirigia.

Yoongi não conseguia mais se segurar. 

Então, ele beijou Jimin fervorosamente.

Dessa vez, de modo racional.

E foi exatamente por isso que Jimin derreteu nos braços do Min, correspondendo aquele beijo intensamente gostoso.

Yoongi pediu, finalmente, passagem com sua língua, querendo muito mais do que seu baby pudesse oferecer.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...