História Cyber Amor - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Meninas Super Poderosas (The Powerpuff Girls)
Tags Blossbrick, Blossom, Brick, Ppg
Visualizações 33
Palavras 741
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpe por demorar a postar. Aí está o pequeno cap.!

Capítulo 2 - Encontro Iminente


Fanfic / Fanfiction Cyber Amor - Capítulo 2 - Encontro Iminente

Blossom estava cada vez mais apreensiva.

Motivo?

Bem...

@

O encontro dos dois já estava chegando e ela só gostaria de se encontrar com ele de uma vez. Na verdade, seu maior medo era de que ele a rejeitasse por se tratar de quem era; por causa de sua identidade de super heroína.

O garoto parecia uma pessoa bem interessante, conversando assim pelo celular.

Enfim...

Engraçado, estava confiando além da conta em um relativo desconhecido. Já havia comentado com seu pai, professor Utonium, sobre o mesmo. Utonium avisou a garota sobre o perigo de se encontrar com pessoas desconhecidas da internet, mesmo sendo independente da maneira como ela é. Seus olhos róseos estão totalmente alerta para as possibilidades desse encontro. Tanto positivamente como negativamente.

A ruivinha abriu o celular pela zilhonésima vez naquele dia, procurando por mensagens. Nada. Mas, à princípio, o encontro ainda estava marcado.

Sábado, 17:00 da tarde num ponto movimentado da cidade. Conselho de seu pai e irmãs, inclusive.

Inacreditável a maneira como se pode criar um laço com alguém com o qual nunca se teve um contato direto, mas somente indireto. Porque claramente, nunca haviam se abraçado, visto o sorriso um do outro nem nada. A única coisa que ela sabia dele era que ele era ruivo, fato descoberto em uma conversa aí que tiveram um dia. Coincidência interessante. Mas somente isso.

A garota se olhou no espelho mais uma vez, seu reflexo bem em frente de si, revelando a Blossom crescida desses tempos. Ela suspirou.

Insegura estava sim; afinal, nunca tinha ido a nenhum encontro como Bubbles, que sempre se relacionava com alguém por aí (parecia uma viciada no amor) e Buttercup, que apesar de não admitir abertamente, já sabia que tinha tido seus rolos por aí. Tudo nas escondidas, é claro.

A mais inexperiente das três era Blossom, que sempre estava tão preocupada com as responsabilidades de ser uma super heroína que por vezes se esquecia de sua faceta adoslecente, de que, só às vezes, deveria relaxar, curtir e balancear como suas irmãs conseguiam fazer. Era o mais saudável, ela sabia disso perfeitamente, mas não conseguia colocar este princípio em prática.

Logo, cá está nossa ruivinha, dentro de um vestido florido (escolha óbvia!), um laço com tons de vermelho na cabeça (só para situações especiais, como costumava dizer!) e sapatos abertos de tiras brancas para compensar o calor desgraçado que se desabava pela cidade de Townsville naquele momento derradeiro.

Era agora a sua hora!

Ela espalhou perfume floral pelo corpo, seu preferido, e caminhou, passo após passo, de seu quarto, abrindo a porta branca, a passar pelo corredor de cores pastéis, a descer a escada branca – imponente na casa – e a chegar na sala de estar, local onde suas irmãs estavam realizando coisas aleatórias, como ver televisão e mexer no celular.

- Ai, que linda! – Bubbles se distraiu dos canais de moda na internet e lançou sua atenção em sua mana.

Com o comentário, Buttercup também percebeu a presença da irmã no recinto, que tinha descido as escadas silenciosamente de propósito, justamente para evitar este tipo de comentário.

- Acho bom ele também ser bonito porque se não eu não aceito essa relação. – ela deu a Blossom um olhar sacana.

- Pelo o que parece, ele é ruivo que nem ela. – depois de perceber o que falou, a loirinha se corrigiu. – Quer dizer... um passarinho me contou isso.

Blossom bufou. Só podia ser coisa de suas manas mesmo.

- E eu fico me perguntando como é que você ficou sabendo disso... – ela disse em um tom óbvio. – Estou indo! Digam ao professor, quando ele voltar, que saí, ok?

As outras duas confirmaram com a cabeça.

- Ah! – antes de Blossom sair pela porta, BC levantou-se apressada do sofá e fuçou seu bolso, à procura de algo.

A ruivinha esperou pelas palavras finais.

- Toma essa balinha. – a morena estendeu o pacote de Halls preta à irmã, que a olhou incrédula. Bubbles riu alto. – Nunca se sabe se vocês vão se pegar logo no primeiro encontro.

Blossom fez de cara de “tá de sacanagem com a minha cara, né?!”, mas aceitou mesmo assim. Por mais que não ousasse concordar em voz alta, sabia que Buttercup poderia ter um fundinho de razão.

E então, ajeitando-se em seu vestido e passando a mão pelo cabelo escorrido, a ruivinha saiu pela porta de casa novamente, curiosíssima para o que poderia vir dentro de alguns instantes.

 

Continua no próximo capítulo!

 

 


Notas Finais


Espero que tenha gostado.
Com quem será que nossa super heroína irá se encontrar, hen?
TAM TAM TAM TAM!
Até o próximo cap!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...