História Da água para o vinho - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Mitologia Chinesa, Mo Dao Zu Shi
Personagens Jiang Cheng, Jiang YanLi, Jin GuangYao, Jin Ling, Jin ZiXuan, Lan JingYi, Lan QiRen, Lan SiZhui, Lan WangJi, Lan XiChen, Personagens Originais, Wei WuXian, Wen Ning, Yu ZiYuan
Tags Lan Sizhui, Lan Wangji, Wangxian, Wei Wuxian, Wen Ning
Visualizações 28
Palavras 981
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Fantasia, LGBT, Magia, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Capítulo 4 - Banhos e badernas


Fanfic / Fanfiction Da água para o vinho - Capítulo 4 - Banhos e badernas

 

Chun-Yan parou imediatamente no mesmo lugar, surpresa. Eram um turbilhão de sentimentos passando pelo seu coração naquele momento, mas o que prevalecia era a alegria. Desde os 3 anos ela estudava em Gusu com os irmãos, aprendendo sobre a história das seitas, a geografia do país etc… Mas sempre que a matéria sobre como cultivar entrava, ela era obrigada a se retirar. Agora, ela iria aprender a cultivar sem precisar ouvir Lan QiRen! Suas aulas voltariam em uma semana, ela só poderia estar sonhando! Chun-Yan sentiu algumas lágrimas brotarem de seus olhos, ela estava tão feliz que nem conseguia falar, apenas abraçou fortemente o robe de Lan XiChen, agradecendo sem parar.

Lan XiChen a pegou no colo, segurando uma de suas mãos - Que bom que está feliz! Não esqueça de agradecer Jiang Cheng também…. 

-Não irei esquecer Tio…. Você e shishu são as melhores pessoas do mundo! - Disse Chun-Yan fazendo o sorriso de Lan XiChen aumentar

Lan XiChen - Vamos voltar… Já está muito tarde e amanhã voltaremos cedo para os Recantos da Nuvem - Disse XiChen enquanto fazia uma pequena carícia nas costas de CHun-Yan

    E assim, ambos retornaram ao palácio em plena madrugada.

















 

Assim que chegaram, Lan XiChen deixou sua sobrinha na frente do quarto de seus pais, dando um beijinho de ‘boa noite’ em sua testa e logo seguindo para seu quarto. Já se passava de 01:00 da manhã, então seus irmãos e Lan Wangji deveriam estar dormindo, enquanto Wei WuXian devia ter acabado de ir deitar.

Quando entrou, Chun-Yan tentou fazer o máximo de silêncio possível, pegando uma tina de madeira e levando para fora do quarto. Mas antes que pudesse alcançar a porta, ela ouviu

-  Wei Chun-Yan - Disse Lan Wangji que havia acordado, sentando com sua postura ereta na cama - Onde estava?

Chun-Yan estremeceu -E-Estava conversando com tio XiChen pai… Desculpa a demora

- Mn - Lan Wangji se levantou  e pegou alguns frascos de banho em cima da bancada, deixando Wei WuXian na cama - Venha. Precisa se lavar imediatamente

    Chun-Yan assentiu em silêncio, indo buscar um pouco de água na cozinha. Quando voltou, seu pai já havia ascendido algumas velas e pego um robe limpo para ela vestir. Chun-Yan não olhava em seus olhos, sabendo que Lan Wangji estava bravo com ela, tinha medo de piorar as coisas. Então, apenas entrou na tina em silêncio.

- ….Quem fez isso com você? - Perguntou Lan Wangji enquanto lavava os longos fios negros da filha - Não minta.

-Uns garotos me empurraram do cais, daí eu acabei caindo na lama e encontrando isto - Dizia Chun-Yan enquanto pegava o pequeno ovo que estava entre suas roupas dobradas

Lan Wangji parou imediatamente o que estava fazendo, olhando fixo para o objeto - Um… Ovo?

Chun-Yan - Sim! Tio XiChen disse que o animal que sair daqui, pode ser meu animal espiritual! 

Lan Wangji - Mn. Já pensou em um nome? - Dizia ele enquanto enxaguava os cabelos da filha

Chun-Yan - Ainda não. Nem sei qual vai ser o animal….

Lan Wangji - Entendo….Se seque e vá direto pra cama, já passou do nosso horário 

    Enquanto Chun-Yan se secava, seu pai ia esvaziando a tina e arrumando o restante das coisas do quarto. Assim que se arrumou, ela deu uma abraço de ‘boa noite’ em Lan Wangji, que retribuiu com um de seus ‘Mn’ 










 

Chun-Yan andava bem cansada pelo corredor, claro que ela estava super feliz com a notícia que Lan XiChen havia dado, mas estava tão cansada que nem sequer conseguia andar. Ela só queria deitar em sua cama e ter uma boa noite de sono.

Mas assim que chegou em seu quarto, ela ficou chocada: JingYi e Jin Ling estava brincando de guerra de travesseiro e SiZhui deitado na cama com cara de desespero e com os olhos vermelhos de sono. Assim que avistou a irmã, SiZhui rapidamente se ajoelhou diante dela e juntou as mão

-Chun...Por favor faça esses dois pararem! Eu já tentei de tudo contra eles!Coloquei até o feitiço do silenciamento no quarto para eles não terem problema! Me ajuda por favor!! - SiZhui estava quase chorando de desespero, Chun-Yan nunca havia visto o irmão naquele estado, afinal, ele era o gêmeo mais responsável e o mais velho. JingYi era o caçula e o mais bagunceiro, era normal ele agir daquele jeito, mas hoje ele havia passado dos limite! Havia um mar de penas no quarto e outras coisas quebradas, um verdadeiro caos!

Na tentativa de consolo, Chun-Yan abraçou o irmão com força. tentando acalmá-lo -Se acalme SiZhui… Vou tentar fazer esses dois pararem

    Como dito, ela se levantou assim que o irmão ficou mais calmo, indo até JingYi e Jin Ling - JingYi… O que foi que o tio XiChen disse? 

-Haha! Ele disse…- JingYi foi interrompido quando uma fina aura negra de ressentimento envolveu a irmã, ela estava furiosa, tudo isso havia dado um brilho assustador em seus olhos rubis, fazendo JingYi e Jin Ling estremecerem de medo

- Arrumem tudo e se desculpem com SiZhui. Depois pra cama. Os dois! -Disse Chun-Yan secamente, ambos os garotos assentiram e começaram a limpar, fazendo a aura negra se despir e Chun-Yan cair de joelhos no chão

SiZhui foi ajudá-la - Chun...Você está bem? O que foi tudo isso?

-Eu não sei...Por um momento pareceu que eu tinha perco a consciência 

Antes que SiZhui pudesse responder qualquer coisa, ele viu a silhueta de alguém na janela. Pensando ser algo de sua cabeça, ele fechou os olhos e depois de segundos os abriu de novo, mas não havia ninguém lá.

-Vamos descansar… Os dois acabaram mesmo - E como dito, JingYi e Jin Ling já haviam terminado de limpar e já estavam deitados dormindo.

    Chun-Yan e SiZhui vendo que ambos haviam ido dormir, fizeram o mesmo. Deitando em suas devidas camas e adormecendo

 


Notas Finais


Agora eu vou dormir pq to um caco


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...