História Daddy Issues?- Shawn Mendes - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Cameron Dallas, Jack & Jack, Shawn Mendes, Taylor Caniff
Personagens Camila Cabello, Personagens Originais, Shawn Mendes
Visualizações 886
Palavras 712
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Vortei😍😍😍😍
Tive q escrever esse capítulo agora, sério
Eu viria postar umas 21:30 por ai, só q eu acabei apagando o capítulo, sim eu apaguei. Chorei,berrrei e fiz outro....
Não ia nem atualizar mais hj, só q ai eu eu vi aquele tanto de comentário e favoritos e não podia deixa-los na mão. Então....aqui estou eu.

Essa parte q coloquei entre aspas, é tipo a sinopse, e quero saber se vcs apóiam eu a colocar como parte na sinopse... Coloco ou não?

🔥 Alguém faz uma capa para a mim? Para esse fic?

Capítulo 2 - Never be Alone


"Marisa era uma criança quando foi deixada pelos país em um orfanato,o motivo? "Ninguém" sabe o porque. Desde sua chegada fez amizade com uma das poucas crianças que ali já habitavam, Lara.

 As duas crianças de tão pouca idade se tornaram grandes amigas, bem dizer... Irmãs, uma sempre esteve ali para o que a outro precisar. 

Seus sonhos eram ser Adotadas juntas, ou completar a maioridade para assim poder formar sua vida. Mas o de saírem dali rápido,sendo adotadas falava mais alto.

 Mais então o tempo foi passando, dias,semanas,meses e anos, até a -já adolescente- Marisa perdeu suas esperanças de algum dia obter um lar, não que o orfanato.... Não a fosse um lar, ele queria alguém para poder chamar de mãe, ela queria uma familia, irmãos, país, avós, tios,tias...

 Mas com seus recém completados 16 anos,isso tudo para ela se tornou impossível, algo que seria muito improvável de vir a acontecer assim como finais felizes. 

Mal ela sabia que aquele era o seu dia de sorte."

Toronto- Canadá

Quarta Feira 16 de março de 2018 

Marisa Mendes Point of view 

 O que eu sempre quis, aconteceu. Se realizou. 

A adoção. 

foi uma felicidade só saber que logo teria alguem para chamar de família, pai , mãe...

 Mas eu tinha esquecido de algo,ou melhor,alguém. 

Minha pessoa,minha irmã, sem qualquer laço sanguíneo, a que nunca me deixou só, a de coração 

 E nesse exato momento, estou eu, aqui me despedindo de minha melhor amiga, Lala

 - Me liga sempre que puder, nunca esqueça de mim. E não faça outra melhor amiga!- falou já chorando. 

- Eu nunca esquecerei de você,Lala, eu te amo- digo não muito diferente, a abraço novamente 

 - Melhores amigas sempre!... 

 - Isso! Sempre que puder irei vir lhe visitar- digo ainda em seus braços.

 - Eu sei disso- diz, olho ao lado e então visualizo Karen e seu marido Manuel, ontem após poucos minutos que karen e eu conversamos no refeitório ela parece ter tomado a decisão de me adotar, juntamente ao seu Marido, o processo foi tão rápido que após poucos horas já não era mais uma "órfã". 

 - Vamos filh-Marisa?- falou a mulher que agora minha "mamãe" apertando gentilmente meus ombros. Assinto e aparto o abraço tirando lentamente seus braços de meu redor.. 

Uma das coisaa mais difíceis é: ter que ae despedir de alguém tão importante, e que passou a maior parte de seus dias consigo, se despedir de quem amamos Afasto-a pouco de mim e olho profundamente em seus olhos. Minha irmãzinha. 

 - Tchau.- digo em um fio de voz 

 - Tchau.

 [...]

 Deslumbrada com uma das partes da cidade que nunca fora vista por mim, não escuto Karen.

 - Como?!- pergunto, a mesma ri. 

 - Eu disse Basicamente; Não precisa ter vergonha de nada, agora, assim como seus irmãos,você também é minha filha.- ri juntamente a Manuel.


 - Esse é o condomínio, as casas são tecnicamente todas iguais,então cuidado para não se perder igual fez Shawn uma vez.- folui em um tom divertido,como se tivesse relembrando a ocasião.

 - Manuel!- o repreendeu 

 - O que?! Nosso filho as vezes é meio lerdo.- RI mas me sinti um pouco mal por não o conhecer. 

 E nem irei tão cedo, Karen disse que seu " hominho" esta em Vancouver na casa de "nossa" tia e só voltara amanhã. Já sua filha está na avó e provavelmente a conhecerei essa noite. 

Manuel para o carro em frente a uma linda casa, que tecnicamente é idêntica as outras, branca com detalhes cinzas e uma grande parede totalmente de vidro–algo diferente das outras tirando os detalhes de pintura- Não sendo tão igual as demais, sou obrigada a concordar com o Manuel, o meu "irmão" é bem lerdo.

 - vai entrar ou vai ficar ai?procurando alguma deferência entre as outras casas?- perguntou Manuel.

 - Acho que vou entrar..

 - que bom, pensei que iria ficar tentando achar alguma coisa diferente em algo idêntico.- ri, e entrei na casa

 - Bem vinda à nossa casa!- disse Karen assim que passei pela porta principal. 

 - É...lindo!- e realmente era, a casa mais bonita já vista por mim.

 - Que bom que gostou Filha.- disse com os olhos brilhantes. 

 Era a primeira vez que Karen me chamava desse modo, afetivo. 

 - Eu adorei, mãe!


Notas Finais


Perdoe-me pelos erros ortográficos♥
Obrigada pelo apoio❤
💥shawn no próximo😉🔥
E não se acostumen com essa atualização rápida.
Já amo vcs💕💕💕


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...