1. Spirit Fanfics >
  2. Hey Daddy! (Jikook) >
  3. Three

História Hey Daddy! (Jikook) - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura, pessoal📖

Capítulo 3 - Three


Fanfic / Fanfiction Hey Daddy! (Jikook) - Capítulo 3 - Three


Era um dia ensolarado em Seul, o vento batia nas árvores, às balançando, fazendo um som, como se fosse uma sinfonia de uma música calma e viciante, os pássaros assobiavam em um ritmo alegre e estonteante. As pessoas andavam nas ruas e espalhavam felicidade onde passavam, na calçada estava eu. Pensando no sentido da vida, escutando tudo ao meu redor e me sentido cheio de sentimentos. 

Estava quase chegando no meu destino. A casa do meu amigo de infância, o qual eu sou perdidamente apaixonado a cerca de cinco anos. 

Sim, cinco anos. Eu tomei uma iniciativa de mandar fotos um quanto "diferentes" em que a sociedade impõem, assim por dizer. Não me achem um pervertido e um sem vergonha, por mandar esses tipos de coisa, isso, é por uma boa causa.

Eu, particularmente, sou muito tímido, só fiz isso por insistência do meu amigo Yoongi.

Claro que eu sei que, isso não justifica o que eu fiz.  Já que o Jungkook tem uma namorada e ele é o meu amigo. 

Eu não deveria ter esses tipos de sentimentos por ele,  no entanto, eu tenho. Já sofri demais por não conseguir dizer isso a ele. Essa é a minha chance de conseguir fazer com que ele se apaixone por mim e revelar a minha identidade a ele.

É... Isso é muito clichê!

Talvez, não funcione e talvez funcione. Até agora, está funcionado. Espero que quando chegar a hora de contar pro Jungkook, ele não pire e tente desfazer a nossa amizade. Isso iria acabar comigo.

Bom, agora estou em frente a casa do Jungkook. Apertei a campainha e esperei ele abrir a porta.



A porta se abriu, revelando o Jungkook, este que, estava com o cabelo bagunçado, vestindo uma calça jeans rasgada,  uma blusa azul marinho amaçada e os seus lábios vermelhos.


- Hyung? Por que você está aqui? - perguntou o Jungkook.

- Jungkookie,  você esqueceu que hoje a gente ia sair? É o nosso sábado.- perguntei com um semblante um pouco triste. Observei o meu amigo, que arregalou os olhos e olhou para mim.

- Ah! Desculpe Jimin, eu esqueci completamente. Não dá pra gente remarcar pra amanhã?

- Claro que não! Você sabe que amanhã não vai dar. Além que isso estragaria todo o sentindo da gente sair nessa data. Esse dia é especial pra nós dois. Foi quando a gente se conheceu e viramos amigos.

- Jiminnie, não vai dar.

- Por que não vai dar? Tem algo mais importante do que isso?

- Bom... É que- a minha fala foi interrompida quando a minha namorada perguntou quem era que estava na porta e apareceu no meu lado.

- Ah, é só o Jimin.- falou a  IU.

O Jimin olhou para ela e para mim. Então ele falou.

- Agora sei do porque você não poder sair hoje. 

- Jimin! Não é bem isso... É que

 - Não, tudo bem, a gente pode sair em outro dia, pode ficar a vontade  com a sua namorada, Jeon. - falei e saí caminhando. Escutei o Jungkook gritar para eu esperar, mas fingi que não escutei e fui embora pra casa.


Entrei em casa, fui direto pro meu quarto e nem falei com a minha mãe que estava na sala assistindo um dorama qualquer.


- Argh! Por que ele tinha que fazer isso comigo? Poxa! Ele sabe que essa data é muito importante. - Falei e me deitei na cama. Escutei o meu celular tocar, peguei ele e vi que era o Jungkook que estava me ligando. Não atendi. 

-  Quer saber, não vou ficar aqui em casa sem fazer nada. Vou ligar pro Suga.


Chamando...


- Que foi? Espero que seje muito importante por ter empatado a minha foda!

-  Credo! Isso foi desnecessário. Eu não precisava saber disso.

- Aff, fala logo Jimin!

- Tá bom! Então, o Jungkook furou comigo pra estar com namorada dele e eu não quero ficar aqui em casa.

- O que? Mas esse dia é muito especial pra vocês! 

- Sim, eu sei... Talvez eu esteje exagerando. Todo ano nós comemoramos, acho que esse ano não vai ter problema.

- Não vai ter problema é o caralho! Jimin, essa data é muito importante. Principalmente pra você, já que você é o mais sentimental do grupo. O Jungkook está muito errado, ele marcou com você e  escolheu passar essa data especial de vocês, com a namorada dele em vez do melhor amigo. Isso demonstra que ele não se importa tanto com você. - disse o Taehyung.

- Taehyung? Suga você colocou no viva voz?

- Claro, é o meu namorado e o seu amigo. Ele deve saber também o que está rolando.

- Tá né!

- Olha, nós vamos na sua casa e espero que quando eu e o Tae chegarmos, você esteje arrumado.

- Qual o motivo?

- Nós vamos ao shopping fazer compras e depois vamos ir à festa que o Taemin vai dar.

- Festa?

- Sim! E nem reclame, está na hora de parar de sofrer por alguém que não te dar o devido valor.- falou o Taehyung.

- Isso aí! Até mais Jimin.

- Até.


Chamada desligada...


- Jungkook, por que eu continuo te amando mesmo depois disso? Por que, eu ainda quero continuar com o plano? Por que dói tanto? - pergunto sentindo as  minhas lágrimas se espalhando nas minhas bochechas.


 

Continua...


Notas Finais


Olá! O que vocês acharam do capítulo? Gostaram? Odiaram?

Bom, eu tentei fazer uma escrita diferente do meu habitual, já que eu sou péssima em escrever. Pra quem leu as minhas primeiras fanfics na minha conta que foi excluída, vai saber kkk.

Comentem se gostaram da minha escrita desse jeito ou se precisa de melhorias.

É isso!

~Beijos da mona😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...