História Daddy's And Baby's - Capítulo 80


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Imagine Jungkook
Visualizações 367
Palavras 1.056
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


B
O
A


L
E
I
T
U
R
A

Capítulo 80 - " Fica por favor!"


Fanfic / Fanfiction Daddy's And Baby's - Capítulo 80 - " Fica por favor!"

Pv Narradora ♡



Jeon andava de um lado para o outro, chorando, agoniado, chateado, estressado, pensando em tudo que fez, batendo um arrependimento em tudo que ele não conseguiu fazer, principalmente ser melhor pai e melhor marido, em que pensasse em sua família mais de que em seu trabalho, tinha muito orgulho, por uma parte ele tinha em mente quê Anna deveria o entender mais a outra já o condena, sua cabeça latejava a casa minuto pelo choro, a pequena Min que chorava alto chamando por sua irmã e pela mãe deixando Jeon ainda com mais raiva e dor, a pequena veio até o pai o agarrando pelas pernas ainda sem parar sem choro alto. Jeon já muito estressado sem pensar em nada, empurrou a pobre pequena que caiu de bunda no chão indignada e chorando em dobro que chorava antes. Jeon se tocou em o que havia feito com a sua própria filha, nunca tinha feito isso nem com Yu muito menos com Anna, seu coração apertou, e o sentimento da culpa lhe encarregava em seu coração partido.


Min: A-ppa o qui a Min feiz? - perguntou chorando ainda sentada onde tinha caído olhando seu pai que foi até ela e agachou em sua frente, a puxou para o seu colo, fez com que ela e ele ficassem abraçados, elas apenas se pois a chorar baixinho em seu ombro.


Jeon: Min, desculpa o Appa, eu nunca fui um bom pai um bom marido, não consegui ser bom o suficiente para a sua Omma - disse a olhando com lágrimas em seus olhos.


Min: Min te desculpa Appa, Min te ama muito - ele sorriu ao escutar as palavras da sua pequena filha.


Jeon: Appa também te ama pequena - a abraçou de novo e ficou assim. Em seus pensamentos se passavam se iria ter coragem de olhar pra Anna novamente, se teria coragem de visitar sua filha, mesmo que ela tenha falado que nenhuma de suas duas filhas são dele. Ele irá deixar seu orgulho, e perder a chance de reviver e concertar tudo de errado que ele cometeu, ou vai prefirir seguir em frente como nada aconteceu...


~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~


Anna estava com lágrimas em seu rosto, perto da esquina da casa de Jeon, com suas  duas malas pesadas segurava Yu que chorava baixinho, Anna pensava que Jeon não tinha amor em suas filhas, pois não teriam as separado assim e tendia de deixar as duas consigo, porém ele nunca iria deixar Anna levar as duas embora. Seu corpo pedia pra voltar e ficar ao lado Jeon, seu coração lhe dizia pra ir lá também, mas sua maligna mente orgulhosa lhe dizia que não deveria voltar, deveria seguir em frente, mesmo que continue o amando, o que ele fez consigo pra ela foi algo intolerável, que seria muito difícil de se perdoar. Ela queria que tudo fosse mentira, mais cada lágrima que escorria de seu rosto sentia aquilo se tornar mais real. Anna pensou em se mudar de cidade, ir embora para um lugar afastado para não ter que olhar na cara de Jeon, mais ela pensou que não havia forma nenhuma de não ver sua face, ele também tinha que visitar a sua filha e isso ela sabia e ela também tinha em mente que sempre iria visitar e passear com a filha. Estava tarde da noite, vários carros passavam, mas nenhum táxi aparecia, tentava ligar para o Omma para buscar porém não dava em nada, e não atendia. Desesperada, ficou ainda mais quando um carro todo preto com farol alto foi encostando perto de onde ela estava em pé, o vidro foi aberto, deixando Anna aliviada, soltando um suspiro longo.


Anna: Jack...  - sorriu ao ver ele, sem cessar suas lágrimas.


Jack: Anna, Yu, que saudades, o que fazem aqui hora dessas? Se estiver indo para a casa do Jeon, eu deixo vocês lá, mais eu não desço porque não quero confusão se é que me entende - disse sorrindo, sem saber de tudo que havia acontecido, Anna percebeu que a pequena Yu estava dormindo, por tanto que tinha chorado. 


Anna: Jack... Eu te explico depois, mas me leva pra casa do Omma, por favor - pediu, e entrou ao carro com a pequena em seus braços vendo a luz bater em seu rosto inchado e vermelho por ter chorado muito, o de sua pequena também não estava diferente. Jack percebeu suas malas e se levantou e foi colocar suas malas pesadas do porta-malas.


Jack: Nossa... Eu quero que me conte tudo está bem Anna? - disse e perguntou ao ver o estado da garota.


Anna: Sim, sabe onde é a casa do Omma né? - perguntou tentando afastar seus pensamentos ruins de seu cérebro.


Jack: Hum... Sei... - ligou o automóvel e saiu em rumo a casa do Omma. Quando chegamos lá ele os atendendeu, Jack colocou as duas malas dentro do quarto enquanto ela botou Yu para se deitar na cama, falou que explicaria tudo depois para o Omma, o mesmo estava com muito sono devido ao cansaço. Desceu para a sala com Jack e se sentou ao sofá com ele ao seu lado, começou a contar tudo que aconteceu desde o começo, ele a olhava incrédulo, e fechava os punhos com muita raiva. Quando terminou ele a abraçou forte lhe dando apoio.


Jack: Não acredito que ele fez isso com vocês Anna... - sussurrou a apertando.


Anna: Não se preocupe eu irei me mudar em breve... - ele a olhou com os olhos arregalados.


Jack: Não Anna! Não vai, por causa de um babaca como o Jeon, e as suas filhas? Por favor fica... - Se implorou com lágrimas nos olhos.


Anna: Sei Jack, mas, aish, acho que eu vou ficar, por você estar quase me implorando e por minhas filhas não ficarem sem perder o contato frequente entre as duas... - a maioria era pelas suas filhas mas sempre um pouco era pelo seu amado Jeon, Jack que sorriu largo ao receber tal notícia, Anna apenas sorriu pequeno, tentando se animar.


Anna: Estou um pouco cansada Jack... - disse bocejando.


Jack: Vou embora está muito tarde, amanhã, venho te ver, durma bem - sorriu e selou sua testa.


Anna: Obrigado pelo apoio... Vi estar te esperando... - sorriu, e quando ele foi embora, ela subiu indo de encontro a cama, se deitou  pertinho de Yu que suspirava pesado dormindo, fecheu os seus olhos, pensando em todo ocorrido e dormiu.


Continua....









Notas Finais


Cada vez, estou querendo melhorar a fic, fazendo os Cap bem maiores e melhores para vocês lerem biscoitos❤
Obrigado❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...