1. Spirit Fanfics >
  2. Daddy's Little Boy >
  3. Não Pode Ser!!!

História Daddy's Little Boy - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Esse capítulo ficou um pouquinho mais longo por conta dos diálogos ok.
Obg a você que está acompanhando e boa leitura ^^

Capítulo 9 - Não Pode Ser!!!


Fanfic / Fanfiction Daddy's Little Boy - Capítulo 9 - Não Pode Ser!!!

~I want it, I got it, I want it, I got it. You like my hair? Gee, thanks, just bought it. I see it, I like it, I want it, I got it (yeah)~

O celular toca indicando seis e meia da manhã, hora de acordar! Cyrus ainda muito sonolento desliga o despertador e volta a deitar, ele olha ao redor e percebe que está no seu quarto, de repente um pensamento o deixa confuso:

"Comé que eu vim parar aqui!? Mamãe...? " - Ele levanta depressa e procura por ela por toda a casa, mas tudo que encontra é um bilhete na porta da geladeira.

- "Cy, houve uma emergência e eu tive que ir, por favor coloque o lixo pra fora antes de ir pra escola, beijos mamãe"  poxa... Será que um dia eu vou ter um tempo com a minha mãe?

Mas uma vez sozinho, apesar de ser algo bem frequente Cyrus ainda não havia se acostumado com isso e sempre acabava decepcionado com a mãe por dar mais atenção ao trabalho do que à ele.

Ele então se arrumou rapidinho, tomou seu iogurte com cereal, botou o lixo para fora, como sua mãe havia pedido e foi para escola, ainda tinha bastante tempo então optou por ir andando, botou os fones de ouvido e seguiu seu caminho.

Como sempre ele deu uma pequena pausa no playground, por alguma razão Cyrus adorava ficar ali, era como se houvesse uma ligação ou algo do tipo, dessa vez tinha algumas crianças ali brincando com suas mães, tudo bem que eram crianças de seis anos de idade, mas ele queria ser uma delas, sentia muita falta da infância, era estranho sentir falta de algo que mal se lembrava.

Já na escola ele se encontra com Andi que acabara de chegar de carro com seu tio, Kevin Tran que tinha dezessete anos e estava no último ano. Cyrus não deixou de notar que o mais velho era bem gatinho mas não comentou nada.

- Oiii Cyrus! - Andi abraça ele que foi pego de surpresa, eram amigos há um ano e essa era primeira vez que ela fez isso.

- Você é o cara que tomou banho de comida ontem né!? - Kevin pergunta descaradamente o que deixa Cyrus sem graça.

- Kevin!!! - Andi repreende o tio.

- Só perguntei ué... Você devia ter socado o cara.

- Não gosto de brigar...

- É... Isso explica tudo!

- Kevin! Olha lá! Seus amiguinhos cabeça-oca chegaram... Vai lá se juntar à eles! - Andi fala num tom de deboche e apesar de não ter gostado muito ele sai sem dizer nada. - Desculpe por isso... Ele é meu tio, ganhou um carro e me trazer fazia parte da negociação então... Infelizmente aqui estou!

- Tudo bem... Ele é mesmo seu tio? Tipo... Vocês dois tem quase a mesma idade...

- Pois é! Ele é irmão da minha mãe então... Prefiro não entrar em muitos detalhes! - Basicamente a avó dela deu à luz à Kevin e três anos depois Bex, mãe de Andi engravidou aos dezoito anos, fazendo com que tio e sobrinha crescecem juntos.

- Oiii né!! - Buffy chega, geralmente ela vinha com a Andi, mas com essa mudança de última hora, parece que não a agradou muito.

Oiii rs - Andi responde envergonhada. - Desculpa eu fiquei discutindo com minha mãe e minha avó que não queria vir com o meu tio e... acabei esquecendo de te avisar! Você me perdoa? - Andi estende os braços para um abraço de reconciliação.

- É né... Você e o senhor Cyrus estão no meu caderno tá! Já ouviram falar em telefone celular!? Então... É pra usar! Até perdôo... Contanto que não se repita! - Buffy retribui o abraço.

- Já que minha mãe resolveu me punir, me forçando a vir com ele, amanhã você vem de carona comigo que tal?

Buffy dá de ombros simbolizando o clássico "tanto faz"

- Cyrus... Seu cabelo tá bagunçado... - Andi arruma gentilmente o cabelo do amigo. Buffy assim como o próprio Cyrus estranha a atitude dela.

- Oi pessoal! - Jonah aparece logo atrás. No exato momento, Cyrus se lembra de que não trouxera o moletom do amigo.

- Jonah... Eu... Esqueci seu moletom em casa... Foi mal! Te juro que amanhã eu trago novinho em folha!

- Tudo bem! Relaxa... Não tenho pressa! - Jonah era um garoto super 'good vibes'.

TRIIIIMM!!!

O sinal toca e todos os alunos entram. A primeira aula da turma é educação física, a maioria sabia que o último treinador havia se aposentado no ano passado então estavam curiosos para saber quem era o novo professor de educação física.

Os alunos conversavam na sala enquanto esperavam o novo treinador chegar. TJ fez algumas piadinhas, chamando Cyrus de 'food boy' mas ele não se deixou ser afetado, ou pelo menos quis parecer assim.

PRIIIIIIMMM!!!

Um apito extremamente alto de doer os ouvidos encerra num segundo todas as conversas na sala. Na porta o novo treinador permanece parado encarando seriamente cada um dos alunos, Cyrus e as meninas ficam boquiabertos ao descobrirem que se tratava d'ELE! O Cavaleiro Misterioso!

"Não... Pode... Ser..." - Cyrus não acreditava no que seus olhos estavam vendo, e para piorar, aquela sensação estranha tornara a aparecer! Dessa vez com um pouco mais de medo! Mas medo de quê?

O professor entra na sala, ainda em silêncio e muito sério continuava a encarar os alunos. Quando seus olhos verdes e brilhantes se encontram com os olhos de Cyrus, a conexão se encerra  imediatamente, era impossível para o menor encará-lo de volta.

- O meu nome é Dean Winchester! Podem me chamar unicamente de treinador! Afinal é para isso que estou aqui! Não tolero corpo mole na minha aula! Aluno deve levantar a mão antes de abrir a boca! Para os engraçadinhos de plantão, não hesitarei em puní-los de acordo com a gravidade da ocorrência, portanto, fiquem espertos!

Ele olha para a galera no fundo da sala, que por sinal é onde TJ e os colegas se sentam.

-É bastante simples, façam sua parte que eu faço a minha beleza!? Alguma dúvida? Não? Ótimo... Bora pra quadra!!!

Se os alunos já temiam a professora de matemática, esse agora parece que a superou em rigorosidade! Cyrus estava completamente dividido, educação física era a matéria que menos gostava, pois qualquer movimento que fazia nas aulas era motivo de piada para TJ e seus fiéis espectadores, e agora o homem que sonhava ser seu príncipe encantado havia se tornado um possível... Futuro pesadelo?

 


Notas Finais


Obrigado por ler até aqui ^^ incentivo é sempre bem vindo!! ♡♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...