1. Spirit Fanfics >
  2. Daddy's Little Gangster - Imagine Jungkook (BTS) >
  3. 18. Why is life like this

História Daddy's Little Gangster - Imagine Jungkook (BTS) - Capítulo 19


Escrita por: angelsophih

Notas do Autor


Espero que gostem....

SUGESTÕES MUSICAIS
Camila Cabello - Something's Gotta Give
Lauv, BTS - Who
Jackson Wang - 100 Ways
Jackson Wang - BULLET TO THE HEART

GENTE EU AMO VOCÊS DEMAIS
Chegamos aos 108 favs e eu to quase infartando, poxa não achei que fosse chegar a mais de 30 favs, muito obrigada mesmo por tudo isso

Capítulo 19 - 18. Why is life like this


Fanfic / Fanfiction Daddy's Little Gangster - Imagine Jungkook (BTS) - Capítulo 19 - 18. Why is life like this

A Envolvi em meu abraço quase cambaleando, minha perna sangrava cada vez mais, mas nada mais importava mais do que minha garota.

SG: Jeon vamos logo! - ele me puxa e eu caio, ele observa minha perna

SG: Se não tirarmos isso, você vai morrer também.

Tento me levantar novamente, mas tudo se torna escuro e eu bato minha cabeça com força, a ultima coisa que escutei foi Lisa e Katharinna gritando meu nome.

 

Acordei em minha cama, tudo parecia igual na ultima vez que tomei um tiro, mas agora faltava alguém conosco

Lisa: Ei Jeon cuidado... - ela diz vendo que acordei - Suga tirou a bala da sua perna, você vai ficar bem...

- E Katharinna?

Lisa: Esta no quarto, não saiu até agora, não acho que vai sair em tão breve...

- E o Got7?

Lisa: Vamos enterrar Mark no final da tarde, e então eles vão embora, não vão continuar sem Mark

Acenti triste, MArk era um grande garoto, ele não podia ter ido dessa maneira...

Tentei me sentar na cama mas não consegui, a dor era muito grande.

- Me abraça - Lisa me olhou confusa - por favor...

Ela se deitou ao meu lado e me abraçou, logo começei a chorar

Lisa: Jeon... Vai ficar tudo bem!

- Eu podia não estar aqui... Eu devia ter ido no lugar dele

Lisa; Jungkook não diga isso - ela me apertou e beijou minha bochecha - sabe o quanto sofremos quando achavamos que você tinha ido dessa para outra.

- Mas ele não merecia

Lisa: O cara la de cima sabe quando é a nossa hora. E eu não posso perder meu grandão

Sorri fraco e ela retribui, Lisa me animava mais que qualquer pessoa no mundo

Ficamos ali por algum tempo, Lisa tinha adormecido ao meu lado, tentei me levantar novamente, dessa vez suportando a dor que sentia, eu estva sem camisa e apenas com uma calça moletom solta. Me levantei da cama me apoiando nos móveis para não cair, Fui até o quarto de Katharinna, bati na porta mas ela não atendeu, abri a porta e vi que ela estava sentada da janela com os pés balançando para fora, ela estava de fones e segurava uma foto polaroid de Mark, fui até ela e me apoiei na janela, tirei um de seus fones mas ela continuou por me ignorar

- Eu sinto muito Katharinna...

Katharinna apenas riu anasalado

- Não é hora para brigarmos Katharinna... Deixa isso de lado pelo menos hoje

Kat: Ele era meu garoto, meu irmão, e agora ele esta morto... Eu perdi tudo...

- Você ainda tem a nós, sempre vamos estar por aqui

Kat: Sério Jungkook? Onde você esteve nos ultimos 3 meses?

- Não começa

Kat: Onde você estava nos ultimos 3 meses que não atendeu nenhuma das minhas ligações ou mensagens? Onde você esteve quando meu pai começou a me perseguir? hm? Onde você esteve todo esse tempo?

- Kat... - ela me interrompeu

Kat: Você sabe o quanto doeu? Sabe o quanto doeu ter que mentir para eles dizendo que nunca houve nada entre nós? Sa be o quanto doeu escutar as suas palavras naquele dia no hotel? " Foi só um lance" - ela fez referencia a minha fala - CARALHO JUNGKOOK VOCÊ ME USOU! Usou da minha inocência... Me usou para seu próprio proveito, mas eu devia ter percebido, você não ama ninguém.

Meu sangue ferveu e eu me segurava para não gritar

- Escuta bem uma coisa... Eu jamais, escutou? Eu JAMAIS te usei, jamais te usei para minha satisfação! Eu te amei Katharinna, mas você jogou todo o meu amor fora junto com a confiança quando mentiu para mim... Seu pai estava te perseguindo? Bem isso poderia não acontecer se você tivesse feito o certo

Kat: Você não entende o que é perder alguém

Ri cínico de sua frase

- Eu perdi meus pais, meu antigo melhor amigo e minha namorada para a morte, e te perdi por causa desse seu orgulho de merda

Suas lágrimas corriam por suas bochechas

- Eu vim aqui de bom grado para ver se você estava bem... Mas me parece que esta ótima.

Kat: Você é um monstro Jeon, um robô, não sabe o que é ter sentimentos

Me levantei segurando a dor, Katharinna observou minha coxa

Kat: Jungkook, sua coxa... esta sangrando

- Eu estou bem, não se preocupe.... Olha só, eu não sabia que robôs sangravam.

Sai de seu quarto e voltei ao meu, me deitando ao lado de Lisa, ela estava tendo um sonho ruim, logo percebi ao ouvir ela grunir e lágrimas em seus olhos fechados

- Lisa.... Lisa estou aqui, shhh

a abraçei

Lisa: Jeon... Jeon obrigada - ela acordou

- O que estava sonhando?

Lisa: Sonhei com o que aconteceu hoje, mas você estava morto também...

- Ei eu estou aqui, estou vivo, com um tiro na perna mas estou bem

Ela sorriu e me abraçou

- E vou estar aqui para sempre Lisa, sempre para você

Ela me encarou por longos segundos, cortei o silêncio selando nossos lábios em um beijo necessitado

Katharinna povs on

Eu fiquei preocupada com Jeon e sua perna, então logo depois que ele saiu do quarto fui ao seu para ver se ele estava bem, mas o que vi provava que ele estava ótimo, ele beijava Lisa e parecia feliz com isso, ele soltava pequenos sorrisos entre o beijo, voltei rapidamente ao meu quarto as lágrimas se intensificavam cada vez mais, eu morria de saudades de Mark e de Jungkook, um deles eu não poderia ver mais, e outro seria obrigada a ver com outra,  mas eu entendo, ele tentou voltar ao normal, mas eu apenas o cortava, talvez eu tenha medo de me machucar novamente

Jeon Jungkook povs on

- Desculpa - digo me separando do beijo

Lisa: ta tudo bem... Eu gostei

Sorri e lhe dei um selinho

Lisa saiu do quarto para se preparar para o enterro, Jimin entrou no quarto

JM: Meu garoto acordou!

Sorri e ri anasalado

JM: Você quase me mata do coração Jeon, não faça mais isso

Acenti

JM: Por que Lisa estava saindo quarto sorrindo?

- Eu não faço ideia do que esta falando

JM: Jungkook! Não me diga que você e Lisa voltaram?

- Aish Jimin!
 

O que muita gente não sabe, é que eu e Lisa tivemos um caso duradouro no passado, antes de Kim Sue, mas depois decidimos que era melhor continuarmos como amigos

JM: Não estou julgando, você sabe como eu acho vocês dois perfeitos juntos, mas você sabe Jungkook

- O que?

JM: Lisa desperta em você o seu lado durão e gangster, Katharinna desperta o seu lado fofo, e você sabe que as vezes você fica assustador demais

Apenas rolei os olhos

- Você poderia me ajudar a levantar para eu me trocar?

Jimin rolou  os olhos rindo, me ajudou a levantar, fui até a gaveta para pegar uma camisa preta e uma calça preta

- e então como estão as coisas com a princesa Jisoo? Eu vi vocês conversando ontem

JM: Aish Jungkook... Foi só uma conversinha... Estava agora com ela, ela esta muito abalada com o que aconteceu

- é sua chance de a ajudar

Ele rolou os olhos me fazendo rir

JM: Como pode você tomar um tiro e continuar rindo assim e sendo tão palhaço?

- Aish Jimin, ja estou acostumado.

Me vesti e coloquei um blazzer preto.penteei meu cabelo deixando minha test a mostra, Jimin me deu um par de muletas e eu desci as escadas esperando Lisa, ela desceu usando uma calça jeans preta, uma regata preta colada e um casaco comprido de lã preto, a cor ressaltava os seus fios ruivos e compridos, Jimin veio junto a Jisoo e Katharinna, Katharinna usava um vestido comprido simples preto e um casaco preto que era de Mark, seu cabelo estava preso.

Fomos para o carro, Lisa e Jisso tentavam alegrar Katharinna no banco de trás, mas algo a incomodava, muito mis que apenas a morte de Mark, dirigimos até o cemitério, assim que chegamos vimos os garotos nos esperando,, Lisa me segurava enquanto eu andava com as muletas, Katharinna andava na frente mas ainda cautelosa para que eu não caisse, entramos na roda em volta do caixão de cor branca, os parentes de Mark estavam lá, seus irmãos e pais.

Em meio a cerimônia Jackson começou a chorar fortemente ao meu lado, o puxei para meu ombro tentando o acalmar, Lisa chorava mais que o normal

- vem aqui - sussurro para ela e a envolvo em meu braço.

Jimin abraçava Katharinna, senti grande vontade de a proteger, mas ela jamais aceitaria isso

Suga: Bem, eu gostaria de convidar algumas pessoas para uma breve homenagem, Jeon Jungkook, Katharinna e a mãe de Mark Tuan.

Fomos os três para a frente do caixão, deixamos que a mãe de Tuan começasse

Sra Tuan: Meu filho querido... Sentiremos sua falta meu garoto... - ela olhou para o céu azulado - quando você entrou pra esse mundo perigoso, nós sempre te alertamos do perigo mas voc~e disse que estava sempre bem, que gostava disso e que daria outra a vida a nós... Nos ajudaste tanto, mas valeu o fim? -  Katharinna lhe deu um pequeno abraço, ela se retirou dali

Katharinna acentiu para mim

- Bem... Eu te conheci a tanto tempo... Antes mesmo de entrarmos nessa realidade... Você foi meu grande amigo... Sei que muitas coisas fizeram com que brigassemos, mas nunca deixei de zelar por ti meu garoto... Minha maior dor foi te ver ir dessa maneira, saber que eu não podia fazer nada, mas meu maior alívio foi poder escutar tuas ultimas palavras e saber que eram apenas coisas boas... Lhe prometi cuidar de sua garota - Katharinna cerrou os olhos com força e procurou minha mão, entrelacei nossos dedos - E eu vou cumprir isso... Agora, em troca disso, apenas te peço que cuide de nós aqui, e cuide de minha amada ai em cima

Todos os membros que seguravam suas lágrimas choraram de vez

Soltei a mão de Katharinna e voltei ao lado de Lisa que me abraçou novamente, afaguei seu cabelo enquanto ela tinha enterrado o rosto em meu blazzer

Kat: Ei pirralho... Como são as coisas ai em cima? - ela respirou fundo - te conheço desde que eu tenjo 7 anos, foram 10 anos de amizade, tinhamos muitos anos de diferença, mas sempre agistes como um adolescente inocente, e por mais que isso me incomodasse muitas vezes, agora vou sentir falta do meu pequeno galinho... Jamais vou te esquecer Mark, porque fostes meu primeiro amor, como te auto intitulavas, e serás meu único... Eu te amo.

O caixão desceu vagarosamente, Lisa correu ao encontro de Katharinna a abraçando, meu coração apertava a cada pouco de terra que entrava no buraco, a cada flor jogada em cima depois de estar coberto, eu tinha vontade de cavar tudo e abrir o caixão, torcendo para que ele estivesse vivo.... Mas isso não aconteceria, nos afastamos um pouco do caixão

JB: Jungkook...  - os olhei - obrigada por estar com o nosso garoto em seus ultimos segundos...

BamBam: Foi bom saber que ele não estava sozinho nesse momento

- eu que agradeço por ter tido ele em minha vida

Jackson: Nós vamos embora Jungkook, seguiremos juntos mas não dessa maneira, não conseguimos sem Mark

acenti

Yugyeom: FOi bom te conhecer

-  O prazer foi meu

JR: Cuida de todos por nós por favor

JB: especialmente de Katharinna, ela é uma grande garota

Youngjae: Sentiremos a falta de vocês

Abraçei cada um e os observei indo embora para um local distante, onde pudessem viver felizes.

- Lisa...

A Chamei e ela veio até mim confusa.

Lisa: Ele vai ficar bem não é? O Mark.

- Vai sim, ele esta bem, em um lugar muito melhor que aqui - digo segurando seu rosto

Lisa: Ele vai fazer falta, não vai?

a Abraçei enquanto ela desmontava em mim

Jennie a chamou e a acolhe em seus braços, KAtharinna veio vagarosamente até mim

Kat: Ele te pediu aquilo?

- Para eu cuidar de você? Pediu.... Pediu que lembrasse você todos os dias que era suficiente

Kat: E você vai?

- Não importa o quanto você possa me odiar, é o meu dever, eu prometi a ele que faria isso. - digo seco

Kat: Obrigada

Meus braços formigavam para a abraçar mas eu não poderia fazer isso...

1 semana depois

Lisa: JEON JUNGKOOK!  - ela grita ao jogar as bolinhas de isopor nela

eu e Jimin corriamos pelo apartamento

Estavamos nos mudando, a casa se tornou grande demais e então nos mudamos para alguns apartamentos, o que nos ajuda a policia a não nos encontrarmos, fomos separados em grupos de maneira que se fossemos atacados poderiamos nos defender, neste apartamento estavamos eu, Katharinna, Jimin, Taehyung, Jhope, Suga e Jin, no outro do outro lado do corredor estavam o Lisa, Jisoo e Rosé, e em outro no centro da cidade estavam apenas os líderes, RM, Jennie e Jay Park.  O nosso apartamento era o maior, era um apartamente de luxo que gastamos apenas 20% do nosso dinheiro nele, tinha 3 grandes quartos.

Estavamos arrumando as caixas e tudo para nos sentirmos em casa, mas eu estava mais brincando com Lisa e Jimin do que qualquer outra coisa. As coisas com Lisa ficavam mais sérias a cada dia que passava, estavamos quase virando um casal, não era algo que me incomodava, eu gostava de Lisa, sempre gostei, mas Katharinna parecia cada vez mais brava, ela se aproximara de Jin depois do enterro, ela ainda não esgtava 100% bem, podemos dizer que 50% dela estava bem.

Lisa corria atrás de mim e Jimin

JM: Vamos morrer!

J Hope ria de nós enquanto pendurava quadros nas paredes, Lisa vem até mim e me empurra ao chão, subindo em cima de mim, em questão de segundos enverto as posições ficando por cima dela, me apoiando com as mãos acima de sua cabeça.

JM: Aish acabou a brincadeira, agora o casal vai se beijar.

Rimos, selo meus lábios aos de Lisa em um beijo demorado.

KAt: Aish voces são tão bagunceiros

Jin: Se acostuma a viver com esses pestes, vai ser assim de agora em diante

Kat: Parecem mais crianças que Gangsters

SG: O Jungkook especialmente

Me levantei e fui até Suga o encarando franzindo o cenho 

- O que você disse - digo brincalhão

SG: Cara para eu estou brincando

- Ta querendo apanhar?

SG: Jeon você tem o dobro do tamanho

- Vamos ali fora agora!

SG: Eu to tão bem aqui

Lisa: Aish Jungkook, deixa o Suga

Começo a rir da expressão de Suga

JM: Eu avisei que a Lisa te deixava mais assustador

Lisa: A culpa não é minha!

JH: Claro que é! Ele parece um monstro quando esta com você

Kat: Ai que você se engana, ele é um monstro

A encaro dessa vez bravo, aquilo era pura provocação.

JH: Ok chegou a hora de decidir os quartos!

Lisa: Eu não participo nessa hora

Nos sentamos

JH: Eu fico no quarto com Jin

SG: Eu vou dormir no mesmo quarto que Jimin!

Tae: ei eu ia dormir no quarto com Jimin!

Lisa: Calma la gente, vai ter um trio!

Tae: então nos somos o trio - diz abraçando Suga e Jimiin

JM: O que faz com que Katharinna e Jungkook dividam um quarto 

- Não vai rolar

KAt: Não vai rolar mesmo!

JH: Não é como se fossem se casar! Pelo amor de Deus!

- Aish tanto faz.

Todos foram levando suas coisas para os quartos, eu fiquei com Lisa por um tempo na sala ainda, e então fui ao quarto quando Lisa foi para seu apartamento, entrei no quarto e fiquei apoiado na parede com os braços cruzando vendo Katharinna arrumando suas coisas

- Uma cama de casal, uau

KAt: Caramba Jungkook não me assusta assim!

- Então eu ainda faço seu coração bater mais forte

Kat: Não foi o que eu disse - disse seca, ela ainda estava brava comigo

- Bem se você ainda lembro, eu durmo do lado direito da cama

Ela riu anasalado

Kat: Você tem namorada Jeon, durma na cama dela ou na sala, mas eu me recuso a dormir na mesma cama que vocÇe, para mim não tem castigo pior

Fui a sua direção a encurralando na parede

- Eu só vou te dizer o seguinte, eu mando aqui, e você sabe bem disso, e sabe o que acontece quando me desobedecem, eu vou dormir onde eu quiser - ela não tinha para onde ir

Kat: Jimin tem razão, ela te deixa mais assustador - ela disse quase em um sopro

- Não... esse sou eu de verdade Katharinna - sussurro em seu ouvido a fazendo arrepiar

KAt: Vou sair para ir no mercado, volto daqui a pouco

Ela foge de mim me fazendo rir

 

Estava deitado na cama mexendo no celular, olhei o relógio, faziam 2 horas desde que Katharinna tinha saido, fui a sala preoucupado com ela

- Katharinna esta ai? - digo aos garotos que estavam sentados na sala testando a nova Tv

JM: Não por que?

- Ela foi no mercado a duas horas atrás e não voltou

Jin: Calma ela so deve estar demorando por causa da quantidade de coisas que comprou

eu não consegui engolir esse argumento, algo me dizia que isso estava além do esperado

SG: Liga para ela...

Peguei meu telefone e liguei para seu telefone, que demorou para ser atendido, escutei uma respiração pesada no telefone que me manteve estático, e então aquela voz

Sr Meyers: Jeon Jungkook! Eu sabia que ligaria para ela, mas ela não esta disponível agora...

 

 

continua...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...