1. Spirit Fanfics >
  2. Daddy's Little Gangster - Imagine Jungkook (BTS) >
  3. 20. Bullet to the Heart

História Daddy's Little Gangster - Imagine Jungkook (BTS) - Capítulo 21


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem!


MUSICA:
Best of Night Lovell Mix | Gangster Rap Music 2017

Capítulo 21 - 20. Bullet to the Heart


Fanfic / Fanfiction Daddy's Little Gangster - Imagine Jungkook (BTS) - Capítulo 21 - 20. Bullet to the Heart

- O QUE VOCÊ ESTA QUERENDO DIZER YOONGI

SG: A bala é pequena, esta em uma camada de carne quase impossível de ser tirada

- O que vamos fazer? - digo preocupado

Katharinna desmaiou no sofá, estavamos perdendo tempo, seu corpo estava ficando gelado

Suga se levantou e correu ao escritório, me agachei ao lado de Katharinna

- Fica comigo por favor, não é a sua hora Katharinna, nós estamos aqui para você.

suga voltou com alguns instrumentos

SG: Isso vai doer um pouco... Jeon preciso da sua ajuda

acenti

SG: tira o seu cinto - tirei e o entreguei, ele colocou o cinto em volta da cintura de KAtharinna, mais perto do ferimento e o apertou, chamou Lisa para segurar o cinto apertando o máximo possível.

SG: preciso que corte a pele dela, abrindo um pouco mais a ferida

- ta maluco?!

SG: VOCÊ QUER TIRAR A BALA OU NÃO?

Engoli em seco, ele me entregou o canivete, tremendo, abri um corte em sua pele, Katharinna tinha acordado e gritava de dor, meu coração apertava a cada segundo, eu não queria fazer aquilo com ela mas era necessário.

Kat: Para.... Por favor para... - ela choramingou

- Estamos quase lá, ja vamos terminar isso...

Suga respirou fundo e voltou a colocar a mão no ferimento, KAtharinna gritava, tapei sua boca para que os vizinhos não escutassem

Ele negou, aquilo me deixava cada vez mais frustrado, ela estava morrendo e não conseguiamos fazer nada, Suga pegou o rosto de katharinna

SG: Kat querida... eu preciso que você faça força, essa bala vai ter que sair.

Ela forçava o máximo, de maneira de tentativa que a bala subisse, ela usava o pouco de força que tinha.

Kat: eu não consigo...

SG: Só mais uma vez... Por favor Kat

Ela forçou por uma ultima vez, seu corpo voltou a cair para trás, ela estava perdendo a conciência

- Não! Katharinna fica comigo! Não vai... Olha só, eu preciso que você aperte minha mão o mais forte que puder ok?

As lembranças de MArk voltaram como um turbilhão

Suga voltou a colocar suas mãos no corte, dessa vez ela não reagiu

Ela estava morrendo

SG: CONSEGUI!

Ele puxou a bala para fora rapidamente, trazendo grande alivio a todos

SG: Jennie, prepara o soro no quarto, e a bolsa de sangue!

A garota correu

SG: estamos acabando

Suga voltou a molhar o ferimento com a tekila, Katharinna apenas cerrou os olhos fortemente e apertou minha mão

Ele pegou a grande agulha e a linha preta, a cada ponto, Katharinna apertava minha mão mais forte, no final Suga me olhou e acentiu

SG: Leva ela para o quarto agora.

Peguei ela nos braços e corri ao quarto, a deitei na cama e Jennie procurou sua veia, colocou a bolsa de sangue conectada

- Ela vai ficar bem? - digo triste

Jennie: Não se preocupa...

Sai do quarto com as mãos em minha cabeça, eu estava tão frustrado, os garotos me abraçaram

RM: Você foi um grande irmão para ela Jungkook, salvou ela...

Sorri, eles não fazia ideia do quanto a amava.

Jay: Bem... VOu indo, me liguem se rpecisarem de algo...

Eu olhei a poça de sangue ao lado do sofá, Jisoo a limpava tanto quanto o sofá, Lisa veio até mim e passou sua mão por meu braço

Lisa: Vai tomar um banho, uh? Tirar esse sangue...

Acenti ainda assustado, fui ao banheiro do quarto e tomei um banho longo, embaixo do chuveiro eu chorei, imaginei um momento em que não conseguiamos salvar KAtharinna, e tudo parecia tão escuro sem ela, depois de aliviar a dor, me sequei e coloquei uma cueca box, uma camiseta cinza e uma calça de moletom militar, seuqei meu cabelo rapidamente e sai, Suga estava no quarto observando a garota, ele ja havia trocado de roupa

SG: Ela vai dormir durante um bom tempo... Ela tem que recuperar as forças...

Acenti e Suga veio até mim

SG: Foi corajoso Jeon, como sempre - sorrimos - eu sei o quanto ela significa para você - ele piscou para mim e saiu do quarto.

Jimin entrou no quarto e observou ela

- EU achei que ia perder ela Jimin... - voltei a chorar e o garoto fechou a porta e veio até mimme consolar

JM: Jeon, ela esta bem, não se preocupe, ela esta viva... Ela não iria te abandonar...

Sorri simplista para ele

JM: Vou mandar todos embora, não é uma boa hora...

Acenti

Ele saiu do quarto e fui até Katharinna, ela estava suja do sangue, fui até a pia do banheiro e molhei a toalha de mão, passei por seu rosto suado, prendi seu cabelo e a despi, aquele corpo que eu senti falta... Passei a toalha molhada por todos os locais que podiam estar sujos com o sangue, a vesti com um shorts de pijama de seda branco que ela tanto gostava e a regata de seda branca, percebi que o saco de sangue estava quase vazio, o corpo de Katharinna ja tinha voltado a ter uma cor mais viva, retiro o saco de sangue e coloco o soro, apenas fico a observando sentado na poltrona do quarto, mas logo adormeco

 

KAt: J-Jeon?

Acordei em um pulo e corro até a cama

- Estou aqui... - passo a mão por seu cabelo, ela me abraçou assim que percebeu minha presença, ela soluçava, era um alivio ver ela falando comigo, viva.

KAt: Obrigada... por me salvar

- Não fiz mais que meu dever

Sorri, me aproximo dela para a beijar

Kat: Jeon não... a Lisa

- Eu e Lisa não estamos juntos

Kat: Mas não é certo Jungkook

- KAtharinna, vivemos isso antes, não é certo, mas quem liga para o que é certo?

Kat: Jeon...

- Shh...

A Beijei, ela segurou minha nuca, me puxando para mais perto dela, apuxo para meu colo e ela geme baixo de dor

- Desculpa eu esqueci 

Kat: Ta tudo bem...

Foi ai que ela notou

Kat: Você me vestiu?

Acenti rindo

KAt: Jeon! Você me viu nua!

- Como se eu nunca tivesse visto antes - ela emburrou - e confesso que amei o que eu vi...  - ela socou meu ombro

KAt: aish Kook

- Alguém andou na academia

KAt: Acho que posso dizer o mesmo

Fitei seu rosto

Kat: Que foi Kook

- Nada, só estou feliz de poder estar com você

Kat: Alguém voltou a ser fofo

- Eu não sou fofo, sou bad boy

KAt: Se dizes -ela encarou meu pescoço franzindo o cenho - Jeon e esse chupão?

- Aish... Foi Lisa - fiquei sem graça

Kat: Então vou ter que lidar com esse chupão que outra garota te deu?

- Uma semaninha só

Kat: Eu acho que poderia aproveitar a desculpa da Lisa para fazer isso - ela beijou meu pescoço me arrepiando e então deixou uma marca 

- Katharinna!

Kat: Que foi? Foi a Lisa!

- Como é que você continua assim depois de tomar um tiro?

Kat: Você me da essa energia... You're my wonderwall - Ela diz em inglês me fazendo sorrir

Ela se joga na cama com delicadeza fazendo uma cara de dor, me deito ao seu lado

- Acho que esta na hora de eu fazer uma tatuagem nova

Kat: Mais uma?!

- Eu não vou parar

Ela riu e rolou os olhos

- Você fez novas também...

Kat: Fiz 4 novas...

- Quero saber os significados.

Ela apontou para a do braço, onde tinha um número romano

KAt: A data de nascimento de meus irmãos... - ela apontou ao antebraço onde tinha escrito Sinner- essa aqui é pelo que me tornei - rimos e então ela apontou para o outro braço, atrás o número 134340 em vertical- as coordenadas de Plutão - e então levantou sua camiseta, nas costelas um ramo de flores - Essa eu fiz com Mark

- Eu amei cada uma delas...

Kat: E as suas novas?

- Fiz uma rosa no dedo para minha irmã, algumas frases e mais mil coisas nos ultimos 3 meses

Ela riu a beijei novamente

Kat: Estou com fome...

- Vamos então...

A ajudei a levantar , segurei seu braço enquanto ela andava com dificuldade com dor

- Eu acho melhor eu pegar a cadeira de rodas do Suga

Kat: Isso que eu ia perguntar, como é que o Suga tm todas essas coisas!

- Nós vivemos nos machucando então ele compra tudo em caso de emergência

Ela riu revirando os olhos

A sentei no sofá e fui até o escritório, abri a cadeira de rodas e entrei no quarto novamente, ajudei Katharinna a sentar nela e fomos para a cozinha

JIN: Alguém esta melhor!

SG: Acorodou antes do esperado!

JM: é bom te ver saudável

Tae: é um milagre!

JH: Continua linda

Rimos e ela abraçou os meninos

- Ela estava com fome.

Lisa; Chegou na hora certa, fiz um lanche bem gostoso

Jennie: Jungkook! E esses chupões no pescoço?

Sorri sem graça e Lisa veio até mim me olhando desconfiada

- Lisa é a culpada

Lisa: é sou sim - ela saia a verdade e ria

A puxo pela cintura para perto de mim e Katharinna me olha com um olhar desafiador

SG: então são um casal?

- Não - rio a olhando

Lisa: Apenas amigos

JM: Cara assim não da, vocês vão e voltam

Jisoo: Quando vão assumir que tem que ficar juntos

Lisa: Não em tão breve, mas enquanto isso não acontece eu acho que você - apontou para Jisoo - devia se assumir com o Jimin

Os dois citados ficaram corados violentamente, aproveitei o momento de discussão que começou para levar Katharinna para a cozinha

Kat: Lisa é?

- Aish você que começou

Peguei um pedaço da torta que Lisa fez e coloquei em um prato para Katharinna comer

Kat; Obrigada...

A levei até a sala onde eles ainda discutiam sobre Jimin e Jisoo

SG: Eles tem que sair sim! Não é Jungkook?

- Eu não opino - digo seco

SG: Ele não importa! Jimin já não sai com alguém a séculos

JM: Ei eu ainda estou aqui!

Kat: Não acho que seria mal se eles saissem, afinal eles tem muito em comum

SG: TA VENDO?! POR ISSO EU AMO ESSA GAROTA!

Todos riram e eu dei uma de minhas risadas falsas, logo Taehyung notou

- Bom, ja que estamos discutindo casais... Eu vou para o meu quarto

Saio e então escuto alguem me chamar

Kat: Ei Jungkook!

- Que foi?

Kat: Você acha que eu vou sair daqui sozinha? EU QUERO DESCANSAR

Rolei os olhos e empurrei sua cadeira até o quarto

Fechei a porta e a ajudei a se deitar na cama, fui até o banheiro para pegar minha roupa que eu usava mais cedo e assim fiz, peguei a foto de Kim Sue do bolso e fiquei a fitando, uma lágrima desceu em minha bochecha

Kat: é ela não é?

- Eu decepcionei ela mais - digo choroso - Eu matei os pais dela...

Kat: Vem aqui...

Me deitei ao seu aldo e ela afagou meu cabelo

Kat: Você não teve opção Kook

- EU sinto falta dela ...

Kat: Eu sei que sente Jeon... Eu também sinto...

Chorei até adormecer ao lado de Katharinna...

 

 

Acordamos tarde no próximo dia, acordei com o intuito de fazer minha tatuagem hoje!

Me vesti e acordei Katharinna

Kat: Que foi?

- Os garotos não estão em casa, e nós vamos sair

Eu tinha quase certeza que eles não estavam em casa, pelo menos não escutei nenhum barulho deles

Kat: Onde nós vamos Kook?

- Me tatuar!

Ela rolou os olhos

Kat: Só você que acorda com essa vontade

A ajudei a se vestir, ela colocou um short jeans e um top branco, estava calor la fora, a sentei na cadeira de rodas e saímos de casa, eu estava certo eles não estavam em casa, pegamos o elevador e descemos todos os andares, fomos andando até o estúdio, até porque seria dificil demais colocar Katharinna no carro, quando chegamos o tatuador nos olhou estranho.

Tatuador: Jeon! é bom te ver de novo - o cumprimentei - o que aconteceu com a garota?

Kat: Um acidente, mas estou bem... Posso andar mas é melhor não por enquanto

Tatuador: bem, em quem é a tatuagem de hoje

- Em mim, eu gostaria de tatuar isso no peito - peguei o telefone e digitei a frase no mesmo, ele me olhou sorrindo

Entramos na sala e escolhemos a fonte, então tirei minha camiseta e deitei na cadeira, ele preparava a máquina enquanto Kat me fitava, estiquei minha mão  e ela pegou nela.

Tatuador: Bem... Uma pergunta, quem é a sortuda que vai receber essa homenagem

apontei para Katharinna que continuou confusa

Kat: Jeon, o que você esta inventando?

- é surpresa - sorri e pisquei

Tatuador: Só lhe digo que és muito sortuda de ter esse ai para você

rimos

Senti poucas dores com a tatuagem, demoramos 2 horas para fazer, fiz com que Katharinna passasse o porcesso todo de olhos fechados para não ver, no final me sentei e ele limpou a tatuagem

- ficou linda

KAt: eu quero ver

- Em casa você vai ver

Kat: Aigoo!

PAguei o tatuador e vesti minha camisa novamente, paguei a tatuagem e voltamos para casa, quando estavamos na sala, Katharinna não parava de me incomodar, a sentei no sofá e revirei os olhos

- Ok ! Ok! feche os olhos - ela os fechou e eu tirei a camiseta - pode abrir

" You're my wonderwall" (Foto do cap)

Kat: Jeon! - ela parecia brava mas gostava

- Você é a minha pessoa que eu penso todos os dias Kat, você é minha Wonderwall...

KAt: Eu te odeio! Mas eu amei...

Ela se levantou com dificuldade, fui até ela e a segurei pela cintura, colando nossos corpos, a beijei de maneira apaixonada, ela sorria em meio o beijo 

Mas a felicidade dura pouco

A porta abriu e escutei conversas, e ....

 


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...