História Daily Life Of Highschool Students! - Interativa - Capítulo 13


Escrita por: e Katsura-Kun

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Comedia, Interativa
Visualizações 26
Palavras 767
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi!! Desculpe pela demora parte 2: A missão

Me apredejem.

Capítulo 13 - A excursão! (Parte 2)


Aokigahara.

 

Depois de quase 2 horas, finalmente estávamos defronta a floresta de Aokigahara.

 

Ao fundo, conseguíamos ver o majestoso monte Fuji, um símbolo do Japão, era bem maior de perto. O lugar estava recheado de turistas tirando fotos e outras porcarias, a professora conversava com o nosso guia, não conseguíamos entender como ele se formou, tentava se comunicar em inglês conosco mas era péssimo, não dava pra entender ele, parecia que a língua dele estava inchada.

 

Guia: Okay, class! now we will follow the trail to enter aokigahara, be careful not to get lost and die, come on! (Ok, classe! Agora iremos seguir a trilha pra entrar no Aokigahara, Cuidado para não se perderem e acabarem morrendo na floresta, vamos lá!)

 

A professora ficou horrorizada com o discurso do guia, tentou dar um complemento para suavizar.

 

Professora: É bom que todos sigam a trilha e tudo ficara bem, tudo bem! Cuidado para não bater o pé contra o chão, o solo é feito de pedras vulcânicas, é muito duro!

 

Ayumi acabara de ficar super-desanimada com toda essa situação.

 

Tsu: Eu estou com esperança que tudo isso pode ser engraçado!

 

Ayumi: Não é engraçado, é tedioso.

 

Tsu: Você está muito sóbria esses dias, o que aconteceu?

 

Ayumi: Tem razão, eu devo estar sendo muito chata.

 

(Autor: Nossa. Definição de melhor roteiro do mundo, parabéns, o roteiro está fazendo muito sentido!).

 

Tsu: Então por que não tentamos nos divertir!

 

Ayumi: Claro! – a afirmação é seguida por um empurrão onde ela acaba caindo violentamente.

 

Fukami estava correndo de Takashi que queria se vingar por ter sujado sua camisa e cabelo de vomito, e ter feito ele se tornar o meme do ano pelas diversas fotos tiradas pelos alunos.

 

Takashi: Eu vou te matar, Fukami!

 

Fukami: Não foi intencional! Foi apenas um mal entendido!

 

Takashi: Uma ova!!- Ele pula em cima de Fukami. – Agora você vai morrer!

 

O ato é cortado pelo grito de Ryo: O que? Sorvete de graça?

 

Takashi some na velocidade da luz de cima de Fukami!

 

Takashi: Cadê o sorvete de graça! – Diz ele para Ryo, que se deliciava com seu sorvete de flocos.

 

Ryo: Ali. – aponta pra barraquinha de sorvete.

 

Takashi avança para a  barraquinha, mas, quando pede um sorvete de flocos ( seu favorito) ele descobre que teria de pagar.

 

Takashi: Ryo, seu insolente, como teve coragem de enganar um pobre garoto como eu! – diz ele com um tom choroso.

 

Ryo: Era pra você soltar o Fukami.

 

Lembrar Takashi do Fukami não o faria retornar a caçada, ele amava sorvete e precisava dele.

 

Takashi: Ryo...

 

Ryo: O que foi.( é, sem ponto de interrogação, ele disse com tom de seriedade).

 

Takashi: Me dá um pouco sorvete...

 

Ryo: Ok... Não.

 

Takashi: Por favor!

 

Ryo: Não.

 

Takashi bufa e resmunga um Ok se fazendo de triste.

 

Agora realmente na Aokigahara.

 

Todos seguiam pelo caminho, sendo guiados por um guia que não sabia falar inglês direito. Então todos o ignoravam e estavam conversando.

 

Tsu: Ouviu falar nas teorias sobre esse lugar!

 

Ayumi: Que é um ugar maravilhosos, divertido e feliz! Sim. Florestas são sempre assim!

 

Tsu: Não, é um lugar com alta taxa de suicídio... isso é triste e sombrio...

 

Ayumi: Desculpe, eu gosto muito de florestas...

 

Tsu: Tudo bem, eu também sou retardada. – ela olha pras arvores escuras e fica inspirada.

 

Tsu: Por que não exploramos a floresta!

 

Ayumi: Agora! – diz ela animada.

 

Tsu: Talvez possamos achar um corpo!

 

Ayumi: Isso não é nada animador...

 

Fukami: Estão falando sobre  a lenda da floresta?

 

Elas se assustam, ele estava a esse tempo todo ouvindo a conversa?

 

Tsu: Não é bem uma lenda, tem o segundo maior índice de...

 

Fukami: Não estou falando disso. – ele interrompe. – É  que todos que entram dentro da floresta sentem uma vontade intensa de se matar.

 

Ayumi: Acho que isso é mentira. Sei lá, essas coisas não existem.

 

Tsu: Então vamos! Não temos nada a temer!

 

Dentro da floresta.

 

Eles levaram Ryo e Fukami para a floresta. Os cinco estavam em sua expedição, era uma aventura adolescente, os responsáveis provavelmente iriam brigar com eles, mas era uma experiência ótima, Fukami marcava o caminho com pedras para não se perderem.

 

Ryo: Não devíamos estar aqui.

 

Tsu: Só pensou nisso agora? Já estamos aqui!

 

Ryo: Nem quero pensar se contarem aos meus pais...

 

Ayumi: Relaxa, é uma experiência divertida!

 

Takashi: Eu não estou achando nada divertido...

 

Fukami: Eu estou gostando!

 

Takashi: Fukami, foque-se em marcar o...

 

Eles percebem que Fukami parou de marcar o caminho.

 

Ryo: Fukami, você é a pessoa mais importante nisso e se distraiu?

 

O garoto é tomado pelo pânico.

 

Fukami: Estamos perdidos...


Notas Finais


A excursão (Parte 3): O grupo perdido agora tenta sobreviver e tentar escapar da floresta, mas será que era exatamente isso que acontecia com todos os suicidas? Acompanhem a parte final dessa saga sem sentido!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...