1. Spirit Fanfics >
  2. Dakaretai otoko >
  3. Azumaya junta me fode....

História Dakaretai otoko - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Oi pessoal que ler essa fanfic maravilhosa do anime maravilhoso.
Mas primeiro um aviso.
* Dakarichi é um (yaoi) se vc não gosta disso saia da que obrigadinha.

Capítulo 1 - Azumaya junta me fode....


Fanfic / Fanfiction Dakaretai otoko - Capítulo 1 - Azumaya junta me fode....


- Aaahhh por quê tudo tem que ser difícil nessa minha vida? que merda...

- calma takato-san você consegue. kkkk...

- Não puxa saco não, que você só está observado minha desgraça seu... *olha ameaçado*.

- kkkk isso é muito engraçado. 

-você que tenta?  seu anjo ignorante. 

- Takato-san você não consegue fazer uma coisa simples como um bolo só para começar tou te ensinado a cozinha. 

*Olha ameaçado* - escute seu anjo maldito você me paga.

-TAKATO-SAN VAI QUEIMA DE NOVO~ - falou o loiro auto. 

- AAAAH Porra de novo!!! Que merdaaa.  - falou saijou saindo da cozinha. - desisto isso é patético faz você aí. 

- *rindo pra caralho* -  T-takato-san já é a quinta vez.

- Tu acha que eu ja fiz um bolo sozinho? quem fazia era minha avo . e... - saijou lembrou da sua avó e baixou a cabeça. 

- O que foi takato-san?

- N-nada.

- Diga, sente falta da sua vò né? 

- Foi ela que me levou para o mundo do entreterimento, por causa dela sou um autor de elite adorado por todo Japão. So queria que ela tivesse aqui para ver o que eu conquistei. 

- Aah takato-san fica assim não... o que sua vò diria se tivesse visto que você não saber coizinha um bolo e que foi a quinta fez que você queima? 

*corado* - Aaaah seu.  - saijou empurrou azumaya ficando por sima dele. 

-hahah Desculpe takato-san... Você está com frio?  Suas mãos estão geladas. 

- Esta chovendo você quer Oque? 

- haha verdade aqui. - junta pegou uma casaco grande e colocou no takato. - ficou lindo haha.

-Eu tenho casaco sabia? 

- use o meu por favor! Você fica fofo demais.

- Ta mais... - antes de terminar a sua fala junta o puxou. 

- Haah, porra que qui eu caia?

-Nunca deixarei isso acontece. sente-se aqui takato-san. *batendo em sua coxa* 

- não sou um bebê para senta em seu colo.

- Claro que é, meu beby, só meu não é mesmo?  - fala junta o puxando para seu colo (Ficou engual a foto do capítulo ^-^)

- Haaaaaah, não seu beby que coisa mas besta chunta.

- Não é chato takato-san você fica muito fofooooo. Isso me excita muito... disse junta ofegante beijando o pescoço de takato. 

- Aaaah uma pergunta,  você era pervertido assim com outra pessoa? 

- hen?

- peguei você de geito agora né?  Me responde chunta...

- Se você não ri eu falo.

-Diga.

- Ta, eu não era assim antes de conhecer você, eu era uma pessoa em segura meu mundo não tinha um toque de vida nela... Antes de te conhecer eu me perguntava por que porque eu sair da casa do meu avô? ou por quê voltei para o Japão? deveria ter ficado na Espanha.  Lembra da novela que fizemos juntos da primeira vez? 

- Sim o que tem?

- Eu realmente achava você um ignorante sem caráter um chato e não sabia porque as pessoas te endrolatando. vir você enfrentar o direto abusivo e chato,  chamou minha atenção seu espírito era muito forte. eu Não sabia o que eu estava sentindo realmente não sabia o que era  "amor" ou que essa palavra existia..... eu estava tão tão endesiso da minha vida que queria larga o papel de autor e tenta augo novo. Quando você estava com febre e desmaiou caregei você até o hospital chamei o táxi e fomos,  quandoeu oobservar você ficava cada vez mas próximo eu queria estar com você era isso que me deixava enteiro. EEntão comecei de novo me esforcei tentei chega mais e mais perto de você sabia que me odiava mais não me emportava  até que finalmente chamei você para bebê isso foi quando meu mundo teve "cor" pela primeira vez. 

- Eu não te odiava. 

- Sasaki-san disse a mesma coisa. 

- Eu não te odiava eu tinha medo de perder para você... eu também chunta eu não queria te ama você era um rival não sabia que isso levaria a outra coisa. Na verdade eu também não sabia o que era "ama" eu ficava sozinho não tinha família perto minha avó morreu eu ainda era estudante minha vida não foi nada fácil. Quando conheci você mudou tudo minha vida cheia de adrenalina... Aaah pera oo que? 

-Nada só quero te você por um momento. 

-Agora? 

-sim. - falou ofegante. Junta pegou takato e o colocou na cama. ficando por sima do moreno, passou a mão por debaixo da blusa o tocando em seu mamilo. 

- hhaa. -  takato ta um gemidinho não tão auto - Junta pegou e retirou sua blusa pude ver a que seu corpo definido mesmo eu vendo esse seu lado essa emagem era impossivel não cora..... chunta tirou minha blusa fez uma trilha de beijos da minha barriga ate minha boca lasando nossas línguas so deixava eu mais excitado - chunta

-hum? Takato-san?

- chunta  mas. Rapido. Te quero deixa de enrola. Esta bem?

- como todo prazer. junta pegar takato bota de bruços e começa a pasa sua lígua em suas costas abaixando mais e mais. Quando  chegou perto da sua bunda abaixou sua calça com a cueca. *Beijo grego* junta deu um beijo grego em saijou que gemeu alto.  (Se você não saber o que é Beijo grego é porque não tem 18 anos prevetido(a) hehe não tem problema pesquise o Google Chrome sei lar ^^) Enseguida pega em seu menbro apertando com uma leve foça que faz takato derete de prazer. 

- Esta gostoso takato.

-uhum. -

- so não goze agora espere um pouco se segure. 

-T-t-ta - felei com dificuldade. 

-Takato-san! Fale que me quer mais. 

- Q-que?

-Diga que quer sinte meu toque, diga que gosta.

-Chunta eu.... eu...

-Diga takato-san não deixe seu orgulho atrapalha o que você sente por mim! Por favor. 

- Chun-ta eu... eu... quero. S-sente seu t-t-toque eu... gosto eu... amor quero você dentro de mim.

-Takato-san, - fala junta o penetrando. - Vou fazer com seu corpo sega incapaz de esquece o meu em toda sua vida porriso takato vou te ama mais e mais pelo resto da sua vida. - junta com seu olha chelvagem cheio de luxúria olha para takato e o beija com teção um beijo molhado.

-Mais rápido. 

-Oi?

-Anda está esperando o que um convite?  Estou dizendo para ir mais rápido. 

- Tem certeza?  Eu acho que....

-Chunta faça. 

-Aguentar.... -junta o penetrou com força, ere bem estranho ele toma a iniciativa era umas da primeira vezes, não custava aproveitar. Ele jogou sou orgulho fora não de em portou  com mais nada.

-Aaahaha - gemeu takato arranhando as costas do parceiro. 

- Azumaya junta me fode.

- *Sorriso angelical* Seu pervertido. - falou junta


(Corte no tampo) 8:32 horas


- Haaaaaaaaaah o que aconteceu essa noite? Você me deu drogas não foi? Chuntaaaa *Aura ameaçadora* 

- Hahah takato-san realmente você é muito pervertido. 

-Não emporta me ajude a levanta! 

- Você está bem?

- Estou ótimo, so quero levata!!

-Não consegui?  Por quê?

*Suspiro sem paciência* - Oque você acha chuntinha? Pq eu não consigo levanta que qui eu expliquei? 

-Sim.

-Você me deu veneno ou fiquei muito embriagado, pedi para ir rápido e me  fude seu merda.

-Assim da próxima vez e para eu ir com calma? 


-SIM ANJO INSATISFEITO. 

-Eu sou insatisfeito?  Foi você que pediu para eu te fude fiz isso. 

-Esqueci isso me ajude a levantar pelo amor de deus. 

-Esta bem! 

-Ainda bem que não tem trabalho....








Notas Finais


Acho que eu não bato muito bem da cabeça eu faço fanfics aleatoriamente, eu começo ai vez na cabeça sksksks.

* Qualquer erro de português será corrigido*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...