História Dama do Mar-A ladra de tridentes - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Artemis, Bianca di Angelo, Clarisse La Rue, Dionísio, Hades, Leo Valdez, Nico di Angelo, Personagens Originais, Piper McLean, Quíron
Visualizações 18
Palavras 692
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 20 - Eram 3


Fanfic / Fanfiction Dama do Mar-A ladra de tridentes - Capítulo 20 - Eram 3

Aurora narrando...

Enterramos ele ao lado de Piper, e agora tá somente os 3 originais, eu já não tenho lágrimas, e agora estamos pilotando novamente em silencio pela ilha a procura daquela merda de tridente, e sim roubamos motos novas, e eu dei uma surra em dois homens que ia estuprar uma garotinha

-Ali- diz Bianca apontando pra uma caverna, eu e Leo assentimos e com cuidado e silencio deixamos a moto e vamos até a caverna, na sua frente tem 2 monstros como guarda e eu olho pra Bianca e ela assente entendendo, vamos por trás e eu corto a garganta de um e Bianca quebra o pescoço de outro

-Boa- diz Leo e nos duas fazemos um toque simples de mão, adentramos a caverna e quando mais vamos adentrando as paredes que antes eram pretas ficavam azuis, um azul misturado com verde, lindo

-QUE BOM QUE VINHERAM VER O SHOW SEMI-DEUSES- grita uma voz grave e então quando chegamos no fim da caverna um homem alto, de olhos azuis, lindo estava amarrado em fortes correntes de fogo, e pera esses olhos são iguais aos meus?- Reconheceu que lindo, esse é seu papai

Quando ele fala isso arregalo os olhos e ele também eu o olho nos olhos pela primeira vez e sinto que estou corada e a Bianca estala os dedos na minha frente

-Se concentre, olha ali o tridente- ela diz baixo e aponta pra um tipo de pedra onde o tridente tá preso

-Não consigo tira-lo dai, mas você vai- a voz volta a falar e então das sombras sai um homem moreno, alto, forte que me olha com um sorriso de deboche e eu claro lhe mandei um belo par de olhos com muito sarcasmos e abri um sorriso debochado

-Acha mesmo que eu vou tirar o tridente dai?- eu pergunto sarcástica e vejo que Leo sempre lentamente e nas sombras se aproxima de onde meu pa-Poseidon tá

-Você é a única além de Poseidon que pode tirar ele dai, nem o seu filho mais velhos e herdeiro do trono conseguiu- ele diz e me surpreendo um pouco

-Por que eu?- eu pergunto lhe olhando nos olhos e ele se aproxima, Bianca ia pra frente, mas a parei com o braço- A conversa é entre nos dois

-Bom, até agora somente você tem o mesmo poder que ele, controlar a água, mas o que me surpreendeu foi você saber usa-la porque até pouco tempo não sabia nem que era filha dele, e agora doma a água como se fosse treinada dês de pequena- ele diz e passa os seus dedos levemente pela minha bochecha, me fazendo corar e me arrepiar- O que foi pequena?

-N-nada so não encosta em mim- eu digo me separando dele e olhando pro tridente-Se eu pegar aquela merda você deixa eles irem sem se machucar?- eu pergunto e ele assente- Diga com palavras

-Eu, Platão juro solenemente- ele diz e um raio é ouvido, afirmando sua promessa

-Por que quer o tridente?- eu o pergunto caminhando até a pedra

-AURORA, FILHA PARA- grita Poseidon e por um momento paro, mas volto a andar até o tridente

-Se eu não te dar o tridente o que você vai fazer?- eu pergunto ainda olhando o tridente

-Eu os mato na sua frente, aqui e agora- ele diz e toco no tridente, fecho os olhos e respiro fundo -Leo agora

Eu falei baixo, mas ele escuto, pois liberou as algemas de Poseidon e Bianca começou a lutar com ele, mas tava apanhando feio, então olho o tridente e o tiro da pedra, sinto uma energia possuir meu corpo e ele ficar mais forte, então rapidamente eu corro até a luta e ele saca uma espada, lutamos eu com o tridente e ele com a espada, até ele se descuidar e e então o lanço contra a parede e jogo aquelas bolhas de agua acida, me viro, o que foi meu maior erro e sinto um pequeno impacto contra meu corpo me viro e vejo que Bianca levou uma facada no coração por mim

-NÃO, BIANCA- eu grito e depois vejo tudo vermelho, modo psicopata ativado


Notas Finais


Mano, não me matem!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...