1. Spirit Fanfics >
  2. Dança comigo? >
  3. "Here with me, it's always home"

História Dança comigo? - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - "Here with me, it's always home"


Fanfic / Fanfiction Dança comigo? - Capítulo 10 - "Here with me, it's always home"

Alice on

Desci as escadas passando a mão pelo corrimão. Cada detalhe da casa é lindo, todos os objetos de decoração são impecáveis e tudo é muito limpo. Olhei os quadros em cima da estante e havia muitas fotos de Noah sozinho em paisagens lindas, fotos com amigos em festas e poucas fotos com a família. Sentei no sofá e peguei meu celular para falar com Shawn. Trocamos algumas mensagens e logo ouvi a porta do banheiro abrir. Josh provavelmente levou Noah para algum quarto lá em cima e logo desceu as escadas.

- E ai, ta tudo bem? – perguntei me ajeitando no sofá dando um espaço para Josh se sentar ao meu lado.

- Sim, agora sim... – ele se sentou e passou as mãos no cabelo.

- E então, quem é Sina? – perguntei lembrando de Noah ter citado esse nome antes de começar a chorar.

- É a menina por quem ele é apaixonado. Ele não consegue confessar pra ela e então quando ela fica com outros caras ele praticamente entra em depressão. Mas nunca bebeu como hoje.

- Mas como ela vai saber que ele é apaixonado se ele não contar? Não é culpa dela...

- Já tentei falar isso pra ele... Talvez amanhã você possa tentar conversar, ele precisa escutar de outra pessoa que não seja eu.

Concordei com a cabeça e percebi seu olhar de preocupação.

- Tem mais alguma coisa? – perguntei tentando entender a situação.

- Eu não o vejo assim faz tempo... A última vez que o vi tão pra baixo foi quando os pais se divorciaram. O pai dele foi morar com outra mulher, sua mãe escolheu morar sozinha em um apartamento por não querer viver na mesma casa e agora mora aqui sozinho aqui com a irmã mais velha...

- Uou... – fiquei sem palavras tentando processar tudo que ouvi – Deve ter sido difícil superar isso.

- Foi uma fase terrível, eu dormia aqui quase todas as noites... Mas enfim ele melhorou e deixou essa história de lado. Agora vê-lo desse jeito acabou comigo.

Era perceptível que Josh estava bem abalado. Me sentei mais próxima e lhe dei um abraço fazendo carinho em suas costas. Ele retribuiu o abraço e me deu um beijo na bochecha.

- E agora, o que fazemos? - perguntei olhando em seu rosto.

- Noah tem que descansar e acho que não está em condições de ficar sozinho... Tenho um convite pra te fazer – Josh disse juntando as mãos como se tivesse um plano.

- Ai ai ai, diga Josh – falei sorrindo já percebendo suas intenções.

- Temos essa casa enorme só para nós dois já que Noah está inconsciente por enquanto, e sua irmã não está em casa...

- Continue – disse mordendo os lábios.

- Se você continuar mordendo essa boca não vou conseguir me concentrar... – Josh falou se aproximando de mim para um beijo mas coloquei minha mão na frente tampando sua boca.

- Fala logo! – falei entre risos.

- Ok – ele voltou para trás, respirou e continuou falando – Não sei se você reparou mas tem uma piscina e um ofurô lá fora... Sempre tem comida na geladeira e tem essa TV gigantesca aqui na sala dando bobeira. O que você me diz?

- Não estaríamos sendo muito folgados usufruindo disso tudo enquanto Noah está “morto”?

- Claro que não. Primeiro porque nós o ajudamos a não morrer, e segundo porque eu tenho essa liberdade aqui. Frequento essa casa desde que era criança... Por favor, diz que sim! – Josh disse fazendo um biquinho lindo enquanto suas mãos estavam juntas como se estivesse rezando.

- Mas eu nem trouxe roupa...

- Qual a parte do “ele tem uma irmã” você não entendeu? Qual é, to achando que o problema é minha companhia – cruzou os braços e virou o rosto.

- Tudo bem, eu topo, mas só se você fizer pipoca para assistirmos filme mais tarde! – Falei descruzando seus braços e pulando em seu colo para acabar com a sua marra.

- Fechado! – disse sorrindo de orelha a orelha enquanto me agarrou pela cintura e me deu um beijo no canto da boca que me fez arrepiar até a alma.

Josh se levantou ainda comigo em seu colo, grudei minhas pernas ao redor do seu quadril e os braços em volta de seu pescoço. Assim nós fomos até a cozinha e o som das nossas risadas ecoavam pela casa. A cozinha era enorme e totalmente equipada, se quebrássemos alguma coisa teríamos que vender um órgão para pagar. Josh me colocou em cima da pia e depositou um beijo em meu pescoço antes de sair e abrir a geladeira. É aquela geladeira de três portas e tudo que você imaginar tinha ali. Josh pegou refrigerante e colocou em dois copos com gelo. Me deu um copo e me deu a mão para descer da pia. 

A porta que dá acesso aos fundos fica na cozinha, saímos e dessa vez pude reparar melhor no ambiente pois não tinha uma pessoa desmaiada no chão. Havia grama sintética na parte aberta, uma piscina de tamanho médio com luzes coloridas e um ofurô com fumaça saindo de tão quentinha que a água estava. Ao observar tudo aquilo um pequeno detalhe veio em minha mente.

- Espera ai... Como vou entrar na piscina? – falei parando no meio do caminho lembrando que não tinha roupa de banho.

- Desse jeito – Josh falou colocando seu copo em uma mesinha.

Tirou sua camiseta e jogou no chão junto com sua calça e seu tênis, ficando apenas com sua cueca box preta. Achei que Josh não poderia ficar mais bonito, estava enganada. Ele pegou distância e pulou na piscina fazendo a água espirrar um pouco em mim.

- Entendeu? Agora é sua vez – Falou jogando o cabelo para trás com as mãos.

Fiquei o encarando e pensando que não tinha a mesma coragem que ele... Porém, o que eu tinha a perder? Não sou uma pessoa segura de si, mas Josh me faz sentir muito confortável. Coloquei o copo na mesinha e sentei para tirar meu tênis. Levantei e com calma tirei minha blusa ficando só de sutiã. Pude perceber os olhos de Josh me queimando enquanto mordia seu lábio inferior.

- Fecha os olhos – Falei com as mãos no shorts pronta para tirar.

- Ahhh qual é, Alice! – Josh falou batendo as mãos na água.

- Sim, fecha agora!

Josh colocou as mãos nos olhos e então tirei os shorts ficando de calcinha. Com sorte estava usando lingeries novas. Quando olhei ele estava com uma pequena abertura nas mãos dando para me ver e tinha um sorriso malicioso em seus lábios. Não acreditei que ele havia trapaceado e então corri para pular na piscina. Mergulhei e quando saí nos encontramos ficando de frente um para o outro. Josh segurou minha cintura e eu coloquei os braços ao redor de seu pescoço. As luzes coloridas refletiam em seus olhos, as estrelas estavam brilhando em cima de nós e a noite estava simplesmente perfeita.

- Você me deixa louco, Alice. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...