1. Spirit Fanfics >
  2. Dance Love >
  3. Remedy

História Dance Love - Capítulo 17


Escrita por:


Notas do Autor


Amores.
Primeiramente peço desculpas pela demora hihi, na verdade eu passei meio que um sufoco ultimamente e não estava nada boa para postar ou ficar atualizando as fic's, agora estou um pouco melhor mas ainda é capaz de eu demorar mais um pouquinho.
Tem outras fic's postadas em meu perfil, tanto as que tem continuidade como as one-shot e se tiverem interesse podem dar uma lida basica u.u
Esse capítulo foi o mais curtinho que fiz pq não queria estragar como fiz com o ultimo q escrevi hihi....
Dedico uma partezinha boa dele a @Mariaryaa ... hihi desejo muito que estejam gostando szsz
Vejo vocês no próximo cap e muito muito muito muitooooo obrigada pelos comentários e os favoritos, amo muitissimo vocês meus bebês! sz

Capítulo 17 - Remedy


Fanfic / Fanfiction Dance Love - Capítulo 17 - Remedy

Sentiu o vazio da cama assim que abriu os olhos, deu uma olhada pelo quarto percebendo estar ainda junto com o loiro, tateou o lugar vazio ao seu lado se levantando.

As costas ainda doíam pelas batidas da noite anterior, o rosto ainda estava machucado com o canto da bochecha levemente inchada, abriu a porta e seguiu descendo as escadas ouvindo as vozes na cozinha.

Se encostou no batente da porta vendo os quatro na mesa tomando o café.

- Ohayo Sasuke-kun – viu a ruiva o encarando – Sente-se aqui, o café está pronto.

- Sasuke, a Sarada está bem? – Boruto perguntou enquanto o moreno se colocava sentando ao seu lado – Queria vê-la.

- Ela está com Itachi, ainda não a vi – ele colocou os pratos na pia puxando a mochila –

- Ok, vou ver se a encontro depois – ele terminou de se arrumar na frente do espelho e deu um beijo em sua mãe – Estou indo a escola, beijos.

- Tchau filho – Minato apenas gritou terminando de digitar algumas coisas em seu notebook – Ei Sasuke, você tem alguma aula importante agora?

- Não – ele disse virando a xícara com o café e tomando, olhou ao loiro que ajudava a mãe na pia – Na verdade acho que nem vou hoje na aula, estou com o rosto bem ruim e não quero tanto comentário em cima de mim.

- Preciso que vá comigo na sua empresa – ele disse encarando o moreno – Falei com seu pai ontem.

- Minato – o moreno reclamou chamando a atenção dos outros dois na cozinha – Não era para você ir para lá, eu consigo lidar com o meu pai depois com o tempo. E o Itachi não estava em casa e nem com ele ...

- Foi eu e o Itachi ontem, Sarada ficou com Shisui enquanto estávamos lá – ele voltou a mexer no computador o fechando – A propósito preciso mesmo que vá hoje, pra assinar como dono.

- Que? – ele o encarou de volta – Como é a história aí?

- Eu fui dar uma conversa séria com seu pai Sasuke – ele se levantou até a bolsa tirando outros papéis – Como pode ver, você conseguiu esconder por um bom tempo as pisadas na bola do seu pai e o bom é que nossos sócios não sabem de nada e não quero que saibam. Nessa última semana, sua mãe conseguiu quitar o restante da dívida e agora a empresa está com suas ações e seu valor no verde, então não temos mais problemas com o negativo disso. Pelo menos esse ano, até você se formar consegue dar conta disso não é?

- Sabe que não quero assumir isso – o moreno abaixou a cabeça mexendo em seus fios do cabelo – Não quero nada que venha do meu pai.

- Não é só dele Sasuke, é da sua mãe também. Não se esqueça disso – ele suspirou fundo e segurou na mão do moreno – Entende, vocês não foram a falência assim porque sua mãe, eu, seu irmão e você não deixamos os outros saberem da falta de responsabilidade do seu pai. Então acho que essa é a melhor saída e não por causa do nome, mas sim pela sua mãe.

- É muita coisa pra se pensar – ele sussurrou – não sei se quero isso.

- Fazemos o seguinte, seu irmão e eu vamos a empresa hoje começar a mexer em algumas coisas como na reforma e na vistoria do prédio, você pode pensar nisso até semana que vem – ele se levantou vestindo o terno – Conversa com Itachi e depois me avisa o que acha, por enquanto alguns dias pode ficar aqui também, quando o seu pai for embora pode voltar pra sua casa.

- Ele vai embora? – o moreno voltou a encarar o loiro mais velho e ele sorriu – Você é louco.

- Eu disse que seu pai era uma pessoa difícil de se lidar, mas quando ele precisou de um balde de água gelada pra acordar pra vida sempre foi eu que fiz isso. Então relaxa que isso logo acaba ok? – ele deu um beijo em Kushina, Naruto e fez o mesmo com o moreno – Não se preocupe Sasuke, a maioria das coisas resolvemos com o tempo.

Sentiu o abraço do loiro assim como o queixo encostado no topo de sua cabeça. O coração estava tão turbilhado que nem mesmo imaginava que seria tão possível ficar assim e querer chorar mais ainda do que fez na noite anterior.

Ouviu Kushina se despedir dizendo estar saindo ao trabalho e ouviu a casa ficar em silêncio novamente. As mãos desciam em massagem pelo ombro e costas do moreno em sua frente enquanto cantarolava alguma melodia calma e divertida. Sua mão encostou na do loiro em seu ombro e percebeu ele virar o rosto levemente o encarando.

- Obrigado Dobe – ele sorriu fraco – De verdade.

- Já disse seu tolo – ele riu baixinho se soltando e indo em sua frente sentando em seu colo – Não ando fazendo nada demais, só posso ajudar de poucas formas com tudo isso.

O moreno abraçou a cintura do outro em seu colo, seus olhos azuis o encaravam acompanhando todo o desenho do rosto do outro e Naruto sabia o quanto era apaixonado por aquele homem em sua frente. O carinho feito nos fios pretos trazia uma certa quietude para o moreno e, era o que ele mais precisava durante aqueles próximos dias.

Se lembrou da competição do loiro em algumas horas, sabia que o mesmo estaria um tanto nervoso e ansioso, mas como de costume ele não demonstrava isso tão fácil então ele sabia que só perguntar se ele estava bem iria piorar um pouco mais.

- Precisa se arrumar não é – ele disse roçando o polegar nas bochechas esbranquiçadas do outro em seu colo – Eu irei pegar um moletom seu emprestado, minhas roupas ficaram em casa.

- Pode pegar o que quiser – ele sorriu puxando a nuca do moreno selando ambos os lábios em um beijo, terminou dando selinhos e se afastando sorrindo – Vou pegar as roupas e aí podemos ir indo ao colégio.

O moreno concordou o acompanhando, não que fosse ficar tão preocupado com algo mas se Naruto não havia perdido todos esses anos ele não iria perder agora ... mesmo sabendo que a mente do outro estava viajando por aí.

Se trocou rápido vendo o loiro ajeitar sua mochila com as roupas de nado, virou a cabeça olhando a cama quando reparou em uma folha com algumas anotações, curioso puxou a mesma e a abriu.

- Mas que ... – ele leu linha por linha e quando voltou a olhar ao loiro percebeu que o mesmo o encarava sem reação – Naruto o que é isso?

- Não mexa nas minhas coisas assim – ele foi puxar a receita mas o moreno a jogou na cama – Que merda Sasuke.

- Você foi liberado para nadar? – ele o encarou sério o vendo desviar o olhar voltando a mochila – Naruto, não pode simplesmente passar por cima dos medicamentos e nem nada você acabou de começar a tomar isso e ...

- Eu sei ok? Não preciso de sermão no meu ouvido – ele suspirou fundo fechando os olhos apertando mais a alça da mochila – Eu pedi pra não me afastar, eu consigo fazer isso tá?

- Naruto, você pode simplesmente ter uma crise no meio da competição e ... – foi mais uma vez cortado com o loiro em sua frente que tombou a cabeça pro lado e sorriu levemente – Mas que merda você ... – sussurrou vendo-o se aproximar mais um pouco e deixar um beijo nele –

- Eu não vou perder e nem vai acontecer nada – ele sussurrou baixinho contra o rosto do moreno – Eu já lido com isso faz anos então para mim é normal.

- Seu treinador sabe? – ele o encarou e viu o loiro ir á cômoda pegar a chave do carro –

- Vamos, se demorar mais um pouco não consigo me banhar e aparecer na lista de chamada dos competidores.

O moreno bufou irritado vestindo o gorro e descendo as escadas, ele odiava quando o loiro fazia aquelas coisas e até não dando nada errado ele ainda se preocupava. Naruto sempre foi um desajuizado que nunca se preocupou consigo mesmo e batia o pé dizendo que ninguém precisava saber dos seus problemas de saúde ou pessoais porque isso apenas dizia respeito a ele mesmo.

De certa forma Sasuke não discordava, mas não queria correr o risco de perder mais alguém. Não ele.

Olhou ao loiro que sorria cantando e dirigia animado ao colégio, sorriu com aquilo porque ele sabia que indiferente de qualquer situação que viesse ele continuaria correndo atrás.

Entraram no estacionamento do colégio e percebeu os amigos os esperando perto da entrada, saíram ambos do carro e foram em direção ao grupo.

- Ei gente – Naruto disse pulando em Iwabe – Eu preciso ir que me atrasei e vejo vocês lá na quadra – ele deu um selinho no moreno e saiu correndo pelos corredores –

- Mas o que eu perdi disso tudo? – Neji disse rindo olhando ao moreno e voltando a encarar o loiro correndo – Como assim?

- Também quero entender – Sakura riu mas logo colocou a mão no rosto do moreno – Seu pai?

- Sim – ele murmurou baixo e desviou o olhar aos meninos – Não é nada, o Naruto só faz muito sem pensar – ele jogou a mão em sua nuca rindo baixo – Acho que precisamos ir logo a quadra.

- Vocês tratem de explicar melhor essa história – Ino disse abraçando Neji pelo pescoço – Porque é algo extremamente novo isso estar acontecendo!

Sasuke ficou para trás sorrindo com a cabeça baixa com aquilo quando sentiu o cotovelo da rosada encostando em seu braço com ela rindo. Ele sabia que agora ouviria as zueras de todos os outros por um bom momento.

Chegaram a arquibancada vendo outras muitas pessoas se aglomerando pelo lugar e pode reparar que a maioria não era daquele colégio – eram dos outros que participavam da competição – viu o treinador do Naruto encostado em uma das bases que os alunos usavam para impulsar o salto para o nado então julgou já ser próximo da competição.

Sentou ao lado da rosada e de Iwabe que seguiam falando de outras mil e uma coisas com os outros meninos, mas a sua atenção estava toda vidrada na piscina abaixo e ele queria muito ver o loiro nadando e fazendo uma das coisas que ele mais adorava.

Apoiou os braços na cadeira a frente jogando o queixo se apoiando neles e ficou vendo os competidores entrando na quadra. Seu coração esquentou um tanto sentindo um choque percorrendo seu corpo inteiro ... era a primeira vez que iria ver o seu amado competindo podendo encontrar ele na plateia vendo-o ganhar.

Sorriu bobo com isso, como esteve tanto tempo enrolando com os sentimentos? Sabia muito bem que era apaixonado pelo amigo de infância, sabia que era apaixonado pelo sorriso, pelos toques, pelo abraço, pelas risadas e principalmente pela forma como o loiro o abraçava.

Nada mudou. Nenhuma daquelas coisas, nada do que sentia por estar próximo dele mudou nesses anos e isso era algo a fazer ele sentir medo e paz.

Sasuke via o corpo do loiro se mover na água, correndo contra seus adversários e o tempo e maldito fosse Naruto por ser tão marrento e orgulhoso e não fazer as coisas da maneira certa.

Ele sabia que o loiro não podia competir. Entendia que a qualquer momento uma crise poderia bater e o pior aconteceria ... ele aprendeu a lidar com as perdas em sua vida, mas a verdade é que não ter mais uma pessoa que ele ama ao seu lado era algo que só terminaria de afundá-lo mais e mais.

Sentiu os olhos encherem de lágrimas de novo. Sua mente já estava desgastada, seu coração não só batia pelo sentimento com o outro mas também pelo que estava sofrendo e Sasuke só queria voltar a sentir um pouco de paz novamente.

Naruto.

Ele pôde ver o loiro sendo o primeiro a chegar na borda da quadra novamente, respirou aliviado e pesado por ter dado certo a primeira etapa.

Assim que o loiro subiu de volta pegando sua toalha voltou a encarar os outros perdendo o olhar em seu moreno. Ele sorriu como sempre fazia e Sasuke pode pelo menos naquele momento relaxar mesmo tendo um turbilhão de coisas a se pensar.


Notas Finais


Serial Killer [Sasusaku] - https://www.spiritfanfiction.com/historia/serial-killer-18666573

Maybe I'm In Love With You [LawLu - One Piece] - https://www.spiritfanfiction.com/historia/maybe-im-in-love-with-you-18599407

Caso tenham interesse hihi, beijinhos e espero que estejam mesmo gostando da fic amores sz


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...