História Dancing On My Own - Capítulo 1


Escrita por: e otpflopsproject

Postado
Categorias EXO
Personagens Lay, Sehun
Tags Angst, Depressão, Exo, Lay, Sehun, Sexing
Visualizações 24
Palavras 610
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), LGBT, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi meus bbs... turu bom? Bom vamos lá...
Tive esse plot hoje na aula cantando Dancing On My Own do Calum Scott.
Espero que vocês gostem e até as notas finais.
Amo vocês.
Ps.: escrevi novamente a parte antes da carta, então se você leu antes, leia de novo haha

Capítulo 1 - I'ii Keep Dancing On My Own


Oh Sehun era um dançarino extremamente famoso que fazia dupla com seu noivo, Zhang Yixing. Eles estavam de casamento marcado, planos para adotar uma menininha e suas carreiras apenas cresciam. Ambos estavam vivendo uma vida perfeita juntos, até que um trágico acidente acontece.

Sehun e Yixing estavam viajando de carro à trabalho, quando um caminhão tenta ultrapassar o carro à sua frente e bate de frente com o carro do casal. Yixing estava no banco da frente junto ao motorista e Sehun dormia no de trás quando tudo aconteceu.

Com isso, Yixing acabou morrendo no local do acidente, junto ao motorista, e Sehun ficou gravemente machucado, não só fisicamente, mas psicologicamente também. Oh amava muito seu noivo e seu motorista já havia se tornado amigo do casal, então a perda foi muito grande para o dançarino.

Após tal tragédia, Oh perdeu toda a sua vontade de viver e se tornou uma pessoa completamente depressiva. A única coisa que Sehun não havia deixado de fazer, era dançar. Aquilo o conectava com Zhang de uma forma incrível e o mais alto sempre se sentia melhor com aquilo, pois era a única coisa que o mantinha vivo.

Oh também começou a se confortar na escrita após tal perda. Sempre que o mesmo sentia falta de Yixing, escrevia-lhe uma carta contando tudo o que sentia, e em um dia ele decidiu publicar um dessas cartas. Sehun iria publicar porque queria mostrar ao mundo o quão lindo, puro e infinito o amor que os dois compartilhavam era.

 

“Olá meu amor, como você está aí em cima? Espero que bem. Estão cuidando direitinho de ti, certo?

Eu vim aqui hoje para dizer que estou com saudades de ti.

Sabe Xing, eu sinto muita falta das nossas conversas sem noção no meio da madrugada, de como riamos quando um de nós dois errava algum passo de dança, de como nos abraçavamos e beijavamos no chão frio daquela sala quente de dança, de como você me acordava todos os dias com vários beijinhos distribuídos por todo o meu rosto e várias outras coisas que alegravam nossos dias.

Eu fico me perguntando, como a nossa felicidade pode ser tão curta e passageira? Em um dia nós estávamos juntos, e no outro, você não estava mais aqui.

Tenho consciência de que nós aproveitamos tudo do melhor jeito que podíamos e não me sinto tão mal graças a isso. Sinto que se nós tivéssemos feito menos juntos, eu estaria pior agora, mas estou realizado com o que nós construímos.

Sabe, meu amor, eu pensei em parar de dançar, mas não o fiz, pois a dança me conecta a você, assim me sinto mais próximo de ti. Muitas pessoas acham que, por termos ficado mais famosos após a sua morte, que eu continuo fazendo isso, mas eu realmente não me importo com a fama e o dinheiro, só me importo em estar sempre conectado a ti, independente de onde for. Sei que sempre estará comigo nos palcos, por isso não desisti da dança.

Aquele acidente não acabou apenas com sua vida, meu anjo, ele também acabou com minha vontade de viver. Desde aquele dia eu ando fazendo tratamento psiquiátrico, mas nada adianta. Eu estou morrendo aos poucos, amor. Espere por mim aí, ok? Pois agora eu continuarei dançando sozinho, mas daqui alguns dias, ou semanas, estarei dançando nos céus junto a ti.

Bom, é isso, meu amor.

 

Com todo amor que me despeço,

Oh Sehun.”

 

Depois de Sehun publicar essa carta, ele volta para sua cama e chora, como fazia todos os dias. Sehun não aguentava mais sentir aquela dor, mas continuava lutando, pois sabia que seria aquilo que Yixing iria desejar.


Notas Finais


E ai, o que acharam? Gostaram? Espero que sim.
Bom, não me responsabilizo por choros alheios, viu?
Foi isso meus bbs, espero que tenham gostado e até a próxima fic. Beijos da tia Brenda ^^

Ps.: gogo dar amor ao @otpflopsproject
Ps.2: amo vocês <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...