História Danganronpa - The New Game - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Danganronpa, Danganronpa The Animation
Personagens Junko Enoshima, Monokuma, Personagens Originais
Tags Danganronpa, Drama, Interativa, Jogo De Sobrevivência, Mistério, Romance, Suspense
Visualizações 29
Palavras 2.874
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura!

Capítulo 14 - Capítulo 3 - Parte 2 - Coragem


Fanfic / Fanfiction Danganronpa - The New Game - Capítulo 14 - Capítulo 3 - Parte 2 - Coragem

HOPE SPEAK ACADEMY – DIA 7

Eu fui a última a chegar na cantina, Toiguchi e “M” ainda estavam amarrados lá.

Takaki também estava na cantina, ele parecia ter melhorado um pouco...

Depois de todos terminarem de comer. Nós ficamos um tempo parados. Descansando.

 

Yuki: Ei pessoal! Vocês querem ir na piscina?

Megumi: Ahh! Piscina! Eu tava com muita vontade de ir nela!

Sayumi: Acho que seria bom ir um pouco...

Yui: E-Eu gostaria...

Megumi: Isso! Vamos todo mundo! Não é Fuji?

Ishii: Ahm... perdão, mas nadar não é um dos meus fortes...

Megumi: Ah! Para de ser chato! Vamos lá!

Hina: Nakami-chan, você vai também!

Nakami: A-Ah... Mas...

Hina: Sem isso! Você tem que ir pra relaxar um pouco!

Nakami: A-Ah... Acho que não tenho escolha...

Yuki: Eba!

A Nakami não parecia estar tão séria como antes...

Eu acho que de alguma forma... Nós mudamos a Nakami...

Enquanto todo mundo estava de pé, Takaki estava sentado, com a cabeça pra baixo.

Hina: Takaki-kun!

Takaki: Ah?

Hina: Você tem que ir também!

Takaki: Eu acho que eu não...

Yuki: Vamos Takaki-san! Todos querem que você vá!

Takaki: Ah... Tudo bem...

Yuki: Isso! Vai ser demais!

Toiguchi: Ah, eu também queria ir, poderiam me desamarrar só pra isso?

Megumi: Então vamos lá!

Todos nós nos levantamos pra ir até o terceiro andar, até a piscina.

Toiguchi: Ei...

 

Depois de um tempinho, nós chegamos.

Haviam dez pessoas no total ali, sete mulheres e três homens.

Nós entramos em nossos respectivos vestiários e começamos a... nos trocar?

Hina: Ei... que roupa nós botamos pra nadar?

Yuki: Ah verdade, a gente não tem roupa pra nadar...

Sayumi: Agora que ela se deu conta disso?

Sora: Não precisamos botar roupa nenhuma, só vamos ficar de sutiã e calcinha que tá bom.

Nakami: Acho que é nossa única opção...

Nós começamos a tirar nossas roupas, mas por algum motivo Megumi e Yui apenas tiraram a parte de baixo.

Hina: O que aconteceu Megumi-san e Yui-san?

Megumi: Ah... E-Eu não me sinto confortável, não acham que é melhor nós pedirmos pro Monokuma roupas de banho?

Yui: S-Sim... E-Eu também prefiro...

Yuki: O que aconteceu?

Sora: Há... Entendi, vocês não podem tirar porque ainda não usam sutiã.

O vestiário todo fica quieto por um momento.

Megumi: T-TÁ BOM! QUAL É O PROBLEMA? A-A CULPA NÃO É MINHA.

A Megumi fala bem alto, acredito que no vestiário dos garotos dava pra ouvir também...

Yuki: Não entendi, qual o problema delas não usarem sutiã?

Megumi estava vermelha e brava, já Yui parecia que ia explodir em qualquer momento.

Hina: Inocente como sempre Yuki-chan...

Yuki: Huh?

Nakami: Vocês podem ficar com a camisa, acredito que não há problema.

Sora: Só que os garotos vão estranhar.

Sayumi: N-Ninguém aqui se importa com o que eles pensam.

Sora: Se você diz...

 

Nós saímos do vestiário e ao mesmo tempo os garotos saíram também.

Eles pareciam só ter tirado suas camisas.

Nashida: Uau...

Sora: Hã? Que foi? Vai tirar uma foto disso seu stalker pervertido?

Nashida: Desculpa se meu talento é algo tão terrível assim. – ele fala isso rapidamente e já se recolhe.

Yuki: Então vamos entrar na piscina!

A Yuki é a primeira a entrar.

Yuki: Vamos, venham!

Eu olho para o meu lado e vejo Sayumi roendo as unhas e bagunçando seu cabelo que sempre vive bagunçado.

Hina: Ahm... Sayumi-san?

Sayumi: O-O meu gato, A-Aiko a-adorava piscinas, p-principalmente no verão-

Hina: Sayumi-san...

Sayumi: O-O Aneko o-odiava tomar banho e quando ele e o Choco i-iam pra piscina eles-

Megumin: Yei!!! – Megumi empurra Sayumi que cai com tudo na piscina.

...

Sayumi: P-POR QUE VOCÊ FEZ ISSO???

Megumi: Nós estamos aqui pra se divertir! – Megumi também se joga na piscina.

Sayumi: S-Sai de perto.

Megumi: Vamos lá Sayumi-san!

Enquanto elas estavam falando, Sora acabou pulando bem alto na piscina. Fazendo espalhar água em todos que estavam ali.

Sayumi: E-Ei!

Sora: Hã? Que foi?

Hina: Ela não tem noção de nada...

Megumi: Ei Fuji! Vem nadar também!

Ishii: Agradeço pelo convite Megumi-dono, mas como eu já tinha dito, eu não gosto muito de nadar.

Megumi: Ah... larga de ser chato. É como uma aventura!

 

Takaki, Yui e Nashida tinham sentado perto da piscina. Megumi, Sora, Sayumi e Yuki estavam na água e eu, Nakami e Ishii estavam de pé perto de piscina.

Megumi ainda estava tentando convencer Ishii a entrar, enquanto isso, eu decido falar com Nakami.

Hina: Nakami-chan, você não vai entrar?

Nakami: Ah não... eu só... estou com um pouco de dor de cabeça.

Hina: Dor de cabeça?

Nakami: Sim, desde que acordei.

Hina: Tudo bem, não precisa se forçar a nada Nakami-chan.

Nakami: Sim...

 

Eu saio dali e vou pra perto do Takaki, ele não estava nada bem esses dias mas parece que está melhorando um pouco...

Hina: Takaki-kun.

Takaki: Ah, oi.

Hina: Posso me sentar?

Takaki: Como quiser.

Eu sento ao lado de Takaki pra tentar conversar com ele.

Hina: Takaki-kun, você...

Takaki: Hina-san, você acredita que pessoas possam mudar se quiserem?

Hina: Ah? S-Sim... é claro...

Takaki: Então... eu vou mudar...

Hina: Acho que você já mudou Takaki-kun.

Takaki: Hina-san, eu prometo, se houver uma próxima descoberta de corpo. Eu não vou fugir, de jeito nenhum.

Hina: Sim. Eu tenho certeza que você não fugirá.

...

Parece que já eu já tinha aceitado que terá uma próxima descoberta de corpo... por quê?

No final, a “festa” na piscina ocorreu tudo bem.

Nós passamos nossos Students ID pra ir pro vestiário e em seguida pra sair do vestiário.

 

Depois que saímos, resolvi ir pro meu quarto dormir.

...

Hoje não foi um mal dia...

...

Enquanto eu estava me preparando para dormir, eu ouço alguém batendo na minha porta.

Vou até lá e abro.

Era Nashida.

Nashida: Oi... posso entrar um pouco?

Hina: Ah, sim...

Ele entra no meu quarto, parecia que queria falar comigo um pouco.

Assim que ele entra, ele se apoia nas gavetas enquanto eu arrumava minha cama, ficando de costas para ele.

Nashida: Arrumando a cama agora Hina-san?

Hina: Ah sim, eu tinha me esquecido de arrumar ela quando levantei.

Ainda arrumando a cama, eu começo a falar.

Hina: Então, por que você veio aqui?

Nashida: Eu... só estava um pouco mal...

Nashida: Você não acha estranho ninguém falar nada sobre as mortes que aconteceram?

Hina: Huh?

Nashida: Só está... todo mundo seguindo em frente...

Hina: Nashida-kun...

Nashida: Está tudo tão... estranho...

Hina: Nashida-kun! – Eu termino de arrumar a cama e me viro pra ele rapidamente

Hina: Nós seguimos em frente porque nós temos coragem!

Nashida: Coragem...

Hina: Nós precisamos de coragem pra sobreviver aqui, por isso... nós criamos nossa própria coragem!

Nashida: Eu acho que entendi... Obrigado Hina-san.

Nashida para de se apoiar nas gavetas e vai em direção a porta.

Hina: Huh? Era só isso que você queria aqui?

Nashida: Sim, eu vou pensar bastante no que você disse...

Hina: Sim Nashida-kun, nós temos que seguir em frente.

Nashida: Sim, eu vou seguir em frente... mas acho que você precisa dizer isso ao Takaki-kun.

Hina: Takaki-kun...

Nashida: Até amanhã! – Ele sai do meu quarto

...

O Takaki parece ser o mais abalado de todos... Mas ele me prometeu que iria ser forte. Ele me prometeu que não iria mais fugir.

Ele vai ficar bem...

 

Eu logo dormi.

Foi bom descansar um pouco.

...

...

 

HOPE SPEAK ACADEMY – DIA 8

...

Eu levanto da cama e já ia indo pra cantina.

Porém, antes de eu ir pra cantina, eu percebo algo estranho.

Parecia ter uma espécie de tablet em cima dos meus armários. Estava pedindo pra eu começar o vídeo.

Eu cliquei na tela e logo o vídeo começou.

Era... a minha irmã mais nova?

Havia uma foto minha e dela na tela. Com uma música baixa no fundo.

Monokuma: Ah... o amor entre irmãs. Então... a pessoa que Sawade Hina mais ama é a sua irmã!

A voz dele começou no vídeo.

Depois de ficar um tempo parado na foto, o vídeo mudou para uma foto dela na tela.

Embaixo, estava um coração batendo.

E embaixo desse coração tinha um tempo.

“30:47:23”

O tempo estava descendo, parecia ser uma contagem regressiva para alguma coisa acontecer.

Monokuma: Então, então. Se o tempo chegar a zero e nenhuma morte tiver acontecido, a pessoa que está na foto morrerá!

Hã?

Monokuma: Boa sorte!

...

...

O quê?

O tempo no vídeo ia diminuindo...

E se chegar a zero...

A minha irmã vai...

Não, não posso me desesperar. É isso que o Monokuma quer.

Eu preciso falar pros outros disso.

Eu saio imediatamente e vou correndo pra cantina.

Assim que eu abro a porta, percebo que todos já estão lá.

Hina: Pessoal-

Nakami: Nós sabemos, é sobre o vídeo não é?

Hina: Ah... sim, vocês também viram?

Nakami: Sim, parece que cada um de nós recebeu um vídeo diferente.

Hina: Um vídeo diferente...

Yui: A-A pessoa que eu mais amo...

Megumi: Vai morrer?

Sayumi: E-Eu não aguento!!!

Sayumi começa a se mexer pro lado e pro outro enquanto bagunça mais ainda seu cabelo bagunçado.

Nakami: Ei, se acalme.

Sayumi: M-Mas o Nikki vai morrer!

Megumi: Um dos seus gatos?

Sayumi: E-Eu não vou aguentar viver sem qualquer um deles!

Yuki: Sayumi-san por favor se acalme! Deus está com seus gatos... Vai ficar tudo bem!

Takaki: M-Mesmo assim... é-é assustador pensar...

Nakami: Escutem, não tem jeito do Monokuma matarem as pessoas que vocês mais amam. Tudo bem ele matar alguém aqui dentro, mas é impossível ele conseguir ir matar uma pessoa de lá fora.

Ishii: Tem razão.

Nashida: Isso é verdade, não podemos ficar desesperados por algo assim!

Sora: Cale a boca stalker pervertido.

Nashida: Peço desculpas se meu talento é tão ridículo assim. – Ele fala isso rapidamente e senta-se em um canto

Megumi: Mas de qualquer forma, a Nakami-san está certa!

Sayumi: A-Acho que sim...

Toiguchi: Ei, do que vocês estão falando?

Megumi: Então... o que vamos fazer hoje?

Toiguchi: Por favor parem com isso...

Nakami: Por hoje só tentem se distraírem o máximo que puderem.

Sora: Cê que manda.

Nós tomamos o café da manhã e cada um foi pro seu lado.

 

Nakami: Ei.

Enquanto eu e Yuki estávamos saindo ela nos chamou.

Hina: Nakami-chan, o que aconteceu?

Nakami: Vocês... querem ir comigo a um lugar?

Yuki: Ah sério? Isso foi inesperado.

Nakami: Não é como...

Hina: Não, é claro que nós vamos Nakami-chan.

Nakami: Sério? Eu fico feliz em... – Ela vai falando cada vez mais baixo até não conseguirmos entender nada.

Hina: Ahm... Pode repetir?

Nakami: Não era nada demais...

Nós duas fomos seguindo ela até o lugar que ela queria... E era no primeiro andar... a porta de entrada?

Yuki: Ah é... A porta tá sempre aberta...

Hina: Mas não podemos sair...

Nakami: Eu gosto de vir aqui, isso me faz sempre ver como o mundo lá fora é...

Nakami: Mas... isso é apenas uma ilusão.

Hina: I-Ilusão?

Nakami: Sim, é um painel de ilusão.

Yuki: Painel de ilusão... acho que já ouvi falar...

Nakami: É algo que foi criado há uns anos atrás.

Nakami: Isso é apenas um painel transparente que mostra algo que a pessoa que botou quer. Perceberam que não passa um sequer carro ou pessoa?

Hina: Ah... Sim...

Nakami: Acredito que o que está do outro lado é apenas uma parede que Monokuma botou. É por isso que a bola que eu joguei no primeiro dia aqui simplesmente explodiu no ar.

Yuki: Ahhh, é muita informação...

Hina: Tudo o que você diz faz total sentido Nakami-chan.

Nakami: M-Mas, é apenas uma hipótese.

Hina: Ah... Não sei o que faríamos sem você aqui Nakami-chan.

Nakami: Ei...

Nós ficamos ali o tempo todo vendo a porta. Por mais que o que estejamos vendo seja apenas algo falso.

Até que já ficou de noite...

Yuki: Então... Eu vou pro meu quarto!

Hina: Sim, nós duas já estamos indo também.

Yuki: Ok, até mais Hina-chan! Nakami-chan!

Hina: Se cuida...

 

Depois de um tempo, eu levantei e resolvi ir pro meu quarto.

Hina: Eu estou indo Nakami-chan.

Nakami: Tudo bem, eu já vou ir pro meu quarto também.

Hina: Tá bom, até mais!

Nakami: Ah...

Hina: Huh?

Nakami: Tome cuidado pra não morrer... eu não quero perder você... – Ela fala a última parte bem baixinho, mas eu consigo ouvir

Hina: Sim! É claro! Você também.

Eu fui pro meu quarto.

Assim que eu cheguei, vi que não estava tão tarde...

Era 20:07.

O vídeo ainda estava em cima da mesa.

“19:23:41”

...

O tempo ainda estava diminuindo.

...

...

...

Tenho que me acalmar, não vai acontecer nada com a minha irmã...

Nada...

Eu olho na minha gaveta tentando me acalmar e vejo... aquela arma... “Memory Gun”...

Eu...

Eu não posso ter medo!

Todos estão lutando!

Todos estão dando seu máximo pra se manterem aqui...

Eu me lembro deles...

Takaki, mesmo sendo psicologicamente fraco, ele está tentando seu máximo e melhorando. Ele me prometeu que não fugirá se houver uma próxima descoberta de corpo.

Sayumi, mesmo ela ficando mal a maior parte do tempo por ficar longe de seus gatos, ela continua fazendo o máximo que pode.

Nakami, ela continua sendo uma boa líder. Se importando conosco e nos guiando pro melhor caminho.

Yuki, sendo sempre positiva e mantendo a felicidade de todos acesa.

Não só eles, como todos os outros...

Nós estamos lutando pra permanecer vivos!

Nós vamos ganhar essa luta!

Porque nós temos coragem!

Eu pego a Memory Gun e saio do meu quarto.

Decido subir até o terceiro andar, pra ir até o auditório.

...

...

...

Perfeito, aqui é grande e calmo.

Ok, vamos lá.

Eu me sento, encosto minhas costas na parede e miro a arma pra minha cabeça.

E mesmo tremendo um pouco...

Eu puxo o gatilho!

...

...

...

...

...

...

...

...

...

Huh?

...

...

...

Nada aconteceu?

Não... Parece que eu apaguei por um momento...

Mas eu não me lembrei de nada.

Eu não tinha nenhuma memória perdida afinal? Ah... é claro que não. Do que eu estava com medo?

O quê? Já se passaram duas horas? Eu nem tinha visto o tempo passar tão rápido!

Eu já vou andando rápido pro meu quarto.

Chego lá, deito na minha cama e durmo rapidamente.

Eu estou aliviada...

Eu estou...

Me preocupando demais...

Com as coisas...

...

...

...

...

...

 

HOPE SPEAK ACADEMY – DIA 9

Eu acordei bem mais cedo hoje. Eram 07:40.

Eu já vou direto a cantina.

E só haviam três pessoas lá.

Yuki, Yui e Megumi.

Yuki: Ah bom dia Hina-chan.

Hina: Bom dia gente.

Megumi: Ah... acordei cedo demais...

Hina: Bom, não é tão cedo assim...

Yui: A-Acho que se considerar que não temos despertador...

Yuki: Uau...

Yui: H-Huh?

Yuki: Acho que nunca tinha te visto falar algo tão grande Yui-san.

Yui: A-A-A-A... – Fala ela vermelha de envergonhada.

Hina: Acho que deu algum erro nela.

Megumi: Mas acordar cedo parece algo que uma aventureira faria, certo? – Diz com um grande sorriso no rosto

Yuki: Ei, vamos aproveitar que tem pouca gente e ir na piscina!

Megumi: Ah boa ideia!

Yuki: Ok! Vamos lá!!!

Hina: Ei...

 

Nós quatro fomos até o terceiro andar... algumas pessoas querendo mais que outras.

Passamos o Student ID na primeira porta pra entrar no vestiário. Lá nós nem tiramos nossas roupas. Só queríamos passar logo pra piscina.

Eu passo o meu Student ID na porta pra piscina e... da um barulho diferente?

Sempre quando eu passava o Student ID na porta da um barulho que mostra que destravou... mas agora...

Eu tento abrir a porta e ela não abre.

Yuki: O que aconteceu?

Eu tento passar o Student ID novamente e acontece a mesma coisa.

Hina: Não tá abrindo.

Yui: Ah... A-Ainda não abriu a piscina...

Hina: Ah! É verdade, a piscina só abre as 08:00...

Megumi: Então o que fazemos?

Hina: Nós podemos esperar, falta pouco tempo até as 08:00.

Yuki: Isso! Vamos esperar.

...

...

...

...

...

Nós ficamos vários minutos esperando lá.

Até nós vermos no relógio de parede e já ser 08:02.

Eu vou até a porta passar o meu Student ID pra abrir ela.

Mas...

Antes de eu pegar meu Student ID... Eu ouço um barulho de uma porta se destrancando.

Elas que estavam comigo pareciam ter ouvido também.

Eu tento abrir a porta e não consigo...

...

Se eu ouvi o barulho de uma porta sendo destravada...

Significa que foi do outro lado.

Hina: Parece que alguém destravou uma porta do vestiário dos garotos.

Yuki: Ah! Então quer dizer que um deles já tá acordado? Ainda bem, mais gente pra piscina!

...

...

Mas... eu não poderia parar de pensar no quão estranho era aquilo.

...

...

Depois de um tempo, ouço a outra porta sendo destravada.

Poderia ser um guri que estava entrando na piscina, ou saindo.

Mas era impossível estar saindo porque a piscina abriu agora...

Então tem mais alguém com nós...

...

...

Eu passo o meu Student ID na porta pra ir à piscina.

...

...

A mesma destrava.

...

...

...

E eu...

Abro a porta...

...

...

Quando eu abri a porta, nós quatro vimos...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

...

Ishikeru Takaki, o Super Duper Colegial Pescador, estava morto na piscina.

 

 

 


Notas Finais


Oi! Agradeço muito por ler!

Eu vou estar viajando pro meu aniversário daqui alguns dias e não vou poder escrever de lá.

Mas a próxima parte não vai demorar muito. Eu espero...

Enfim, até mais!

Capítulo 3 - Investigação - Parte 1 - Escrevendo... 10%


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...