1. Spirit Fanfics >
  2. Danger In Two >
  3. Chim?

História Danger In Two - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


OI
TCHAU
BOA LEITURA

Capítulo 10 - Chim?


 

Jimin acorda tranquilamente, como em um dia normal, senta na cama, ainda estava com os olhos fechados, porém se sente estranho, estava nu, Jimin abre os olhos rapidamente assustado, e olha em volta vendo Jungkook com seu rosto sereno dormindo

 

- Puta merda, é serio isso, eu transei com o Jungkook, não era sonho – Jimin dizia sussurrando, pensara que tivesse tido um sonho erótico com Jeon, mas não, realmente aconteceu e lembrava de cada misero detalhe, a partir da dor até o prazer

 

- Claro que não era sonho, até porque se fosse eu ia querer que se realizasse – Jimin levou um susto ouvindo a voz rouca de Jungkook, olhou pra ele e ele tinha um sorrisinho na cara, Jimin acho isso fofo – Eu achei estranho, pensei que você ia me rejeitar ou pedir pra eu parar, como das últimas vezes – Isso era verdade, porém Jimin só se deixou se levar no fluxo pra saber de uma coisa

 

- Hum… Isso aconteceu porque, eu, me assumi gay a pouco tempo, e queria ter certeza – Jeon faz uma cara de indignado, e se senta na cama

 

- Você só transou comigo pra ter certeza que era gay? - Jimin confirma – Ta de zúera né? - Jimin nega – Não rolou nem um pouco de atração? - Nessa hora sua voz já estava mais maliciosa, o rosto de Jeon estava chegando mais perto do rosto de Jimin, Park não se movia, lembrou da sensação da boca de Jeon, e não custava nada sentir mais uma vez, e quando sentiu a pele macia dos lábios de Jeon encostando no seu, ficou feliz, por mais que só tivesse sentindo poucas vezes, já ficava feliz, Jeon começou a aprofundar o beijo colocando sua mão na nuca de Jimin, fazendo um breve carinho que fez cocegas em Jimin, que o fez consequentemente rir durante o beijo, Jungkook gostou, principalmente por causa da vibração que causou, naquele momento o beijo não tinham malicia apenas um beijo puro, Jimin gostava mais desse tipo de beijo, o beijo inocente, beijo calmo, talvez um beijo de paixão, só talvez

 

Jeon se separou do beijo de Jimin, já estavam até sem folego, ficaram se olhando por um tempo

 

- Eu vou descer pra comer, você deveria fazer o mesmo – Fala se levantando da cama, ainda nu, e depois entrando em uma especie de closet, e depois saindo de lá com uma calça moletom e uma camisa branca simples, vai em direção a porta, mas para e fala – Tem uma roupa que eu deixei separado pra você, caso queria usar, tem uma mesinha, vai estar lá – Depois disso saiu do quarto, Jimin estava confuso consigo mesmo, o que estava sentindo? Não conseguia entender, porém uma coisa falou mais alto dentro de si, sua fome, se brincar Jimin tinha emagrecido uns seis quilos, de tanto dias que ficara sem comer. Como sua fome estava grande, sai das cobertas ainda nu, e caminha até onde havia a porta do closet, abre-a com a cuidado, logo avista a mesinha que Jeon havia citado, e em cima havia uma box no pacote lacrada e uma blusa igual a de Jeon, chegou mas perto e pegou a blusa que exalava o cheiro de Jungkook e a vestiu e a mesma ficou gigante em si pela diferença de seu tamanho com de Jungkook, depois colocou a box, porem se surpreende quando percebe uma coisa

 

- Ué, cade a calça, a não, ele não fez o que eu to pensando né? - Jimin falava sozinho, Jimin não queria acreditar que Jeon não havia deixado uma calça, mas depois parou pra pensar se havia sido proposital ou não, mas lembrou que sua calça de ontem provavelmente ainda estaria jogada em algum lugar, pelos menos achava, começa a procurar sua calça pelo quarto – Porra, porra cade essa merda? - E pra desgraça de Jimin, não consegue encontrar, começara a achar que Jeon fez isso propositalmente – Não não não, eu não vou descer sem calça – Sua barriga ronca – Mas que porra hein! Ta desisto – Jimin não queria, mas estava com fome e queria comer, vai em direção da porta do quarto e quando abre fala – Eu ainda mato você Jeon – Disse entredentes, nessa hora Jimin se lembra de uma pessoa que havia esquecido por causa desse dias conturbados, Taehyung, provavelmente estava arrancando cada fio de cabelo preocupado com o mesmo, não sabia quantos dias exatamente já estava nessa confusão, estava com saudade de Tae seu amigo, pediria pra Jeon se podia ligar pra Taehyung, começa a descer as escadas, lentamente, afim de não fazer barulho, quando a escada termina consegue ver a sala, Jeon não estava ali, mas começa a ouvir vozes do lado direito da sala viu que tinha uma entrada, percebe que a voz que ouvia era a voz de Jungkook, começa a seguir as vozes, e quando estava de frente da entrada viu que era uma cozinha, já consegue avistar Jeon sentado em uma cadeira que estava de frente a uma bancada de cozinha já vestido com um outro terno, quando Jungkook avista Jimin, pega um dos morangos que havia na bancada e come olhando para o Jimin e sorrindo ladino, depois o olha de cima a baixo, e seu sorriso fica ainda mais malicioso, Jimin apenas manda o dedo do meio

 

- Foi mal eu esqueci de te deixar uma calça – Disse ironico, Jimin se ligou na hora, não havia sido sem querer, mas agora não importava, porém começou a importa quando a senhora que os havia atendido na porta ontem entrou na cozinha

 

- Olá, você deve ser o Jimin - Falava a senhora, e Jimin concorda – Suas roupas de ontem já esta limpa, eu entrei no quarto pra pegar a roupa dos dois, se quiser pode ir se vestir agora – Fala ela percebendo que jimin estava apenas com a blusa e a box, Jimin corou porque ficou com vergonha

 

- Ah, por favor, quero vesti-las o quan… - E novamente Jimin era interrompido

 

- Não, não precisa ele quer ficar assim por um tempo, não é Jimin? - Jeon sorri para Jimin e Jimin sorri forçado e manda o dedo do meio – Ai que medo, o gatinho virou agressivo – Jimin ficou com raiva, e quando ficava com raiva fazia bico, e era o que estava fazendo agora – Para de fazer bico ou eu vou morder – Jimin para de fazer o bico na hora, e lembra sobre Taehyung, fica pensativo e Jeon percebe – Senta aqui – Aponta pra mais um banco que havia ali, Jimin vai até lá e se senta – No que tanto pensa?

 

- Antes de eu entrar nessa bagunça, eu tinha uma vida, que se resumia apenas em meu amigo e minha faculdade, mas voltando ao foco, depois que eu entrei nessa bagunça, eu não tive mais contato com meu amigo, acredito que ele esteja preocupado, você poderia deixar eu falar com ele? - Jimin solta um risinho nervoso

 

- Hum… deixa eu pensar – Fica um tempo em silencio – E minha resposta é… NÃO - Jimin suspira em decepção – Eu não vou deixar, você pode me colocar na cadeia, não posso arriscar

 

- Pelo amor de deus Jungkook, deixa eu falar com meu amigo, pode ficar no viva-voz, eu só quero falar que eu estou bem – Jeon olha no fundo dos olhos de Jimin, consegue ver que o mesmo não estava mentindo

 

- Tá eu deixo, porém tem ficar no viva-voz – Uma chama de alegria se acende em Jimin, Jeon pega seu celular e entrega pra Jimin – Sabe o número de cor? - Jimin confirma e disca o numero rapidamente, o celular chama duas vezes, na terceira vez escuta a voz chorona de Taehyung

 

- Alô – Fungava varias vezes parecia ter chorado

 

- TaeTae? - Jimin fala quase chorando

 

- Chim? - Taehyung fala surpreso


Notas Finais


BYE!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...