História Dangerous Lords - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Kuroshitsuji
Personagens Alois Trancy, Bardroy "Bard", Ciel Phantomhive, Claude Faustus, Elizabeth Midford, Finnian "Finny", Mey-Rin, Personagens Originais, Sebastian Michaelis, Sr. Tanaka
Visualizações 19
Palavras 913
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Fantasia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiê eu voltei desculpa a demora eu estava tomando uns remédios pesados que me deixou sonolenta e por isso não tenho postado. Mas agora eu voltei, espero que não tenham me abandonado, espero que gostem boa leitura

Capítulo 4 - Capítulo IV


P.O.V    Astre On#


  Estava deitado em minha casa até que Helena entra no meu quarto e vem andando na direção da minha cama.


 -Me Desculpa eu sei que não deveria ter feito o que eu fiz, mas ela precisava saber!-Diz Helena.


 -Para de implicar com o Noah, depois que a nossa mãe morreu ele mudou completamente!-Falo dando um espaço para ela deitar ao meu lado.


 -Depois que a tia Madson faleceu, ele ficou sombrio, seu olhar é vazio é como se ele não tivesse superado a morte dela!-Diz Helena.


-Não tem como superar isso, penso que ela está em um lugar melhor!-Falo meio seco.


 -Mas você ainda faz as coisas que gosta, o Noah nem toca mais piano!-Diz Helena.


-Por isso todos queremos que o noivado dele com a Selene de certo, temos esperança de que ela faça ele ser feliz de novo !-Falo.


   Ela não diz nada somente deita em meus braços e eu a beijo, nossos beijos foram ficando mais intensos eu comecei a tentar tirar seu vestido e ela as minha blusa, estávamos ficando descontrolados eu a desejava e sei que ela me desejava também, quando estávamos preste a fazer... Alguém bate na porta, era a tia Elizabeth querendo saber aonde estava a Helena, eu me vesti e disse que não sabia. Helena se arrumou na velocidade da luz e foi procurar sua mãe.


              P.O.V Narradora ON#


  No escritório da mansão longe de todos Ciel Phantomhive estava sentado em sua cadeira com a foto de sua amada Lady Madison em mão ele deixa lágrimas rolarem por seu rosto. O conde jamais amou alguém desta forma, ela sempre estava em seus pensamentos e nas suas  lembranças mais felizes. Ele tentada fazer o possível para amar Elizabeth da mesma forma mas não era possível.


               P.O.V Noah ON#


 Eu estava andando com Astre pela mansão, e ele estava me dizendo o quanto sempre foi apaixonado por Helena, e dizendo o quanto ela era maravilhosa e coisa e tal, na minha opinião ela é uma mimada arrogante, mas se ele gosta dela fazer o que?


 -E você gosta da Selene ?-Pergunta Astre.


 -Ela é linda, gentil, inteligente e carinhosa, eu gosto dela mais.... Paro de falar quando escutouma música sendo tocada no piano era a mesma música que minha mãe tocava comigo, deixei Astre sozinho e fui até a sala aonde ficava o piano que minha mãe tocava, entrei na sala e vi uma menina com os cabelos negros e vestidos azul claro reto, eu só via suas costas e logo percebi que era a Selene, ela tocava a mesma música que minha mãe, perto de onde eu me encontrava tinha um sofá papel e grafite, me sentei no sofá e comecei a desenha-la enquanto a mesma tocava, eu a terminei de desenha-la ela estava tão distraida em quanto tocava que nem notou minha presença na sala, a música parou Selene se levantou do piano, ela se virou e ficou assustada por me ver ali.


-A quanto tempo o senhor está ai ?-Pergunta ela com as bochechas rosadas.


-Desde que você começou !-Falo sério dando um sorriso de lado.


   Ela olha para os papéis em minhas mãos, ela olha para os meus olhos e sorri.


 -Eu irei  fazer outro qualquer dia desses eu irei fazer ou e te darei, mas este será meu!-Falo um pouco sério.


-Do que o senhor está falando?-Pergunta ela sem entender o qu está acontecendo.


 Eu entrego o papel em sua mão ela fica um tempo olhando, e me olha sorrindo. -Esta lindo, não sabia o que o senhor desenhava !-Diz ela ainda encarando o desenho.


-Tem muita coisa sobre mim que a senhorita não sabe !-Falo.


 -Eu posso ver seus outros desenhos ?-Pergunta ela com a bochecha corada.


 -Alguns !-Falo sério.


  Eu a levo até o meu quarto pego uns desenhosque estão guardado e acaba vindo um desenho que não era para estar ali, elapegou justamente este desenho, ela olhava o desenho atentamente e passava a mão no mesmo.


 -É lindo quem é ela?-Pergunta ela curiosa.


-Esta é a minha mãe!-Falo sério. 


-Ela era linda!-Diz ela com um sorriso gentil.


  Ela olhou para todos os desenhos mas sempre voltava seu olhar para o desenho da minha mãe, realmente o desenho era lindo, eu desenhei minha mãe sentada no jardim olhando as rosas brancas. Pensar em minha mãe me batia uma triste enorme, eu não o motivo de sua morte, não é possível que seu coração tenha parado de bater do nada.

   Ela era a única que me entendia, a única que me amou. Sou muito grato pela tia Elizabeth ter cuidado de mim e do meu irmão, ela podia simples não fazer isso não eramos responsabilidade dela.


 -Esta tudo bem meu senhor ?-Pergunta Selene tocando suas mãos delicadas em meu rosto.


  Me liberto dos meu devaneios com as mãos dela acariciando suavemente o meu rosto, eu sorrio para ela.


-Sim, você é sempre assim tão carinhoda?-Pergunto.


 Ela não me responde, só olha para baixo e chega perto de mim e fica na ponta dos pés e me dáum beijo na bochecha e sai, eu seguro o seu rosto e beijo sua testa ela saido quarto e eu me jogo na cama.


                P.O.V Helena ON#


  Eu encontrei Selene na biblioteca ela olha os livros  atentamente, senti mãos envolverem minha sintura notei que era o Astre, ele está com uma cesta em mãos.


-O que é isso ?-Pergunto curiosa.


-Eu e você vamos fazer um piquenique!-Diz ele me puxando para fora da casa.


  Quando chegamos do lado defora ele me beijou.



Notas Finais


Espero que gostem, me contem o que vcs estão achando e se vcs tem algumad teorias. Desculpa qualquer erro escrevo pelo cel.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...