1. Spirit Fanfics >
  2. Dangerous Vampire - Sehun (EXO) >
  3. 21

História Dangerous Vampire - Sehun (EXO) - Capítulo 21


Escrita por:


Notas do Autor


Quem é vivo sempre aparece, não é mesmo? Espero que vocês estejam bem!

Fiquem com o capítulo!

Capítulo 21 - 21


Fanfic / Fanfiction Dangerous Vampire - Sehun (EXO) - Capítulo 21 - 21

Após sair de casa, minha cabeça só pensava em uma coisa:

"Porque Sorn está de volta? Será que ela sabe sobre (S/n)?"

Mas se ela sabe quem é (S/n), poderia muito bem pegar ela, é não Yeon.

Passei o caminho inteiro pensando nisso, que nem percebi quando chegamos. Era um local escuro, típico de história de terror.

O tempo ameaçava chover e para resgatar Yeon, tínhamos que ser rápido. Como estava escuro, Taehyung iluminou o caminho e chegamos em frente a uma pequena casa. Na casa, tinha um portão de madeira que rangeu assim que entramos. Fomos a passos longos até uma outra porta, nela dava para uma escada, descemos a mesma e chegamos em uma espécie de porão.


Por uma fresta, pude ver Yeon, a mesma estava desarcordada e tinha ferimentos por todo corpo. E pensar que ela está assim por minha causa.


- Pensei que você não chegaria, Sehun! - olhei para trás e vi Sorn com um sorriso no rosto. Ela estava acompanhada por um homem, mais não pude ver seu rosto, pois antes mesmo de falar algo, ele nos acertou com algo, fazendo-me perder a consciência.

°°°

- Senhor Oh, acorde! - acordei com batidas em meu rosto. Abri meus olhos e avistei Yeon e Taehyung ao meu lado. Levantei apressado, mais senti uma pontada em minha cabeça, fazendo-me soltar um grunido de dor.

- Onde estamos? - perguntei me sentando, analisando o espaço em que nos encontrávamos.

- Não sei ao certo, mais com certeza, não é um lugar bom. - Taehyung se pronunciou.

- Porquê?

- Meus poderes não tem nenhum valor aqui, uma magia forte fez com que eu ficasse incapacitado de fazer qualquer coisa.

- O que iremos fazer? - Yeon perguntou. - Eu não consigo fareijar nada senhor Oh! - falou desesperada.

°°°

Já fazia horas que estávamos aqui, ninguém veio! Nós estamos sem comer, beber e agora estamos fracos.

- Não é possível, o que ela quer conosco? - Taehyung perguntou. - Nós precisamos tentar sair daqui!

- Não tem... Como! - falei cansado. Essa magia está tirando todas as minhas forças.

- Podemos tentar aquele seu amigo lobo, ele pode nos ajudar. Ele conseguiu fazer você se livrar dela uma vez! - falou me fazendo pensar. Kai poderia nos ajudar, é uma boa ideia.

- Faça isso! - ele concordou e fomos para o centro da sala. - Mais você ficará bem? - concordou novamente.

- Fac me inveniet lupus est (Faça-me encontrar o lobo) - logo a pouca luz que entrava naquele local se apagou. - É estranho... - disse assim que passou as mãos no chão em busca de alguma areia ou algo do tipo.

- O quê?

- Nós não estamos mais naquele porão, estamos em outro lugar.

- E o Kai?

- Está por perto. - disse e seus olhos ficaram verdes como esmeralda. - O achei! - exclamou e logo começou a tentar se comunicar com ele. A imagem do mesmo apareceu diante de nós. - Olá, Kai! - ele pareceu um pouco com medo, mais quando entrei no campo de visão do mesmo, ele pareceu relaxar.

- Sehun! Como vocês estão? 

- Mal, precisamos da sua ajuda!

- O que aconteceu?

- Sorn está viva! - falei e ele arregalou os olhos. - Isso mesmo, agora ela nos sequestrou, estamos perto de você, poderia vir nos resgatar? - ele concordou e logo uivou chamando outros lobos. Taehyung tirou as mãos do chão e foi para um canto. - Está tudo bem? - ele negou.

- Agora eu já não tenho mais forças nenhuma, eu não consigo andar. Parece que ela quis que nós chamassemos alguém, agora ela voltou com tudo. - falou recuperando a respiração.

- E agora?

- Precisamos esperar o Kai, com certeza ela não está esperando por ele, vamos confiar. - concordei e logo ouvimos vários uivos vindo do lado de fora de onde estávamos. Ouvimos também a porta principal ser arrombada e a logo a porta de onde estávamos, estava sendo forçada. - Finalmente! - disse Taehyung assim que Kai entrou com mais dois lobos.

- Onde pensam que vão? - Sorn apareceu em sua mão tinha uma estaca. Engoli em seco e enquanto ela vinha para cima de mim, sinalizei para Yeon tirar Taehyung daqui. - Eu realmente achei que você fosse chamar aquela sua namoradinha, como é o nome dela? - enquanto ela falava, a mesma se aproximava de mim.

- Isso não te interessa!

- Não, não Sehun! É claro que me interessa! Lembra do que eu te disse a tempos atrás? - engoli em seco e me coloquei atrás de uma prateleira de vidro. Ela atirou a estacaz fazendo a prateleira se quebrar inteira.

Enquanto ela pegava novamente a estaca, Kai partiu para cima dela já transformado. Chutei um pedaço de vidro para ele, que o pegou e enfiou no pulso dela, fazendo-a soltar seu pescoço.


- Nós nos veremos ainda, Sehun! - gritou a mesma e saímos correndo de lá.

- Eu pensei que ela estivesse... morta. - disse colocando a mão no coração recuperando a respiração.

- Eu também...

- Como ela achou você depois de quase séculos? - dei de ombros. Por fora eu estava calmo, mais por dentro a inquietude reinava. Engoli em seco e voltamos a correr, logo chegando onde Yeon e Taehyung estavam.

- Ainda bem que o senhor chegou! - disse Yeon puxando minha mão me levando até Taehyung. - Ele até acordou, mais depois acabou desmaiando, disse que precisa descansar, mais eu não sei onde estamos!


Olhei em volta e realmente, eu não conheço essa parte.

- Sabe onde estamos, Kai? - ele concordou.

- Estamos na matilha inimiga, temos que sair daqui rápido! - começou a correr, peguei Taehyung e o coloquei em meu ombros correndo também. Mais logo ouvimos passos atrás de nós e também senti o cheiro de cachorro molha invadir minhas narinas.


- Você por aqui de novo, Kai? - perguntou um deles quase me alcançando. - E ainda trouxe um vampiro, sério mesmo!

- Vá embora! - outros deles gritaram e conseguimos sair sem nenhum deles nos pegar.

- Muito obrigado, Kai! - dei um abraço nele e seguimos nossos caminhos.

°°°

Assim que chegamos, Heejie veio logo nos ajudar. Ela pegou Yeon e a levou para o quarto de (S/n). Perguntei como ela estava e Heejie disse que ela já tinha acordado e até poucos minutos, estava me esperando.

- Obrigado, Heejie! - dei um meio sorriso e fui para a parte de cima.

- Vampirinho... - ouvi (S/n) me chamar, olhei para trás e ela estava na entrada da porta. Ela veio até mim e me abraçou. - Obrigada Vampirinho! - nos separamos, ela olhou em meus olhos e selou nossos lábios. - Fiquei com muito medo hoje! - abraçou meu corpo novamente e me puxou para seu quarto. - Fica comigo até eu dormir, por favor! - concordei e ela se deitou e pouco depois ela dormiu.


Respirei fundo e me aconcheguei nela para poder dormir, o que seria difícil.


Notas Finais


Sehun que lute agora, isso ainda não acabou. Espero que tenham gostado do capítulo de hoje!

acompanhem minhas outras fics: @yehet_xunqi


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...