1. Spirit Fanfics >
  2. Dark Empire: Death and Life >
  3. Você está aqui

História Dark Empire: Death and Life - Capítulo 29


Escrita por:


Notas do Autor


Muitas revelações!

Capítulo 29 - Você está aqui


Fanfic / Fanfiction Dark Empire: Death and Life - Capítulo 29 - Você está aqui

-Não recuperaram suas memórias? -Moon questiona olhando eles dois. -Você teve suas memórias apagadas. -Moon aponta para Drake e depois para Hana. -E você, as suas foram alteradas.

-As minhas? Alteradas? -Hana fica bastante confusa e encara Moon um pouco furiosa. -Como conhece a gente? Quem é você?

-Me chamo Moon e eu conheci vocês dois um ano atrás, em uma floresta. -Moon sorriu pensativa enquanto flutuava tranquila. -A sua perda de memórias, e a sua alteração de memórias, ambos acontecimentos são culpa minha...

-Você... um ano atrás... -Drake tem pequenos flashbacks de quando acordou perto de uma floresta um ano atrás. -Como fez isso? -Drake sacou sua espada apontando ela para Moon.

-Se acalme, rapaz perdido. -Moon criou duas bolas de energia. -A nossa brincadeira ainda está começando.

Dragon olhou Zoe nos olhos, aqueles olhos mortos, as lembranças de seus amigos e sua família trucidados por ela, e principalmente, qual foi o motivo de toda aquela matança? Zoe não falou nada, Dragon estava apenas encarando ela com um olhar frio e escondendo uma raiva mortal.

-Elyzabeth me disse para dar meu máximo. -Dragon passou a mão pela lâmina da espada fazendo ela brilhar em cor ciano, demonstrando que estava utilizando todo seu poder. -Eu estou com algumas perguntas, mas farei você responde todas nessa luta.

Zoe continua calada, sua boca treme levemente, mas ela não abre. Lentamente, ela pega duas facas em sua cintura segurando uma em cada mão e encara Dragon começando à andar em direção à ele lentamente. Dragon suspira um ar muito gelado com seus olhos brilhando em azul levemente e corre contra Zoe.

Ele executa um corte no ar ao mesmo tempo em que cria gelo em uma enorme velocidade, isso faz diversos fragmentos pontiagudos de gelo serem lançados contra Zoe. Mas de modo extremamente ágil, Zoe desviou correndo para a direita e quebrando alguns pedaços de gelo no ar. Dragon olhou para a garota transparecendo um pouco de irritação, então ele pisou forte no chão gerando mais gelo dali fazendo várias estacas do chão que foram na direção de Zoe.

Porém, mais uma vez, Zoe desviou do ataque. Ela saltou alto contra Dragon e lançou uma das facas contra ele, mas um pequeno pilar de gelo surgiu na frente do garoto o defendendo da faca.

-Essas facas me lembram aquela que usou para fazer o massacre... -Dragon fala para Zoe que ainda estava no ar. -O que te levou à fazer aquilo?

Zoe não respondeu, ela pisou no pilar de gelo de Dragon e atacou o garoto com a outra faca, mas ele foi rápido o bastante para mover o rosto para o outro lado, dessa forma, a faca apenas um corte grande e superficial em seu nariz.

O jovem estalou os dedos e congelou todo o ar ao redor de Zoe deixando ela presa em uma esfera de gelo, Dragon não pensou duas vezes e explodiu aquela esfera em pedaços com a garota dentro, mas algo estranho aconteceu. Zoe estava intacta, sem nenhum arranhão, e muito perto de Dragon, chutou seu peito fortemente e o mandou para longe.

Dragon cravou a espada no chão, dessa forma parando de voar. Ele encarou Zoe com um pouco de sangue saindo de sua boca, já tinha entendido as condições e poder da garota.

-Está em uma Condição Sobrenatural... se mantendo em habilidades físicas e mentais muito superiores ao seu nível natural... -Dragon arrancou a espada do chão encarando ela. -Mas eu sei... que isso tem um limite de tempo!

Dragon avançou contra Zoe, mas durante o caminho, ele foi congelando todo o corredor, fazendo as paredes, o chão e o teto se tornarem gelo. Quando chegou perto da garota, ele se afastou, e Zoe percebeu que todo o corredor estava com muito gelo, repleto de gelo. Foi nesse momento que a pele de Dragon foi se transformando em gelo e ele desapareceu se misturando com o ambiente ao redor, era uma habilidade, Invisibilidade Criocinética.

-Responda... Zoe. -Um chute acertou as costas de Zoe fazendo a garota cair no meio do corredor onde estava cercada de gelo, em uma gaiola onde Dragon podia acertar ela por qualquer lado. -Vamos!!!

Do outro lado do corredor, Lurka e Steve ainda estavam atrás da cortina, mas tinham parado de prestar atenção em quem passava ou não no corredor, foi assim que Zoe havia passado por eles. Steve e Lurka estavam fazendo coisas sexuais um com o outro enquanto se beijavam e logo, aproveitando todo o espaço que eles tinham, começaram à transar.

Ely derrotou mais dois guardas que tinham chegado atrás do castelo e manteve sua posição de vigia. Enquanto dentro do cofre, Drake e Hana estavam fugindo dos ataques repetitivos de Moon. Eram raios de energia, esferas de magia e rajadas de poder que eram lançadas contra os dois, enquanto os dois apenas desviavam.

Os ataques que atingiam as montanhas de tesouro faziam o ouro voar e cair como chuva. Drake não podia parar para perguntar nada ou iria ser atingido por mais um dos ataques da feiticeira, o mesmo estava valendo para Hana, eles precisavam dar um jeito de parar os ataques e sair dali.

Já a luta intensa dos dois velhos amigos continuava no corredor. Zoe desviava e defendia alguns ataques de Dragon que continuava invisível em meio à todo o gelo, mas outros golpes acertavam ela, porém, não causavam dano por conta de uma alta resistência dela.

-Zoe, chega de perder tempo, responda logo de uma vez. -Dragon faz sua pele voltar ao normal, agora estando visível para a garota. Todo o gelo do corredor começou à se unir na mão de Dragon criando uma pequena e concentrada esfera de magia glacial acumulada. -Por que fez tudo aquilo?

Zoe treme levemente e sua boca abre apenas um pouco, ela parecia querer falar, mas não conseguia, estava se esforçando muito até conseguir dizer uma única palavra:

-Dragon. -Foi o que ela conseguiu dizer.

Então, Zoe avançou novamente contra Dragon com a intenção de o atacar com a faca, o garoto não viu escolha a não ser jogada aquela esfera nela, mas antes disso, ele transformou todo aquele gelo em gelo espacial, algo bem mais frio que o normal e jogou a pequena bola contra Zoe.

Quando chegou perto, ela explodiu em uma velocidade assustadora congelando tudo ao seu redor, mas Zoe de algum modo, conseguiu aumentar tanto seu reflexo e agilidade que pode desviar da explosão e aparecer na frente de Dragon.

Sem conseguir esquivar, Dragon foi apunhalado no peito pela faca de Zoe, uma facada direta que atingiu seu coração. Dragon se afastou encarando a garota surpreso enquanto a mesma caia de joelhos, cansada e eufórica, condição absoluta levava o corpo de uma pessoa ao máximo, então ela estava extremamente cansada. Dragon caiu de costas no chão e fechou os olhos ficando ali com a faca cravada em seu coração.

Na sala do cofre, Drake e Hana finalmente tinham chegado no final da sala. Drake pulou no escudo e arrancou ele da parede o segurando contra Moon.

-Oh... -Moon parou seu ataque com medo de destruir o escudo e encarou os dois ainda flutuando acima deles no ar. -Larguem isso agora.

-Primeiro me diga o que sabe sobre a gente e o que fez com nossas memórias. -Hana falou ficando ao lado de Drake.

-Muito bem... vamos fazer um acordo. -Moon estalou os dedos e um cálice apareceu em suas mãos, era de ouro com pequenas jóias roxas ao seu redor e emanava um leve brilho azul escuro de dentro. -Esse é o cálice da recuperação completa, aquele que só pode ser bebido uma vez e fará com que aquele que o bebeu fique completamente curado. Se beber, vai recuperar suas memórias originais, Hana. -Moon apontou para Drake. -E você vai se lembrar de tudo, mas apenas um pode beber, ou a água não tem efeito.

-E o que quer em troca? Acho que não é apenas o escudo. -Drake falou olhando para Moon.

-As duas partes que estão com vocês, o colar e a adaga. -Moon disse com um sorriso. -O escudo também, claro. Se me trouxerem tudo amanhã, na sala do trono, eu entrego a água.

Drake e Hana se olharam por um instante, ambos já sabiam o que iriam responder e dessa forma encararam Moon sorrindo.

-Desculpa, não vai rolar. -Hana respondeu. -Drake, vai!

Drake segurou firmemente o escudo e imaginou que estava no ar bem ao lado de Moon, e assim aconteceu, ele se teleportou para o lado de Moon e roubou o cálice da mão dela, em seguida voltou para o lado de Hana.

-Seu insignificante... -Moon irritada apertou as mãos e levantou uma delas para cima. -Pois bem... Sinta o poder de Darkiss! -Então um gigantesco dragão negro espectral surgiu das mãos de Moon e entrou no corpo de Drake de uma vez.

O garoto ficou com um corte em formato de D no peito, era superficial, mas algo estranho estava acontecendo. O corte começou à ficar negro e uma substância negra foi se espalhando para dentro das veias de Drake, o garoto então caiu ajoelhado no chão com a mão no corte.

-Isso dói... isso dói... -Drake falava arranhando a própria pele como se quisesse rasgar ela fora.

-Desgraçada! O que fez com ele? -Hana pegou o escudo e ficou ao lado de Drake.

-O dragão místico Darkiss está dentro dele, em sua alma, causando um dano constante e infinito. Em menos de um dia, todo seu corpo terá sido consumido e sua existência engolida pela dor e trevas, será o fim. -Moon parou de flutuar, agora estava em pé perto deles dois. -Ficarei com ele, você têm até amanhã para voltar com tudo que quero e daí eu irei curá-lo. -Moon aponta para o cálice. -E nem a água deste cálice pode ajudar, apenas eu posso.

-Nem fudendo! -Hana pegou o cálice, segurou fortemente Drake e o escudo no outro braço. -Vá se danar!

-Não!! -Moon jogou uma grande esfera de energia contra eles dois, mas já era tarde para o ataque os acertar. -Malditos...

Hana teleportou para o lado de fora do castelo levando consigo Drake e o cálice, além do escudo. Ela chamou Ely e a líder examinou Drake, ele estava ficando eufórico com a dor aumentando, então Hana decidiu o desmaiar colocando uma mão em sua boca e outra no nariz, ele ficou sem respirar por algum tempo e desmaiou.

-Temos que ir embora daqui, onde está o Dragon?! -Hana perguntou nervosa.

Dragon abriu os olhos, seu coração tinha se transformado em gelo e retirado a faca de seu corpo, Zoe estava se recuperando rápido. O garoto então levantou a encarando e pegou sua espada, o ferimento em seu peito fechou com gelo. Ele deu um passo adiante e segurou a espada com as duas mãos, colocou ela perto da cintura e disse:

-Seishin-tekina kaze. -Em uma outra língua, era uma habilidade oculta que liberava todas as suas restrições.

Novamente, Dragon congelou o tempo e espaço e caminhou até Zoe, quando ela se moveu para o atacar, sua mão congelou no ar. Dragon aproximou seu rosto do dela e olhou bem em seus olhos.

-Toda sua magia deve congelar. -Ao falar isso, um grande frio percorreu o corpo de Zoe e ela gritou sentindo algo quebrar. Em seguida, caiu deitada no chão.

Dragon a segurou olhando para seu rosto, havia descoberto que Zoe estava antes sendo controlada por algum feitiço forte e bastante oculto, agora ela estava normal novamente, mas seu corpo estava ficando muito frio rápido demais e ela parecia fraca.

-Dragon... me desculpe... eu nunca quis fazer nada daquilo... -Zoe agora conseguia falar, estava com os olhos levemente abertos olhando a face de Dragon.

-O que aconteceu, Zoe? -Dragon perguntou lacrimejando um pouco.

-Na floresta... tinha uma mulher... ela fez algo comigo... e depois meu corpo se movia sozinho... eu matei todos, mas eu não queria... -Zoe tossiu um pouco e fechou os olhos. -A feiticeira... foi ela... quem fez... isso... -Zoe respirou fundo e morreu nos braços de Dragon.

-... -Dragon transformou todo o corpo dela em gelo e fez ele se tornar pó, pequenos cristais de gelo que o vento levou embora, uma neblina gelada. -Moon... ela é a responsável então... -Dragon faz sua magia acabar e sente que estava bem esgotado, mas agora já sabia de quem deveria se vingar. -Eu irei lhe matar... eu prometo... por você, Zoe...

-Dragon! Onde estava? Temos que embora! -Ely apareceu quebrando uma janela e chamando rapidamente o garoto.

-O que aconteceu? -Dragon perguntou correndo até ela.

-É o Drake, ele está muito mal, Lurka e Steve nos encontram depois. -Ely falou dando espaço para Dragon passar.

Eles chegaram em Hana que com Drake em uma maca simples. Dragon criou um pássaro enorme e subiu com todos em cima dele, levantou e voou e foram para longe do castelo o mais rápido possível.

-Olá, Darkness. -Uma mistura de vozes masculinas e femininas falou.

Drake estava em um local escuro e vazio, ele sentia algo queimando em seu peito mas ao mesmo tempo não sentia o chão ou o ar, não sentia seu próprio corpo. O garoto levantou e olhou para a frente onde estava um enorme dragão negro com algumas chamas roxas saindo de sua boca, asas e olhos.

-Quem é você? -Drake perguntou surpreso e confuso.

-Eu sou seu. -O dragão respondeu ainda com aquela voz dubla de homem e mulher. Ele abaixou a cabeça como um gesto de respeito. -Mestre.


Notas Finais


O que tá acontecendo aqui?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...