1. Spirit Fanfics >
  2. Dark Empire: Death and Life >
  3. Por Kaylon!

História Dark Empire: Death and Life - Capítulo 35


Escrita por:


Notas do Autor


AVANÇAR SOLDADOS!

Capítulo 35 - Por Kaylon!


Fanfic / Fanfiction Dark Empire: Death and Life - Capítulo 35 - Por Kaylon!

O dia começou novamente, e hoje não haviam tantas nuvens, era uma manhã perfeita, com a luz reluzente sobre os lagos e folhas das árvores. No sul de Kaylon, os assassinos estavam formando grupos e indo para as planícies, perto de onde o exército do Kanon estava. Michael, Karolina, Words e Haiiro eram quem lideravam tudo, quando se reunissem com o grupo principal, o ataque aconteceria.

Drake acordou abrindo os olhos aos poucos, estava deitado na cama junto com Hana, ambos sem roupas e dormindo abraçados. Tinham tido uma ótima noite juntos, a melhor de todas as noites. Mesmo durante o um ano e meio juntos que tinham namorado, nunca haviam feito isso ou chegado tão longe assim pelo menos. Ele acordou ela dando beijinhos em sua bochecha, quando abriu os olhos, ela lhe roubou um selinho subindo em cima dele.

-Bom dia! -Ela falou feliz movendo o quadril dando a língua para ele.

-Hihi... te prometo que vamos ter muito mais quando a guerra acabar, não precisamos ter pressa. -Ele passou a mão na nuca dela e aproximou seu rosto a beijando.

Logo, os dois se levantaram e vestiram suas roupas enquanto faziam algumas brincadeiras, mas agora estava na hora de se preparem para o ataque final contra Kanon.

Eles saíram juntos do quarto e viram Ely no final do corredor, ela fez um rosto um pouco safado olhando os dois saindo juntos do quarto e chamou eles fazendo um gesto com a mão. Os dois caminharam até a chefe e viram todos reunidos no salão principal tomando café da manhã.

-O casal pode se juntar a gente para o café da manhã? -Ely perguntou sorrindo dando uma cotovelada leve no braço de Hana e se aproximando do rosto dela. -Como foi?

-N-Não interessa! -Hana quase gritou corada e puxou Drake para uma das mesas. -Vamos!

Eles se sentaram com todos os outros e comeram rapidamente enquanto contavam algumas piadas. Dragon bebeu um bom copo de água gelada e encarou Steve um pouco sério.

-Você e Lurka estão namorando? -Ele perguntou curioso e mantendo o olhar nos dois.

-HÃ? O QUÊ? NÃ-

-Claro que estamos. -Lurka disse interrompendo Steve quando ele ia terminar de falar. -Como descobriu?

-Achei estranho um inimigo ter chegado no corredor onde eu estava aquele dia, então pensei que vocês dois não tivessem visto. -Dragon bebeu mais um gole da água com gelo e os encarou. -Aposto que estavam se pegando.

-ISSO É UM ABSURDO! -Steve estava totalmente vermelho de vergonha e se levantou apontando para Dragon.

-Uhum, sei. -Dragon falou sorrindo levemente colocando o copo na mesa. -De qualquer forma, foi bom terem deixado uma pessoa passar, assim finalmente descobri toda a verdade e sei em quem posso focar todo meu ódio.

-Como assim? -Steve já mais calmo perguntou o olhando um pouco curioso.

-Eu conto depois, nesse momento, temos coisas mais importantes para fazer. -Dragon respondeu levantando da mesa.

-Ele tem razão, vamos todos nos arrumar e preparar para partir. -Ely ordenou se levantando também.

Depois de alguns poucos minutos, finalmente todos estavam preparados para partir, eles estavam para sair do esconderijo quando Drake os parou.

-Estamos indo para as planícies não é? -Drake perguntou encarando Ely e recebeu uma confirmação com a cabeça. -Então dá para teleportar.

Drake sorriu e eles todos, todos os assassinos da Luz do Amanhecer no salão, desapareceram e surgiram bem nas planícies perto de onde os outros grupos da rebelião estavam.

-Como fez isso? -Dragon perguntou o olhando levemente surpreso.

-Pessoas vão morrer aqui hoje, então posso teleportar para o local das mortes. -Ele disse sorrindo. -Agora está na hora da guerra.

Os grupos se juntaram, Michael encarou Dragon com um olhar leve de raiva, Karolina e Ely se cumprimentaram, Haiiro estava falando com Words e Steve se aproximou deles juntamente com Ely. Drake e Hana tinham ficado sozinhos, foi quando Drake colocou uma mão no bolso da jaqueta e puxou um colar.

O colar era roxo e tinha um olho de dragão como jóia, mas era feito de vidro com algum tipo de matéria negra. Ele colocou o colar no pescoço de Hana e abaixou um pouco, o olho do colar ficou entre os peitos de Hana e ela abaixou o rosto para olhar.

-Um presentinho meu, vou te proteger por meio dele. -Ele disse fazendo carinho na cabeça dela.

-Não preciso de proteção, idiota... -Hana ficou corada e cruzou os braços virando o rosto. -Mas obrigada...

-Quando acabarmos aqui, eu quero te levar para um lugar, onde podemos casar e viver juntos para sempre. -Ele disse ainda sorrindo e olhando nos olhos dela.

-Para longe daqui? Mas... eu queria ficar com todos... -Hana falou um pouco triste encarando o chão.

-Não se preucupe, vamos ficar algum tempo ainda por aqui para nos divertimos ou fazermos qualquer coisa, depois de tudo vou te levar para um lugar e em breve todos os outros podem vir também. -Ele respondeu sendo sincero e falando a verdade, Hana podia ver isso em seu rosto.

-Tá bem! -Hana deu um pequeno abraço nele e se separou sorrindo feliz.

Ele sorriu e os dois se uniram aos grupos principais. Passaram poucos minutos se preparando, o suficiente para alguns soldados perceberem o grande número de assassinos na linha de defesa e enviaram uma mensagem através de uma águia para Moon, mas o contra ataque já estava para começar. Ely empunhou uma espada e ficou na frente de todos os outros assassinos que estavam em linha horizontal.

-Hoje vamos reconquistar Kaylon e toda sua glóri, paz, dignidade e riqueza! -Ely começava a falar alto para todos os assassinos ali. -Temos uma multidão de pessoas oprimidas gritando o nosso nome! Nós quem somos a realeza daqui e vamos derrubar o inimigo sem piedade! Nós vamos ficar no topo com as mãos no céu! Iremos celebrar com a capital inteira essa noite! Sempre esperamos por esse momento! Treinando, calculando, melhorando, e Hoje, ninguém pode nos superar! E nós somos os vitoriosos antes mesmo dessa batalha começar! -Ely fica em silêncio alguns segundos olhando para cada um ali e depois levanta sua espada. -E se morrermos, está tudo bem! NÓS VIVEMOS POR ISSO!

Todos gritam eufóricos levantando suas armas e prontos para avançar. Ely se vira contra o exército que já estava ficando em pé e aponta a espada na direção deles.

-Luz do Amanhecer... -Ely sorri com os olhos brilhando. -POR KAYLON!


Notas Finais


POR KAYLON!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...